[Resenha] O Nome da Estrela

O Nome da Estrela
Título Original: The Name of the Star (Shades of London #1)
Autor(a): Maureen Johnson 
Editora: Rocco (Fantástica Rocco)       Páginas: 392
Lançamento: 2015                               ISBN:9788568263297

 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
No mesmo dia em que o primeiro de uma série de assassinatos brutais acontece em Londres, a norte-americana Rory Deveaux chega à cidade para começar uma nova vida em um colégio interno. Os crimes hediondos parecem imitar as atrocidades de Jack, o Estripador, praticadas há mais de um século. Logo a febre do Estripador toma conta das ruas de Londres, e a polícia fica desconcertada com as poucas pistas e a ausência de testemunhas. Exceto uma. Rory viu o principal suspeito no terreno da escola. Mas ela é a única pessoa que o viu – a única que consegue vê-lo. E agora, Rory se tornou seu próximo alvo. Neste thriller envolvente, cheio de suspense e romance, Rory descobre a verdade sobre suas novas e chocantes habilidades e os segredos das Sombras de Londres.

O Nome da Estrela é o primeiro volume da série Sombras de Londres, de Maureen Johnson, publicada no Brasil pela Rocco (selo Fantástica). Eu adoro histórias ambientadas em Londres e histórias de  serial killers, assim faz um tempinho que o livro estava na minha wishlist e com o lançamento do segundo volume resolvi finalmente mergulhar na série.

O livro já começa com uma cena de assassinato sangrenta e de arrepiar, algo que faz com que os moradores de Londres se vejam ameaçados por um novo Jack, o Estripador, já que o crime atual revive o crimes deste assassino do passado. Logo a cidade está alvoraçada com uma mistura de pânico e loucura. Imprensa para todo lado e fãs de Jack esperando o próximo passo deste novo criminoso. E a polícia perdida, sem saber como agir. E antes que você ache que escrevi errado e queria dizer algo diferente quando citei fãs, aviso que é isso mesmo. Jack, o Estripador tinha uma legião de fãs. Tem louco para tudo minha gente.

No entanto, a história não entrega toda esta comoção de cara, são fatos que vão se apresentando no decorrer da leitura, pois após esta cena de abertura marcante migramos para o internato Wexford e conhecemos a estudante Rory Deveaux.

Ela veio do EUA para estudar um ano em Londres e os primeiros capítulos nos apresentam esta garota e suas tentativas de adaptação. Rory é um desastre de pessoa, não uma menina chata, mas sem noção e que dá um fora atrás do outro. Seja pelo choque cultural de uma americana com os britânicos, seja por ela ser muito atrapalhada e falar coisas esquisitas. Rory é uma peça e mesmo não esbanjando um personalidade marcante, é uma protagonista que acaba ganhando você por suas trapalhadas e jeitinho esforçado de sempre querer fazer o certo. Eu me solidarizei diversas vezes com os momentos vergonhosos que viveu.

Rory e os estudantes de Wexford acompanham pelo noticiário a saga do novo Jack e até aí eu estava me perguntando qual a conexão da garota com os crimes. Até que ela vai com o namoradinho e  a colega de quarto visitar uma das cenas dos crimes  e algo estranho acontece. Assim os elos ficaram mais claros, mas eu ainda não tinha acertado em cheio o que realmente ela representava e para onde a autora conduziria a história.

Fui sendo surpreendida a cada novo acontecimento e mais ainda ao me dar conta que havia um elemento do outro mundo na trama. Aí sim revi certas passagens da história e tudo ganhou um sentido mais amplo. Rory demora para se dar conta disso e quando descobre surta literalmente.

Da descoberta em diante ela acaba aceitando um mundo novo e cheio de possibilidades, conhece um grupo de jovens que a direcionará nesta nova realidade e juntos vão caçar o criminoso e nos dar momentos de suspense e ação.

Eu curti a leitura e acho que Rory amadureceu como personagem no  decorrer na história. Ela não se tornou a heroína épica, na verdade muitas pessoas vão contribuir para que o criminoso seja detido e ela é uma parte  disso, de algo maior. 

A história não é pesada, há momentos de certa tensão, mas no geral é leve e até mesmo divertida. Sombras de Londres é uma série para leitores jovens que desejam mergulhar no universo de serial killers de maneira mais tranquila.

