[Resenha] A Luva de Cobre

A Luva de Cobre
Título Original: The Copper Gauntlet (Magisterium #2)
Autor(a): Holly Black e Cassandra Clare
Editora: Galera Record (selo Júnior)        Páginas: 304
Lançamento: 2015                                   ISBN:9788501105806
LUVA DE COBRE ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Nesta fantasia urbana, um universo de magia coexiste com nosso mundo. Um universo repleto de intrigas, onde crianças aprimoram seus poderes em uma escola de magia chamada Magisterium, com Mestres que temem a volta do mago mais poderoso, e ambicioso, de todos os tempos, o Inimigo da Morte. Nesse volume, o aprendiz de mago Callum Hunt precisa encontrar uma antiga arma mágica roubada do Magisterium. A luva de cobre é capaz de arrancar a magia de uma pessoa e destruí-la completamente. Ao mesmo tempo, ele tem de decidir se conta aos amigos que, dentro dele, vive a alma do Inimigo da Morte, apenas à espera do momento perfeito para retomar sua escalada pelo poder.


A Luva de Cobre, segundo volume da série Magisterium, de Cassandra Clare e Holly Black, acabou de chegar e eu logo fui conferir. Eu curti demais O Desafio de Ferro (resenha aqui) e precisava saber o que o destino havia reservado para o jovem aprendiz de mago, Callum Hunt.

Call foi aceito na escola de magia Magisterium contra a vontade de seu pai, Alastair e por pouco não sobreviveu ao ano de ferro. Agora está prestes a retornar e começar o ano de cobre, contudo ao passar as férias em casa percebeu que o pai não queria que ele voltasse e ainda por cima, parecia ter planos para dar um fim no garoto. Será que teria coragem?

Bem, Call apostava que sim, pois depois do que descobriu sobre si no livro anterior, percebeu que poderia cedo ou tarde ser consumido pelo caos e pelo Inimigo da Morte, o maior vilão de todos os tempos. Assustado, pegou seu lobo Devastação e fugiu para a casa de Tamara. Lá não só reencontrou a melhor amiga, como também o melhor amigo, Aaron.

Juntos, os três futuros magos, acabaram envolvidos novamente em mais mistérios e intrigas, pois ao descobrirem sobre o roubo de um poderoso artefato mágico, perceberam que teriam que intervir para evitar a própria morte e a do pai de Call. O Alkahest poderia ajudar e destruir, dependendo nas mão de quem o objeto no formato de uma luva acabasse caindo.

A história é narrada em terceira pessoa e cheia de ação do começo ao fim. Se o livro anterior veio para ambientar o leitor, este veio para nos tirar o sossego e despertar muitas emoções e risos. Logo nas primeiras páginas revemos um Call bem mais forte e cheio de atitude, mas ainda assim perturbado pela verdade sobre si mesmo. Ele está tão confuso que fica analisando cada uma de suas atitudes para determinar se são boas ou más. O garoto morre de medo de ser consumido pela maldade. É tanto o desespero dele que chega a ser cômico, ri muito com seus pensamentos atrapalhados.

Eu estava com receio de não lembrar dos acontecimentos anteriores, faz um tempinho que li o primeiro volume, mas assim que comecei este segundo tudo voltou naturalmente, acredito que seja porque o universo criado por Holly e Cassie possui aspectos bem particulares e os personagens são marcantes, desta forma consegui me conectar facilmente com A Luva de Cobre.

As autoras não perdem tempo recapitulando, a história segue em frente com muita ação e mais e mais mistérios. Eu gostei desta evolução, de tudo ficar muito complicado a cada livro e com isso os personagens enfrentarem desafios cada vez mais perigosos.

Call começou o livro anterior bem fraquinho, mas passou por uma transformação e ganhou minha total admiração no final. Agora ele volta em grande estilo e não decepciona quem aguarda por seu crescimento e amadurecimento. Aaron e Tamara também cresceram visivelmente, e gostei do espaço que as autoras deram para Jasper  outro aluno do Magisterium –, e também para Alastair.

A cada novo livro uma batalha é travada, mas sabemos que a guerra ainda está por vir. A magia está mais densa, o universo fantástico mais elaborado e os inimigos mais escorregadios e difíceis de identificar, quanto mais capturar.

