[Resenha] Amor Sem Limites

Amor Sem Limites
Título Original: Forever Too Far (Rosemary Beach #3)
Autor(a):  Abbi Glines
Editora: Arqueiro         Páginas: 192
Lançamento: 2014               ISBN: 9788580413120
Amor sem limites_Capa WEB ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Blaire Wynn conheceu Rush Finlay num momento muito difícil da vida dela, logo depois de perder a mãe e a casa em que morava. Filho de um astro do rock, Rush vivia num mundo de luxo, sexo sem compromisso e total despreocupação com o futuro. Exatamente o oposto de tudo o que Blaire conhecia. Mesmo com tantas diferenças, a paixão entre os dois foi arrebatadora. Porém Rush guardava um segredo de sua família que levou ao fim do namoro e a um período de tristeza absoluta para o casal. Mas eles já não sabiam viver um sem o outro e cederam de novo àquele sentimento irresistível. Agora Blaire está grávida, eles estão felizes e planejam se casar. Mas nem tudo está garantido. O pai de Rush chega trazendo más notícias e novamente os antigos problemas de família podem fazer com que os dois se afastem.
Amor Sem Limites fecha a trilogia Sem Limites de Abbi Glines, é hora de sabermos o que o destino reservou para o casal Blaire e Rush após seu acerto em Tentação sem Limites, este livro é para nos mostrar os detalhes finais de um romance que foi marcado por mentiras, mágoas, encontros, desencontros, problemas familiares e falta de confiança.

Rush e Blaire enfrentaram muitas coisas no decorrer de seu relacionamento, chegaram mesmo a duvidar que ficariam juntos, mas conseguiram, hoje eles estão prestes a se casar e vão poder criar o filho que está chegando bem juntinhos, declarando seu amor um ao outro diariamente, mas para que a felicidade seja plena, existem ainda alguns problemas de família para serem resolvidos, problemas que podemos dar um nome, Nan.

A irmã caçula de Rush é uma megera, inferniza a vida de todos ao seu redor, desta vez está na casa do pai de Rush perseguindo o colega dele que é seu pai. Nan quer ser aceita e amada, mas é tão detestável que fica complicado gostar dela, uma garota mesquinha, que não sabe cativar, até Rush e Grant que gostavam muito dela, estão desistindo. O pai de Rush pede ajuda ao filho para tentar por juízo na cabeça de Nan, ele reluta, afinal está de casamento marcado, mas Blaire com seu bom coração lhe pede para ir ajudar a irmã. O casamento entra em pausa e o casal parte para uma missão de paz. Será que Nan tem salvação?

Narrado em primeira pessoa pelos pontos de vista de Rush e Blaire, este livro nos leva de volta ao mundo de amores avassaladores e tórridos de Abbi Glines, quem acha que o relacionamento deste casal iria esfriar engana-se, mais do que nunca estão em pleno fogo da paixão e nem a gravidez de Blaire diminui o desejo que um sente pelo outro. Rush que era um galinha consumado, é hoje um homem romântico e extremamente possessivo e Blaire passa por diversas fases neste livro, está bem sensível e chorona por conta da gravidez, mas quando precisa mostra que é forte o bastante para apoiar Rush enquanto ele precisa resolver os problemas da família.

O caso de Nan poderia ser o próprio livro dela, afinal ali há assunto para uma nova série, gente que menina problema, não vou entrar em detalhes sobre suas peripécias, mas ela vai no fundo do poço e não toma vergonha na cara, é triste ver como certas pessoas são más e não têm salvação, mas não pensem que o tema família vai ser abordado somente por esta vertente, a autora deu espaço para a família de Blaire também, teremos surpresas nesta hora e fortes emoções, sua relação com o pai finalmente entra nos eixos e nos dá belas cenas.

O livro é mesmo um fechamento de ciclo, em Paixão em Limites temos a paixão fulminante, em Tentação sem Limites temos os conflitos e as arestas sendo aparadas e agora é hora da consolidação de um grande amor. Admiro a forma como os personagens amadureceram no decorrer da série, Rush foi na minha opinião o melhor personagem de todos, embora eu goste de Blaire, é ele quem me arrebata com suas atitudes e charme.

Falando em personagens, os secundários marcam presença aqui, os amigos Grant, Woods, Jimmy, Bethy e tantos outros fazem parte do desfecho, apoiando e torcendo pelo casal como nós, alerto que este livro deve ser lido depois de Estranha Perfeição, a outra série da autora protagonizada por Woods, pois ambas são ligadas e aqui há muito spoiler do livro citado. Falando em séries, já temos o gostinho do que vai ser a protagonizada por Grant, pelo visto vai ser daquelas onde o romance é jogo-duro, com uma mocinha que não quer dar o braço à torcer.

Amor Sem Limites é para matar a saudades dos fãs do casal, não traz grandes reviravoltas, nem nos deixa com medo de que eles não vão ficar juntos, é mesmo para nos mostrar o depois, assim não esperem por cenas de tirar o fôlego e partir o coração como os outros livros, tem emoção, afinal tem um casamento em vista e o que cerca este tipo de cerimônia sempre mexe com nossos sentimentos, mas fora isso é um livro de despedida e de abrir portas para novas histórias com casais formados pelos amigos de Rush e Blaire.