Eu gostei e já estou com o segundo aqui para saber como a vida dela seguirá depois de ter descoberto que adquiriu uma habilidade interessante. Há ainda um personagem que me intrigou e espero conhecê-lo melhor no segundo volume. Stephen é um policial incomum e intrigante, adorei este moço. Recomendo.

2leep.com

16 comentários:

  1. Oi, Cida

    Acho que nunca li uma resenha desse livro. Eu geralmente curto livros com serial killers, e o fato dos casos do Jack, o estripador estarem sendo recriados é bem interessante.
    Agora fiquei curiosa para saber qual é a ligação da Rory com os casos.

    Beijo
    - Tami
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida, tudo bem?

    Não sabia dessa série, mas gostei do enredo. O fato de não ser realmente pesado me agrada, bem como a protagonista amadurecer ao longo da trama! Gostei da recomendação!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Ótima resenha! Comprei esse livro e pretendo começar em janeiro. Tinha começado a ler por ebook e a leitura não foi pra frente, mas ter o físico deu aquela animação sabe haha

    Abraços!
    http://lupiliteratus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E é rapidinho de ler. Espero que goste

      Excluir
  4. Oi, Cida!
    Acho que sua resenha foi uma das poucas que li sobre esse livro. Algumas li não foram muito positivas e acabaram me desanimando. Mas lendo a sua, bateu a vontade de ler de novo.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Natal Literário
    Participe da promoção de três anos de Um Oceano de Histórias
    Participe do Sorteio de Final de Ano

    ResponderExcluir
  5. Oi Cida,
    Eu já li algo dessa autora, mas não me lembro o que.
    Parece um bom livro, gostei da premissa.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela escreve um dos contos de Deixe a Neve Cair.

      Excluir
  6. Oi Cida, tudo bem?

    A história parece ser bem envolvente, gosto d elivros onde as peças vão se encaixando aos poucos. Acho que nunca li algo de um serial killer, mas o frio na barriga deve ser bem legal. Vou anotar a dica!

    Beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir
  7. Oi, Cida!
    Fora a sua, só havia lido uma resenha sobre esse livro. Gosto de histórias com serial killers e nunca li nenhuma que tivesse a leveza e até esse toque de humor que você diz ter em "O nome da estrela".

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  8. o thriller parece envolvente, mas não é um gênero que me prenda, então fico naturalmente com receio
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Gosto muito de histórias de suspense e serial killer, mas essa capa é bem feinha, né? :( essa letra a gente encontra fácil pra usar no photoshop. Podiam ter dado uma melhorada. Bom saber que a história, pelo menos, é maravilhosa!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Cida amei ler sua resenha sobre esse livro, estou muito curiosa para conhecer a série Sombras de Londres. Ótimo saber que ele não é muito pesado e que a leitura flui maravilhosamente bem.
    Parabéns pela leitura e valeu pelo incentivo. Beijos

    Leituras, vida e paixões!!

    ResponderExcluir
  11. Eu prefiro livros de fantasia e romances a liros sobre serial killers, não vou mentir. Pela minha experiencia todo mundo sabe quem é o assassino, todo mundo no subúrbio de Londres devia saber quem era o Jack, acho que alguém outro bandido deve ter matado ele por ele como acontece quando um bandido se torna especialmente malvado e se torna uma ameaça para todos.

    Mas, assim, estou meio chata para livros policiais ultimamente pq por esses dias um rapaz especialmente malvado, usando de eufemismo, na minha vizinhança foi baleado com 20 tiros ai... sabe... não tenho clima!

    #DoQueEuLeio

    ResponderExcluir
  12. Lista de desejados com toda a certeza!!!!

    Adorei a resenha. Minha cara esse livro ♥

    Bjksssss

    ResponderExcluir
  13. Olá, Cida.
    Eu já conhecia a autora de ler contos dela em outros livros, mas infelizmente desse em específico eu não consegui gostar. Acho que fui com muita sede ao pote e acabei decepcionada. Eu tinha lido uma resenha tão boa dele que fui ler com as expectativas lá nas alturas e não foi tudo aquilo que eu esperava. Então nem sei se vou ler o segundo, quem sabe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  14. Oi, Cida! Eu li e resenhei esse livro também, mas não gostei tanto. Acho que eu tinha expectativas diferentes em relação ao rumo da história. Esperava mais algo relacionado a quem foi o Jack, o estripador do que a relacionado ao sobrenatural. Quem sabe, eu goste mais da sequência.
    Beijinhos

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!