[Resenha] A Traição de Natalie Hargrove

A Traição de Natalie Hargrove
Título Original: The Betrayal of Natalie Hargrove
Autor(a): Lauren Kate 
Editora: Galera Record         Páginas: 240
Lançamento: 2015               ISBN: 9788501092304
Natalie Hargrove ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||

O livro de estreia da autora da série Fallen A traição de Natalie Hargrove é um drama contemporâneo, inspirado no clássico de Shakespeare, Macbeth. Natalie mataria por uma chance de ser coroada a rainha do baile de Palmetto High. Mas Mike King, seu namorado, não parece tão empolgado para ser rei, e pode perder essa honra para o maior inimigo de Natalie, o irritante Justin Balmer. Determinada a impedir que isso aconteça, ela tem uma ideia de um trote perfeito para colocar Justin em seu devido lugar, e convence Mike a ajudá-la. Aproveitando que Justin estava bêbado e vestido de mulher após uma festa à fantasia, eles o amarram inconsciente no presépio da igreja. Tudo parece muito engraçado, até a manhã seguinte, quando percebem que Justin está morto. E a partir daí, eles se envolvem numa perigosa trama para esconder seu segredo.

Eu sou fã da série Fallen, sei que divide opiniões, mas eu gostei muito e guardo com carinho no coração e na estante aquelas histórias de amores impossíveis e anjos caídos, desde então eu não deixo passar uma livro escrito por Lauren Kate, e com certeza a sua primeira obra estava há um bom tempo na minha wishlist, fiquei muito feliz ao ver, finalmente, A Traição de Natalie Hargrove, entre os lançamentos do mês da Galera Record e eis aqui o que achei.

Antes de mais nada eu alerto que a semelhança entre este livro e a série Fallen fica só na capa, não é um livro sobrenatural, embora tenha uma certa passagem de outro mundo, é uma história contemporânea e protagonizada por uma garota muito diferente da Luce de Daniel Grigori, Natalie Hargrove é o que podemos chamar da própria imagem da intriga e decadência juvenil, uma pequena víbora escondida atrás de um rostinho bonito.

Natalie Hargrove é uma garota que estuda num colégio de elite e tem seu lugar de destaque na infame sociedade estudantil de Palmetto High. Quem costuma ler muitos livros com histórias ambientadas em colégios americanos sabe que os adolescentes de lá têm sua própria organização social e universo impenetrável, são um organismo vivo dentro de um mundo maior e com regras e costumes muito particulares, muitas vezes a fama e status são marcados pela popularidade  e grau de inveja que despertam nos demais, e nossa protagonista luta pelo lugar de destaque nesta hierarquia, ser coroada a princesa da escola em um concurso que data desde os primórdios  desta instituição de ensino esnobe, e para seu sonho ser completo seu par precisa ser seu mais que perfeito namorado Mike, contudo é uma disputa e um outro garoto parece estar bem interessado em dividir o trono com Natalie.

Justin Balmer é lindo e mexe com Hargrove profundamente, a razão para isso é um grande mistério e vai permanecer conosco até a última página do livro, mas o fato é que ela quer ele bem longe e para isso prega uma bela peça no garoto, pena que o resultado foi a morte dele e agora ela e Mike estão com muita culpa, mesmo que tenha sido sem querer, eles têm que lidar com as consequências de um crime. 

A história é narrada por Natalie Hargrove e desde o começo temos total conhecimento de como funciona sua mente perversa e fútil, cheia de planos para salvar a pele e ser uma celebridade no colégio, ela esbanja falta de caráter e em nenhum momento eu fui capaz de me ver torcendo pelo seu sucesso, vejam bem, eu não tenho nada contra aqueles que querem ser populares e até mesmo poderia ter sido mais compreensiva com ela no caso da morte de Justin, afinal acidentes acontecem,  mas ficou difícil pois Natalie Hargrove é má, é uma pessoa que não está nem aí para ninguém, só pensa em si o tempo todo e não viu o resultado de seu trote como algo para se arrepender, ela achou que estava certa e quis de todas as formas jogar a culpa em outra pessoa. Minha nossa! Como uma pessoa tão jovem poderia ter um coração tão negro?

No começo fiquei bem frustrada com a importância que ela atribuía ao tal concurso e como aquilo regia sua vida, já estava bem cansada de tantas artimanhas para chegar ao topo, mas aí quando a morte de Justin aconteceu e ela se viu cercada por todos os lados e sem ter para onde fugir eu fui curtindo a trama, eu torci sim, mas não por ela e sim contra, estava doida para ver o fim do reinado da princesa Natalie Hargrove.

