[Resenha] Corte de Espinhos e Rosas

Corte de Espinhos e Rosas
Título Original: A Court of Thorns and Roses (A Court of Thorns and Roses #1)
Autor(a): Sarah J. Maas
Editora: Galera Record         Páginas: 434
Lançamento: 2015               ISBN: 9788501105875
Capa Corte de Espinhos e Rosas V3 DS ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Em Corte de Espinhos e Rosas, um misto de A Bela e A Fera e Game of Thrones, Sarah J. Maas cria um universo repleto de ação, intrigas e romance. Depois de anos sendo escravizados pelas fadas, os humanos conseguiram se libertar e coexistem com os seres místicos. Cerca de cinco séculos após a guerra que definiu o futuro das espécies, Feyre, filha de um casal de mercadores, é forçada a se tornar uma caçadora para ajudar a família. Após matar uma fada zoomórfica transformada em lobo, uma criatura bestial surge exigindo uma reparação. Arrastada para uma terra mágica e traiçoeira — que ela só conhecia através de lendas —, a jovem descobre que seu captor não é um animal, mas Tamlin, senhor da Corte Feérica da Primavera. À medida que ela descobre mais sobre este mundo onde a magia impera, seus sentimentos por Tamlin passam da mais pura hostilidade até uma paixão avassaladora. Enquanto isso, uma sinistra e antiga sombra avança sobre o mundo das fadas e Feyre deve provar seu amor para detê-la... ou Tamlin e seu povo estarão condenados.

Corte de Espinhos e Rosas é o primeiro volume da série de mesmo nome, da autora Sarah J. Maas, publicada no Brasil pela Galera Record. Quem acompanha o blog, sabe que Trono de Vidro é minha série de fantasia mais querida atualmente, na verdade agora divide lugar com Uma Chama Entre as Cinzas, ambas trazendo fantasia de primeira. Então imaginem  como eu estava ansiosa para conferir o novo livro de Maas?

Feyre é uma garota que viu a família perder a fortuna e jurou para a mãe, quando esta morreu, que cuidaria do pai e das irmãs. A garota levou a promessa ao pé da letra e assumiu as rédeas da casa, colocando literalmente comida da mesa. Foi exatamente tentando alimentar todos que arrumou um bela confusão. Ela matou um lobo para vender sua pele, contudo ele não era um animal comum, era um feérico e este crime deveria ser punido, não pelos homens, mas pelo soberano deste povo.

Assim Feyre teve que pagar e foi levada por Tamlin, uma besta-fera feérica, para viver em suas terras. No entanto a jovem, que acreditava que iria viver entre selvagens, foi surpreendida. Os seres mágicos eram bem civilizados e Tam não demonstrava querer escravizá-la, ou jogá-la em um porão, ele fez dela sua hóspede e mostrou que tanto poderia ser uma fera, quanto um belo homem.

Em parte uma releitura arrojada e cheia de carisma de A Bela e a Fera, com todas as características marcantes que Maas coloca em suas obras: excelente ambientação, personagens fortes, trama envolvente, mitologia criativa e muitas reviravoltas.

A autora sabe criar universos únicos, mundos de magia, mistério, guerras, romance, intrigas e muita ação e, em ambas as séries, cada um destes elementos foi trabalhado com primor. 

Aqui temos Prythian,  uma terra dividida em várias cortes que estão sendo assoladas por uma praga. Há a Corte Primaveril, Outonal, Estival, Invernal, Noturna, Diurna e Crepuscular, todas habitadas por criaturas além da imaginação e mortais para os humanos. Os ambientes são descritos em detalhes, de forma a tornar tudo muito visual. É um mundo de cores e muita beleza.

Em relação aos personagens, é fato que quem leu a série anterior vai esperar encontrar nesta história uma mocinha tão forte quanto Celaena, e embora Feyre não comece tão cheia de carisma, não dá para negar que ela é muito resistente e tem uma personalidade marcante. Confesso que nos primeiros capítulos, eu não estava curtindo sua atuação, não gostei de ver como se submetia à família e os carregava nas costas, mas quando ela foi viver com Tamlin tudo mudou, e para melhor. Virei fã da garota.

