[Resenha] Feiticeiro do Norte

Feiticeiro do Norte
Título Original: The Sorcerer in the North (Ranger's Apprentice #5)
Autor(a): John Flanagan
Editora: Fundamento         Páginas: 288
Lançamento: 2015             ISBN: 9788576767480

 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Depois de vários anos de dedicação e inúmeros perigos, Will conclui seu aprendizado e se torna, finalmente, um arqueiro. Sua primeira tarefa sem a supervisão de Halt é assumir o posto de guardião do feudo de Seacliff, uma ilha localizada num setor tranquilo do reino. É o trabalho ideal para um arqueiro recém-formado. Entretanto, diferente do que se poderia imaginar, a estada de Will em Seacliff não será nem um pouco tediosa. Will recebe a visita de uma velha amiga, Alyss, que lhe fala sobre a misteriosa doença de lorde Syron, o senhor do castelo de Macindaw, no extremo norte. Ela conta que a população local está aterrorizada com os rumores de que um terrível feiticeiro é o responsável pelo mal do lorde. Então, uma difícil tarefa é dada a Will - descobrir a verdade. Para realizá-la, ele parte rumo à floresta Grimsdell, onde é assombrado por vozes sinistras e pelo assustador Guerreiro da Noite. Esses acontecimentos o fazem pensar se há explicação racional para aquilo... ou se feitiçaria existe de fato. Sem saber em quem confiar em meio a tantas superstições, boatos e inexplicáveis aparições, Will pode contar apenas com seu treinamento, suas habilidades e a inteligência para sobreviver. Mas talvez isso não seja o bastante...
Dando sequencia a leitura da série Rangers - Ordem dos Arqueiros, de John Flanagan, chegamos então no quinto livro – Feiticeiro do Norte-, que marca a abertura de um novo arco na história do jovem aprendiz de arqueiro Will.

Bem, tenho que me acostumar a chamá-lo apenas de Will, já que após vários anos ele deixou de ser aprendiz e se tornou um arqueiro formado como seu antigo mestre Halt. Agora não temos mais aquele garoto e sim um rapaz adulto e seguindo para o posto de trabalho para o qual foi designado após se formar.

Will ficará sediado no feudo de Seacliff e chegando lá percebe que as pessoas, assim como em todos os outros feudos do reino de Araluen, temem os arqueiros e julgam seus modos sutis e astutos de movimento e ação como atos de magia negra. Arqueiros não são feiticeiros, eles têm todo um segredo ao redor de sua corporação e as pessoas não os entendem, sendo assim acabam julgando sem conhecimento de causa e optam por uma explicação do outro mundo.

No entanto, após poucos dias em sua nova morada, Will é convocado pelo rei para uma missão em terras longes e geladas. Ele precisa ir para Macindaw descobrir o que deixou o senhor de lá enfermo e se os boatos sobre um Feiticeiro do Norte são reais. Assim, seguimos ao seu lado em uma nova aventura.

Eu tenho gostado muito de fazer a leitura da série e este livro veio com uma repaginada no protagonista e mostrando uma evolução grande dele e de sua jornada. Will é um adulto e admito que demorou um pouco para que essa nova imagem dele se formasse na minha mente, para mim era ainda o adolescente de antes e nos primeiros capítulos fui tentando me desapegar do antigo garoto. Claro que ele manteve-se fiel ao seu caráter e personalidade, é aquele mesmo jovem honesto e corajoso e aos poucos me vi de novo como nosso Will.

A nova missão que assume se mostra tão empolgante como as anteriores, com uma boa dose de mistério e perigos. Will chega em um lugar desconhecido e precisa ver quem pode ser um aliado confiável. Para sua surpresa, e a nossa, serão aquelas pessoas menos prováveis e que despertam desconfiança a primeira vista.

Há em curso um golpe para entregar esta parte do reino de Araluen para inimigos, se isso acontecer facilmente todo o reino pode entrar em guerra e esta guerra durar anos e sem muita chance de vitória. Will se vê tendo que fugir do centro da conspiração e entregar o terreno por enquanto, até que consiga reunir um pequeno exército e bolar um plano.

Ele conta com a ajuda da amiga de infância Alyss desta vez. Até então seus companheiros haviam sido os arqueiros Halt e Gilan, e o amigo Horace e desta vez o autor resolveu dar espaço para uma personagem que conhecemos no primeiro livro mas não tinha tido muito destaque.

A ligação de Will e Alyss me surpreendeu e nem imaginava esse algo mais entre eles, apesar de o autor não deixar muito clara a profundidade de sentimentos que fazem parte desta relação.

A história é bem rápida de ler, cheia de novidades e com muito momentos tensos mesclados com outros de diálogos bem humorados. A maior surpresa é que Will nesta missão trabalha disfarçado de trovador e sem sua roupagem de arqueiro, isso é muito engraçado e mostra –se um desafio enorme para ele.

Feiticeiro do Norte dá inicio a uma aventura onde Will deixa de ser guiado pelo antigo mestre e precisa ser o líder. É uma missão sob responsabilidade dele e o jovem vai ter que mostrar todo seu talento para provar ser digno de ocupar um cargo na Ordem dos Arqueiros. O desfecho não se dá neste volume, só em Cerco a Macindaw vamos saber se Will foi ou não bem sucedido. É uma aventura vibrante! Recomendo!


Resenhas

2leep.com

9 comentários:

  1. Oi Cida! Gosto dessa mistura de diálogos nem humorados com aventura! E as edições da fundamento parecem sempre ótimas! Que bom que vc curtiu!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. Oi, Cida

    Você está firme e forte na leitura da série. Não sabia que ela ia ser tão grande, já está no quinto.
    Imagino mesmo que deve ser um pouco estranho enxergar o personagem como adulto! Hahahaha
    Espero que o próximo traga boas respostas e uma boa conclusão.

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi sim, como são doze livros vou até me preparar para ele chegar no final um senhor de idade, rs.

      Excluir
  3. Oi Cida!
    Suas resenhas dessa serie tem sido tao positivas que eu estou sinceramente pensando em ler, ja imaginando os trocentos columes KKKKK. Me anima saber que tem bastante dialogos e que os personagens sao bem humorados. Sao os tipos de coisas que rendem com facilidade comigo. Quem sabe em 2019 eu nao de uma chance ao primeiro.

    Abraços
    David
    https://territoriogeeknerd.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Cida.
    Essa série ainda não conferi.
    Mas é gostoso pegar uma fantasia para distrair a mente. Principalmente com diálogos engraçados e bem humorados, como você descreveu.
    Dica anotada.

    Abraços,
    Naty
    http://www.revelandosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá, Cida.
    Essa semana mesmo eu estava vendo na estante qual seria minha próxima leitura e vi o primeiro livro dessa série lá. Mas nem sei se vou ler porque só tenho o primeiro e a série é bem grande e os livros são meio caros. Nunca vi em promoção hehe. Mas queria muito ler porque sei que vou gostar. Ainda mais sabendo que o protagonista vai crescendo ao longo da série e agora já é um líder e não mais um aprendiz. Lembrei de As Aventuras do Caça Feitiços hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia a série mas gostei muito da sua resenha
    Beijos
    https://focadasnoslivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Cida!
    Legal esse novo arco mostrar o Will adulto... ficava me questionando se ele seria criança para todo sempre hahahaha
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  8. nossa não li esse livro ainda mais ja vou colocar na lista de leitura
    bjos

    https://dicasdachil.blogspot.com/2018/10/resenha-da-mascara-desmaia-fios-da-new.html

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!