[Resenha] Instant Karma

Instant Karma
Título Original:  Instant Karma
Autor (a): Marissa Meyer  
Editora: Rocco                                      Páginas: 384
Lançamento: 2022                               Romance, YA
Tradução: Regiane Winarski
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads|| 

 

Prudence Barnett sempre foi muito rápida em julgar as pessoas, principalmente o povo preguiçoso e arrogante de sua cidadezinha litorânea. Depois de interpretar a música "Instant Karma!", de John Lennon, no karaokê, ela sofre uma queda e bate violentamente com a cabeça no chão. O que Prudence não esperava era que, ao acordar, pudesse fazer com que as pessoas arcassem com as consequências de seus atos. Pru finalmente fará a justiça cármica acontecer. Logo ela começa a usar seu poder a torto e a direito, punindo todos que vê fazendo coisas ruins, desde comentários maldosos a atos de vandalismo. Mas tem uma pessoa em quem ela não consegue usar seu dom: Quint Erickson, sua dupla em um trabalho da escola. Se, de início, Pru fica irritada com algumas atitudes dele, com o tempo nota que Quint na verdade é até bastante fofo e muito dedicado ao seu trabalho no centro de resgate de animais marinhos da cidade. Quando Pru começa a trabalhar com Quint no centro para melhorar suas notas na escola, percebe que tem muito a aprender sobre bebês lontras e linguagens do amor ― não necessariamente nessa ordem. É aí que sua nova habilidade vai lhe ensinar como é tênue a linha entre virtude e vaidade, generosidade e ganância, e entre amor, caos... e destino. Uma coisa é certa: o carma existe. Pode não ser imediato, como dizia John Lennon, porém nunca falha.

Marissa Meyer é autora de uma das minhas séries de livros preferidas, Crônicas Lunares, então fiquei bastante empolgada para ler este novo romance jovem dela lançado este ano pela Rocco.

Instant Karma se passa em uma cidade litorânea, durantes a férias da estudante Prudence Barnett

Pru viveu ali a vida toda, em uma casa cheia de irmãos com pais donos de uma loja de discos de vinil e gosto musical bastante apurado. A vida de Pru não é luxuosa, mas há amor e muita liberdade em seu lar. E isso é o que importa. Ela é feliz.

Diferente dos irmãos e até mesmo dos pais que são mais tranquilos, ela é uma garota cheia de foco e determinação, que não admite ter notas ruins na escola. Quando o último trabalho escolar antes das férias não lhe dá nota máxima, ela meio que surta. Para Pru é culpa de seu relaxado parceiro de laboratório, Quint Erickson, que sempre chegava atrasado nas escola e parecia não prestar muita atenção nas aulas.

Pru precisa refazer o trabalho, mas o professor só autoriza se ela e Quint fizerem juntos e não sozinha como ela quer. Assim, durante as férias, Pru vai trabalhar com Quint em um centro de resgate marinho para aumentar sua nota e lá vai aprender a rever seus valores e modo de viver.

Apesar de a sinopse informar que Pru adquire um estranho poder após cantar uma música e bater a cabeça ao cair, a história foca muito pouco neste aspecto. Eu admito que isso havia sido o que mais chamou minha atenção na obra e fiquei um pouco decepcionada por a autora não ter desenvolvido esse tema.

Não quero dizer com isso que a história não seja boa, apenas não tem o diferencial que eu esperava comparada com outras histórias para jovens adultos no ensino médio com pitada de romance e alguns dramas típicos desta idade.

Instant Karma é um livro rápido de ler, com uma ambientação acolhedora e personagens em franco amadurecimento. Ainda tem um romance de verão para completar e muitas missões para salvar animais. Não esperando o milagre do poder de Pru, você se diverte com a leitura.

Pru é uma personagem que gostei, pois acredita em seus ideais e luta por eles. Ela tem opiniões fortes e não se deixa influenciar facilmente, mas também sabe reconhecer quando está errada e aprender com seus erros.

Na convivência com Quint no centro de resgate, além de aprender muito sobre vida marinha, ela também aprende sobre o colega de classe e percebe que ele não era um aluno relaxado, apenas tinha prioridades diferentes das delas.

Pru a cada dia vai se dando conta que cada pessoa valoriza algo diferente na vida, mas isso não torna o que a pessoa quer menos ou mais valioso do que o que a outra deseja. Ela desenvolve empatia, algo que até então lhe faltava.

A jornada de Pru é enriquecedora para ela e a torna uma pessoa mais aberta para vida, menos rígida e mais disposta a se divertir. E neste meio tempo Quint se torna um amigo e não demora para imaginarmos algo mais entre os dois.

As partes focadas na salvação de animais são bem destacadas e mostram como a vida marinha está em perigo e precisa de ajuda. Fica aí uma crítica da autora às ameaças de extinção de animais, embora eu preferisse que tivessem sido passagens mais breves.   

O ritmo da história é tranquilo, sem grandes reviravoltas, mas apresenta pequenas mudanças no dia a dia de cada personagem e em suas vidas. O que mais se destaca são os gestos de bondade, as ações para ajudar o próximo e a forma com incentiva a pessoa a se doar por um bem maior e não enxergar apenas a si mesmo. Instant Karma é sobre ações positivas e seu impacto no mundo.




2 comentários:

  1. Oi, Cida! Tudo bom?
    Eu vi tantas opiniões divididas sobre esse livro que vou esperar um pouquinho mais pra ler ele. Ultimamente não ando com muita vontade de ler YA contemporâneo, especialmente com protagonista complicada, então fica pra depois KKKK

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  2. Pena que o aspecto que você estava querendo ver não foi tão bem desenvolvido. Eu ia me sentir muito enganada hahaha real! Acho que seria uma boa leitura para mim porque tô com uns livros com histórias mais dramáticas e queria ter algo leve para ler depois.

    beijos

    https://duquesaazarada.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!