Eu ri muito com a adaptação da protagonista na terra dos feéricos. Sua eterna desconfiança a coloca em situações de pura vergonha alheia. Ela tenta resistir de todo jeito ao luxo e conforto que recebe, mas o pior mesmo é vê-la fugindo de Tamlin e todo seu charme. Feyre cresce a cada página: temos a menina irritada que cuidava da família, seguida da jovem arisca que não sabia aceitar um gentileza, até chegarmos naquela que desabrocha para o amor e assume para si a missão de proteger o homem que ama, custe o que custar.

Como citei, em partes é uma nova versão da Bela e a Fera, e claro que o monstro vai mostrar que pode ganhar o coração da garota. Tam na verdade é um guerreiro e por isso assusta, mas na verdade sua luta é pelo seu povo e lá no fundo é um cara atormentado e com um grande coração. Poderoso, intimidante, sedutor, cheio de segredos e carisma. Ele pode me sequestrar quando quiser.

Ambos têm muito em comum muita força mergulhada em tristeza, melancolia e dor. Quando vão se descobrindo, passam a admirar-se mutuamente. A relação é cheia de momentos compartilhados, de votos de confiança, proteção e descoberta.

E se boa parte da trama gira em torno da construção deste romance, pode contar que não é aquela coisa melosa e entediante, nem de longe. É algo quente, sensual e muito intenso. Não segue por caminhos fáceis e quando você acha que vai tudo dar certo vem a reviravolta. Um tentando salvar o outro e finalmente a mocinha mostrando que é uma protagonista de Maas, pois toma nas mãos a missão de salvar todos. E então veio a batalha contra os vilões e a tentativa de quebrar maldições...

Empolgante é pouco para descrever cada parte desta história. Eu amei e não queria que acabasse, ao mesmo tempo que queria saber o que viria no desfecho. E haja coração. Nunca um reino de fadas foi tão sombrio e apaixonante, eu já tinha lido outros livros com estes seres, mas sempre faltava algo para me arrebatar. Maas conseguiu isso, me deixou sem chão.

As comparações entre ambas as séries da autora são inevitáveis e mesmo que existam os aspectos que caracterizam o jeito de escrever de Mass, os enredos são originais e eletrizantes, cada um com alma e encanto próprios. Na dúvida, leiam tudo que essa mulher escrever.

2leep.com

21 comentários:

  1. Oi Cida, sua linda, tudo bem
    Ah.... Ele também pode me sequestrar quando quiser, risos... Olha, estou inclinada a fazer isso mesmo, ler tudo o que essa autora escrever. Finalmente terei a oportunidade de ler a série Trono de Vidro, e quando descobrir essa nova série em uma resenha eu surtei, ela já está na minha lista, é claro, risos... Mas você tem um jeito de falar dos sentimentos dos personagens que nossa, impossível resistir. Adorei sua resenha!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida!
    Já me apaixonei pela capa desse livro! Eu ainda não li nada da autora, mas só de saber que é tipo Bela e a Fera já quero ler.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  3. Olá :)
    Quero muito ler o livro mais porque é uma releitura de A Bela e a Fera meu conto favorito! E claro porque eu também amei Trono de vidro!

    Beijão,
    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. percebi mesmo a semelhança com o conto que em questão é o meu favorito da literatura infantil clássica então mesmo não curtindo tanto assim fantasia creio que o livro me convenceu
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. percebi mesmo a semelhança com o conto que em questão é o meu favorito da literatura infantil clássica então mesmo não curtindo tanto assim fantasia creio que o livro me convenceu
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi, Cida!
    Eu sou uma alien por não ter lido nada da Maas... Porem, esse livro já está na lista de desejados, assim como Uma Chama Entre as Cinzas.
    Parabens pela resenha. Está ótima como sempre
    Beijos
    Balaio de Babados | Participe da promoção Natal do Babado

    ResponderExcluir
  7. Vou te falar que não fazia ideia que a história se desenrolava assim! Fiquei surpresa e bem curiosa, graças à sua ótima resenha :D

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha nova no blog de "A Luva de Cobre", vem conferir!

