[Resenha] A Guardiã dos Vazios

A Guardiã dos Vazios
Título Original: The Unbound (The Archived #2)  
Autor(a): Victoria Schwab  
Editora: Bertrand                      Páginas: 322 
Lançamento: 2016                    ISBN: 9788528623260
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Um mundo rico e criativo, repleto de segredos e escolhas difíceis, em que amor e perda parecem ser duas faces da mesma moeda. O segundo livro da série A Guardiã de Histórias Mackenzie Bishop é uma das Guardiãs do Arquivo, um domínio secreto onde descansam as Histórias dos mortos ― registros de sua vida armazenados em corpos. Se uma História desperta, ela pode enlouquecer e tentar fugir ― e cabe a Mac garantir que cada uma seja devolvida à sua prateleira. No entanto, Mackenzie não se sente mais tão apta para o trabalho. Os acontecimentos do verão passado a assombram, e, quando os pesadelos que a perseguem começam a se insinuar mesmo durante o dia, ela sabe que algo está errado. Estaria lentamente perdendo a sanidade ou será que algo ainda mais sinistro a está perseguindo? Enquanto isso, pessoas começam a desaparecer sem deixar vestígios, e, quando Mackenzie acaba tornando-se a principal suspeita, ela se vê na obrigação de descobrir o verdadeiro culpado. Caso contrário, ela corre o risco de perder tudo ― seu papel de Guardiã, suas memórias… e até sua vida.
A Guardiã dos Vazios é tão aguardada sequencia de A Guardiã de Histórias (Archived), de Victoria Schwab. A série nos apresenta um mundo onde os corpos das pessoas que morrem são guardados em uma grande biblioteca como se fossem livros. De fato são mesmo uma espécie de livro, já que guardam em si histórias. A Biblioteca/Arquivo é mantida por guardiões e um por um rígido código de ética e regras.

Mackenzie Bishop é uma guardiã que caça as Histórias que escapam do Arquivo. Ela é apenas uma adolescente, mas nessa vida que leva após herdar a mesma profissão de seu avô, já viu coisas que tomaram sua ingenuidade e inocência. Mac tem uma alma velha em um corpo jovem, corpo este marcado por cicatrizes da batalha que travou no volume anterior com uma enlouquecida e poderosa História fugitiva. 

Hoje, ainda tentando esconder dos pais sua função neste mundo paralelo, ela precisa lidar com a dor da perda e da traição e as profundas marcas que a batalha deixou em sua mente. Perturbada física e psicologicamente, Mackenzie não sabe mais como fingir ser normal e uma Guardiã.

Este livro se inicia exatamente após os acontecimentos do livro anterior, assim reencontramos a protagonista em péssimo estado e sem saber mais o que deve fazer e o que é certo ou não em seu mundo. Mac está confusa, foi confrontada com fatos que levam a duvidar da integridade do Arquivo e de tudo que seu avô lhe ensinou como certo. No entanto, ela não tem como focar apenas em sua vida de Guardiã, já que como toda adolescente precisa obedecer os pais e frequentar a escola.

Desta vez a autora não foca na vida da garota apenas como uma Guardiã, Schwab saiu do Arquivo e expandiu a trama para um colégio particular e toda a sorte de situações que compõe a vida estudantil. Neste colégio a protagonista conhece outros jovens de sua idade e até mesmo reencontra Wesley, um amigo que ela adoraria que fosse algo mais.

Eu que aprecio ambientes estudantis gostei deste novo aspecto da história e mais ainda quando a autora resolveu colocar misteriosos desaparecimentos no meio de tudo. Mac nunca poderia ser apenas uma estudante e logo se vê tentando descobrir quem ou o que está levando as pessoas embora sem deixar rastros. Logo percebe que é algo ligado ao seu mundo de Guardiã, mas ela não tem muita certeza por estar tendo ilusões.

O mistério é bom, mas não tão difícil de desvendar. O que acaba nos intrigando é a real motivação de quem está por trás destes desaparecimentos. A inserção de novos personagens foi algo muito positivo, gostei particularmente de a escola de Mac não ter aquela tola disputa estre populares e não populares, de ela ter sido acolhida pelos estudantes mais antigos e de prevalecer um clima de muita camaradagem entre todos.

Um outro aspecto positivo foi o aprofundamento da relação dela com Wesley. Ele é todo fofo, mas foi um pouco negligenciado por Mac anteriormente e agora ela parece ter se dado conta do quanto ele vale a pena. Shippei!

Achei a trama menos sombria que a do livro anterior. E, sim, eu gosto mais do volume um, mas este é ainda assim envolvente e com o poder de nos fazer querer virar a noite lendo para saber o desfecho. Admito que senti bastante falta de uma abordagem maior do mundo dos Guardiões, que não foi tão explorado desta vez. No livro anterior a protagonista passou bastante tempo dentro do Arquivo e de suas alas adjacentes, os Estreitos, e desta vez só deu uma passadinha lá e quase não ouvimos mais sobre as Histórias guardadas.

Ainda assim, eu gostei do livro e mesmo com o intervalo de dois anos entre a leitura dos dois volumes, me senti perfeitamente ambientada. O primeiro capítulo resume bem o que passou e nos situa, nos faz pegar o fio da meada e seguir seguros em frente. Esta série é bem criativa, eu nunca espero nada diferente de uma obra de Schwab, que tem o dom de criar mundos estranhos, sombrios e apaixonantes. Há mais um volume, mas este aqui fecha bem e deixa apenas margem para imaginarmos como será o futuro de uma Mackenzie Bishop adulta e quem sabe ao lado de Wesley. Aguardando o ultimo livro, The Returned. Eu recomendo!






2leep.com

8 comentários:

  1. Uma tarde inteirinha repleta de ternura, de doçura, de alegrias, amor e muita luz. ♥Feliz 2019 \o/

    ResponderExcluir
  2. Olá, Cida.
    Eu fico besta em como essa autora tem ideias tão diferentes e consegue escrever várias delas ao mesmo tempo. Eu li dois livros dela no ano passado e virei fã, por isso com certeza vou querer ler esse. Mas vou aguardar lançar todos para ler os três de uma vez.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Cida do céu eu juro que já tinha esquecido essa série!! Tenho interesse porque adoro a autora! Que bom que vc curtiu a leitura!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Oi, Cida! Tudo bom?
    Eu tenho tanta curiosidade pra ler essa série da Victoria que aaaaaaaaaa. Ô mulher pra ter um estoque sem fim de livros, queria essa inspiração toda. Confio na narrativa e nos personagens porque, das outras séries, foram os detalhes que mais me conquistaram.
    Espero conseguir ler esse ano!

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, Cida

    Da autora eu li Um Tom Mais Escuro de Magia e O Dueto Sombrio. Gostei mais do tom do primeiro, mais sóbrio e pé no chão, mesmo sendo uma fantasia. Essa série da Guardiã parece ter uma pegada mais juvenil, como O Dueto Sombrio, por isso não leria. Mas acho criativa,a Victoria tem muita imaginação.

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  6. Na verdade eu li A Melodia Feroz. Tô até louca! Hahahaha

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida,
    Só ouço elogios a autora, acho o enredo bem interessante, mas não sei se leria, confesso. Não faz muito meu estilo.
    Beijo
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Cida!
    Apesar de adorar a Schwab, esse é um livro que não tenho tanta vontade assim de conferir..
    Menina, e eu nem sabia desse terceiro livro..
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!