É uma história  que dá para ler rápido, a escrita de Kate é bem fluida e as intrigas nos prendem fácil, eu lembrei de um filme que eu adorava na adolescência, Segundas Intenções, protagonizado por Ryan Phillippe, Sarah Michelle Gellar e Reese Witherspoon, o clima desta história lembra muito aquela vida sem regras e censurável daqueles jovens, uma realidade promíscua, onde o sexo na adolescência é algo muito natural, sem encanação e as drogas e bebidas também, já deixo uma alerta para que não se assustem com a desenvoltura da protagonista neste aspecto. Eu gostaria que tivesse ocorrido uma abordagem mais profunda em alguns pontos,  especialmente no tocante ao passado de Natalie, que embora vivesse no meio da elite, não tinha nascido em berço de ouro e estava ali só por ter uma mãe alpinista social, e também  em relação aos universos paralelos ao dela dentro de Palmetto High, tínhamos personagens interessantes que poderiam ter tido mais espaço.

Eu curti a leitura, traz algo diferente e perturbador, não é bonitinho nem conta com aquele final feliz, é algo obscuro em muitos aspectos e mostra um lado perverso da natureza humana. O final foi meio corrido, mas trouxe uma justiça indireta, não há uma continuação, mas poderia ter, visto que Natalie Hargrove é uma personagem de infinitas possibilidades.





2leep.com

10 comentários:

  1. Oi Cida...
    Eu ainda não li nada de Lauren, e até perdi um pouco a vontade de ler a série Fallen, mas este livro parece ser ótimo.
    A protagonista desse ser ousada nesses aspectos que hoje não parece tão natural. Só odeio finais corridos.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, Cida!
    Nossa, a Natalie deve fazer a gente ficar com muita raiva dela por tudo isso que ela faz. E como gosto de uma história que fale desses tempos de colégio vou conferir.
    Ótima resenha! Bjão <3

    ResponderExcluir
  3. oi Cida, tudo bem? fiquei impressionada e ao mesmo tempo curiosa, ja que a Natalie me parece ser uma completa anti heroína, então desvendar a mente dela deve ser um prazer e ao mesmo tempo uma intriga
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, Cida!

    Li a série Fallen e gostei bastante, então assim como você, os livros da Lauren eu sempre tenho interesse em ler. Uma personagem bem diferente da Luce... Essa eu preciso conhecer!

    O livro já está na lista de desejados.

    Beijos
    Elidiane
    Leitura Entre Amigas

    ResponderExcluir
  5. Eu estava precisando de uma opinião pessoa pra saber se pego esse livro pra ler ou não. Sim, eu adoro a série Fallen, mas fiquei com medo de ser parecida.

    Que bom que não é... Tô aqui escrevendo esse comentário e já abrindo a loja aqui do lado, kkkkkkk

    Adorei a resenha, vou comprar!!!

    Bjksssssss

    Ah! A capa é linda ♥

    Lelê

    ResponderExcluir
  6. Eu gosto de variar a leitura e ler algo que não tenha o mesmo final feliz de sempre.
    Já conhecia esse livro, apesar de ainda não ter lido, e achei ele bem interessante!
    A capa com certeza chama a atenção!!!

    Beijo
    O Outro Lado da Raposa

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida!
    Eu gostava da série Fallen no começo, mas depois desisti de acompanhar. Pela capa achei que esse livro era continuação da série, que bom que você explicou!
    Eu também gostava do filme Segundas Intenções, por isso acho que gostaria do livro.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  8. Oi, Cida!

    Não gostei da personagem principal, mas acho que ainda assim deve ser uma boa leitura, por ser diferente do que eu estou acostumada a ler. É pena que algumas questões tenham sido pouco desenvolvidas.
    Ótima resenha! Aliás, tenho muita curiosidade em ler algum livro da Lauren Kate, acho que será uma boa oportunidade, apesar de alguns detalhes desagradáveis.

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Cida!
    A série Fallen é tão desejada por mi, porém ainda não tive oportunidade de ler. Adoro anjos e o sobrenatural e fiquei um tantinho triste por saber que esse livro não segue os parâmetros da série...embora como tenha dito, nos mostra o lado obscuro do ser humano, talvez por isso, mereça a leitura.
    “A imaginação é mais importante que o conhecimento.”(Albert Einstein)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  10. Oi Cida, tudo bem?

    Quando eu vi que a autora ia publicar mais um livro eu pensei que era algo relacionado a Fallen, mas fiquei feliz quando vi que não era. Gostei da premissa do livro e acho que eu vou gostar deste ao invés da série Fallen.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!