[Resenha] O Sétimo Filho (Livro + Filme)

O Sétimo Filho 
Título Original: The Last Apprentice: Seventh Son (Wardstone Chronicles #1-2)
Autor(a): Joseph Delaney
Editora: Bertrand Brasil       Páginas: 512
Lançamento: 2015               ISBN:  9788528620153
O setimo filho OK ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Em um mundo dividido entre luz e trevas, John Gregory, o Caça-Feitiço, é o sétimo filho de um sétimo filho e mantém uma cidade do século XVIII relativamente bem e longe dos maus espíritos. No entanto, ele não é mais jovem e suas tentativas de treinar um sucessor foram todas mal sucedidas - os pouquíssimos que terminaram o aprendizado são medíocres ou fracos ou covardes, e não se igualam a ele. Sua última esperança é um menino chamado Thomas Ward, também sétimo filho de um sétimo filho. De alguma forma, Thomas terá de aprender a exorcizar fantasmas, deter feiticeiras e amansar ogros que surgem sempre que o sol se põe. Seu primeiro desafio será grande - ele terá de enfrentar a Mãe Malkin, a mais terrível e poderosa feiticeira do Condado.
O Sétimo Filho, de  Joseph Delaney, reúne os dois primeiros volumes da série As Aventuras do Caça-Feitiço, “O Aprendiz” e “A Maldição”. Eu já li os três primeiros volumes desta série, mas por conta da chegada de sua adaptação cinematográfica resolvi fazer esta releitura, queria recordar os detalhes antes de assistir o filme.

Thomas Ward é o sétimo filho de um sétimo filho e isso o torna apto a ser o aprendiz de um Mago, assim sua mãe empenhou-se em direcionar o filho para este caminho, embora fique claro que há mais nesta história do que apenas ele ser ideal para o papel, afinal a mulher é cheia de segredos e seu passado é suspeito, no entanto, é inegável o amor e orgulho que sente do filho, ela deposita em Tom uma fé na salvação do mundo, mas o que nos ameaça é um mistério.

O Aprendiz mostra o início do aprendizado de Tom com o mestre Gregory, que é um homem reservado e frio, de poucas palavras, ele não acredita que o jovem irá aguentar a vida de um Mago, contudo no decorrer da história, Tom revela-se muito corajoso e determinado, embora mostre isso somente após entrar em uma grande confusão, pois em sua ingenuidade e afetado pelos encantos de uma jovem de sapatos bicudos, Alice, ele liberta uma poderosa bruxa há muito tempo aprisionada em um poço, Mãe Malkin. Quando a criatura das trevas ameaça o Condado e sua família, Tom parte para o ataque e nos surpreende, assim como ao seu mestre. Já em A Maldição, o garoto e o Mago estão mais próximos, diria até que o velho tem certo afeto por seu aprendiz e alguma confiança, tanto que quando é preso e tem sua vida ameaçada, é Tom quem vai salvá-lo e ainda destruir um criatura assustadora, o Flagelo.

O universo de fantasia de Delaney é incrível, há bruxas, demônios, maldições, segredos, magia e muitas aventuras, e claro, personagens que cativam facilmente e outros que podem fazer você perder o sono. Quando comecei a ler a série minha primeira surpresa ficou por conta do teor sombrio da trama, eu imaginava algo mais leve, já que o protagonista Tom é apenas um garoto , mas ao contrário disso, me deparei com uma história cheia de sangue e magia negra, a maior parte das bruxas aqui é pura maldade, elas devoram crianças tranquilamente e bebem sangue, aliadas as aparições de outras criaturas ainda mais assustadoras, me deixaram em certos momentos com aquele medo, mas como o bizarro me atrai, não consegui largar o livro.

A história é narrada em primeira pessoa por Tom, que divide conosco a experiência de ser um aprendiz de Mago, ele é um garoto que sente falta da família, mas entende que precisa seguir seu caminho para fazer sua vida, já que como não é o filho mais velho, não pode herdar a propriedade dos pais, ou seja, ele tem que se manter sozinho, o que deve começar cedo. Tom enfrenta coisas perigosas nesta jornada, o autor não pega mais leve com seu personagem só porque é jovem, naquelas terras as pessoas precisam ser espertas cedo ou morrem. Eu gosto do garoto e me divirto com sua habilidade em entrar em frias, é exatamente por isso que cativa, por sua inocência e boa fé.

Tom não entraria nestas situações peculiares sem Alice, a garota descendente de um clã de bruxas más, as piores inimigas de Mestre Gregory. Alice é um enigma e seu caráter impossível de definir, já que algumas vezes age com honestidade e em outras de maneira totalmente reprovável, mas se formos pesar, seus atos de bondade ganham, então podemos considerar que a garota não é totalmente vilã. O mestre entra nesta mesma categoria, é complicado dizer se é bom ou não, depende do ponto de vista de cada um, mas ambos são personagens carismáticos, tal como Tom.

