[Resenha Dupla] Em Busca da Cidade nas Nuvens + O Último Conselho

Em Busca da Cidade nas Nuvens
Título Original: The Cloud Searchers (Amulet #3)
Autor(a):  Kazu Kibuishi
Editora: Fundamento         Páginas: 208
Lançamento: 2013             ISBN: 9788539506224

 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Emily, Navin e seus amigos da resistência fretam uma aeronave e partem em busca da mítica cidade de Cielis, lar do Conselho dos Guardiões. Eles buscam a ajuda dos sábios Guardiões para derrotar o terrível Rei Elfo e libertar Alledia. O problema é que ninguém sabe ao certo se Cielis ainda existe. Apenas um mapa incompleto, deixado por Silas, os conduzirá por uma aventura repleta de perigos e incertezas. Enquanto isso, o Rei Elfo não está nada satisfeito com o fracasso de seus comandados em capturar a jovem Guardiã da Pedra. Para resolver de uma vez o problema, ele envia o implacável Gabilan, um assassino conhecido por nunca falhar. Outra luta épica se aproxima e, junto com ela, uma aliança improvável e revelações que podem mudar o destino do mundo de Alledia. Best-seller do New York Times



A série O Amuleto, de Kazu Kibuishi, tem apresentado uma história mais e mais empolgante a cada volume. Estou super animada com a leitura e hoje vim contar para vocês o que achei dos volume três e quatro.

A série conta sobre as aventuras dos irmãos Emily e Navin, que após a perda do pai foram viver numa antiga mansão da família e lá descobriram um amuleto que os conduziu para uma dimensão paralela, Alledia . Emily herdou o amuleto diretamente do bisavô e com ele a missão de salvar um povo da destruição. Junto com Navin e um grupo de criaturas peculiares, teve primeiro que salvar a mãe de um sequestro e na sequencia deste acontecimento salvar novamente a mãe de um envenenamento.

Durante estas aventuras, Em descobriu que Alledia estava sob a ameaça do cruel Rei Elfo e que ele queria matá-la. O tirano enviou o próprio filho para dar fim a vida da jovem e roubar o amuleto, no entanto, o rapaz se deu conta de que aquela missão estava errada e passou a ajudar Emily. A aliança deles é cheia de desconfiança, mas o príncipe é um aliado valioso e pode surpreender.

No volume três, Emily vai embarcar numa viagem em busca de uma cidade há muito desaparecida. Ciellis é o lar dos conselho dos guardiões, pessoas que como ela possuem amuletos. É uma cidade lendária e muitos não acreditam que ainda possa existir. Na companhia da família e dos amigos, a nossa protagonista vai ter que descobrir a verdade. É essencial que ela encontre o lugar para receber treinamento e poder derrotar o Rei Elfo.

Este terceiro volume foi o meu preferido até agora. A história ganhou novos contornos, o que começou com uma aventura de família ganhou maior abrangência. Há muita coisa acontecendo e o autor vai encaixando cada nova peça com primor e deixando a aventura mais empolgante.

Também são inseridos novos elementos e personagens, cada um tendo papel importante no desenrolar da trama e na vida da protagonista. 

É clara a evolução da trama e do traço. Eu fiquei encantada demais com os novos cenários apresentados, há um amadurecimento enorme em tudo e eu passei um bom tempo apenas admirando cada desenho.  As ilustrações ganharam uma dimensão maior e, com toda certeza, os desafios também. Emily, Navin e os amigos tiveram que lutar um bocado. A mitologia foi expandida e a história de O Amuleto ficou mais complexa e intrigante.

Eu adoro a parceria Emily com o príncipe Elfo. Ele é um jovem com um passado conturbado em busca de redenção. Tomara que siga neste caminho do bem e se torne um grande herói. Fechei o volume mega feliz com tudo que ocorreu, embora prevendo roer as unhas na sequencia.


