[Resenha] Paixão Sem Limites

Paixão Sem Limites
Título Original: Fallen Too Far (Too Far #1)
Autor(a): Abbi Glines
Editora: Arqueiro      Páginas: 192
Lançamento: 2013     ISBN: 9788580412208
Paixao sem limites_Capa WEB

Blaire Wynn não teve uma adolescência normal. Ela passou os últimos três anos cuidando da mãe doente. Após a sua morte, Blaire foi obrigada a vender a casa da família no Alabama para arcar com as despesas médicas. Agora, aos 19 anos, está sozinha e sem lugar para ficar. Então não tem outra escolha senão pedir ajuda ao pai que as abandonara. Ao chegar a Rosemary, na Flórida, ela se depara com uma mansão à beira-mar e um mundo de luxo completamente diferente do seu. Para piorar, o pai viajou com a nova esposa para Paris, deixando Blaire ali sozinha com o filho dela, que não parece nada satisfeito com a chegada da irmã postiça. Rush Finlay é filho da madrasta de Blaire com um famoso astro do rock. Ele tem 24 anos, é lindo, rico, charmoso e parece ter o mundo inteiro a seus pés. Extremamente sexy, orgulha-se de levar várias garotas para a cama e dispensá-las no dia seguinte. Blaire sabe que deve ficar longe dele, mas não consegue evitar a atração que sente, ainda mais quando ele começa a dar sinais de que sente a mesma coisa. Convivendo sob o mesmo teto, eles acabam se entregando a uma paixão proibida, sobre a qual não têm nenhum controle. Mas Rush guarda um segredo que Blaire não deve descobrir e que pode mudar para sempre as suas vidas.
Este ano a Editora Arqueiro resolveu apostar em diversos gêneros literários, depois do grande sucesso com os romances de época, foi  a vez de trazer uma série New Adult para nós, que veio com a trilogia Sem Limites da autora Abbi Glines. Eu adorei a novidade, este gênero tem sido um dos que mais estou gostando de conhecer, são sempre histórias viciantes a apaixonantes, e com Paixão Sem Limites não foi diferente.

Aqui conhecemos a jovem Blaire, uma garota que após perder a irmã gêmea em um acidente de carro, viu seu pai abandonar ela e a mãe e não dar mais nenhuma notícia. Como se não bastasse tanta tristeza, a mãe de Blaire foi vitimada por um câncer e veio a morrer. Aos 19 anos, a jovem teve que vender tudo o que tinha e ir procurar o pai em busca de ajuda, não que fosse seu desejo, mas como seu único parente vivo, não havia outra opção.

Blaire deixou o Alabama para trás e seguiu rumo à Flórida, e não foi o sol daquele lugar que aqueceu sua pele e seu coração, ao chegar na nova casa do pai conheceu seu enteado Rush, um cara extremamente belo, sedutor, rico e com um sinal bem grande de alerta piscando sobre sua cabeça. P-E-R-I-G-O.

Paixão Sem Limites tem todos os ingredientes necessários para prender nossa atenção e não nos deixar largar o livro até chegar ao seu final. Aqui temos paixão, drama, romance, mistério e um casal prestes a pegar fogo, junte tudo isso à uma narrativa de fácil entendimento e fluida, e perca-se nestas páginas.

O livro é narrado em primeira pessoa por Blaire, uma garota que mesmo jovem não viveu esta fase da vida, desde cedo teve que cuidar da mãe doente e não teve tempo para viver grandes aventuras de amor (ela ainda é virgem). Na verdade ela não sabe nada de mundo,  e com apenas 20 dólares no bolso, uma picape sem gasolina e uma arma de fogo, ela vai ter que aprender a se virar. Blaire é inocente para muitas coisas e não faz ideia do quanto é bonita, no entanto é uma garota de gênio forte e muito decidida, o que a torna um alvo de cobiça de vários homens, inclusive de Rush.

O nosso mocinho não é tão bom assim, Rush é bad boy, gosta de cada noite ter uma mulher diferente em sua cama e guarda um segredo. De poucas palavras, é rude com Blaire desde o seu primeiro encontro, mas não por não gostar da garota e sim por querer resistir aquela doçura. Rush viu em Blaire sua perdição, o fim de seus dias como conquistador.