Não esperem perfeição destes três, nem de qualquer outro personagem, todos aqui são pessoas com defeitos e virtudes e podemos em algum momento estar do seu lado e em outro querer que sejam punidos, mas isso é um ponto positivo, pois quem é totalmente perfeito? Delaney os caracterizou de maneira a parecerem pessoas de verdade, são convincentes.

Os livros têm finais fechados, cada um aborda uma nova aventura de Tom ao lado do Mago, e claro que Alice sempre está por lá. No segundo ela é a peça decisiva para o desfecho e acaba conseguindo se aproximar mais do velho, que vive querendo dar um fim nela e deixá-la bem longe de Tom. Gregory não caiu de amores pela garota, mas pelo menos ficou menos rígido. O que podemos observar em cada novo volume é a evolução das relações, cresce a confiança entre mestre e aprendiz e há um cheiro de romance no ar entre Tom e Alice. Eu torço para isso, adoraria vê-los juntos quando forem mais velhos.

É uma obra que mescla momentos malignos e sombrios com outros leves e divertidos, há mistérios para serem desvendados e monstros para serem caçados, há muitas particularidades nesta trama, coisas que senti muita falta ao assistir o filme, que apesar de ter os mesmos personagens, apresentou uma história bem diferente.

No elenco temos Ben Barnes como Tom, Jeff Bridges como Gregory e Julianne Moore como Mãe Malkin. A bruxa ganha mais destaque no filme do que no livro, só que perdeu aquele poder de me assustar, os personagens Tom, Gregory e Alice não têm carisma e nem a história apresenta momentos divertidos, como aqueles vindos da interação dos dois jovens, falando nisso, Tom e Alice já são adultos e envolvem-se amorosamente, o que fez com que a inocência da relação de ambos fosse perdida. Eu esperei muito tempo por este filme e não atingiu minhas expectativas, como um filme de fantasia e aventura mediano é aceitável, mas não convence como adaptação dos livros,  fico feliz de ter lido a série antes e aconselho que vocês leiam, independente de terem ou não gostado do filme, pois é bem escrita e empolgante.

E para os fãs, tem uma ótima noticia. O autor foi confirmado para a Bienal do Rio.

2leep.com

30 comentários:

  1. Eu vi o filme e confesso que espera MUITO mais, aí confesso que me desanimei para ler o book :(
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Cida!
    Estive na porta do cinema, compramos o ingresso, porém não assistimos o filme, acredita? Aconteceu um imprevisto e tivemos de voltar para casa.
    Quero muito poder ler o livro porque traz elementos que adoro: bruxos e muita fantasia.
    E que notícia fabulosa saber que o autor estará na Bienal do RJ, pena que não poderei ir...:(
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também não irei Rudy, e este ano teremos vários autores que amo.

      Excluir
  3. Oi Cida
    Gosto muito quando sai a adaptação do livro para o cinema, vou conferir de perto :)
    Adorei a resenha
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida!
    Estou querendo muito ler este livro e depois da sua resenha só venho confirmar que é fascinante esta história. Ainda não vi o filme e vou tentar ler o livro antes.
    Sempre bom estar por aqui!
    Ainda em tempo desejo que seu dia de Páscoa tenha sido bem doce e recheado de coisas boas que fazem o coração feliz.
    Beijos

    Saleta de Leitura

    ResponderExcluir
  5. Oi, Cida!
    Olha, eu assisti a adaptação antes mesmo do lançamento aqui (assisti ilegal mesmo, no solar movie rsss) e não gostei!
    Eu tinha me interessado pelo trailer...eu nem conhecia os livros. Não sei se o problema foi a adaptação ou a história...pelo que você escreveu o livro parece ser ótimo, mas como o livro é bem grande e eu ando com pouco tempo pra ler, fico receosa de ler agora e não gostar mesmo dele!
    Esse é o problema de ver o filme antes de ler o livro! hahahaha

    Beijo
    -Tamires
    www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tamires! Não desanima não, os livros são bem diferentes e valem a pena.

      Excluir
  6. Comum o livro ser melhor que o filme, né? Confesso que estou morrendo de curiosidade para fazer a leitura e assistir a adaptação, mas já que você disse que o livro é bem melhor, vou ler primeiro para depois assistir. Não verei no cinema, mas isso é o de menos. Que bom que a narrativa é empolgante.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. de verdade não é um enredo que tenha elementos que prendam minha atenção
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi
    Gostei da resenha, nem sabia que esse livro era dois em 1, gosto de histórias com bruxas, mágicas e esse pelo que falou parece ser um livro bom, já li livro que o personagem é novinho mais enfrenta cada coisa pesada. Quero assistir o filme.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi Cida, tudo bem? Infelizmente este filme foi para mim uma decepção tão grande que perdi total interesse em ler os livros. Leo me disse que a obra era diferente e maravilhosa, mas sabe quando criamos implicância com algo? Pois é. Mas fico feliz que o livro tenha suprido as suas expectativas. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Leo está certo Mi, pode confiar na nossa opinião, dê uma chance aos livros.

