[Resenha] Sangue de Lobo

Sangue de Lobo
Autor(a): Helena Gomes, Rosana Rios
Editora: Farol Literário         Páginas: 416
Lançamento: 2014               ISBN: 9788582770771
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Em 'Sangue de Lobo', um antigo original de um livro que conta uma história de mistério e morte jaz esquecido num pequeno museu em um restaurante no sul de Minas Gerais. Duas jovens, Ana Cristina e Cristiana, em viagem com a família de Ana, encontram-no e leem a história. Elas ficam assustadas, pois o enredo do livro retrata exatamente o jogo de RPG que elas criaram com amigos em São Paulo. E o mais curioso - a história se passa na cidade onde vão passar as férias. Foi lá que ocorreram crimes em série no início do século XX. E, no mesmo local, 100 anos depois, volta a acontecer uma sequência sinistra de mortes - oito macabras bonecas de porcelana parecem corresponder às vítimas de um insano assassino serial. As histórias do presente e do passado se misturam a partir do lobisomem Hector, um jovem inglês do passado que luta contra a maldição da Lua Cheia.
Este não é o primeiro livro de Helena Gomes que leio e nem será o último. Eu gosto muito de suas histórias, que misturam sobrenatural com vida real de maneira convincente e misteriosa. E tal como em outros livros dela, Sangue de Lobo, escrito em parceria com Rosana Rios e publicado pela Farol, seguiu por estes mesmos moldes e me permitiu fazer uma leitura fora de série.

Felipe é um mestre de RPG e o último jogo que mestrou, apresentou uma história que trazia lobisomens e assassinatos. Suas amigas Ana Cristina e Cristiana adoraram a ideia, mas quando viajaram para Passa Quatro e descobriram em um museu de um restaurante um livro antigo com uma história de assassinatos  bem parecida ficaram assustadas com tamanha coincidência.

Elas levaram o livro para o hotel fazenda que estavam hospedadas e começaram a leitura. Se não bastasse estarem no mesmo local onde a trama foi ambientada, passaram a testemunhar na pacata cidade a morte dos moradores tal e qual descrito no livro: mortos com um golpe certeiro no coração, cabelos tosados e um véu cobrindo o rosto. As meninas deixaram de acreditar em coincidência e se viram no meio das ações de um perigoso serial killer.

A leitura do antigo livro nos leva para uma Passa Quatro de meados de 1908, onde conhecemos o jovem Hector que tenta lidar com a maldição de lobisomem que carrega e descobrir quem anda matando pessoas e roubando os cabelos das vítimas. E segue-se então outra coincidência, nos dias atuais o escritor Daniel Lucas também precisa lidar com a licantropia.

Décadas separando duas histórias tão semelhantes, o que nos leva a crer que ou o assassino ainda vive ou existe alguém dando seqüência ao seu legado macabro. 

As autoras dividiram a trama em duas partes: Hector e Daniel. Na primeira presente se intercala com passado e na segunda os fatos apresentados se unem e seguimos por uma investigação incrível e cheia de reviravoltas. São mortes, segredos, mentiras e tantos crimes que nem de longe desconfiei de uma rede tão intricada. Quando uma revelação é feita e você acha que está seguindo para o desfecho, vem algo que estava ali de maneira sutil e se mostra como parte de um novo enigma. 

São muitos assuntos abordados e uma quantidade enorme de personagens. Cada um destes assuntos não foi deixado ao acaso e na hora certa foi mostrada sua importância. Quanto aos personagens, Daniel com certeza roubou a cena. Ele é um rapaz com uma história de vida de muita solidão e perdas, e mesmo assim tem uma determinação sem tamanho na luta contra o mal que lhe aflige. Ele é gentil e desde sua primeira aparição ganhou meu coração com um carisma nato envolto em muita timidez.

Eu que adoro histórias sobrenaturais e de investigação policial me vi totalmente envolta nesta trama que mesclou os dois temas de maneira magistral. Você se vê acreditando nos lobisomens, aceitando a situação de Hector e Daniel como algo normal, pois as autoras inserem isso com tanta naturalidade no enredo que parece ser parte do mundo real.

A ambientação em cidade pequena contribui para dar aquela aura maior de mistério e deixar o clima bem sombrio. O contraste entre as duas épocas foi bem marcado e literalmente você viaja pelos locais e consegue enxergar as transformações.

Há um toque sutil de romance, mas nada que tire o foco no tema central, que são os terríveis assassinatos.

O final é fechado e conclusivo, mas deixa uma abertura para novas aventuras. Há pouco tempo a Farol anunciou um segundo livro, Olhos de Lobo, pelo visto vamos ter mais aventuras desta turminha. 





2leep.com

24 comentários:

  1. Vim correndo ler sua resenha, porque esse é meu livro favorito nacional. Eu fico lendo e relendo ele várias vezes esperando a continuação, já estou a uns 5 anos esperando e mal acredito que vai estar nas livrarias em julho
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Cida, eu ainda não me acostumei com essa Rosana versão adulta, eu ainda tenho a visão da Rosana que escrevia livros infantis
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Cida!

    É a primeira resenha que leio deste livro e foi suficiente: quero para ontem!
    Adoro histórias que unem sobrenatural com investigação, são tão empolgantes. Achei a premissa muito boa e convidativa, especialmente por envolver lobos, eventos do passado, livros antigos e serial killers... Parece ser uma história bem interessante.
    Já anotei a dica! Ótima resenha.

