[Resenha] A Pedra Proibida

A Pedra Proibida
Título Original: The Forbidden Stone (The Copernicus Legacy #1)
Autor(a): Tony Abbott 
Editora: Galera Record         Páginas: 322
Lançamento: 2016               ISBN: 9788501107411
||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
O legado de Copérnico mistura intriga e teorias da conspiração a muita aventura. Após a estranha morte de seu tio, os irmãos Wade e Darrell acompanhados de sua prima Lily e da amiga dela, Becca, partem numa missão cheia de ação em busca das relíquias que revelam o Legado de Copérnico. Pistas cada vez mais misteriosas os conduzem a uma assustadora tumba familiar. Quanto mais informações encontram, mais se aprofundam em um caminho tortuoso na direção de um antigo e perigoso segredo, destinado a lhes fazer acreditar em verdades que mais parecem ficção. Em uma corrida sem trégua, ameaçados por uma organização criminosa e lutando por suas vidas, a única esperança dos meninos é de que consigam salvar o mundo e encontrem as relíquias que podem mudar o curso da história.

A Pedra Proibida, de Tony Abbott, é o primeiro livro da série O Legado de Copérnico e foi publicada no Brasil pela Galera Record.  É composta ao todo por quatro volumes e inéditos por aqui temos: The Serpent's Curse, The Golden Vendetta e The Crown of Fire.

Eu meio que fujo de sinopses quando conheço o autor, mas como nunca li nada de Abbott resolvi conferir a deste livro e lembrei logo de uma série que adoro. Estou falando de The 39 Clues da Scholastic. A Pedra Proibida é semelhante em alguns aspectos, mas não tanto assim. 

Wade é um jovem que gosta de astronomia e seu bem mais valioso é uma carta celeste dada pelo Tio Henry. O velho professor não é um tio de verdade, ele foi mestre do pai de Wade e  formou entre seus alunos um grupo conhecido por Asterias. Aparentemente era apenas um velho excêntrico e que gostava de antiguidades, mas misteriosamente é atacado e assassinado, o que nos leva a pensar que era algo além do que parecia ser.

O tio Henry, no entanto, consegue enviar uma mensagem codificada para o pai de Wade antes de partir, o que faz pai e filho cruzarem o oceano. Eles acreditavam que deixariam os EUA rumo a Alemanha apenas para um funeral, mas chegando lá descobriram uma trilha de pistas deixada por Henry. Ao que tudo indicava ele morreu para não revelar para a organização conhecida como Cavaleiros da Ordem Teutônica onde estava escondido um tesouro. Que tesouro?

Wade vai ter que seguir as pistas deixada por Henry junto com o pai, o irmão Darrell, a prima Lily e a amiga dela Becca se quiser ter a resposta desta pergunta. Não apenas por curiosidade, mas para dar continuidade a missão de Henry que era proteger este legado.

Códigos secretos. Pistas estranhas. Um punhal antigo. Assassinato. “Proteja o Legado do Mestre.

A história narrada em terceira pessoa apresenta uma trama cheia de mistérios e perigos. Wade e sua turma vão precisar de muita inteligência, coragem e agilidade para se sair bem nesta missão. É aquele tipo de história que você não sabe muita coisa no começo e vai descobrindo as peças do quebra cabeças junto com os personagens, assim vai montando um quadro maior e deduzindo pouco a pouco o que todo mundo quer possuir e para isso não reluta matar para atingir um objetivo. É bem naqueles moldes mocinhos x bandidos, sendo que do lado dos vilões temos uma jovem que ninguém conhece o passado e que lidera uma organização ancestral com punho de ferro e sangue frio. Ela é Galina, uma pessoa enigmática.

Desde as primeiras páginas temos ação e mortes, Galina é cruel e mata sem dó nem piedade na busca pelo tesouro que logo saberemos se tratar do Legado de Copérnico. Eu não vou dizer o que é o tal legado, é um dos mistérios que vamos desvendar, apesar de lá pela metade do livro eu já ter adivinhado o que era. Posso dizer apenas que é algo que dá poder para quem o possuir, um poder de mudança.

Embora seja protagonizado por crianças, não tem um tom cômico e descontraído como o de muitas séries do gênero que costumo ler. Wade é um garoto sério, quieto e excessivamente sabido, assim como as meninas que o acompanham nesta jornada. Darrell é aquele que tenta quebrar o gelo com suas piadas, mas ainda assim não chega a ser algo que vai te fazer dar gargalhadas. É uma trama tensa e de suspense.

