[Resenha] A Ordem dos Clarividentes

A Ordem dos Clarividentes
Título Original: The Mime Order (The Bone Season #2)
Autor(a): Samantha Shannon 
Editora: Rocco (Fantástica Rocco)       Páginas: 400
Lançamento: 2017                               ISBN:9788568263488
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||  
No segundo volume da série Bone Season, uma fantasia distópica com toques paranormais, Paige Mahoney escapou da colônia penal Sheol I e é a pessoa mais procurada de Londres. Ela é uma andarilha onírica, um dos tipos mais raros de videntes, que são uma realidade na Inglaterra em 2059, mas nem por isso deixam de ser marginalizados e perseguidos pela sociedade. Com a comunidade clarividente dividida por segredos obscuros e ameaçada pelos Rephaim, Paige deve seguir em frente, até que o destino de Scion, e o seu próprio, seja decidido.
A Ordem dos Clarividentes, de Samantha Shannon, é o segundo volume da série Bone Season e com certeza pode ser considerado uma sequencia de respeito. Quando lemos uma série que o primeiro livro é muito bom, bate aquele medo do segundo não manter o nível ou mesmo superar seu antecessor. É algo que já aconteceu com frequencia na minha vida de leitora e, felizmente, Bone Season não caiu neste clichê e continua apresentando uma trama impressionante. Vou falar da continuação em linha gerais, para evitar que você que ainda não leu, fique perdido.

A autora nos apresenta uma série de universo único e complexo, não vou dizer que é algo simples de ler, não mesmo. Requer atenção para diversos aspectos – seres, mitologias, organização política-social e personagens –,  e isso é um dos pontos que mais aprecio, pois é evidente o cuidado que existiu na elaboração da trama, já que os elementos se conectam com maestria e coerência. Na minha opinião este segundo volume é ainda mais complexo, já que ela acrescentou bastante coisa  nova e duplicou o número de personagens.

Em Temporada dos Ossos a protagonista Paige Mahoney foi aprisionada e só lá se deu conta que mesmo antes de estar acorrentada, já era uma prisioneira. Dona de um dom fabuloso dentro de seu mundo de magia, ela é vista como um objeto de cobiça e poder, e muitos querem se dizer donos dela.

No entanto, Paige é uma pessoa, não uma coisa. Possui sentimentos e anseios, odeia injustiça. Como uma clarividente (grupo de pessoas com dons especiais, que podem transitar e interpretar o véu do mundo dos vivos e dos mortos e por isso caçadas como bichos pelo governo. Leia mais na resenha de Temporada dos Ossos), ela quer apenas viver livre de preconceitos e com o direito de ir e vir. Cansada de ver sua espécie sendo caçada e escravizada, ela decide que precisa ser feita uma revolução, o problema é que nem todos têm a coragem dela para mudar a rotina na qual vivem.

Para isso ela vai precisar engolir o orgulho e se submeter novamente as amarras invisíveis nas quais vivia antes de ver a verdade sobre si mesma. Não é fácil você se libertar e se deixar prender outra vez, mas por um objetivo maior nossa protagonista se sacrifica e nos bastidores orquestra sua guerra.

Paige é uma personagem que admiro demais e que me surpreende a cada página. Ela sempre me confunde, chega o ponto que eu simplesmente surto e acredito que ela não aprendeu nada e continua errando, mas aqui e ali ela prova ser astuta e ao final deste livro fiquei de queixo caído com suas atitudes. Eu não esperava nada daquilo, a reviravolta foi brilhante e cito esta garota como exemplo de personagem com uma evolução digna de aplausos.

No entanto, ela não é sozinha, consegue pouco a pouco angariar membros para lutar por sua causa. Assim o governo e seus comparsas passar a temer esta revolucionária que vai mudar a ordem das coisas. Os parceiros de Paige têm papel importante na trama, também são ótimos personagens e destaco como meus favoritos seu melhor amigo Nick e o Mestre, um crush de parar o trânsito.

Crush? Romance no ar? Mais ou menos, não é aquele romance de suspiros e doçura. Eu shippo o casal e torço por eles, torço para que realmente formem um par. No entanto, não posso dizer que há uma história de amor gracinha aqui. Há um relacionamento quente, uma atração deliciosa e que me deixa arrepiada. Alerta: é algo totalmente proibido e sem esperança de futuro.

Quanto ao tempo e cenário…  A ano é 2059 e o cenário Londres. No primeiro livro pouco passeamos pela cidade, já que a autora optou por centralizar a história na colônia penal na qual Paige estava presa, mas em A Ordem dos Clarividentes finalmente vamos desvendar esta nova versão da cidade e dar de cara com ruas sujas, lugares obscuros, decadência, ruínas,  muita miséria, perigos, gangues, mais e mais jogos de poder, assassinatos, disputas por territórios, segredos sujos, corrupção e sangue escorrendo nas ruas. Já deu para perceber que não é algo leve e então estejam ciente que Bone Season não é para os fracos.

