[Resenha] A Desconstrução de Mara Dyer

A Desconstrução de Mara Dyer ( Mara Dyer #1)
Título Original: The Unbecoming of Mara Dyer (Mara Dyer #1)
Autor(a): Michelle Hodkin
Editora: Galera Record      Páginas: 256
Lançamento: 2013      ISBN:9788501098580


_mara
Um grupo de amigos... Uma tábua ouija... Um presságio de morte. Mara Dyer não estava interessada em mensagens do além. Mas para não estragar a diversão da melhor amiga justo em seu aniversário ela decide embarcar na brincadeira. Apenas para receber um recado de sangue. Parecia uma simples piada de mau gosto... até que todos os presentes com exceção de Mara morrem no desabamento de um velho sanatório abandonado. O que o grupo estaria fazendo em um prédio condenado? A resposta parece estar perdida na mente pertubada de Mara. Mas depois de sobreviver à traumática experiência é natural que a menina se proteja com uma amnésia seletiva. Afinal, ela perdeu a melhor amiga, o namorado e a irmã do rapaz. Para ajudá-la a superar o trauma a família decide mudar para uma nova cidade, um novo começo. Todos estão empenhados em esquecer. E Mara só quer lembrar. Ainda mais com as alucinações - ou seriam premonições? - Os corpos e o véu entre realidade, pesadelo e sanidade se esgarçando dia a dia. Ela precisa entender o que houve para ter uma chance de impedir a loucura de tomá-la....

A Desconstrução de Mara Dyer, publicado no Brasil pela Editora Galera Record é o primeiro livro da Trilogia Mara Dyer da autora Michelle Hodkin.  Capa, premissa e título, tudo foi fator essencial para despertar meu interesse neste livro. O quê seria exatamente a desconstrução de uma pessoa? E esta capa que nos dá a sensação de amor e de salvação, de tirar alguém do fundo do poço?

Mara Dyer acordou numa cama de hospital sem as suas últimas memórias e fica sabendo que sofreu um grave acidente juntamente com seus amigos. No entanto, ao passo que eles morreram, ela sofreu apenas alguns arranhões. Traumatizada pela perda destas pessoas e também de suas lembranças, pede a mãe que a família mude para outra cidade.  Mara tenta recomeçar a vida em Miami, mas é vitimada por frequentes pesadelos e alucinações, fazendo com que a garota veja os amigos mortos no espelho, na escola, na multidão… E para piorar tudo, ela tem a estranha sensação de sempre estar sendo observada.

Narrado em primeira pessoa pela protagonista, que nos leva em sua jornada pelos episódios praticamente inexplicáveis que compõe sua vida. Mara é uma jovem atormentada, primeiramente pela  perda da memória, depois pela tragédia e por fim pela certeza que está ficando maluca.

Sabemos logo que a vida da garota é cercada por algo estranho, uma força maior ligada diretamente com morte. O livro começa com uma simples reunião de amigos e uma tábua ouija, isso sempre dá errado na literatura, e aqui não foi diferente, um aperitivo das tragédias que iriam vir. Mas me enganei pensando que a trama seguiria um ritmo lento, que iria culminar em tragédia, logo no segundo capítulo já temos várias pessoas mortas e uma protagonista pirando. Este é o ritmo que dita o livro, ação e acontecimentos de arrepiar a todo momento, carregados de muita emoção e aflição.

Você mergulha no livro e quer saber exatamente o que aconteceu no acidente de Mara, e as alucinações dela mostram trechos daquele dia, deixando no ar dúvidas e mais dúvidas em relação a garota e o que ela anda vendo. Fantasmas? Maldição? Um poder herdado de família? E mais… Mara é louca?

Eu perdi as contas de quantas vezes fiquei na dúvida sobre tudo que estava sendo mostrado, por ser narrado por Mara, você fica restrito à sua visão, então eu me questionava até onde era real e até onde não era. Se Mara estava vivendo aquilo ou estava em um coma depois do acidente, apenas sonhando. E para te confundir mais, os outros personagens dão aquela impressão de esconder algo, isso é palpável  É tudo muito surreal.

