[Resenha] O Escorregador de Gelo

O Escorregador de Gelo 
Título Original: The Slippery Slope (A Series of Unfortunate Events #10)
Autor(a): Lemony Snicket   
Editora: Seguinte                 Páginas: 280
Lançamento: 2004               ISBN: 9788535905755
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Por mais azarados que sejam, até agora os órfãos Baudelaire pelo menos sempre estiveram juntos. Pois neste livro décimo a tragédia é ainda maior: separados do bebê Sunny, Klaus e Violet são obrigados a descer uma montanha escorregadia, enquanto tentam salvar a irmã mais nova das garras do temível conde Olaf.Será que os Baudelaire finalmente descobrirão o significado da sigla C.S.C.? Será que, desta vez, o final será feliz? É provável que não. Como sempre, a história está repleta de mistérios e mensagens secretas, situações absurdas, desgraça e mal-estar para todos - menos para o leitor, é claro. Mas quem gosta de alegria não deve nem abrir este livro, avisa o autor, pois a vida dos Baudelaire é sempre uma desventura pior do que a outra.
O Escorregador de Gelo é décimo volume de Desventuras em Série, de Lemony Snicket e estamos chegando na reta final da trágica história dos órfãos Baudelaire. 

A cada volume os irmãos encaram novos problemas e precisam escapar das tramóias do vil Conde Olaf, mas percebemos que nos últimos volumes eles estão deixando de lado a defesa e partindo para o ataque, o que é muito animador e empolgante.

No livro anterior, Sunny, Klaus e Violet, quase conseguiram as respostas para as milhares de perguntas que têm sobre a morte dos pais, sobre o vilão Conde Olaf e todo o mistério que cerca sua família e amigos próximos. No entanto, mais uma vez a pessoa disposta a ajudar foi eliminada e ele se viram sozinhos contra Olaf.

Se não bastasse mais um aliado eliminado, Sunny foi levada pelo vilão e Violet e Klaus estão separados da caçulinha e com medo de nunca mais vê-la. Assim, os dois precisam seguir por uma montanha gelada para encontra uma solução para todos os seus terríveis problemas e posso dizer que de todas as jornadas pelas quais passaram, essa foi a mais promissora e não tão cheia de desventuras.

O autor separa os protagonistas e assim segue com sua narrativa por dois caminhos diferentes. Com Klaus e Violet, o leitor vai dividir momentos mais desafiantes e juntar peças de um imenso quebra cabeças. É bem legal ir entendendo o que está por trás da morte dos pais dos órfãos e o que de fato eles faziam. Sabemos que existe um organização secreta em suas ocupações e que Olaf um dia foi parte da mesma, mas que os se separam entre vilões e mocinhos e aí nada de bom aconteceu. Contudo, o mais importante neste ponto não é descobrir todos os segredos da organização, mas se os pais deles morreram mesmo e se os amigos feitos em volumes anteriores estão bem também. Neste ponto Snicket insere um novo personagem na trama e achei essa ideia genial.

De outro lado vamos seguir apenas com Sunny  e a trupe de vilões e foi a parte onde a história mostrou o quanto o tempo passou e nos damos conta que a caçula não é mais uma bebê e sim virou uma garotinha muito esperta e cheia de truques. Com certeza este livro é o de Sunny, ela rouba a cena. Olaf e sua trupe nem percebem ela os enganando e é divertido ver o vilão provar do próprio veneno.

Em certo momento os personagens se reúnem outra vez e muitas reviravoltas ocorrem. O trupe de Olaf sofre perdas e antigos personagens retornam para dar mais gás aos planos do vilão. Sunny, Klaus e Violet têm sucesso, mas ainda não encontraram seu final feliz e vamos seguir em frente para ver quando essas desventuras vão dar lugar a algo bom. Ao menos espero que um dia isso aconteça.

O autor mantém sua narrativa didática e fatalista, alertando sempre o leitor de que vai encontrar várias tragédias pela frente. Ele mesmo é um personagem da saga e ainda não consegui descobrir seu verdadeiro envolvimento nisso tudo. Será que ele, no final, vai ser parte do time dos vilões ou não? Em breve novidades sobre esta aventura. 

Resenhas
2leep.com

10 comentários:

  1. Oi Cida, tudo bem?
    Que bom que a série continua interessante, com o autor trazendo novidades e reviravoltas.

    *bye*
    Marla
    https://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida, essa série é grande né? Mas acho os enredos tão legais que um dia ainda lerei, ainda mais com uma narrativa tãoo fatalista rsrsrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Oi, Cida!
    Legal ter essa passagem de tempo e a Sunny crescer. Eu pensei que ela seria um bebê por toda a série hhahaha
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  4. as desventuras estão cada vez melhores, quantas confusões!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Oi Cida,
    Estou empolgada para terminar de assistir a série, mas como enrolaram tanto, fico receosa de ler os livros (algo que antes me empolgava, rs).
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oiii Cida

    Como vai nese domingo super ensolarado?
    Eu acho essa série bem bacana, mas falando sinceramente me dá preguiça a quantidade de livros, sempre penso que não vou conseguir completar. Mas quem sabe um dia a curiosidade me vence e eu dou uma chance pelo menos para o primeiro livro.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida,
    Os livros dessa série parecem ter certo tom divertido.
    E mesmo pela quantidade, parecem ser leituras rápidas.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  8. Oie Cida =)

    Nada como uma narrativa cheia de reviravoltas para dar um gás novo a história. Pela sua resenha deu para perceber que o ritmo da história é um pouco mais dinâmico quando comparada aos livros anteriores, já que ela se divide em dois momentos.

    Vou ficar aguardando suas resenhas finais da série para ver se me animo em dar uma chance. Já que da adaptação da Netflix eu não consegui gostar.

    Beijos e uma ótima semana;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  9. Olá, Cida.
    Os últimos livros são os melhores, com mais ação da parte dos órfãos. E é engraçado mesmo que não percebemos que o tempo vai passando e que eles cresceram só nesse livro que a gente se dá conta disso hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  10. Oi Cida, sua linda tudo bem?
    Nossa, eu lembro quando você começou a resenhar essa série e agora já está quase no fim. Acho que a introdução dessa organização agitou a trama, estou curiosa para saber mais sobre ela. E fiquei louca com a possibilidade de os pais deles estarem vivos, será??? E esse seu desfecho ficou perfeito, também quero saber de que lado o autor irá ficar nessa história. Adorei sua resenha!!!
    beijinhos.
    cila.
    https://cantinhoparaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!