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá, Cida.
    Nossa que livro é esse? Eu amei a premissa da história, apesar de ter ficado com medo por causa das bonecas de porcelana, que morro de medo. Ainda não li nada da autora, mas adorei a indicação. É um livro que vai para minha lita de desejados.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia essa autora mas aparentemente ela é otima en!? Acho que nunca li anda policia e sobrenatural ao mesmo tempo, darei uma olhada.

    Abraços.


    aressacaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Acho que não tenho coragem de ler um livro como esse hahaha sou muito medrosa, só de ler o post já fiquei meio "por que fui ler isso antes de ir dormir? :(" kkk
    Bjs

    http://restauradordosnervos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida,
    Eu gostei bastante da resenha, parece ser bem interessante...mas as bonecas me deixaram :O que nem a Sil falou HAHA
    Nunca li nada envolvendo lobos, nesse estilo, e gostei. Ainda mais com todo clima de investigação. Amei demais a dica.

    tenha uma ótima quinta. :*
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  8. Oi Cida, sua linda, tudo bem?
    Você chamou minha atenção quando disse lobisomens, risos... Adorei a trama dessa história, essa investigação envolvendo o passado e o presente e saber que a escrita das autoras é tão real assim, só me deixa mais animada. Não conhecia o livro, mas agora não vejo a hora de ler. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Uau.
    Sou apaixonada por livros sobrenaturais, a ainda mais por romances policias onde há serial killers e ministério envolvendo assassinatos.
    Já tinha ouvido falar desse livro, porém não lhe dei muita importância não, nem cheguei a ler a sinopse, ja estou apaixonada pelo Daniel.
    O enredo parece bastante promissor, gosto quando o livro envolve elementos do passado e presente, depois unindo os dois tempos, admiro tamanha habilidade por parte do autor.
    Vou garantir meu exemplar, por que eu necessito urgentemente dessa leitura.

    ResponderExcluir
  10. Oi, Cida! Eu não conhecia o livro e adoreeei! Quando era mais nova costumava ler muitos livros nesse estilo e amava. Isso dos fatos de um livro se repetirem, a trama se passar numa cidade pequena e ainda por cima no século passado foram detalhes que me ganharam já na sinopse!

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  11. Eu amei sua resenha porque Sangue de Lobo é meu livro favorito da autora e infelizmente muita gente ainda não leu.
    Adorei!
    http://oreinoencantadodeumaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá Cida, como vai?
    Ainda não li nada da autora, mas acho legal essa temática puxada para lobisomens mais sanguinários e que não brilham. rsrs Dica anotada!

    Lucas - Carpe Liber
    http://livrosecontos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá Cida,

    Vi muitas publicações falando desse livro mas essa é a primeira resenha que leio e me convenceu logo de cara, com certeza vai pra minha lista....bjs.


    http://www.devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Cida!
    Gosto de livros policiais onde os assassinatos dominam.
    E esse lance de passado e presente me atrai ainda mais.
    Quero muito ler o livro.
    “Eu creio que um dos princípios essenciais da sabedoria é o de se abster das ameaças verbais ou insultos.” (Maquiavel)
    Com
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista especial de aniversário em abril: com 6 livros 5 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  15. Este livro me parece demais, pois amo mistério e suspense. E histórias sinistras nos prende a querer ler mais e mais. ><

    ResponderExcluir
  16. Estou doida pra ler esse livro, curto muito um policial, parece ser bem eletrizante e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  17. Depois ler muitas resenhas criticas positivas em relação a esse livro, comecei a olhar essa estória com outros olhos, e passei a me interessar pela leitura, pelo fato de parecer ter uma trama envolvente e cativante,e de parecer ter uma trama imprevisível.

    ResponderExcluir
  18. Melhor livro que exite, um dos mais bem escritos que já li, ótima resenha :)

    ResponderExcluir
  19. Oi Cida! Hmm sobrenatural, assassinatos, mistério com uma pitadinha de romance? Assim parece bom! e se for nacional melhor ainda hahah gostei! nao conhecia o livro, mas fiquei interesada depois de ler a resenha e tb nao gosto de final vago entao mais um ponto pro livro!

    ResponderExcluir
  20. Já li algumas resenhas e vários comentários sobre o livro e até o presente momento, só tenho visto elogios. Gosto dessa mistura de passado e presente e quando é um policial fica melhor ainda. Quero ler o livro.

    ResponderExcluir
  21. Ainda não conhecia o livro, mas amei sua resenha, agora estou curiosa com essa história. Imagino ser uma leitura muito agradável devido a todo esse mistério e sobrenatural. Mais um lindo nacional entrando para minha lista de quero ler ;)

    ResponderExcluir
  22. O mistério do livro que me chamou mais atenção, toda essa história de morte tbm, meu gênero favorito!
    Adorei a sinopse e a resenha!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  23. Gosto muito de livros que tem investigação policial, gosto do suspense, de "saber" e ao mesmo tempo não saber o desfecho.
    A parte do sobrenatural eu deixaria passar kkk, mas pela sua resenha, parece que a autora intercala muito bem essa parte com as outras.

    ResponderExcluir
  24. Adorei a resenha, fiquei muito curiosa pra conhecer essa história. Amo livros e filmes de lobisomens e com a mesma intensidade gosto de história (reais ou não) sobre serial killers. Parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!