[Resenha] Escuridão Total Sem Estrelas

Escuridão Total Sem Estrelas
Título Original: Full Dark, No Stars
Autor(a): Stephen King
Editora: Suma de Letras       Páginas: 392
Lançamento: 2015               ISBN: 9788528620184
Capa Escuridao total sem estrelas.indd ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Na ausência da luz, o mundo assume formas sombrias, distorcidas, tenebrosas. Em Escuridão total sem estrelas os crimes parecem inevitáveis; as punições, insuportáveis; as cumplicidades, misteriosas. Em 1922, o agricultor Wilfred e o filho, Hank, precisam decidir do que é mais fácil abrir mão: das terras da família ou da esposa e mãe. No conto Gigante do volante, após ser estuprada por um estranho e deixada à beira da morte, Tess, uma autora de livros de mistério, elabora uma vingança que vai deixá-la cara a cara com um lado desconhecido de si mesma. Já em Extensão justa, Dave Streeter tem um câncer terminal e faz um pacto com um estranho vendedor. Mas será que para salvar a própria vida vale a pena destruir a de outra pessoa? E, em Um bom casamento, uma caixa na garagem pode dizer mais a Darcy Anderson sobre seu marido do que os vinte anos que eles passaram juntos. Os personagens dos quatro contos de Stephen King passam por momentos de escuridão total, quando não existe nada — bom senso, piedade, justiça ou estrelas — para guiá-los. Suas histórias representam o modo como lidamos com o mundo e como o mundo lida conosco. São narrativas fortes e, cada uma a seu modo, profundamente chocantes. 
2leep.com

[Sorteio] Red Hill

Oi gente!

Vamos para mais um super sorteio? O Moonlight Books em parceria com o Grupo Editorial Record, sorteia um exemplar do livro “Red Hill", saibam mais sobre o livro lendo a resenha aqui.

Participem!



2leep.com

[Resenha] A Transformação de Raven

A Transformação de Raven
Título Original: The Raven (The Florentine #1)
Autor(a): Sylvain Reynard
Editora: Arqueiro                 Páginas: 448
Lançamento: 2015               ISBN: 9788580413861
42875892 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Florença, o berço do Renascimento. Um lugar culturalmente fervilhante, perfeito para quem quer esconder segredos ou está em busca de uma segunda chance. Como a doce Raven, que se muda para a cidade na tentativa de esquecer os traumas do passado e se dedicar à sua maior paixão: a restauração de pinturas renascentistas. Um dia, voltando para casa do trabalho na Galleria degli Uffizi, sua vida muda para sempre. Ao tentar evitar o espancamento de um sem-teto, Raven é atacada. Sua morte parece iminente, mas seus agressores são impedidos e brutalmente assassinados. Assustada e prestes a perder os sentidos, ela só consegue vislumbrar uma figura sombria que sussurra: Cassita vulneratus. Ao despertar, Raven faz duas descobertas perturbadoras: uma semana se passou desde o ocorrido e ela se transformou por completo. Quando volta ao trabalho, mais uma surpresa: alguém conseguiu burlar o sofisticado sistema de segurança da galeria e roubar a inestimável coleção de ilustrações de Botticelli sobre A divina comédia. Em busca da verdade, Raven cairá diretamente nos braços do Príncipe de Florença – tão belo quanto poderoso, tão sedutor quanto maligno –, que lhe apresentará um submundo de seres perigosos e vingativos, cujas leis ela precisa aprender depressa se quiser se manter viva e salvar os que a cercam. 
2leep.com

[Resenha] O Príncipe dos Canalhas

O Príncipe dos Canalhas
Título Original: Lord of Scoundrels (Scoundrels #3)
Autor(a): Loretta Chase
Editora: Arqueiro                 Páginas: 288
Lançamento: 2015               ISBN: 9788580413991
42889985 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Sebastian Ballister é o grande e perigoso marquês de Dain, conhecido como lorde Belzebu: um homem com quem nenhuma dama respeitável deseja qualquer tipo de compromisso. Rejeitado pelo pai e humilhado pelos colegas de escola, ele nunca fez sucesso com as mulheres. E, a bem da verdade, está determinado a continuar desfrutando de sua vida depravada e pecadora, livre dos olhares traiçoeiros da conservadora sociedade parisiense. Até que um dia ele conhece Jessica Trent... Acostumado à repulsa das pessoas, Dain fica confuso ao deparar com aquela mulher tão independente e segura de si. Recém-chegada a Paris, sua única intenção é resgatar o irmão Bertie da má influência do arrogante lorde Belzebu. Liberal para sua época, Jessica não se deixa abater por escândalos e pelos tabus impostos pela sociedade – muito menos pela ameaça do diabo em pessoa. O que nenhum dos dois poderia imaginar é que esse encontro seria capaz de despertar em Dain sentimentos há muito esquecidos. Tampouco que a inteligência e a virilidade dele pudessem desviar Jessica de seu caminho. Agora, com ambas as reputações na boca dos fofoqueiros e nas mãos dos apostadores, os dois começam um jogo de gato e rato recheado de intrigas, equívocos, armadilhas, paixões e desejos ardentes.
2leep.com

[Resenha] O Toque da Vampira

O Toque da Vampira
Título Original: Rogue Touch
Autor(a): Christine Woodward
Editora: Novo Século           Páginas: 328
Lançamento: 2015               ISBN: 9788542801675
42269665 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads|
Anna Marie é uma garota estranha. Ela se veste... de maneira diferente: coberta dos pés à cabeça, sendo seu rosto a única pele à mostra. Mas ela não tem escolha. Sua pele, seu toque, é uma arma mortal que deve ser escondida. Um acidente leva Anna Marie a fugir para o Mississippi. Lá ela conhece James, e tudo muda. Ele é simplesmente igual a ela: solitário, e também em fuga. Para escapar da misteriosa e perigosa família de James, a dupla põe o pé na estrada e, à medida que atravessam o país, passam a compartilhar seus passados repletos de segredos. “Uma interessante faceta da Vampira, e de como seus poderes a levam para um caminho que eu jamais teria imaginado.” Chris Claremont, coautor de Dragon Moon e escritor por dezessete anos de Astonishing X-Men. “Um capítulo perdido do passado de Vampira, contado com elegância, segurança e atenção aos detalhes. Extremamente divertido!” Mike Carey, autor dos livros da série Felix Castor e escritor de X-Men:Legacy.
2leep.com