      Excluir
  10. Oie,
    eu li os dois primeiros livro da série mesmo, mas confesso que não curti muito, então não estou ansiosa para ler este.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem? Não conhecia o livro mas fiquei curiosa! Curto fantasia e preciso de novas dicas de livros do gênero para Ler! Dica anotada! Gostei da forma como você falou dos personagens, que não são perfeitos e sim cheios de defeitos e virtudes como todo mundo! Personagens perfeitos são irreais!!

    Adorei a resenha!! as cinco estrelas me deixaram ainda mais curiosa!! Bom saber que vc gostou tanto!
    Beijos

    Mari
    cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Olá
    Não tenho muito interesse na série ou no livro, mas parece ser um enredo bem legal para quem gosta do gênero, quem sabe daqui um tempo não arrisque?
    Ótima resenha.

    http://realityofbooks.blogspot.com.br/
    Catharina
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Tempos atrás fiquei sabendo dessa série, mas confesso que achei as capas estranhas e acabei adiando a leitura. Mas quando soube do lançamento desse livro dois em um e do filme fiquei curiosa.
    Mas ainda não sei quando conseguirei ler o mesmo, já que minha pilha de não lidos parece não ter fim.

    Mesmo assim foi muito positivo conhecer sua opinião sobre a leitura ou melhor releitura.
    Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  14. Oie Cida =)

    Tenho bastante curiosidade de ler essa série, e estava quase indo ao cinema conferir o filme. Mas, ai me falaram que a adaptação não ficou lá essas coisas então resolvi deixar para ler os livro primeiro.
    A premissa me chama bastante a atenção, já que adoro enredos dos gênero.

    Ótima resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ane! Você curte fantasia não é? Então acredito que os livros vão agradar você sim, é uma das melhores séries do gênero, estou começando o quarto e está se mantendo bem legal.

      Excluir
  15. Oi Cida, tudo bem flor?
    Eu estou lendo esse livro, e também imagina que ele pudesse ter uma pegada menos sombria, mas até o momento estou gostando. Vou conferir a adaptação só depois, mas já vou assistir com um pé atrás, pois já li algumas resenhas negativas.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    http://amanda-almeida.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi Cida,
    No primeiro momento a trama não despertou meu interesse, mas como quero assistir ao filme, vou o que acho dele, para depois me decidir se lerei a série.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá!!!

    Faz tempo que não leio algo assim com a temática de magia,mais algo como essa trama e os personagens, não favoreceram meu interesse ...

    *----*

    ResponderExcluir
  18. Oi Cida!!
    Tudo bem?

    Eu quero tanto ler este livro, aliás toooooooda a saga! Como amante de fantasia, é uma leitura obrigatória, até pelos livros serem muito mais, muito além que o filme, como sempre né?
    Minha irmã do meio ama de paixão estes livros e eu confio muito no gosto dela, e claro, no seu também!!
    Otima resenha! Beijo!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Olá tudo bem?
    Ainda não comecei a ler a série, mas nossa, como eu gosto de fantasia e só por isso creio que vou gostar :) Bom saber que os finais são fechados, um dos grande problemas encontrados nos livros de fantasia são as pontas soltas que acabam ficando. Bjus!!!
    http://lendoaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Eu não li os livros, mas tenho muita vontade de ler. É o gênero que eu mais gosto, e com a chegada da adaptação não tem como não ficar ainda mais curiosa. Mas pretendo ler antes, pois pelo que vi nas redes sociais, o filme não alcançou o esperado por muitos.

    ResponderExcluir
  21. Adorei sua resenha, a história não me prende muito e nem é o gênero que prefiro, mas arriscaria ler pela sua resenha...

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?
    Eu não conhecia a série antes de ver o trailer do filme, então, desde o inicio já esperava algo mais sombrio e adulto. Mas parece ser mesmo uma história fascinante. Adoro sobrenaturais, com bruxas, magos e vários outros seres.
    Pena que o filme deixou a desejar, e realmente, colocar protagonistas adultos, sendo que livros são bem mais jovens, deve ter sido frustrante para os fãs dos livros

    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oi Cida, tudo bem ?

    Adorei sua resenha, apesar de não curtir muito fantasia esse me deixou curiosa, vi no comentários que vc não vai na Bienal mas se mora em São Paulo acho que o autor deve passar por aqui hein!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  24. Oi Cida, tudo bom?
    Fantasia não é meu gênero preferido, mas estou curiosa com esse livro por causa do burburinho que tem rolado em razão da adaptação cinematográfica. Parece ter vários elementos interessantes, mas é uma pena que o filme não tenha superado suas expectativas.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Oi!
    O livro é de um gênero que eu gosto bastante, eu fiquei louca para ver o filme e fiquei feliz de saber que era baseado em um livro! Acho que vou gostar do livro - e fiquei animada em saber que o autor vem para o Brasil!
    Beijos,
    Deia!
    Own mine

    ResponderExcluir
  26. Nossa, se antes eu queria ler este livro então agora quero ainda mais. Gostei muito da premissa de O Sétimo Filho e ele parece cumprir tudo o que promete. Por agora não vou poder ler, mas só vou ver o filme depois que ler o livro.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!