É um casal cheio de tensão sexual e muito divertido, a maneira como a relação se desenvolve garante muitas gargalhadas, a começar por Blaire vivendo na casa de Rush em um quartinho dentro da despensa. Isso mesmo, ela vive escondida embaixo de uma escada, com um saco de pão e manteiga de amendoim. Pode parecer estranho, mas ao ler você entende como esta situação surgiu.

Mas não pensem que é um relacionamento sem seriedade, não mesmo, o contraste entre o modo de vida de Rush e Blaire e um segredo que paira no ar, dão um toque de angústia e aflição no romance. Aquela sensação de uma bomba ativada que vai estourar a qualquer momento e separar o casal. Eu sentia que Blaire ia sofrer muito.

“Não tenho a linhagem certa. Uso vestidos vermelhos vagabundos e tenho muito apego a um par de sapatos prateados de salto porque minha mãe os usou no dia do casamento. Não preciso de coisas de marca. E você Rush, é de marca.”

Eu amei Rush, um sedutor de carteirinha, que sabe que é lindo e não deixa de usar isso ao seu favor, sem ser falso em nenhum momento. Ele fala o que pensa,  e se você não gostar, a porta da rua é logo ali. Já Blaire me enervou muitas vezes, não por ser uma garota com fricotes, nem por ser indecisa, mas por aceitar qualquer coisa como muito, se contentar com pouco. Eu queria que ela visse seu valor, que percebesse que merecia muito mais. No entanto compensa por nunca ficar em cima do muro, quando decide que quer Rush, parte para cima do rapaz.

A história tem muitos clichês e as cenas mais quentes têm cara de romance de banca, além de as cenas de drama lembrar novela mexicana. Fazendo companhia para Rush e Blaire, temos uma série de personagens, alguns adoráveis, outros detestáveis, cara de novela mesmo. É estranho dizer que temos aqui esta mistura, mas não pensem que isso prejudica a leitura, mesmo não sendo algo inovador, consegue te prender. Gente, o livro é muito envolvente, eu comecei a ler e nem vi as horas passando, eu queria saber o tal segredo, e no final tive até uma grande surpresa, não imaginava que Abbi Glines conduzisse Rush e Blaire por determinados caminhos.

Eu quero logo o livro dois, preciso de mais Rush e óbvio saber quantas reviravoltas a autora ainda planeja para este casal. Tomara que a relação pai e filha seja mais explorada, senti falta disso aqui, assim vai ter mais drama. Se você não liga para clichês e gosta de um romance quente, recomendo esta leitura.


Trilogia Sem Limites
Paixão Sem Limites (#1)
Never Too Far (#2)
Forever Too Far ( #3)


2leep.com

24 comentários:

  1. Sim, essa coisa do "quarto" da Blaire é estranho! Kkkkk e já vi que vou ficar mega caidinha pelo Rush! Quero ler logo!

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida, tudo bem? Tinha visto uma resenha negativa deste livro, e por isso não fiquei interessada. Mas, confesso que depois que li a sua fiquei bem mais animada para ler o livro ;D Adoro livros YA, e este parece ser um dos bons rsrs O Rush me lembrou muito o Travis, de Belo Desastre haha
    Adorei a resenha (:

    Beijos,
    salaodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Travis é atormentado Ju, o Rush não, ele é safado mesmo.

      Excluir
  3. estou admirada de como a Arqueiro está se superando! começo a achá-la a melhor no ramo, Blaire e Rush prometem colocar fogo na trama e cativar!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oie Cida =)

    Quero muito ler esse livro *---*
    Só leio resenhas positivas e com isso a minha curiosidade vai cada vez aumentando mais.

    Esse livro parece ser tão gracinha né? Mesmo sendo uma série rs...

    Ótima resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  5. Eu adorei o livro, e realmente a Blair á passiva demais, poxa ele tem uma arma como ela consegue ser tão contida kkkk Rush é demais gente ele me cativou na sua maneira mais rude e arrogante possível caraca!!! Ansiosa para o livro 2 com certeza!
    bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  6. O livro realmente parece ser ótimo, mais eu não sou muito fã desse gênero.

    Beijos, Paradoxo Perfeito

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida,
    nossa estou muito curiosa para ler este livro. Todo mundo está adorando!

