[Resenha] Entrelinhas

Entrelinhas
Título Original: Between the Lines (Between the Lines #1)
Autor(a): Tammara Webber 
Editora: Verus                       Páginas: 350
Lançamento: 2015               ISBN:  9788576863861
Entrelinhas ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Reid Alexander, um dos jovens atores mais bem pagos da atualidade, está acostumado a conseguir o que quer - e o que ele quer agora é Emma Pierce, a atriz novata que vai fazer par romântico com ele no próximo filme. Os astros parecem estar se alinhando para realizar o seu desejo, até que ele se vê diante de dois obstáculos inesperados: uma ex-namorada ressentida e um rival que vai disputar o coração de Emma. Emma Pierce acaba de receber uma oportunidade de ouro após anos atuando em comerciais e filmes para TV. Fazer o papel principal em um filme de grande orçamento, contracenando com o lindo Reid Alexander, deveria ser a realização de um sonho. Mas o coração de Emma esconde uma fantasia secreta: ela quer ser uma garota normal. Entrelinhas é o primeiro volume da série homônima de Tammara Webber, autora que já conquistou os leitores brasileiros com livros como Easy e Breakable. Embarque em mais esta história arrebatadora, que vai deixar você querendo muito mais.
Easy foi um livro que curti bastante e Breakable foi simplesmente favorito, e desde que li este último estava querendo algo novo de Tammara Webber, então, entre os últimos lançamentos da Verus vi Entrelinhas e não perdi tempo, li rapidinho.

Primeiro volume da série de mesmo nome, composta até o momento por quatro volumes, Entrelinhas, Where Are You, Good For You e Here Without You, este livro nos traz um grupo de jovens atores trabalhando numa adaptação do clássico romance de Jane Austen, Orgulho e Preconceito, mas em uma roupagem mais moderna e ambientado numa escola de ensino médio de Austin. Os protagonistas do filme e também nosso narradores, são Reid Alexander e Emma Pierce, que tanto vão ter a possibilidade de se envolver nas telas, como na vida real.

Emma é uma jovem atriz em ascensão, sua vida é totalmente guiada pelo pai e pela madrasta e ela não tem poder de decisão nenhum, tudo gira em torno de papéis e mais papéis e a busca constante pela fama. Diferente de outros pais, o de Emma não pega no pé dela para fazer faculdade e isso, por incrível que pareça, vai contra os desejos da garota, que gostaria de ter um pai comum e que cobrasse algo mais, ao invés de ficar só a empurrando constantemente para os holofotes de Hollywood. Ela joga a filha para a vida de estrelato e não está nem aí se ela bebe, vive algum tipo de loucura adolescente e tal, é uma cara controverso e que para piorar faz tudo que a megera da esposa quer, pobre Emma.

Reid é o garoto de ouro das telas, com uma beleza ímpar e uma legião de fãs, curte a vida adoidado e sem nenhuma responsabilidade, acha que é o dono do mundo e não se faz de rogado quando tem a chance de aproveitar os benefícios da fama, seu pai, ao contrário do de Emma, é meio ausente, mas adora dar lição de moral no filho.

Enquanto ele tem papel garantido na produção, ela precisa fazer testes de elenco, mas a química entre os dois é tão grande, que logo não resta dúvidas que serão o casal perfeito e Reid vê na garota uma grande conquista, o problema é que um outro ator acaba chamando também a atenção de Emma, Graham Douglas. Ele é o oposto de Reid e completa nosso triângulo, na verdade um quadrilátero, já que ainda temos Brooke Cameron, ex de Reid,  que ninguém sabe exatamente o que representa para Graham.

O texto é leve e descontraído, a trama em si é bem diferente das dos livros anteriores que li de Webber, que além de terem personagens cursando faculdade, não ensino médio, lidavam com muitos dramas e traumas.

Um livro despretensioso, há clima de camaradagem no ar e adorei não ver aquela inveja excessiva, nem intrigas venenosas constantes, não há disputas do tipo:  "Eu sou mais popular que você" ou "Eu vou acabar com você". Algumas vezes os personagens agem de forma um tanto fútil e superficial, senti falta de algo mais intenso em relação à alguns, no entanto isso foi de acordo com toda a abordagem tranquila da obra em relação a vários assuntos. 

Uma garotada de vida boa, que gosta da fama e o que ela traz e não tem limites no sexo, balada e bebidas, fazem jus ao estereótipo de astros de Hollywood. OK! Não vou generalizar, Reid representa isso plenamente junto com alguns de seus amigos, mas outros atores, como Emma e Graham, e até mesmo Brooke  - que pode parecer que vai ser a megera da vez, mas depois prova que não –, são mais regrados e contidos, respeitam certos limites.

Embora existam vários personagens na história, são este quatro que se destacam, Emma fica bem dividida entre os dois, mas Brooke também tem algo com eles que não sabemos o que é, um pequeno suspense que a autora mantém para despertar nosso interesse e ser fator definitivo para duas grandes decisões que Emma toma no decorrer na história.

Eu achei o livro bem gostosinho de ler e tive opiniões diversas sobre cada personagem. Brooke um eterno enigma, mas de um jeito legal, ela promete acontecer no próximo livro pelo que já andei pesquisando. Já Reid, eu simplesmente detestei, convencido, pretensioso, folgado e metido a conquistador barato, não vou dizer que usava todas as mulheres, até porque algumas se deixavam usar, mas ele era bem canalha e vivia pressionando Emma para transar com ele, e ela sempre disposta a agradar todo mundo ficava com medo de ser rude e dar um chega pra lá nestas ousadias. Emma me agradou quando enfim reagiu e falou o que queria, nada de ter que ler nas entrelinhas para chegar em algum lugar, ela queria algo sólido e direto, evolui e chegou ao final com uma postura de dar orgulho, bem no estilo: " Quero ser feliz e quero o melhor para mim". Nada de se contentar com pouco. Isso aí garota! Valorize-se!

