[Resenha] A Missão Traiçoeira

A Missão Traiçoeira
Título Original: The Traitor's Ruin (The Traitor's Circle #2)
Autor(a): Erin Beaty     
Editora: Seguinte                 Páginas: 456
Lançamento: 2018             ISBN:9788555340710
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Sage Fowler abandona seu posto como aprendiz de casamenteira e se envolve em uma nova missão secreta ao lado do capitão Alex Quinn no segundo volume da série O Beijo Traiçoeiro. Depois de se provar uma espiã habilidosa e uma casamenteira estrategista, Sage Fowler passou a ocupar uma posição confortável na alta sociedade, dando aulas para as princesas do reino de Demora. Quando surge a oportunidade de participar de uma nova missão secreta, porém, Sage quer aproveitar a chance para servir ao seu reino mais uma vez — e ficar mais próxima de seu noivo, o capitão Alexander Quinn. Alex não fica nada feliz com a ideia, já que está determinado a proteger a namorada de qualquer perigo. A insistência de Sage em fazer parte da missão faz com que eles se desentendam cada vez mais e, quando um conflito com um reino vizinho resulta em uma tragédia, os dois acabam separados. Para completar a missão de Alex — e a sua própria —, Sage precisará contar com a ajuda de aliados inesperados para sobreviver em um território inimigo e salvar o reino de Demora mais uma vez.

A Missão Traiçoeira é o segundo volume da série O Beijo Traiçoeiro, de Erin Beaty, publicada no Brasil pela Editora Seguinte. A história é retomada após alguns meses do desfecho do livro anterior e reencontramos a protagonista Sage Fowler bem instalada no palácio real e como tutora dos filhos dos rei.

Sage aparece em O Beijo Traiçoeiro como uma órfã que estava fadada a servir o tio ou fazer um casamento de conveniência. No entanto, seus sonhos de liberdade e independência, aliados ao gênio forte, permitiram que arrumasse um trabalho e viajasse o país. Nesta jornada ela acabou se envolvendo com o exército real, virou uma espiã, ajudou a salvar a manter o rei no trono e levou o coração do Capitão Alex Quinn. A jovem órfã ficou famosa no reino e parece estar prestes a viver uma nova aventura.

O noivo de Sage vai partir em uma missão secreta e nem ela e nem a rainha se conformam de não saber o que está acontecendo. Usando de muita astúcia, as duas bolam um plano e lá vai Sage seguir mais uma vez com o exército. 

Alex fica indignado e o romance parece ameaçado, mas é impossível manter a garota quieta e em segurança. No entanto, ele acaba tomando decisões ruins que podem causar uma guerra e é Sage quem  consegue salvar a situação, para logo em seguida ela mesma estar em perigo.

Eu gostei muito do livro anterior e acho que teve um desfecho conclusivo. A autora poderia ter ficado por ali e teria sido satisfatório, mas não reclamo da sequência, ainda mais por ter sido uma grande surpresa e trazer uma história tão boa.

No começo, não vou negar, não fui fisgada e fiquei descontente com a teimosia de Sage. Se Alex estivesse guardando segredo por ser machista ou por não confiar nela, eu entenderia enfrentá-lo. Só que não, ele agiu assim por dois motivos bem coerentes. O primeiro era seguir ordens do Rei e o segundo para protegê-la. Sage foi imatura ao seguir viagem com o exército e, egoísta, pensando apenas em estabelecer seu ponto de vista.

Conforme os acontecimentos foram se desenrolando, ela mostrou que sua presença era útil e apesar de tudo, acabou ajudando Alex em um momento que o coitado estava sufocado. Nesta hora, acho que comecei a ficar contente com ela e a história finalmente me fisgou.

A trama é bem elaborada e mostra um grande amadurecimento em relação a do primeiro volume. A autora não ficou focada apenas em um ponto neste volume, ela foi criando intrigas e desafios um atrás do outro e deixando sua história mais complexa e surpreendente a cada capítulo.  Erin corria o risco de se perder ao abordar tantos assuntos e conflitos, mas com talento costurou tudo e nos presenteou com algo bem casadinho e muito empolgante.

Acontece bastante coisa nesta história e os personagens viajam muito entre várias nações. Há conflitos políticos e a entrada de novos personagens. Na primeira metade da obra o ritmo é mais lento, mas da segunda metade até a última página a adrenalina corre solta e o coração dispara. Eu fiquei muito agoniada, ansiosa e vibrando com tudo o que aconteceu.

Gente! A história empolga. Eu achei o livro anterior mais divertido sem dúvidas, mas o tom sério deste combinou bem com o que estava acontecendo e teve uma evolução enorme dos personagens e da história. As lutas, mesmo as menores, são muito boas e já alerto para não se apegarem muito, Erin sempre mata alguém nestas horas.

A Missão Traiçoeira é uma sequencia digna de seu antecessor e consegue ser mais emocionante sem dúvidas. Novamente o final foi conclusivo e devemos esperar por uma nova aventura de Sage e Alex do terceiro volume. Eu estou ansiosa para rever este pessoal, já virei fã de carteirinha e terminei o livro não querendo que acabasse. É aquela história cheia de energia, que não dá vontade de dizer adeus. Super recomendo! 




2leep.com

9 comentários:

  1. Oi Cida,
    Minha mãe comprou esse livro e devorou! Além de pegar no meu pé para eu ler essa série logo, rs. Quero colocar na lista de janeiro para me apaixonar pela história assim como vocês!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Parece super interessante a história, não conhecia, gostei :)

    Beijos
    @francyellymoura

    ResponderExcluir
  3. Oi, Cida!
    Eu fico estressada quando as mocinhas batem o pé por besteira sabe? Nesse caso, realmente o noivo não tinha como falar o motivo da missão, mas enfim...
    Eu não queria muito ler esse livro, mas vou esperar sair o último para me aventurar de uma vez.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Natal Literário 2018: 5 kits, 10 ganhadores. Participe!

    ResponderExcluir
  4. Olá, Cida.
    Eu gostei do primeiro livro, mas encontrei vários pontos que me desagradaram. Mas ainda assim eu quero ler esse segundo livro. Só não sei quando vou comprar ele hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Oi Cida! Eu acho a autora super fofa e atenciosa. Lá no blog quem lê é a Ariane e ela assim como vc adorou a leitura!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Oi Cida,
    Ainda tenho curiosidade em ler esses dois, adoro as capas.
    E falou em tom divertido, já me deixa curiosa tb.

    até mais,
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida, tudo bem?
    Eu já quis ler o primeiro volume, e fiquei animada em saber que a sequência também empolga. Quando sobrar uma folguinha na lista de leituras, tentarei dar uma chance.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  8. Oie Cida =)

    Li o primeiro livro e gostei bastante. A narrativa da autora é fluida e os personagens são cativantes. Fico feliz em saber que o segundo livro manteve o mesmo nível do primeiro. Espero ter oportunidade de ler ele em breve.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  9. Oi Cida,

    Estou doida para ler esse livro, pois adorei o anterior e pelo que vi a sequencia está tão boa quanto o primeiro.
    Já quero!
    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!