[Resenha] Doce Relíquia Mortal

Doce Relíquia Mortal
Título Original: Remember When (In Death #17.5)
Autor(a): Nora Roberts, J.D. Robb
Editora: Bertrand Brasil       Páginas: 266
Lançamento: 2015               ISBN: 9788528620184
Doce reliquia mortal ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Romance e emoção no novo livro de Nora Roberts, escrito em parceria com seu pseudônimo J.D. Robb. Laine Tavish é a conhecida dona da Doce Relíquia, uma encantadora loja de antiguidades. Seus clientes, no entanto, nem imaginam que ela é filha de um trapaceiro conhecido pela polícia e que cresceu como uma fora da lei, sempre se mudando de cidade. Mas o passado de Laine acaba por alcançá-la. Seu tio há muitos anos desaparecido visita a Doce Relíquia e deixa um misterioso alerta antes de morrer atropelado por um carro. Logo em seguida, a casa de Laine é saqueada. Agora, as respostas sobre quem a persegue – e por quê – precisam ser encontradas por ela e pelo enigmático e atraente Max Gannon. E uma fortuna em diamantes roubados e desaparecidos faz parte desse mistério. Décadas depois, na Nova York do ano 2059, uma boa parte do velho tesouro que Laine e Max tanto buscaram continua sumida. Mas agora há mais alguém à procura dos diamantes; uma pessoa disposta a matar por eles. Doce Relíquia Mortal é uma jornada eletrizante onde se misturam o romance e a emoção nos dias de hoje com o suspense futurístico de várias décadas adiante. É uma história cheia de trapaças e segredos, de mulheres fortes e homens fascinantes – uma combinação incrível das duas facetas de Nora Roberts, autora amada por fãs de todo o mundo.

Sou fã de Nora Roberts, desde a minha adolescência leio seus romances, tanto os contemporâneos quanto os sobrenaturais, mas ainda não tinha conferido algo escrito com o pseudônimo J.D. Robb, e olha que curto tramas policiais.

Doce Relíquia Mortal une os dois universos da escritora e logo que vi o lançamento soube que teria que ler, não só por ser dela, mas para conhecer sua escrita no todo, e ouso dizer que não só fui surpreendida de maneira positiva, como fiquei muito arrependida de nunca ter lido nenhum livro da Série Mortal, estou até desconfiada que possa gostar mais que dos romances.

O livro é dividido em duas partes, algo que eu não sabia até começar a leitura e dar uma folheada nas páginas, parecia que eram duas histórias diferentes, como dois contos em um livro único, eu imaginava que teria uma história só e nela teria presente os elementos marcantes da escrita de Nora e J.D. Robb, ambos mesclados. Ok! Eu já não sabia mais o que encontraria e mergulhei na leitura.

A primeira parte, Doce Relíquia,  é Nora Roberts no seu melhor estilo de romance, charmoso e sofisticado, com um casal adorável, de personalidade forte e muito carisma. Laine Tavish tem uma loja de antiguidades em um cidade pequena e num belo dia é procurada por um homem misterioso, ele demonstra lhe conhecer bem, mas ela nem faz ideia de quem seja, assim não dá muita atenção ao mesmo, até o momento que ele sai da loja e é atropelado. Laine ao tê-lo em seus braços, dando os últimos suspiros, finalmente o reconhece  nele seu “tio”, que ao lado do pai dela, passou a vida dando golpes aqui e ali. Esta morte suspeita vem acompanhada de uma série de fatos incomuns e de Max Gannon, um detetive particular que estava caçando o pai de Laine. A garota e o detetive sentem-se atraídos imediatamente, ela é super decidida e parte literalmente para o ataque, com salto alto, pretinho básico e um bom vinho. Preparem-se para encontrar uma protagonista das boas, que nos inspira na arte da conquista e de quebra tem alguns truques na manga, isso mesmo, filha de vigarista não poderia ser uma tola, embora usasse nome falso e tentasse ocultar o passado.

O romance desta história é quente na medida certa, Nora sabe criar cenas sensuais e sedutoras, embora eu tenha achado o envolvimento de Laine e Max muito rápido, entendi bem como chegou a tal ponto, afinal não é nada comum, pois esta história de amor doce ganha novos sabores ao ser apimentada com um grande roubo de diamantes. Imaginem quem vai tentar recuperar as pedras? Nosso casal, é claro.

Foi uma leitura gostosa, divertida e empolgante pelo acréscimo da caça aos diamantes, o pai de Laine é um ótimo personagem secundário e faz o leitor rir com facilidade. Romance e aventura para qualquer hora, com final redondinho.

