[Resenha] O Desafio de Ferro

O Desafio de Ferro
Título Original: The Iron Trial (Magisterium #1)
Autor(a): Cassandra Clare, Holly Black 
Editora: Novo Conceito (#irado)        Páginas: 384
Lançamento: 2014                              ISBN: 9788581635576
42540599 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
A maioria dos garotos faria qualquer coisa para passar no Desafio de Ferro. Callum Hunt não é um deles. Ele quer falhar. Se for aprovado no Desafio de Ferro e admitido no Magisterium, ele tem certeza de que isso só irá lhe trazer coisas ruins. Assim, ele se esforça ao máximo para fazer o seu pior... mas falha em seu plano de falhar. Agora, o Magisterium espera por ele, um lugar ao mesmo tempo incrível e sinistro, com laços sombrios que unem o passado de Call e um caminho tortuoso até o seu futuro. Magisterium - O Desafio de Ferro nasceu da extraordinária imaginação das autoras best-seller Holly Black e Cassandra Clare. Um mergulho alucinante em um universo mágico e inexplorado.

O Desafio de Ferro, primeiro livro da série Magisterium, de Cassandra Clare e Holly Black, publicada no Brasil pelo Grupo Editorial Novo Conceito – selo#irado, foi um livro que aguardei muito, sou fã declarada de Cassie deste que li Os Instrumentos Mortais, e Holly ganhou meu coração com o sensacional Boneca de Ossos (confira a resenha), assim minhas expectativas estavam elevadas, queria muito saber qual seria o resultado desta parceria.

O Fogo quer queimar. A Água quer fluir. O Ar quer se erguer. A Terra quer unir. O Caos quer devorar.

Uma guerra entre magos poderosos causou muita dor e destruição, o Inimigo da Morte foi mais esperto que todos os membros do Magisterium, descobriu o local onde as mulheres, crianças e idosos estavam escondidos e matou todos, exceto o pequeno Callum Hunt.

Quando Alastair encontrou o filho resolveu deixar a magia para trás, criou o menino longe de tudo aquilo, mas chegou o dia que foi necessário levá-lo até os mestres do Magisterium para que sua magia fosse testada, e se aprovado nos testes, Call deveria partir para um treinamento intenso. Contra a vontade de pai, o menino foi levado para esta escola de magia subterrânea e ali uma verdadeira aventura começou.

O livro é narrado em terceira pessoa e nos apresenta o Magisterium, uma escola de magia que treina seus aprendizes para vencer a magia do caos, uma força movida por um intenso vazio capaz de devorar a alma de qualquer criatura viva e deixá-la oca. É um local sombrio e perigoso, que fascina ao mesmo tempo que assusta e causa uma atração inexplicável naqueles que estão lá dentro.

Eu adorei a ambientação, embora uma escola de magia não seja uma tema inédito na literatura jovem, Holly e Cassie conseguiram diferenciar a sua das demais, com uma mitologia própria e cheia de enigmas e segredos, o Magisterium é um lugar que se revela aos poucos, fazendo o leitor ficar ávido por mais e mais informações e, mesmo que muito seja dito, percebe-se que ainda teremos muitas surpresas adiante. Cada capítulo terminou com algo impactante e facilmente eu virava a página seguinte para ver onde a aventura iria chegar. É algo muito empolgante.

Aliado ao cenário intrigante, temos um passado de magia e guerras que reflete nos dias atuais, os aprendizes sabem pouco, somente o que ouviram dos mais velhos, e isso acaba resultando numa curiosidade desmedida, o que os coloca em várias confusões na busca por respostas.

Call é nosso protagonista, surge na trama como um menino solitário que sofre discriminação por ter um problema na perna, ele possui muita magia dentro de si, mas pouco sabe sobre este legado, já que por medo, seu pai não lhe falou sobre o assunto, contudo no dia que ingressa no Magisterium acaba tendo que aprender.

Ele não foi aquele personagem que ganhou meu coração instantaneamente, não por ser uma pessoa ruim, mas por ser muito retraído, no entanto, conforme a história avançou e ele começou a se integrar na escola, um novo garoto surgiu, foi um desabrochar, algo que ele mesmo notou, pela primeira vez na vida encontrou seu lugar no mundo e assim conseguiu mostrar sua verdadeira personalidade. Call acabou me surpreendendo pela sua ousadia e coragem e assim me conquistou. Os personagens secundários também evoluem no decorrer da história, Aaron e Tamara são dois jovens que ganham espaço ao interagir diretamente com o protagonista e admito que tem igual importância na trama.

Este primeiro livro não possui um ritmo tão alucinado, mas nem por isso deixa de ter muitas reviravoltas, é um volume feito para nos inserir neste universo e apresentar seus personagens e posso dizer que este objetivo foi atingido, você fecha o livro como um verdadeiro aluno do Magisterium, sendo capaz de entender seus princípios de magia e sua complexa hierarquia, tiro o chapéu para as autoras por conseguirem deixar o leitor tão à vontade e imerso em seu universo mágico, é algo essencial para que você se conecte com a trama e aprecie seu conteúdo.  Da metade em diante é que as coisas ficam mais agitadas, aí sim percebemos que a série promete muitos desafios, nos momentos finais meu queixo caiu, algo sobre Call foi dito e mudou o rumo de tudo, eu até desconfiei de uma outra coisa, mas nem de longe foi o que Cassie e Holly apresentaram. Agora meu maior desejo é ler o próximo livro. Recomendo.

