[Resenha] O Reino Selvagem

O Reino Selvagem
Título Original: The Savage Kingdom
Autor(a): Simon David Eden
Editora: Planeta                              Páginas: 320                           
Lançamento: 2016                          ISBN: 9788542206852
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Quando Will-C, o gato de estimação da adolescente Drue, desaparece, ela não imagina que seu sumiço tenha a ver com uma iminente revolução, tramada nos recônditos das florestas de todo o mundo. O reino animal declara guerra aos humanos que, por séculos, destroçaram o que lhes é mais caro: o meio ambiente, o seu habitat, a sua casa. Nesse imenso e intenso conflito de proporções globais, os pets ficam numa encruzilhada quando precisam escolher o lado a apoiar: se o dos seus donos, dos homens, ou dos seus colegas naturais, os animais. Se o peludo e simpático Will-C tem dúvidas de que partido tomar, sua devotada e amorosa dona sabe muito bem o que precisa fazer: resgatar seu querido amigo e companheiro. Reino Selvagem vai além de uma aventura animal de proporções épicas e fantásticas, é a história de um amor verdadeiro, que irá emocionar, alertar e inspirar humanos, donos ou não de animais de estimação.
O Reino Selvagem, de Simon David Eden, publicação da Editora Planeta, traz uma história bem peculiar sobre uma grande guerra ocorrida nos quatro cantos do mundo, que tinha como objetivo a aniquilação da raça humana. 

Quem era o nosso inimigo? Nada de extraterrestres ou seres sobrenaturais, foram os animais que decidiram dominar a Terra.

Sim! Os animais. Tudo começa com uma reunião, todos os tipos de bichos estão presentes e começam a discutir as agressões ao meio ambiente provocadas pelo homem. Eles não aguentam mais ver os companheiros mortos por queimadas ou mesmo derramamento de substâncias tóxicas em rios e mares, é chegada a hora de revidar. Contudo, até mesmo entre os bichos há uma divisão de interesses e aqueles que são animais domésticos, também conhecido por resignados, não querem ferir seus donos e por isso se tornam os rebeldes dentro da revolução do reino animal.

Will –C é um gato de três pernas e um resignado, não quer que Drue,  sua dona, se machuque e fica divido entre ser leal ao seu povo e a sua humana. Ele e outros que pensam igual serão nossos fortes aliados nesta batalha.

Eu fiquei interessada neste livro por conta de Will-C. Sou apaixonada por gatos e me empolguei com uma história onde um deles fosse interagir com humanos e lutar uma guerra. Imaginei que ele e Drue teriam aquela parceria única e me levariam por uma história que eu mesma quisesse viver, afinal seria um sonho bater um papo com meu gatinho.

Embora os dois até conversem, na maior parte do tempo atuam separadamente. Foram poucas as vezes que os dois protagonizaram uma mesma cena e ainda assim senti falta daquela ligação afetiva enorme que esperava entre eles. Will-C não teve tanto destaque quanto eu queria, foi mesmo Drue e o pai que tiveram maior presença em toda a trama. Ela não é totalmente humana, é uma outro tipo de criatura e pode ser que sua espécie seja a única capaz de derrotar os animais.

Eu acreditava que a guerra era apenas pelo descontentamento dos animais com o homem, mas fui surpreendida por uma revelação que havia alguém mais por trás de tudo e com motivos aparentemente bem diferentes. Tal revelação mudou o rumo da trama e deixou algo no ar para ser resolvido por Drue, que começou com uma garotinha frágil e órfã de mãe e acabou como uma guerreira.

Reino Selvagem nos faz imaginar como seria se os animais se rebelassem contra nós e não há como não ficar em dúvidas sobre a hipótese de realmente eles se reunirem por aí e tramarem algo. O que será que o nosso gato ou cachorro imagina quando nos olha?

Eden escreveu esta obra inspirado na filha e na relação dela com seu bichinho de estimação. É uma história voltada para o público juvenil e aborda de maneira leve e imaginativa o desrespeito do homem com a natureza a também a grandeza da nossa relação com animais de estimação. Em alguns casos, como ter um bichinho pode ser importante para a pessoa superar uma perda.

Embora tenha esperado algo mais fofo entre Drue e Will-C, Reino Selvagem conseguiu me agradar em diversos outros aspectos, especialmente no fator conscientização. Vi que há uma continuação e torço para que Eden reserve mais espaço para este curioso gatinho.



2leep.com

10 comentários:

  1. QUÊ. Fiquei completamente desnorteada com a sinopse é resenha, não esperava essa temática, me surpreendeu positivamente. Desanimei um pouco pelo que você disse deles não protagonizarem juntos, mas pretendo dar uma chance.
    Gislaine | Paraíso da Leitura

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida, sua linda, tudo bem?
    Seria fofo mesmo ver a relação deles e a união dos mesmos para resolver essa revolução, mas pelo visto o autor quis seguir outro foco. Achei o máximo o pai escrever a história para a filha, imagine a emoção dela ao ler!!! Eu quero muito ler esse livro e não sabia que tinha continuação. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. A capa desse livro é belíssima e eu gostei muito do enredo! Adoraria conhecer melhor essa história!
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Cida!
    Esse livro me lembrou A Bússola de Ouro.
    Gente, comassim os animais querem aniquilar a gente? Realmente existem alguns seres humanos que são desperdício de oxigênio.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  5. Tem gato??

    Já quero!!

    Adorei a resenha. Mesmo você não tendo se agradado nesse tanto, a resenha me agradou muito!!!

    Vai pra interminável lista!

    Bjkssssssss

    Lelê

    ResponderExcluir
  6. que legal o enredo, Cida, é bem atrativo e ja fiquei curiosa para saber como essa guerra entre animais e humanos irá terminar!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Esse livro me lembrou um outro, chamado Zoo. Se os animais se rebelassem não seria nada legal, principalmente porque eles teriam motivos aceitáveis pra isso. Achei interessante a história, com certeza leria!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Cida!!!

    me lembrou um pouco a revolução dos bichos esse enredo, por isso já me interessei, e sim adoro gatos <3

    bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Que sinopse legal desse livro, parece ser bom. Parabens pela resenha!
    Abraço!
    http://leituraforadeserie.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Oie!

    Muito interessante a premissa deste livro, achei diferente de tudo! Adoro animais e amoooo gatos, achei inicialmente fofo mas parece ter um quê a mais de fantasia, batalhas e tudo. Super leria este livro, acho que condiz com o que adoro ler, e também gosto muito de livros com temática de destruição da humanidade, seja como for hahahaha. Não é por nada específico não, só nos acho folgados mesmo. Os animais fizeram o certo! :P

    Fiquei beeeem animada com o livro e super curiosa com o final e com toda a trama. Adorei a capa também. Ando sonhando com um gatinho preto aqui em casa (já tenho uma branca) e me apaixonei pelo da capa hahaha.

    Beijo!
    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!