[Resenha] Querido Vizinho

Querido Vizinho
Título Original: Neighbor Dearest
Autor(a): Penelope Ward    
Editora: Planeta (selo Essência)       Páginas: 304                          
Lançamento: 2018                           ISBN: 9788542213706
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Depois de tomar um pé na bunda, a última coisa que eu precisava era me tornar vizinha de alguém que me lembrasse do meu ex-namorado, Elec. Damien era uma versão mais sexy do meu ex. O vizinho que eu chamei de “artista irritado” também tinha dois cachorros enormes que me mantinham acordada com seus latidos. Ele não queria nada comigo. Ou era o que eu pensava até que uma noite eu ouvi risadas vindo através de um aparente buraco na parede do meu quarto. Damien estava ouvindo todas as minhas sessões de telefone com o meu terapeuta. O artista sexy agora conhecia todos os meus segredos mais profundos e inseguranças. Nós começamos a conversar. Ele me deu dicas para superar meu rompimento. Tornou-se um bom amigo, mas deixou claro que não poderia ser nada mais. O problema era que eu estava me apaixonando por ele. E por mais que ele me afastasse, eu sabia que ele sentia algo por mim... porque seu batimento cardíaco não mentia. Eu pensei que meu coração havia sido destruído por Elec, mas estava vivo e batendo mais forte do que nunca por Damien. Eu só esperava que ele não o destruísse para sempre.
Querido Vizinho, de Penelope Ward, lançado no Brasil pela Editora Planeta (selo Essencia), é um romance temperado com cenas apimentadas, bom humor e uma dose de drama, que amei ler.

Chelsea acabou de ser deixada pelo namorado e está sem chão. A terapia não está ajudando e a cada dia está mais deprimida. Não ajuda muito, também, não conseguir dormir direito. E não é falta de sono, mas os cachorros do vizinho de apartamento que fazem uma sinfonia de latidos todas as manhãs, obrigando-a a levantar bem antes do previsto.

Quando chega um ponto que a situação está insustentável, Chelsea resolve confrontar Damien, o vizinho, e quando ele abre a porta, caramba! Que visão! No entanto, apesar de gato, ele era abusado e falou para ela ir reclamar com o síndico. E Chelsea foi, mas adivinha quem era o sindico e dono do prédio? Exato!

O romance começa nesta tão conhecida linha de relação entre tapas e beijos, que traz também uma forte atração. Chels e Damien vão ficar se rodeando, brigando, mas não demora para que percebam que a política de boa vizinhança é mais adequada e logo uma amizade surge.

No entanto, a atração vai ficando mais forte e Chlesea vai conseguindo esquecer o ex e pensar mais em Damien. É meio difícil não pensar em um homem daqueles, que apesar de abusado à primeira vista, é um cara bacana, companheiro e de humor peculiar. É adorável a interação dos dois. Mas cadê o beijo na boca e algo mais?

As histórias de Penelope Ward sempre nos enganam, dando a ideia inicial de que vamos ler um romance bem levinho e engraçado e com final feliz que chega rápido. Só que não! Eu já li outros dois livros dela e desta vez já estava esperando pela bomba que iria dificultar a união do casal e não demorou para que chegasse. Já dá para perceber que algo está errado quando Damien assume querer Chelsea, mas não poder. Ai! Minha nossa! O que o impedia?

A trajetória dos dois vai ser um desafio de ganho de confiança e de abrir mão de sonhos por alguém que amamos. Não vou entrar em detalhes sobre o impedimento, mas se Chelsea escolhesse ficar com Damien, teria que abrir mão de um sonho. Vou ser sincera, para mim não seria um sacrifício por ser algo que não almejo, mas sei para para quem quer aquilo para si, deixar de lado é uma enorme prova de amor.