Mas não pensem que é uma narrativa limitada, é essencial que tudo fique mesmo pelos olhos da protagonista, pois temos que descobrir com ela a verdade. Isso é ótimo, instigante e envolvente. Dá prazer virar cada página em busca da revelação dos próximos capítulos.

Não sei por qual motivo achei que rebeldia e Mara fossem sinônimos, ela é perigosa, mesmo sem saber, mas não é a garota barra pesada que imaginei que seria, ela é na verdade um doce e muito sensível, tão boazinha as vezes que perdi a paciência com sua falta de reação, em especial frente as atitudes protetoras da mãe.  Gente! Que mulher chata, tudo bem que ela estava preocupada com a filha, mas tratar a menina como se ela fosse uma porta, não dá. Ela havia sofrido um acidente, não perdido a capacidade de pensar e fazer suas próprias escolhas. Mas voltando a Mara, ela tem um bom coração, preocupa-se com a família, amigos e com os animais, mas sua ligação com a morte é algo que faz você desejar não irritá-la, nem ser seu inimigo. Mara deseja que você morra e pronto. Adeus.

“Eu não era louca! Eu era letal!

E lembram da sensação que tive ao ver a capa? Pois é, mostrou-se verdadeira com a aparição do gatinho Noah, ele é o responsável por fazer Mara pensar em romance no meio desta loucura toda. Louco seria quem não sentisse uma quedinha pelo belo rapaz de cabelo desarrumado e olhos azuis. Protetor ao extremo, queria ser a tábua de salvação de Mara. Mas como todos, na minha opinião, Noah também escondia algo.

“E simplesmente assim, eu era total, completa e inteiramente, Dele.”

Enfim, o livro é uma delícia, jovial e cheio de emoção. Com muito mistério é claro.  Mas tem suas ressalvas. Existem muitos fatos que a autora apresentou, como um assassinato e o julgamento do criminoso, que pareciam ter forte ligação com a história da menina e também o começo da descoberta de Mara sobre si, que foram pouco trabalhados, tratados de maneira superficial, acredito que faltou um esclarecimento melhor nestas partes e mais profundidade. Nesta horas o clima de mistério sofria um impacto, quebrando-se.

Mas nem por isso deixei de gostar do livro, mas foram estes os detalhes que me impediram de favoritar. No entanto, foi uma leitura deliciosa, que me deu medo em certos momentos, e suspiros apaixonados em outros. O final foi avesso a tudo que sonhei, eu que pensei em Mara em uma situação trágica, acabei me deparando com ela na maior saia justa de todos os tempos. Algo que derrubou por terra toda e qualquer teoria que eu tinha construído no decorrer na leitura, ou seja, foi a reviravolta do século.

Será Mara Dyer dona de um dom, uma maldição ou poder imenso? 
Para saber, basta apenas você começar a desconstrução desta história.



Trilogia Mara Dyer
A Desconstrução de Mara Dyer #1
The Evolution of Mara Dyer #2
The Retribution of Mara Dyer #3

2leep.com

35 comentários:

  1. Oie:)
    Gostei bastante da sua resenha e me deixou ainda mais curiosa.
    Quero muito ler esse livro deste que lançou*-*
    Adoro livro com mistério. Deixa a leitura bem mais emocionante.

    Beijoss
    http://cupcakedeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ao mesmo tempo que parece que eu já li diversas estórias iguais a está, ela me parece única. Logo de cara eu já me apaixonei pela capa, mas ao saber mais sobre este livro, notei que preciso dele o quanto antes na minha estante. Eu tinha me prometido não começar uma série/trilogia até conseguir zerar metade das que eu tenho para ler, mas uma história assim, cheia de mistérios e segredos, não pode ficar de fora das minhas próximas leituras.
    Adorei a resenha.
    Beijos,
    Yasmin
    deitadosnagrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro muito gostoso de ler, realmente, mesmo sendo série, vale a pena dar uma chance.