    ResponderExcluir
  8. Cida faz isso comigo não, hoje num grupo de Whatss só falavam desse livro, e agora chego aqui e encontro esta resenha linda. Vc me convenceu, vou comprar hahaha

    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  9. Oi Cida, bem interessante a história, personagens com protagonistas marcantes são ótimos e gosto do fato da autora saber criar um Universo próprio! Vou tentar ler nas férias!

    bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  10. Olá, Cida!
    Ainda não li nenhum livro dessa autora, mas, como A Bela e a Fera é meu conto de fadas preferido, acredito que vou curtir essa leitura :)
    Obrigada pela dica!
    Beijos!
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir
  11. Ai não sei.... hummmm.... eu amei a resenha, mas acho não quero, rsrs.
    Já viu que estou bastante decidida né..... mas é que não sei mesmo.
    Gostei de tudo que você disse, mas acho que agora não.... Pera, vou pensar.

    ResponderExcluir
  12. Ainda não li nada da Mass, me segura que eu to já correndo na Amazon, mas me segura mesmo que eu não posso comprar mais nem um gibi que estou falidaaaa kkkk Jesus, só de ler a resenha eu já estava querendo ser sequestrada... Jesus... como pode... preciso ganhar o dobro e trabalhar a metade para poder ler tudo o que quero e sei que vale a pena kkkk


    #DoQueEuLeio "

    ResponderExcluir
  13. "Ele pode me sequestrar quando quiser" kkkkk #CidaSafadinha
    Amei a resenha amiga, e como adoro releituras de A Bela e a Fera, vou ler assim que puder! Só tenho uma dúvida, a história tem um final? Os próximos volumes serão relativos à outras releituras?
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elis! Tem final fechado sim, deixando aquela brecha para o leitor imaginar o que espera pelo casal. Não tem cliffhanger.

      Excluir
    2. Oi Elis! Tem final fechado sim, deixando aquela brecha para o leitor imaginar o que espera pelo casal. Não tem cliffhanger.

      Excluir
  14. Oie Cida, tudo bem!?

    Eu quero muito ler este livro, na verdade acho que vou pegar ele amanhã. A Iza leu assim que a editora lançou, para o nosso mês da fantasia, e como tudo da autora, ela diz ter amado.
    Acho que vou gostar muito, esse tipo de história me cativa, e a autora tem uma excelente reputação já conquistada com trono de vidro (que também preciso ler). Adorei a resenha!! Ficou muito boa e com certeza vai cativar muitos leitores novos para a Sarah.

    Beijos
    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Cida!
    amo as releituras dos contos de fada e A Bela e A fera é o meu favorito.
    Desde o lançamento desse livro que ando desejando acompanhar a leitura, principalmente pelo romance, pela quebra de maldições, etc...
    “Sentir é criar. Sentir é pensar sem ideias, e por isso sentir é compreender, visto que o Universo não tem ideias.” (Fernando Pessoa)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista de Dezembro, serão 6 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  16. Já vi a capa desse livro em diversos blogs, mas confesso que nunca parei pra ler as resenhas, mas nossa, você me deixou super empolgada rs. Não sabia que a história tinha essa pegada de A Bela e a Fera, e o romance deles já me atraiu, pelo fato de não ser meloso. Gosto muito dessas histórias que envolvam magia, sem perder sua originalidade. Agora só falta tempo pra ler rs.
    Abs!

    ResponderExcluir
  17. Ganhei esse livro, mas ainda não fazia ideia do que se tratava. Achei o máximo que relembre a bela e a fera, gosto muito dessas releituras de contos de fadas (amo once upon a time).

    Acho que é um livro bem completo, te fantasia, romance na medida certa, e ainda da pra dar umas boas risadas. Ainda bem que ganhei esse livro!

    ResponderExcluir
  18. oda vez que leio uma resenha aqui, minha meta de leitura aumenta no Skoob, gente do céu, quantos livros maravilhosos vocês indicam. Fiquei mega curiosa para ler 'Corte de espinhos e rosas'. Já sei que livro pedir de presente de aniversário rsrsrsrs.

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!