[Resenha] Nocte

Nocte
Título Original: Nocte (The Nocte Trilogy #1)
Autor(a): Courtney Cole     
Editora: Verus                      Páginas: 294
Lançamento: 2018               ISBN: 9788576866992
||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Calla tem dezoito anos e um irmão gêmeo, Finn, que sofre de uma forma grave de esquizofrenia. Ela dedica a vida a ajudá-lo, mas essa existência já difícil se torna quase insuportável com a morte da mãe deles, pela qual ela se sente responsável. Agora Calla precisa encontrar uma forma de salvar seu irmão sem se perder no processo. Entra Dare DuBray, o cara lindo da casa ao lado. Ele pode ajudar Calla - mas também pode levá-la à perdição... Com um misto de suspense psicológico e romance, a série Nocte é cheia de mistérios e surpresas que levam o leitor ao desespero na ânsia de descobrir os segredos de seus personagens.

Nocte, de Courtney Cole, é o primeiro volume da Trilogia Nocte, lançada no Brasil pela Verus. Eu estava esperando esta trilogia chegar por aqui faz tempo, há alguns anos para ser mais precisa  e logo que recebi o livro mergulhei na história muito curiosa e empolgada.

Desde as primeiras páginas somos envoltos em algo misterioso e incerto. A protagonista Calla Price é a narradora principal e vai nos falando de como uma tragédia abalou sua família e, de como superar o luto pela perda da mãe, a deixa exausta e repensando cada dia vivido em seus dezoito anos.

Ela mora com o pai e o irmão gêmeo Finn em uma funerária e já vou logo adiantando que o clima mórbido do lugar se faz presente desde o começo. Senti arrepios em cada vez que Calla descrevia os cômodos da casa e o que havia por trás das portas. Não é um livro de terror, mas se imaginar jantando ao lado de uma sala onde corpos são embalsamados é bem mais aterrorizante que uma casa assombrada. É, sim! E não pensem que ela tinha medo, sentia –se incomodada, mas era seu mundo e para ela uma rotina.

A família de Calla não é comum. Eles são pessoas atormentadas de muitas maneiras. Segundo ela, Finn é louco e não pode ser deixado sozinho. Este assunto é o que causa um discussão na família, algo que leva Calla a ligar para mãe enquanto esta dirige e a ligação ser encerrada no acidente que a matou. A jovem carrega consigo a culpa do acidente e a Calla que conhecemos é uma garota cheia de remorso, que deseja fugir e deixar toda a tristeza para trás.

Finn divide a narração com a irmã em algumas partes. Sabemos por estes momentos que ele está beirando um colapso, que algo o assusta e vozes mandam realizar coisas ruins. Os irmãos não são narradores confiáveis e eu sabia que de tudo que mostravam, muito não era a verdade.

Calla passa a se interessar por um jovem que aparece na região e que mais tarde vai morar numa casa que o pai dela aluga, aí então a sensação de que algo não estava sendo dito me invadiu de vez. Eu ia lendo, acompanhando e me sentindo incomodada demais. Nada me convencia. Quando Calla mencionava que o irmão era louco eu achava estranho, já que a forma como falava não demonstrava todo o amor que dizia sentir por Finn.

E há também a relação com o inquilino, Dare Dubray, que gera desconfiança e parece unilateral e forçada. Mesmo quando ele a beijava, eu não acreditava que a amasse ou desejasse. Eu estava ficando muito confusa por me sentir no meio de diversas controvérsias.

A autora vai no levando por uma história que mostra que o fundo do poço está bem próximo e que alguém vai afundar totalmente. Quando então a situação começa a ruir, as paredes a rachar e a verdade escapar por cada fresta destas paredes em ruínas, então cada aspecto que não se encaixava, que soava errado, fica claro e eu finalmente entendi o que me incomodava.

Foi uma reviravolta genial! Minha nossa! Sabia que algo estava errado, mas não TÃO errado assim. Gostei demais da surpresa, de me sentir aflita pelo clima sufocante da história e pela construção tão tortuosa de cada personagem. Calla é aquela que você vai amar e odiar em igual medida. Dare eu não gostei e não gosto, acho ele um cara manipulador e tudo aquilo que não disse pode até um dia ser sua redenção, mas por agora só me faz querer ele bem longe. E Finn, doce Finn, como eu queria te abraçar (embora não possa dizer que de fato o tenha conhecido, lendo você vai entender).

Eu só não fiquei mais feliz por conta de o final não trazer uma resposta que eu ansiei desde a hora que as verdades começaram a surgir, mas entendo que se fosse assim não seria uma série. Espero que o segundo volume venha mais intrigante ainda, sacie minha curiosidade e seja muito empolgante. Engraçado que sempre achei que fosse uma história sobrenatural, pode até ser que enverede por este caminho no futuro, mas por agora foi um bom suspense psicológico.



2leep.com

9 comentários:

  1. Oi Cida, tudo bem?
    Esse livro parece bem bacana, e eu gostei muito dos elementos sombrios que você relatou. Adoro livros que conseguem deixar o leitor aflito, ansiando por respostas!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida,

    Quero muito ler esse livro, apesar de ter visto algumas resenhas negativas.
    Que bom que funcionou para você.

    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Conheça o Instagram

    ResponderExcluir
  3. Oi, Cida!
    Por ser uma trilogia, eu acho que realmente ela não ia dar todas as respostas.
    Acho que tenho uma vaga noção do que seja essa reviravolta, mas só lendo pra confirmar.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida! Acho que sendo série vai demorar um pouquinho mesmo para as respostas. Parece boa, dica anotada!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. Oi Cida!
    O livro é muito bom!!!!!!!!!
    Amei.
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pati! É, sim! Estou ansiosa para ler o restante da trilogia.

      Excluir
  6. Oi Cida,
    Estou ansiosa pela continuação também, mesmo as pessoas dizendo que não será tão boa quanto esse livro. Ler Nocte foi uma boa experiência pra mim!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/?m=1

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida, tudo bem?
    Sempre ouvi falar muito bem desse livro e como adoro suas indicações certeza que vou amar. Essas reviravoltas me deixam presa ao livro.
    Beijos.
    Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
  8. Olá, Cida.
    Eu li algumas resenhas negativas dese livro e desanimei. Mas gostei do que li na sua resenha e pode ser que quando lançar todos eu leia eles. E essa capa é muito bonita.

    Prefácio

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!