E na minha opinião quem roubou a cena foi Graham Douglas, discreto, sutil, cavalheiro e muito doce sem ser certinho demais, algo bem sexy na verdade e claro minha escolha para Emma, só que Webber não nos deixa saber quem ganha o coração da garota e somente nos últimos capítulos tive a resposta. Vale lembrar que mesmo grande parte dos personagens serem jovens na faixa dos 17 e 18 anos, ele é mais velho que os demais.

Entrelinhas é um livro com uma história cheia do brilho do universo das celebridades, mas embaixo disso há um grupo de jovens que lida com problemas bem realistas e comuns para todos na mesma faixa etária: a ansiedade pela entrada na vida adulta, a pressão da tão esperada primeira vez, a gravidez na adolescência, relações familiares, qual faculdade escolher e os eternos dilemas do coração, algo que vai acabar fazendo com que o leitor  se identifique,  já que pode ter passado por isso ou está passando, de alguma forma soa familiar, não é uma história para te fazer refletir ou chocar, e sim puramente para entreter e até mesmo suspirar. Recomendo.





2leep.com

13 comentários:

  1. Cida enquanto lia vi muitas semelhanças com outros livros, não sei se daria uma oportunidade agora, mas no futuro talvez, pois o enredo até que parece bem trabalhado, quem sabe dê algo novo à uma história clichê?
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Estou bastante ansiosa para a leitura do novo livro da autora, mas confesso estar com um certo receio. Li somente Easy, e infelizmente não tive a oportunidade de ler a continuação; mas espero gostar. Bem, pela premissa feita por você, acredito que talvez o livro não venha me agradar, pelo fato do ambiente criado.... Talvez seja fase ou o decorrer dela, mas o ambiente ensino médio fica um pouco pra trás quando você vai crescendo.... Espero que esteja entendendo. Mas está na lista, talvez quem sabe, eu leia e goste.

    Beijos,
    http://miiheomundoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Cida, tudo bem ?

    Adorei a capa deste livro ainda não li nenhum livro da autora mas creio que os outros anteriores façam mais o meu estilo esse achei que tem mais uma pegada jovial e história apenas para passar o tempo não sei se leria por agora prefiro história mais fortes com dramas rsrs .

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  4. Eu amei essa capa é linda demais e gostei muuuuito do enredo desse livro, é o tipo de história que eu amo ler.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Nunca li nenhum livro da autora, mas tenho muita vontade e esse me chamou a atenção pelo fator Orgulho e preconceito. Não sabia que era uma série e isso me deixa meio receosa, mas espero gostar da estória. Estou com o livro aqui e com certeza lerei logo.

    Beijos
    http://aluafoiaocinema.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi, Cida!
    Nossa, um quadrilátero? hahahahah Eu acho que o livro não me agradaria muito, apesar de ser uma história que fala de jovens que estão na faculdade e também no universo das celebridades não faz muito o meu tipo de leitura.
    Ótima resenha! Bjos <3

    ResponderExcluir
  7. OI Cida, tudo bem?
    Me cativei pela resenha. Os personagens parecem conquistar de uma forma ou de outra. E todos esses assuntos abordados devem dar um toque especial no livro. Diante de tantos elogios, lógico que quero ler a obra, ainda não li nada da autora.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oie Cida =D

    Já estou com esse livro no Kobo para ler, pois sou apaixonada pela narrativa da Tammara *-*
    E estou em busca de uma leitura bem leve mesmo, já que ando lendo livros um pouco dramáticos demais ultimamente. Acho que depois dessa sua resenha vou passar ele na frente dos outros livros que tenho aqui rs...

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  9. Oi Cida,
    Gostei da trama, achei interessante a autora falar sobre o universo das celebridades, e fiquei curiosa para acompanhar o comportamento de cada personagem nesse universo, mas como o livro faz parte de uma série, vou aguardar o lançamento dos próximos livros, para lê-los juntos.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Cida!
    Eu nunca li nenhum livro da autora, mas todos são bem desejados! Estou com vontade de ler Entrelinhas, parece ser uma leitura leve apesar de tratar de alguns assuntos mais sérios.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  11. Oi, Cida!

    Ainda não li nada da autora, mas este livro chamou minha atenção, especialmente por citar "Orgulho e Preconceito", rs (meu queridinho).
    Só de ler sua resenha já fiquei com raiva de Reid e gostei imediatamente de Graham. Também foi bom saber que há amadurecimento, pois ficaria entediada com a passividade de Emma.
    Ótima dica, estou louca para ler!

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Cida!
    Entrelinhas me parece mais um livro onde os adolescentes tem uma antecipação de sua maturidade através do mundo glamouroso do cinema.
    Já li alguns com o mesmo sentido e no momento não ando vendo graça nesses livros repetitivos.
    Quero coisa nova para poder estimular minha mente...
    “A imaginação é mais importante que o conhecimento.”(Albert Einstein)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  13. Oi Cida, tudo bem?

    Eu gosto muito da escrita desta autora e gostei muito da premissa deste novo livro. Espero gostar da leitura :)

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!