      Excluir
  3. Oie amiga
    A capa e o título da obra é muito instigante. E antes de eu começar ler a resenha fiquei tentando imagina o porquê do título. Ao final de sua resenha fiquei muito interessada no livro e gostei da temática dele.
    Parabéns pela resenha Cida e eu pretendo ler esse livro.
    Beijos

    Jéssica - Leitora Sempre
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  4. só pelo primeiro quote eu fiquei: uau
    o-o
    preciso desse livro!!
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  5. Olá Cida,
    Fui totalmente fisgada pelo enredo, que é simplesmente instigante. Também gostei do suspense de descobrimos, ao mesmo tempo em que a protagonista a verdade, sobre o acidente e demais mistérios.

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. parece ser uma distopia envolvente, Mara promete ser uma personagem intrigante
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida!
    Também fiquei curiosa com esse "desconstrução" do título! Ainda não li o livro, mas a cada resenha só fico com mais vontade de ler.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  8. Oi Cida!
    Esse livro sempre me deixou curiosa, a capa é bem intrigante e o título também. Eu gosto de mistérios e pela sua resenha acho que esse é dos bons! :)

    Beijos,

    Rafa{Fascinada por Histórias}

    ResponderExcluir
  9. Realmente logo quando eu olhei a capa tive a sensação de amor e de salvação, de tirar alguém do fundo do poço. Achei ela linda e tocante. Me passou exatamente o que deveria para me fazer querer ler o livro. Eu sou do tipo que escolho um livro pela capa, não tem jeito! Afinal de contas, a capa é o primeiro impacto que temos de um livro. Enfim, pelo o que eu li da sua resenha senti que a capa seguiu o que o livro tem a nos oferecer, porque existem livros que a capa não tem nada haver com o conteúdo, acabamos achando que o livro fala de algo quando fala de outra coisa totalmente diferente.
    Amei a resenha e estou louca para ler o livro, já coloquei na minha lista de desejados no skoob.

    ResponderExcluir
  10. Oie Cida
    eu estava esperando a sua resenha para decidir se eu devia quebrar o porquinho e comprar o livro, e YES, preciso dele!! Esse clima de mistério me atrai e muito. Pena que a autora se perdeu um pouco no desenvolvimento, mas sei que irei gostar mesmo assim, e talvez não entre para os favoritos, mas será uma boa leitura.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo assim a história consegue seguir bem e ser muito boa Jacque, eu não vejo a hora de ler o próximo, acho que a vida da protagonista vai ficar muito mais complicada.

      Excluir
  11. Oi cida,
    Adoro suas resenhas! Eu estou lendo esse livro no momento e só não terminei ainda por falta de tempo, porque também estou gostando muito! E agora fiquei super curiosa pra saber que reviravolta foi essa.

    Beeeijos!

    ResponderExcluir
  12. Oi Cida,

    Adorei a resenha, fiquei mega curiosa para ler todo o livro...adicionado a minha wish list

    ResponderExcluir
  13. Finalmente leio uma resenha desse livro que me deixou tão intrigada, pela capa, pelo título e pela sinopse, da mesma forma que você. Primeiramente achei que fosse ser só um terrorzão e fiquei com um pouco de medo de lê-lo, mas vi que tem toda uma trama interessante por trás. Valeu a dica amiga, agora minha vontade aumentou ainda mais. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Cida,
    estou intrigada com este livro, ele parece não ser meu estilo, mas ao mesmo tempo parece ser mto bom.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  15. Eu gostei muito do livro e eu favoritei rrsrsrss

    ResponderExcluir
  16. Gostei muito do livro! Eu favoritei ;)
    Bjs,

    ResponderExcluir
  17. Oi Cida
    Gostei bastante da sua resenha e fiquei pensando "porque eu ainda não comprei esse livro??" Achei a história super instigante e cheia de mistério, quero ler ;)
    Parabéns pela resenha
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  18. Eu quero este livro e Corações Feridos. Estou querendo ser você neste momento só porque você já leu e eu não rsrs.