É uma leitura fácil e fluida, a escrita de Abbi Glines é para devorar em um dia, sem enrolação, com personagens muito humanos e cenas de amor quentes. Estou ansiosa para ler a continuação do livro de Woods e começar logo o de Grant. Desejo felicidades ao casal Rush e Blaire, e seu lindo filho que também teve sua participação na história.

Ah! Lembram do Desafio da Tradição que realizei em parceria com minhas amigas blogueiras? Quando li as cenas do casamento de Rush e Blaire, lá estava a tradição que usamos para criar o desafio. 





2leep.com

17 comentários:

  1. leio muitos comentários sobre a Abbi, alguns positivos, outros nem tanto, tenho curiosidade de ler, mas não é algo tão urgente, por enquanto a dica fica anotada!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Já quero ler.

    Estamos começando agora. Pode dar uma passada no nosso blog? Obrigada!! gemeastavares.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Mesmo a escrita sendo muito boa e ter o tema família nos livros não fiquei interessada, por ter muita cenas hots (foi o que li por aí).
    Ótima resenha! Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem sim Dilza, se você não curte romance com esta pegada mais picante, não recomendo.

      Excluir
  4. Oi Cida!
    Essa série parece ser ótima, ainda não li nenhum dos livros, mas são muito desejados.
    Legal saber que o último livro fechou um ciclo.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  5. Oie Cida =)

    Ainda não consegui ler essa série, mas depois de tantas resenhas positivas acabei ficando curiosa.
    Tenho a série toda em e-book e espero conseguir começar a ler ela em breve ^^

    Beijos e bom final de semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  6. Oiee

    Também ja li a trilogia e não consigo gostar do Rush se fosse a Blaire não perdoava as mancadas dele nunca mais kkkk

    Mas enfim a leitura flui muito fácil mesmo e agora pretendo ler Estranha Perfeição em breve.

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  7. Cida!
    Estou atrasadíssima com essa série!
    Não vejo a hora de terminar =/
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  8. Precisei chegar ao último livro para não odiar o Rush, ás vezes dava vontade de entrar na história só para usar a arma da Blair e dar um tiro na mão dele(sou legal!). ahaha
    A história me encantou em vários pontos, mas achei as cenas ~sexys~ muito repetitivas, sei lá. A cena do casamento foi sensacional, por dias fiquei ouvindo a música que o ''Rush'' cantou para a Blair e não parei de desejar algo assim para mim. Estou louca para ler o do Grant, já estou até me preparando emocionalmente. Ótima resenha!
    Beijos, nostalgemeas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Cida, tudo bom?
    Eu gosto dos livros da autora porque são leituras rápidas e despretensiosas. No entanto, não consigo gostar do Rush e da Blair. O casal simplesmente não desce e o Rush é excessivamente possessivo em relação a tudo. Esse terceiro livro não trouxe muitas coisas novas do casal, mas gostei da pequena introdução sobre o livro do Grant.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi, Cida!
    Eu não curti tanto esse livro. Esperava um desfecho melhor. Tudo foi tão mais do mesmo para mim que concluí a leitura à base do sufoco! Achei tudo muito repetitivo.
    Também considero o Rush o melhor personagem da trilogia; a autora soube desenvolvê-lo, ao menos.
    Parabéns pela resenha! Fico feliz que tenhas gostado.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  11. Gosto da série e da forma como a autora conta suas estórias, mas confesso que achei que a Nan ficou muito ilesa em relação ao casal. Faltou um bom chega pra lá do casal em relação a ela, principalmente da parte da Blaire.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  12. Loveeeeeeeeeeeeeeee os livros da Abbi Glines, principalmente The Rosimary Beach, e Blair e Rush são meu casal preferido, não tem como não se apaixonar pela estoria deles. Parabéns ao blog pela resenha!!!

    ResponderExcluir
  13. Oi Cida tudo bem??

    Conheço a autora porque as meninas adoram ela e os livros! Não faz o meu estilo preferido e tal, mas admiro a autora, acho ela uma boa autora de New Adult e tal. Não descarto a leitura num futuro!
    Adorei a resenha, traduz bem o que todos me falam sobre o livro!

    Beijos!!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. A Nan parece ser uma personagem odiável. Não consigo me interessar por esse livro de jeito nenhum, não sei porque, parece chato pra mim.

    ResponderExcluir
  15. Adoro romances, e esta série é uma que não li, ouvi tanto sobre essa continuação a pedidos, que ficou bem chata, e que várias pessoas preferiam ficar sem essa continuação, que foi desnecessária, mas não li os livros da série, e pretendo ler então quero ter minhas conclusões. Realmente quando se faz algo a pedido sem ter planejado, a maioria das vezes sai muito ruim. Mesmo amando New adult, acho que a história deve ter coerência, e se a autora achou que acabou, não deve continuar..isso pode estragar. Mas quero muito apreciar essa leitura.
    Beijos, ThaynáQ.

    ResponderExcluir
  16. Oi Cida, tudo bem?

    Eu parei de ler essa série no primeiro livro, mas pretendo continuar a ler em breve.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!