O Último Conselho
Título Original: The Last Council (Amulet #4)
Autor(a):  Kazu Kibuishi
Editora: Fundamento         Páginas: 211
Lançamento: 2015             ISBN: 9788576766506
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Emily e seus amigos precisam de ajuda para enfrentar o Rei Elfo, por isso, em busca de apoio, vão a Cielis, a lendária cidade flutuante. Lá, porém, as coisas não saem exatamente como eles esperavam. Muito pelo contrário... Cielis está vazia e o clima na cidade é aterrorizante. Para piorar, em vez de encontrar o auxílio de que precisa, a garota é levada à Academia, onde, mesmo sem querer, vai participar de uma competição por um lugar no poderoso Conselho dos Guardiões da Pedra. Emily não quer saber de briga, mas é obrigada a lutar pela própria vida − e vai descobrir fatos terríveis, que podem significar o fim de tudo aquilo em que acredita

E no quarto volume o nosso grupo de amigos teve um sucesso parcial na missão de encontrar Ciellis. Além de parte deles ter se perdido, as expectativas de ajuda junto ao conselho dos guardiões se mostraram uma bela armadilha. Emily foi separada dos demais. Navin e a mãe estão em perigo. O Príncipe Elfo está novamente sendo julgado injustamente pelo seu passado e o todos estão perdidos e tentando entender que roubada é essa que estão envolvidos.

Este volume vai mais fundo nos segredos que envolvem os guardiões da pedra e seus amuletos.  Os personagens, pela primeira vez, estão trabalhando separadamente e com isso precisam ser mais perspicazes e rápidos em raciocínio.  Na verdade vão ter que seguir suas intuições na maior parte do tempo para julgar em quem e no que confiar. Apesar de Emily ter participação importante nesta parte da história, são seus amigos que vão desempenhar papel fundamental na evolução da jornada.

Nosso grupo de amigos conseguiu descobrir muita coisa nova e fiquei contente em ter resposta para muitos mistérios, mas vitória não tivemos aqui. O terrível Rei Elfo foi muito mais esperto e venceu essa rodada do jogo, fiquei de coração na mão ao ver que ele pode agora vencer a batalha.

Adoro ver o quanto o autor consegue sempre acrescentar novidades em cada volume, incluir personagens cativantes e manter os anteriores em constante amadurecimento. Meu único parênteses nesse volume ficou por conta de edição. As anteriores e até mesmo a próxima tem um papel de ótima qualidade, mas justamente no volume quatro o padrão é outro. Não sei se foi apenas um lote da publicação ou todos estão assim, fiquei triste com esta falta de harmonia na minha coleção. Não complica o aproveitamento da leitura, mas não causa o mesmo impacto visual dos demais volumes. No mais, a história manteve minha empolgação e em breve trago para vocês a resenha do quinto volume. 


Confira 


2leep.com

7 comentários:

  1. dá pra ver que monotonia não existe nessa série, Cida, um enredo bem interessante, cheinho de surpresas!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida, que pena a questão do papel. Eu acho bem difícil séries longas não terem altos e baixos, mas essa até agora só escutei coisas boas.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Cida, fico chocada em como você lê rápido! *-*
    Tudo bem que essas obras tem poucas páginas, mas você é muito eclética também!!!!
    Te admiro. Sério.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida,

    Estou adorando essa série, ainda mais pelo traço do desenho do autor.
    Preciso ler agora esse terceiro que parece estar ótimo.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá, Cida.
    Lendo suas resenhas só me dá mais vontade de ler essa série. Tomara que apareça alguma promoção boa porque estou aqui empolgada para ler eles.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Oi, Cida!
    Que bad esse lance da edição, mas o que importa é que você gostou da série. Eu fiquei bem curiosa sobre ela...
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  7. Oie Cida =)

    É tão bom quando uma série mesmo depois de tantos livros consegue manter a qualidade e o ritmo da história. Desde que li as primeiras resenhas da série Amuleto fiquei bastante curiosa em conhecer a trama, já que pela sua resenha é perceptível o quanto ela envolvente.


    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!