[Resenha] Arrebatado pelo Mar

Arrebatado pelo Mar
Título Original: Sea Swept (Chesapeake Bay Saga #1)
Autor(a): Nora Roberts 
Editora: Bertrand Brasil       Páginas: 336
Lançamento: 2018               ISBN: 9788528623482
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Cameron Quinn vivia uma vida de luxo e lazer, corridas de barco e mulheres, até ser forçado a voltar para a casa da família. Seu pai, Ray, faleceu, e Cameron fez uma promessa a ele no leito de morte — uma promessa que mudará a sua vida. De volta ao lar, ele terá de reaprender a conviver com seus irmãos adotivos, Phillip e Ethan, para que juntos possam oferecer um lar estável a Seth, um jovem acolhido por Ray. Além das dificuldades de cuidar da casa e de um menino problemático, Cameron também terá de lidar com a bela assistente social, Anna Spinelli, designada para o caso de Seth. Antigas rivalidades e novos ressentimentos surgem entre Cam e seus irmãos. E Anna tem nas mãos a responsabilidade de decidir o destino do menino e unir ou separar os Quinn para sempre.

Arrebatado Pelo Mar é o primeiro volume da Saga da Gratidão, de Nora Roberts, publicada pela Bertrand Brasil. Nesta saga vamos conhecer os irmãos Quinn e sua luta para cumprir uma promessa ao pai.

Cameron, Phillip e Ethan eram garotos com uma vida difícil e um futuro nada promissor. Viviam em meio as drogas, crimes, abusos e violência doméstica. No entanto, Ray e Stella Quinn os resgataram em momentos cruciais de suas vidas e os adotaram como filhos. O casal, formado por um professor universitário e uma pediatra, criou aqueles meninos como se fossem seus filhos de sangue. Deram amor, educação, conforto, casa e comida e o mais importante, esperança.

Os meninos viraram homens de bem e pessoas realizadas. Stella foi levada pelo câncer e um acidente de carro parece que vai tirar Ray da vidas dos rapazes, mas antes de partir ele pede que os filhos lhe prometam criar Seth, um garoto que vive situação semelhante a que eles viveram e Ray pretendia adotar. Cameron, Phillip e Ethan prometem ao pai fazer o melhor e juntos vão partir para uma batalha judicial pela guarda do garoto.

Esta é uma das séries antigas de Nora publicadas por aqui, mas só me aventurei por sua trama agora com o lançamento desta edição com nova capa. E que pena não ter conferido antes, pois logo nas primeiras páginas fui capturada pela história e assim permaneci, totalmente encantada, até o último capítulo.

Os irmãos Quinn são personagens de carisma e charme. A relação que têm entre si, assim como a que tiveram com Stella e Ray, é maravilhosa. É difícil o leitor não se sentir acalentado por tanto amor, pela força do sentimento de gratidão que faz parte da vida deles.

A história vai girar em torno da adaptação dos irmãos a ideia de adotar Seth, da maneira como vão precisar se aproximar do garoto e a luta judicial pela guarda dele. Cameron, Phillip e Ethan  tinham vidas estruturadas e vão precisar remodelá-las totalmente para receber o garoto. No começo é complicado e Seth não ajuda, é arisco e não deixa ninguém se aproximar. Fica claro que já foi muito enganado e magoado e somente na convivência diária será possível ganhar sua confiança.

Cameron, Phillip e Ethan vão ter muita paciência, mas de um jeito peculiarmente masculino. Eles não têm meias palavras, delicadeza e rodeios. São diretos em suas palavras, nada melosos e serão muitas as vezes que os irmãos vão se pegar nos socos para resolver uma questão. Mas não é algo violento, é como se ainda fossem garotos adolescentes e acaba sendo divertido ver como na verdade não lutam entre si, mas uns pelos outros.