O livro anterior teve a maior parte de sua ambientação na escola, este segundo é mais ousado e leva nossos amigos por uma viagem de carro cheia de curvas inesperadas e um destino incerto.

Eu adorei A Luva de Cobre! Uma leitura muito divertida e vibrante, mas que também conseguiu me comover muitas vezes. Call é corajoso e destemido, mas ainda é uma criança, e como tal, tem medo e quer amor, muitas vezes sua carência e dúvidas partiram meu coração.

O final trouxe muitos acertos, deixou laços de amizade mais estreitos e deu a Call um novo status no Magisterium. O garoto antes visto com piedade, agora é admirado e temido em igual medida. Ele terá que lidar com mais esta mudança em sua vida, enquanto tenta descobrir quem está fingindo ser um amigo, quando na verdade é um espião.

Delicioso! Recomendo para quem ama histórias protagonizadas por jovens traquinas, que não temem desafios e amam universos mágicos.




2leep.com

11 comentários:

  1. fico contente de ver que a editora se interessou, afinal uma série inacabada são fãs em tristeza!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida!
    Não li o primeiro livro da série mas tenho ele aqui, esperando para ser lido... Achei curioso que cada um foi publicado por uma editora diferente. Bom, só sei que preciso ler, pois a história parece ser muito legal!

    Obs: Te indiquei para uma tag no blog ;)
    http://www.meujardimdelivros.com.br/2015/11/tag-esse-ou-esse.html

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  3. Oi, Cida!
    Não li nenhum livro dessa nova série da Cassandra, mas parece ser bem legal.
    Acho que o que me impede de ler é porque acho que lembra um pouco Harry Potter.
    Beijos
    Balaio de Babados | Participe da promoção Natal do Babado

    ResponderExcluir
  4. Eu não li nem o primeiro ainda, aí, ontem uma amiga minha disse que é bom pra caramba!!!

    Agora vem você e desenrola essa resenha ótima, com aventura e tudo mais.... Mano, sacanagem.
    Vou ter que ler né.

    Bjksssss

    Lelê

    ResponderExcluir
  5. Cida!
    Tive oportunidade de ler o primeiro livro lançado na época pela Novo Conceito.
    Imagino que a aventura desse segundo livro seja ainda mais intensa e mais descobertas, o que torna ainda mais emocionante a leitura.
    Também não tinha como ser diferente diante de duas excelentes autoras.
    “A beleza é a única coisa preciosa na vida. É difícil encontrá-la - mas quem consegue descobre tudo.”(Charles Chaplin)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  6. Oie Cida =)

    Ainda não li o primeiro livro dessa série, afinal são tantas sendo lançadas ao mesmo tempo que a gente fica até meio perdida rs...
    A premissa me lembra um pouco Harry Potter e a história parece ser bem interessante. O tipo de literatura juvenil que eu costumo curtir.
    Ótima resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  7. Eu não curto muito livros com essa temática, mas eu gostei muito da sua resenha e achei o enredo bem interessante então, eu poderia dar uma chance sim.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Cida, tudo bem?
    Eu ainda não li o primeiro, e lendo sua resenha do segundo, acho que vou gostar da série.
    Já está na minha lista de desejados.
    Logo que possível estarei conferindo.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, Cida.
    Esse livro foi pra minha lista de desejados tem pouco tempo, mas eu quero ler primeiro alguma obra só da Holly Black. Agora fiquei mais ansiosa para ler, amei a resenha.
    Beijos, Borboletas de papel

    ResponderExcluir
  10. Parece um livro recheado de ação e divertido, sem perder o foco. Fiquei bem curiosa para conhecer as traquinagens da garotada e confesso que amei essa capa. Perfeita

    ResponderExcluir
  11. Oi Cida, sua linda, tudo bem
    Nossa, que pai é esse, fiquei horrorizada. É impossível não lembrar de Harry Potter, mas como sou fã eterna do meu bruxinho preferido, isso só me atrai mais ainda para essa série. Essa capa é linda demais, está no mesmo padrão da primeira. Cida, gostei de que esse livro é mais dinâmico, tem mais ação e mais perigo. Nossa, eles precisam achar esse artefato e ter cuidado, pois como existe um espião, alguém vai tentar tirar deles. Fiquei super curiosa para saber porque agora ele é temido, respeitado, o que ele deve ter feito, risos...Adorei sua resenha, e não vejo a hora de ler!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!