“ – Eu vejo através das máscaras de pele o que vocês vestem – o Devorado continuou. – Vejo seu futuro. Um de vocês irá falhar. Um morrerá. E o outro já está morto.”



A Cassie já revelou a capa do segundo livro!


2leep.com

15 comentários:

  1. Gostei dessa magia toda! Da magia que traz o livro.
    E quanto a escola da magia... Ah! Não é novidade, mas deve ser uma delícia ir para uma nova escola!!!
    Adorei isso!!

    Adorei a resenha também ;)

    Bjks

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oiê!

    Confesso que tenho um pouco de medo de ler esse livro. Gosto demais da Cassie justamente por causa de "Os Instrumentos Mortais" e com o adicional de "As Peças Infernais". É claro que eu não perderia o encanto por ela, mas tenho medo de não gostar tanto de "O Desafio de Ferro". Da Holly Black só li alguns contos e gostei muito.

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi Cida

    Também amei este livro, elas escreveram super bem e meu queixo também caiu com aquele final nossa é muito maravilhoso esse universo que ambas criaram e não posso deixar de falar que o lobo filhote que Call pegou para cuidar é muito fofo rsrrsrs

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida

    5 estrelas? Nossa. Sua resenha não é a primeira positiva que eu leio sobre o livro, mas sempre tem uma crítica negativa ou outra, pelo jeito a história de fisgou mesmo. Eu tô com ele em casa e sempre que vou iniciar uma nova leitura fico na dúvida se escolho ele ou não. Minha experiência com a Cassandra não foi das melhores e a Holly conseguiu me cativar com Boneca de Ossos. Dúvida grande!

    Beijos
    Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  5. Oie Cida =)

    Estou chegando a conclusão que esse livro é 8 ou 80 rs... Estou bastante curiosa para conhecer a história, já que amo narrativas com magos e muita magia, porém tenho medo que algumas semelhanças com Harry Potter me atrapalhem um pouco quando chegar a minha vez de ler a história.

    Estou ansiosa para me jogar nessa aventura *-*

    Adorei a resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  6. Olá Cida,

    Esse livro esta na minha lista de espera de leitura e a cada resenha que leio fico ainda mais curioso, gosto do estilo de leitura e a capa é muito bonita e cada capítulo terminar com algo impactante é bem legal....ótima resenha...abraço.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. essa série da NC foi meio desanimadora! irado não é um selo que me atrai por suas histórias de ação! http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Cida!

    Não fazia ideia do que se tratava "O Desafio de Ferro", mas assim que li a palavra magia, fiquei imediatamente interessada. Fico contente em saber que as autoras deram um toque peculiar e criativo à escola de magia, estou ansiosa para saber mais sobre a mitologia por trás disso tudo.
    Ótima dica! :)

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Por mais que ainda não tenha lido nem Instrumentos Mortais e nem Boneca de Ossos, gostei muito da proposta desse livro. Adoro magia e fantasia, então acho que vale muito a pena dar uma conferida. Só não gostei muito da capa, mas faz parte. kkkk

    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Tem um ar de Harry Potter pelo jeito! E nada contra! Adoroooo, vou ler com toda certeza!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  11. Oie,
    estou querendo ler o livro, mas ele ainda esta me esperando.
    Acho que vou gostar.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  12. Nunca li algum livro dessas autoras, mas sei que a Cassandra Clare faz um sucesso muito grande, né? Geralmente eu gosto de primeiros livros, eu gosto da apresentação do universo e dos personagens. Acredito que eu vou gostar dessa série, que bom que tenho O desafio de ferro em casa. E é uma capa tão bonita!

    Beijos,
    alanahomrich.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Que bom que você gostou, amiga. Eu sou doida nesse selo irado da NC, viu! Amo tudo o que eles lançam.. kkk nunca li nada da Cassandra, mas sou fã de Holly e li por ela. Por mais que, em muitos momentos, eu tenha achado uma releitura de Harry Potter, adorei as inovações feitas pelas autoras, e por incrível que pareça, me apaixonei por Call desde o início. Me identifiquei bastante com ele.. kkk mal posso esperar pela continuação. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Cida, eu ainda não comecei a ler essa série, mas ela parece ser muito boa mesmo. Estou evitando começar a ler novas série mais assim que acabar umas que estou lendo eu vou começar esta.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. É a primeira resenha dele que leio, mas desde o lançamento estou querendo!
    Porque eu ainda não li nada da Holly Black e da Cassandra Clare, então acho que seria legal começar por ele!!!
    O Call tem jeito de ser fofo, lembrou a história do Harry Potter! Mas pode ser diferente, pelo jeito que vc descreveu o livro, não tem tanto a ver.
    Vou procurar para comprar!!!!!!Afinal, essas autoras parecem imperdíveis!!
    beijooos
    Ana,
    anairados.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!