    Bjus.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Uau! Parece ser bom mesmo. Eu to lendo Os adoráveis da editora Novo Conceito, está bem legal, estou adorando, estou aproveitando esses dias que estou em casa e agilizar as minhas leituras ;)

    Beijokas da Mylloka
    Blog da Mylloka

    ResponderExcluir
  20. "Mara deseja que você morra e pronto. Adeus." Nossa, Cida, imagino que esse livro seja muito bom! Fiquei muito curiosa só com a sua resenha. E acredito que esses pontos tratados de forma superficial sejam mais aprofundados nos próximos. Dica anotada e já prevejo um furo de fila rsrs.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    Você é o que lê

    ResponderExcluir
  21. Amo capas com pessoas na água, afogamentos e tal, e essa é uma das minhas preferidas.
    E esse é um tema legal pra se escrever, dá pra criar muitas cosas. Me parece que a autora soube aproveitar disso muito bem, e pela sua resenha que me deixou bem curiosa, já quero ler o livro.

    ResponderExcluir
  22. A capa desse livro é de enlouquecer mesmo. Desde o lançamento eu fico de olho nele, procurando uma promoção para comprar. Gosto de ler livros que nos deixam desconcertadas e saber o que é real ou não nesse livro vai ser perfeito!

    ResponderExcluir
  23. Esse livro eu não deixarei de ler. Ele tem um premissa de livros que eu sempre aprecio, loucura ou real. Gostei de saber que é um livro narrado em primeira pessoas porque é ai que mais me envolvo com a história.

    ResponderExcluir
  24. Nossa, adorei a resenha, esse livro parece ser muito bom!
    Gosto dos livros narrados em 1ª pessoa porque nos instiga a questionar até que ponto a descrição dos fatos se coaduna com a verdade, aguça o nossa curiosidade e nos deixa mais motivados na leitura.
    Vou add ele na lista de leitura. =D

    bjo,

    blogandolinhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. As páginas da sua narrativa momentos de terror, de raiva, de amor e de graça. O livro é bem completo,
    Fiquei mais do que satisfeita com essa leitura e intrigada também. Isso sem falar da capa maravilhosa?


    ResponderExcluir
  26. Adorei a resenha....muito bem escrita e completa.
    Adicionada a minha wish list

    ResponderExcluir
  27. Ansiosíssima para ler, ouvi minhas amigas dizendo que é muito bom! Ah, e sua resenha foi provavelmente a mais completa que achei, parabéns!

    ResponderExcluir
  28. Gostei muito de sua resenha, foi a mais completa e instigante que li sobre esse livro... Eu tenho uma queda por romances sobrenaturais e mistérios, e esse promete ser o mistério do século... Já estava curiosa para ler esse livro, agora estou louca para lê-lo...

    ResponderExcluir
  29. Que capa, hein? Ela me transmitiu a pertubação que o livro descreve. Acredito que seja uma leitura cativante e intensa. De fato, a personagem principal parece ser forte, uma vez que tenha passado por um período difícil. Não achei que esse livro fosse parte de uma série, ultimamente estão fazendo muitos assim. Adorei o enredo.

    http://umadosemaisforte.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Esse livro só recebe comentários positivos de todas resenhas que li, a estória é muito interessante quero muito ler, pois adoro romances sobrenaturais.

    ResponderExcluir
  31. Como você ressaltou, tudo chama atenção nesse livro (capa, título e sinopse) e por esse mesmo motivo fiquei curiosa em ler!
    Adoro thrillers que nos fazem pensar se o que acontece é real ou loucura e começamos a duvidar até de nossos próprios pensamentos. rsrs
    Sua resenha me instigou a querer conhecer Mara Dyer mais a fundo. ;)

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!