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  8. AMEI a resenha.
    Mas confesso, eu gostei mesmo do Woods. Não sei pq, mas quero o Woods pra mim, rs.
    Muito clichê, e muito, mas muito engraçado. Adorei!!!
    Pra quem lê muitos livros policiais e terror do jeito que eu leio e gosto, esse livro é uma ótima pedida pra intercalar.

    Bjkassssssss


    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha o Woods me enganou, achei que el fosse ser o canalha e no final foi o cara mais bacana da história.

      Excluir
  9. Sempre tive certa curiosidade a respeito desse livro, gostei da resenha, fiquei com mais vontade ainda de ler... mas não sabia que tinha continuação, vou procurar mais sobre!

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  10. Boa noite Cida,

    Já li várias resenhas positivas desse livro, não faz meu estilo de leitura, mas vejo pela sua resenha que é um bom livro...abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Cida, apesar de ter considerado a trama clichê, algumas situações irritantes e outras forçadas demais, não posso negar que a narrativa da autora é viciante e fluida, e que nos prende tanto que não nos deixa largar o livro até o final. Adorei a resenha. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Mi! Quem não acha história de amor clichê envolvente? Tem aquela pegada de drama mexicano e romance de banca, mas é uma história que te prende até o final.

      Excluir
  12. Olá Cida!
    Eu gostei muito quando a Arqueiro anunciou o lançamento dessa série, pois li comentários ótimos sobre! Agora que lançou, estou super curiosa para ler e depois dessa sua resenha minha vontade só aumentou!
    Amo histórias clichês e de romances quentes! Geralmente não gosto de livros eróticos mas vejo que nesse livro o tema vai muito mais além disso. Quero conhecer Rush logo! hehe

    Beeijos,
    iSteh

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é só pegação, tem uma história complicada como pano de fundo, as cenas quentes são complemento.

      Excluir
  13. Esse sempre me deixa na dúvida, não consegui definir até hoje se é quero ou não ler...
    Na dúvida, provavelmente vou acabar lendo! hahaha

    ResponderExcluir
  14. Não é para a minha idade, mas estou pensando em investir nesse gênero e embora eu ache que as premissas desses livros New Adult bastante semelhantes, não me sinto no direito de julgar sem conhecer. Esse tem sido o meu preferido do gênero entre os da Bella Andre e os muitos outros que tem por aí. Acho que em breve estarei lendo.

    ResponderExcluir
  15. Tenho visto varias resenhas sobre esse livro em varios blogs e simplesmente eu não fui com a cara dele. :/
    A historia é manjada demais, sem falar q estou farta de "mocinhos" cafajestes e mocinhas sem amor proprio.

    ResponderExcluir
  16. Oi, Cida querida. :)

    A Arqueiro está com o catálogo bem diversificado. Gostei!
    Ainda não sei se quero ler esse livro, já li resenhas positivas e negativas, mas acho que futuramente eu possa dar uma chance à ele.

    Feliz Natal! :D
    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Trilogia awnnnn. Eu já havia lido a sinopse deste livro, porém fiquei sem tempo para poder lê-lo, espero que em 2014 eu possa ter essa oportunidade.

    ResponderExcluir
  18. Oláa, tenho uma curiosidade em ler esse livro, apesar que não sei se vou gostar mesmo, mas só tentando pra saber née ;D
    beeijos
    http://keetring.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oie Cida
    Eu já tinha lido Paixão Sem Limites ainda em inglês, antes do lançamento da Arqueiro é eu curti muito toda a história do livro. É bem clichê mesmo, mas gostei de Rush e de toda a curiosidade para saber o segredo. Agora eu quero ler a versão brasileira, já que meu inglês não é tão bom assim..rsrs
    Parabéns pela resenha.

    Jéssica
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  20. Esse foi o primeiro livro que li da autora e já me encantei. A escrita dela é ótima e li o livro muito rápido pois não conseguia mais largar o mesmo. A trama é tão envolvente e a química entre os personagens é eletrizante.
    Um dos melhores livros HOTS na minha opinião.
    O primeiro capítulo é o meu favorito... a parte onde ela descreve a Blaire com a arma é demais.
    E o Rush... ahhhh o Rush! <3
    E me deixou com vontade de ler toda a série.
    Super recomendo!

    Beijos!
    Viviane Gonçalves
    vsg_caue@hotmail.com

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!