A segunda parte, Relíquia Mortal, se passa na cidade de Nova Iorque, no ano de 2059 e logo notamos que o mundo está em um outro patamar tecnológico, é impressionante o cenário e todos os apetrechos que a humanidade têm disponíveis, muito legal. E nesse mundo futurístico, a escritora Samantha Gannon, volta ao seu apartamento depois de uma turnê de divulgação de seu mais novo livro, encontra em casa a melhor amiga morta e tudo revirado, assim entra em cena, Eve Dallas, a policial da divisão de homicídios de NI que protagoniza a Série Mortal.

Genial! Foi a palavra que veio na minha cabeça quando saquei a jogada da obra! Vocês repararam no sobrenome da escritora, Gannon, igual o do Max da Laine? E sabem qual a história de livro dela? Era algo sobre um roubo de diamantes, revelando fatos que ficaram para trás sem solução, despertando a curiosidade de alguém com muita ganância e coragem de matar. Samantha era a neta de Laine, e após mais de meio século estava envolvida no mundo dos crimes tal como seus avós, embora não da mesma maneira.

As duas histórias são ótimas e  com climas bem diferentes, mas se completam com maestria e nos dão um livro incrível, confesso que curti Doce Relíquia, mas Reliquia Mortal me tirou o fôlego, o cenário criativo, um crime para investigar bem sangrento e uma policial inteligente, com um ótimo sexto sentido e que não está nem aí em agradar. Eve é geniosa, de humor ácido e irrita muita gente com seu sarcasmo e eu vibrei com sei jeitão linha dura, só quando estava com seu lindíssimo e carinhoso marido demonstrava certa fragilidade, e este marido é outro ponto positivo na trama.

- Considero a senhora uma pessoa muito desagradável, tenente.

- Olha que interessante! A recíproca é verdadeira.
Confesso que sou desconfiada e insultante por natureza.

Vejam bem, Laine rouba a cena na primeira parte, especialmente quando assume quem é, e que gosta de aventura, mas Eve é tão mais intensa e profunda, há tanto sobre ela nas entrelinhas e como eu gostaria de conhecer os detalhes de sua jornada - pelo vista nada fácil -, e aqui deixo um alerta, você que não leu a Série Mortal vai pegar alguns spoilers em relação a vida dela e de outros personagens, acredito que quando eu ler não terei expectativas sobre algumas definições, especialmente no tocante a vida amorosa dela, mas mesmo assim meu interesse na série aumentou e muito, exatamente por curtir o que li, adoro histórias com investigação policial, mesmo que o desfecho tenha sido óbvio, é o desenrolar dos acontecimentos que cativa e te faz vibrar, desenvolvendo histórias paralelas, um pano de fundo consistente e as vidas e relações dos próprios personagens.

Em suma, eu recomendo para todos os fãs da autora, seu talento é inegável e acredito que ela sempre irá me surpreender.



2leep.com

20 comentários:

  1. Oi Cida, sua linda, tudo bem?
    Genial mesmo!!!! Adoro encontrar textos inteligentes. Eu conheço essa série, participei de um evento sobre e Nora e descobri que a série é imensa!!!! Mas todo mundo elogia muitooooooo!!!!! Então, quando vi que a sua resenha, vim correndo ler. Eu acho que vou gostar mais da segunda parte também, devido a investigação e ao casal de detetives da série. Nesse livro eles estão casados, mas nas resenhas que já li dos primeiros livros, esses eram que nem cão e gato, quando estavam separados. Adorei sua resenha!!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. oi flor, apesar de não ter um enredo que me atraia em primeiro momento como é Nora Roberts merece uma atenção mais especial
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oie,
    nossa não li nenhum livro da série, então fica dificil dizer alguma coisa, mas textos inteligentes é sempre bom neh?

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida, tudo bem?
    Esta é a primeira resenha que leio deste livro, e já me deixou com muita vontade de conferir.
    Eu gosto da Nora Roberts, e já leio seus livros há muitos anos, mas nunca li nada da série Mortal. A qual tenho muito curiosidade, pois sempre leio muitos elogios sobre ela. O problema é que é uma série super longa, e para iniciar agora fica complicado.
    Mas, adorei a dica, e logo que possível vou comprar Doce Relíquia Mortal e conferir.
    Ótima resenha. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  5. Ai, ai amiga....
    Você sabe que eu sou noraholic e fiquei louca quando soube desse lançamento, justamente porque também nunca li nada dela escrevendo como J.D.Robb. Espero um dia ainda poder ler a Série Mortal (numa realidade perfeita, eu encontraria todos os livros no Sub a R$10,00 cada um), mas enquanto isso não acontece, vou investir em Doce Relíquia Mortal para ter o gostinho de conhecer a Eve Dallas.
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  6. Oie Cida =)