Cada volume foca em um Quinn, apesar de todos terem presença marcante na história. Arrebatado Pelo Mar é o livro de Cameron. Este moço vive a vida pelo mundo, praticando esportes radicais e se dando muito bem em torneios e com mulheres. Sua volta para casa é a mais complicada, foi o único que nunca se aquietou e do dia para a noite virar um homem caseiro o deixa bem rabugento.

No entanto, a chegada da assistente social encarregada do caso de Seth deixa Cam mais animado e Anna acaba sendo mais um incentivo para ele ficar. Os dois são pessoas de gênio forte e Nora foi feliz ao unir este par. O casal vai protagonizar um romance maduro, de personalidade e que nós só queremos que dê em casamento.

Eu amei Cam e seu jeito libertino em redenção, tenho um fraco por estes caras charmosos que não querem ser laçados e quando são, socorro! Esbanjam gestos exagerados de amor e se rendem a mulher. Anna é durona, uma mulher para se admirar por toda sua bagagem e vitórias. É perfeita para Cam.

O romance é gostoso demais de acompanhar, mas ainda assim, é mesmo a relação de Cameron, Phillip e Ethan com Seth que rouba a cena e faz esta obra ser mais que um romance e a torna uma história incrível de amor e família. Os personagens são bem construídos, possuem camadas e camadas para serem descobertas e dão profundidade para uma história que por si só é cheia de nuances.

A autora, mesmo com toda esta carga emocional, criou um enredo leve e de humor inteligente. É fácil sorrir enquanto lemos.

Eu me apaixonei totalmente, estava na metade e já corri para comprar o segundo volume.  Em breve conto para vocês o que achei de Movido Pela Maré

Nada melhor que uma história de família para entrar no clima de Festas. Um ótimo Natal para todos vocês.






2leep.com

7 comentários:

  1. Oi... :)

    Já escutei muito falar sobre essa autora. Certamente não irão faltar oportunidades para ler algum título que tenha escrito!

    Tem post novo lá no blog.

    Abraços,

    Jennifer.

    http://entrelinhasentrepautas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá, Cida.
    Eu já estava pensando que ela escreve dormindo porque todo mês tem lançamentos dela hehe. Não conhecia ele ainda e gostei bastante da capa. mas o livor não chamou tanto a minha atenção para me fazer comprar ele. mas se ganhasse por exemplo eu leria.
    Feliz Natal!

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Oi, Cida!
    Eu amo muito como a Nora explora as relações em seus livros, seja amizade ou fraternidade.
    Não sabia que esse livro era um pouco antigo, mas já quero porque sou super fã da autora.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Natal Literário 2018: 5 kits, 10 ganhadores. Participe!

    ResponderExcluir
  4. Ah Nora Roberts! Não há como não gostar desta autora, a suas histórias são maravilhosas. Não conheço esta saga ainda, mas já ouvi falar, talvez seja a minha próxima aventura "Nora Roberts"...
    Mundo da Fantasia

    ResponderExcluir
  5. Oi Cida, tudo bem? Eu acho que a Nora nunca decepciona os fãs né? Não importa se a obra é antiga ou nova rsrsrs a relação da família me chamou bastante atenção!

    BJs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Oiii Cida

    Eu gosto dessas histórias que vão além de uma história de amor e procuram desenvolver bem também as relações entre irmãos, em familia, etc. Acho o livro fica mais envolvente e os personagens mais carismáticos. Nunca li nada da Nora, tenho vários livros da autora na lista e espero conferir alguns no próximo ano. Vou anotar esse, achei a premissa interessante.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  7. Oie Cida =)

    Eu até tinha ficado um pouco curiosa com esse novo lançamento da Nora, mas quando vi que era uma trilogia achei melhor deixar a leitura para um outra ocasião, já que infelizmente os livros da autora não estão me conquistando tanto como antes.

    Arrebatado pelo Mar, parece possuir uma narrativa gostosa de acompanhar e pela sua resenha deu para sentir que você se envolveu bastante com a história.

    Vou esperar sair todos os livros, para quem sabe então, dar uma chance a trilogia ;)

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!