Londres – a bela e imortal Londres – nunca fora uma “cidade” no sentido mais simples da palavra. Era, e ainda é, um ser vivo que respira, um leviatã de pedra que esconde segredos son suas pedras. Ela os guarda cobiçosamente, disfarçando-os no fundo de seu corpo; só os loucos ou os dignos conseguem descobri-los. Era nesses lugares eternos que eu precisaria me aventurar…

Eu estou muito apaixonada pela série e ansiosa pela chegada do terceiro volume no Brasil. São sete ao todo e a autora não os escreveu ainda, então sei que vai demorar para eu ter em mãos a conclusão desta série. No entanto, é impossível não recomendar para quem ama história com elementos distópicos, fantásticos e boa dose de magia. É tudo muito criativo e original. Gruda na mente da gente. Eu me pego toda hora repassando partes do que li e mesmo com toda a complexidade deste universo, ele já se tornou familiar para mim. Fiquei tão feliz quando entendi a ordem das espécies de clarividentes e a organização social sem precisar toda hora recorrer aos diagramas que o livro traz. Isso foi a prova do talento da autora para envolver o leitor, envolvimento este que te faz ser parte da história e se sentir dentro dela de todas as maneiras possíveis, principalmente emocionalmente. Haja coração para os momento finais. Que show!

Em suma, virei fã! Espero que muitos de vocês leiam em breve e possam compartilhar estas emoções comigo. Eletrizante!


2leep.com

15 comentários:

  1. Oi, Cida!
    Menina, você está me convencendo a dar uma chance a essa série hein.. só tenho medo que a autora perca a mão nesses sete livros sabe? Acho que vou esperar o terceiro e as opiniões.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Sorteio de Férias: cinco livros, um ganhador!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Também espero que a qualidade seja mantida.

      Excluir
  2. Oi Cida, tudo bem?
    Gostei da resenha e achei a capa linda!
    Mas tenho fugido de séries que ainda não tenham terminado hahaha!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Uau, esta série parece ser boa mesmo... tenho vontade de ler, mas ainda não tive oportunidade. Adorei a resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida,
    Achei bem interessante essa distopia envolver vidência, acho que nem lembro de ter lido algo assim. Amei a dica.

    tenha uma ótima semana :D
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  5. que bom que a trama lhe agradou, mas no momento não é o tipo de leitura que tenho buscado!
    espero que a série continue nessa crescente de emoções e surpresas
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oie Cida =)

    Pare de me tentar com outra série mulher! Eu mal estou dando conta das que acompanho e você me aparece com uma resenha de outra para me deixar ainda mais curiosa.

    É muito livro bom para pouco eu rs...

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  7. Cida!
    A série parece fantástica.
    Nossa! Paige parece muito destemida e espero que ela consiga dominar seu dom e usá-lo a favor da causa.
    Gosto muito de livros com dons e poderes.
    Uma semana esplendorosa!
    “O amor é a única loucura de um sábio e a única sabedoria de um tolo.” (William Shakespeare)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  8. Essa série parece está um tom acima do infanto-juvenil e nossa, isso tem lá seu lado maravilhoso! É coisa para instigar, comover e arrepiar e eu estou coçando aqui para ir ali e pegar para ler. Deuzo me segure pq já tem aquele AmazonDay pesando no orçamento e eu não tenho mais dois empregos hahah

    Uma Pandora e sua Caixa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é juvenil não. Traz uma história bem madura.

      Excluir
  9. Oi, Cida

    Que bom que esse livro não caiu na maldição do segundo livro! Eu também fico com receio de ler uma sequência quando o volume anterior é muito bom. Mas que bom que não foi o caso e que esse livro foi bom também.
    Fiquei curiosa quando cheguei na parte do relacionamento... quero saber por que é proibido e sem futuro! Hahaha


    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  10. Ainda bem que a autora conseguiu manter o ritmo do livro anterior, porque gostei bastante da premissa deste livro, mesmo que a leitura seja um pouco lenta, já que temos de ficar atentas para não perde os detalhes já que somos apresentados a diversos aspectos, mas ainda sim estou curiosa para me aventurar nesta leitura, e conhecer Londres no ano de 2059. Confesso que irei esperar um pouco mais para adquirir esta série.

    Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, para participar e concorrer aos livros "O Casal que mora ao lado" e "Paris para um e outros contos".
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá, Cida.
    Nossa são sete livros e a autora nem escreveu todos ainda? Vou esperar para ler então hehe. Mas gostei de saber que o segundo livro é tão bom quanto o primeiro e até mais complexo. Espero que os outros sigam a mesma linha.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Quando li a resenha do primeiro livro Temporada de Ossos na net, já fiquei super curiosa desejando muito ler a série. Agora então, nem se fale. Adorei sua resenha que me deixou mais e mais desejosa de ter a série para ler.

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!