É uma história bem bonita. O que Ward constrói para o casal deixa o leitor com muitas expectativas e também enche nosso coração de ternura. O romance é bem desenvolvido, nada instantâneo e vai sendo erguido em uma base bem sólida. As cenas de sexo são quentes, como é característico da autora, mas são muito engraçadas. Os dois eram bem criativos na escolha dos lugares. Apesar de ter um pitadinha de drama, a história em si não é pesada, é muito divertida por sinal e têm cenas no melhor estilo comédia romântica, apesar de o casal adorar relacionar filmes de terror com suas vidas.

Além de um casal de protagonistas muito gente boa, os irmãos deles também acabam nos ganhando e adoraria um livro de Tyler e Jade, respectivamente irmãos de Damien e Chelsea. Não como um casal, gostaria que fossem histórias individuais, mas pode ser que a autora tenha algo diferente em mente.

Querido Vizinho foi aquele livro que eu não queria largar. Fiquei bem apegada ao casal e torci muito por este romance. É uma delicinha de história e já alerto que você vai sonhar em ter um vizinho desses na sua vida. Recomendo!




2leep.com

12 comentários:

  1. Oi Cida, tudo bem?
    A primeira vista a trama parece ser bem clichê, mas pelos seus comentários, a autora parece trazer uma reviravolta inesperada. Ainda não tive uma oportunidade de conhecer o trabalho da autora, mas gostei da trama. Dica anotada!!!


    *bye*
    Marla
    https://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá, Cida.
    Geralmente esse tipo de livro não me interessa. Só leio se ganhar por exemplo. Mas esse chamou minha atenção e fiquei aqui na curiosidade para saber o motivo dele não poder ficar com ela. Se der eu vou ler ele.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Oi Cida,
    Eu só ouço elogios da obra e confesso que se não fosse as resenhas, eu não teria vontade de ler... Acho que é o título e capa que não me atrairiam, sabe?
    Mas se é daqueles que é impossível largar: QUERO!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida,

    Só li um livro da autora e gostei da escrita dela por ser leve e mesmo assim trazer um toque de drama para a história.
    Com certeza eu leria outros livros dela assim como esse.
    Dica anotada.
    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  5. Oi, Cida!
    Realmente essa história parece que vai ser bem engraçadinha, para curar ressacas. Bom saber que tem uma pegada mais dramática no meio.
    Agora fiquei curiosa pelo motivo do Damien não poder assumir a Chelsea.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  6. Oi Cida.
    Esse parece ser o livro que eu adoraria ler. Gosto de mais de romances bem construídos e casais apaixonantes. Além do humor e do pouco drama.
    Fico ansiosa pela leitura.
    Beijos.

    Blog: Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida, tudo bem?
    Confesso pra você que não ando muito na vibe de romances modernos em que sempre rola algo pra atrapalhar. Mas gostei bastante da resenha e, quem sabe, um dia eu dê uma chance!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  8. Oie Cida =)

    Ahh! Eu adoro histórias assim. Nada como um velho e bom clichê apimentado para deixar o coração mais quentinho rs...

    Fiquei bastante curiosa para conhecer a história e principalmente o que impede o casal de ficar junto.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  9. Oi Cida, tudo bem? Eu ainda não consegui ler os livro dessa autora, acredita? Mas é um tipo de história que com certeza eu vou amar <3

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  10. Oi Cida,
    Só pelo título parece ser bem divertido.
    E hum, lugares inusitados para o clima quente... criatividade. Fiquei curiosa!

    até mais,
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  11. Oiii Cida

    Acabei de ler uma entrevista com a autora no blog da Michelle e justamente ela disse que esse livro é o favorito que ela escreveu e agora leio tua resenha elogiando tanto, contando o quanto o livro arrebata e prende.
    Fico feliz em saber que te encantou tanto e te marcou, parece ser uma história super bem escrita. Não é um gênero que eu leia muito, mas quem sabe futuramente me arrisque mais nestas boas dicas.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  12. gostei do enredo, eu leria com certeza
    ja anotei o nome do livro
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!