Eu gostei de todos os mistérios criados pelo autor e da forma como ele misturou fatos históricos com sua trama, dando ao leitor a sensação de que aquilo tudo poderia mesmo ser real. No entanto senti falta de uma carga emocional e uma ligação afetiva mais forte entre os personagens, mesmo sendo amigos e família, eu não vi aquele calor humano entre eles, aquela audácia de matar ou morrer um pelo outro.

Wade é o protagonista, mas acaba tendo o mesmo peso na história que os outros três jovens. Na verdade Lily tem até mais destaque por ser bem ativa e de personalidade mais forte. E a vilã Galina também tem uma participação marcante, quero muito saber o que a motiva.

Assim vejo a série O Legado de Copérnico como uma série juvenil mais nos moldes dos livros de Dan Brown  (se estes fossem para adolescentes) do que nos moldes dos livros da Scholastic como pensei a princípio. É difícil de largar porque você quer respostas. Traz um conteúdo histórico  e científico mega interessante e gostaria que no quesito relações humanas tivesse sido mais trabalhada, ainda assim não deixou de ser uma leitura gostosa e intrigante.

Como volume inicial cumpriu bem o papel de ambientar e inserir o leitor neste universo e acredito que nos próximos volumes aconteça uma aproximação maior de Wade com os demais, como tanto desejei. Não estamos nem na metade da jornada, aqui foi o pontapé inicial de uma busca por um legado que está separado e espalhado pelos quatro cantos do mundo. Espero que em breve o segundo volume seja publicado. Daria um ótimo seriado ou filme.  



2leep.com

11 comentários:

  1. Oi cida,
    Não conhecia o livro e nem o autor, mas se é publicado pela Galera Record, com certeza é um livro bom.
    Parece ser um livro cheio de aventuras e mistérios. Adorei.
    Bjs e um bom Domingo!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  2. Olá! Não conhecia o livro, mas adorei a resenha! Já vou adicionar entre os que quero ler, mas acho que vou deixar para ler mais para frente, esperar sair mais alguns volumes, odeio terminar uma leitura e querer saber mais e não ter uma continuação! Adoro esse tipo de história infanto juvenil, são livros que lemos bem rápido e que são agradáveis.
    Beijo!
    http://booksmanybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Cida,
    Não conhecia o livro, parece ser um ótimo juvenil. Apesar de não ler tanto, talvez o lado do suspense me prendesse.

    até mais :*
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  4. ooi!
    Não conhecia obra e muito menos o autor, sua resenha me tomou uma vontade de lê-lo, o protagonista apaixonado por astronomia, seria meu sonho? Adoro um livro cheio de mistério e aventuras, com certeza procurarei lê-lo!
    bjs xxx
    lendocomela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Eu não estou numa vibe juvenis, mas pelo uso da história e do conhecimento cientifico já fico de olho, tenho umas turminhas de alunos que adoram ler e sempre estou procurando livros que eu possa indicar a eles acho que esse vai para a lista.

    Pandora
    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Oi Cida, tudo bem?
    Adorei a dica. Não conhecia nem a série, nem o autor.
    Curto muito livros que conseguem envolver o leitor e manter a curiosidade durante toda a narrativa!
    Beijos,

    Priscilla
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem? Adorei a resenha e o livro me pareceu ser bem legal. Estou tentando não me envolver em séries ultimamente, mas quando terminar as que já comecei, com certeza vou ler essa. Obrigada pela dica!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  8. Olá, Cida.
    Eu quero esse livro só pela capa, Achei maravilhosa. Mas ainda vem de brinde uma história que me interessa muito. Gosto de livros assim com ação, mortes, aventuras, mistérios e perigos. É mais um que entra para minha lista.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  9. Oi, Cida!
    Gente, comassim é Dan Brown pra adolescentes? Já quero!
    Eu gostei de saber que ele tem um ar mais sério.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção de aniversário do blog Crônica sem Eira

    ResponderExcluir
  10. Oi, Cida. Não curti a premissa deste livro, mesmo com sua resenha para mim ainda faltou alguma coisa.
    Beijos
    Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  11. oi Cida, gostei da proposta, confesso que não leria por tão já, mas me encantaram seus comentários interessantes e pertinentes!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!