    Não acredito que essa série já está no livro 17.5 O.O!
    Confesso que li os primeiros livros, mas acabei deixando a série de lado por conta da quantidade de livros rs...
    Prefiro a narrativa da Nora no estilo romance água com açúcar ainda, mas os livros dessa série que li gostei bastante. Afinal Nora é Nora *-*

    Ótima resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  7. Oiee

    Já li alguns livros também da Nora no passado mas sempre achei medianos não consigo ser muito fã dela rsrs não sei se leria esta série mas realmente só vejo elogios para a série Mortal e seu tão famoso personagem Roarke rsrs tenho curiosidade em ler!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  8. Nora Roberts é linda, uma diva literária como poucas, gostou bastante dos romances delas, mas nunca parei e peguei um livro de outro estilo escrito por ela, já ouvi falar da serie Mortal mas ainda não li.

    Pelo que você descreveu de Doce Relíquias achou que vou começar por ele e depois embalo em uma serie.

    Coisas de Mineira

    ResponderExcluir
  9. Eu curto a Nora, mas não compro os livros dela, é uma escrita legal, para aqueles dias que desejo algo que não me tire da zona de conforto. Esse livro resenhado não conhecia, sua resenha ficou bem empolgada, de fã mesmo. gosto de resenhas assim, pois geralmente são escritas com paixão.

    ResponderExcluir
  10. Oi, Cida!

    Nossa, também não sabia que se tratava de duas histórias. Adorei.
    Gosto muito da Nora Roberts, ela tem uma escrita tão fluida e envolvente. Fiquei muito curiosa para ler este livro, especialmente pelos personagens e o envolvimento entre eles.
    Ótima resenha!

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Ai Xezuz, toda vez que leio uma resenha da Nora
    fico tendo um siricutico.
    Como não li nada dessa mulher ainda, meu Deus, como???
    Espero amar completamente quando ler, porque as resenhas me despertam
    muito interesse. Ainda mais desses que são únicos, porque confesso que séries me
    cansam um pouco. beijos

    ResponderExcluir
  12. Oieee!
    Uauuuu, genial mesmo a forma q ela uniu as história, fiquei curiosa pq q nem vc na minha adolescência era mega fã da Nora, e cheguei a ler alguns livros da série mortal, eu lembro que amava, mas não lembro direito a histório, mas lembro da Eve Dallas!!
    Adorei a dica!! Bateu uma nostalgia boa da Roberts!!
    Bjos!
    Aline Praça
    www.leituravipblog.com

    ResponderExcluir
  13. Oláá
    Eu nunca li nada da autora por falta de oportunidade e curiosidade, sempre ouço elogios mas não é o tipo de leitura que procuro. Sua resenha está muito boa ;)

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Sempre que leio resenhas sobre os livros de Nora Roberts e sempre gosto, porém, nunca li nada dela ainda pois estou sempre colocando outros na frente. HAHA. Mas ainda quero ler.

    ^^

    ResponderExcluir
  15. eu tenho esse livro aqui para ler! uhusahuhsauash a historia eh boa mesmo e to querendo começar logo mas sempre enrolo sauhauhas
    tonsdeleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Mais uma vez a Nora causa frisson. Sempre fico desejando todos os livros dessa mulher, tem nem para onde correr. E a sacada desse é realmente genial, prende o leitor até o fim. Foi para a minha lista, é claro!

    ResponderExcluir
  17. Cida!
    Nora Roberts é diva!!
    O que mais admiro é a versatilidade com que seus romances são criativos e românticos, ela muda sempre o enredo, tem sempre um novo assunto a ser abordado e sempre dá em romance.
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  18. Oi Cida.
    Meu contato com a Nora foi apenas através de uma história envolvendo o sobrenatural, e foi uma leitura bacana.
    Que jogada de mestre essa de criar duas histórias num mesmo livro e que no final se completam hein, com certeza vai surpreender o leitor, até fiquei tentada a correr atrás desse livro agora mesmo.
    Preciso conhecer um enredo marcante da autora, e doce relíquia está em primeiro lugar.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  19. Oi Cida, tudo bem?

    Eu ainda não li nada que a Nora escreveu com esse nome, mas tenho muita curiosidade e este livro tem uma premissa muito boa e eu fiquei muito empolgada para ler. Espero gostar do livro :)

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oi Cida, tudo bom?
    Também só li os romances da Nora e não conheço suas narrativas policiais. Pela sua resenha, vejo que as duas histórias no livro trouxeram originalidade para a trama. Já fiquei com vontade de ler, pois tinha visto essa capa, mas não sabia nada da história ainda. Gosto de desenvolvimentos que fazem você torcer por cada momento da trama.
    Você sempre tem boas indicações Cida.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!