[Resenha] Perdendo-me

Perdendo-me
Título Original: Losing It (Losing It #1)
Autor(a): Cora Carmack
Editora: Novo Conceito        Páginas: 288
Lançamento: 2014               ISBN: 9788581635279
PERDENDO-ME ||Compare & Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||

Bliss Edwards vai se formar na faculdade e ainda tem a sua. Chateada por ser a única virgem da turma, ela decide que o único jeito de lidar com o problema é perdê-lo da maneira mais rápida e simples possível com uma noite de sexo casual. Tudo se complica quando, usando a mais esfarrapada das desculpas, ela abandona um cara charmosíssimo em sua própria cama. Como se isso não fosse suficientemente embaraçoso, Bliss chega à faculdade para a primeira aula do último semestre e... adivinhe quem ela encontra?
Perdendo-me é o primeiro volume da trilogia Losing It, de Cora Carmack, que traz as histórias de amor dos amigos Bliss, Cade e Kelsey.

Quando Bliss decidiu perder sua virgindade aos 22 anos, não pensou que fosse se apaixonar por Garrick,  aquele gato de sotaque britânico, mas isso realmente não era seu maior problema, após uma noite onde eles quase transaram, ela se surpreendeu ao descobrir que entre ambos havia muito mais do que poderia imaginar, algo que os impedia de se render a paixão. Será que este casal resistiria a tanto desejo para não por em risco seu futuro?

Perdendo-me é um livro que me enganou, quando vi este assunto de virgindade e uma garota desesperada para perdê-la, pensei que tinha em mãos um livro onde a história iria girar em torno de sexo, mas logo que comecei a leitura foi surpreendida de várias maneiras, especialmente com a mocinha, Bliss Edwards.

Esta garota é muito atrapalhada e perdi as contas de todas as vezes que ri com seus vexames, ela chegou ao ponto de fugir da cama no momento que Garrick estava “prontinho” e com a pior das desculpas do mundo, ir buscar sua gata (uma gata que nem tinha, mas não pensem que ela era louca, apenas insegura, Bliss sentia-se perdida como a última virgem da faculdade e acredito que este seu jeito único conquistou Garrick totalmente.

Há uma atração mútua entre o casal, mas como eu citei existe algo que impossibilita o romance, eu ansiava pelo momento que a emoção fosse derrubar a razão e unir o casal. O romance é doce e muito fofo, desenvolve-se de maneira gradativa e convence, foi amor à primeira vista, sem dúvidas, mas precisou amadurecer.

Garrick e Bliss até tentam resistir, mas quando percebem a grandeza do que sentem, mergulham de cabeça, mesmo correndo riscos. Os momentos mais quentes não são vulgares, acabam mesmo ganhando um ar de inocência pelo jeitinho de Bliss agir, são ternos, com ares de primeiro amor, cheios de expectativas.

Claro que nem tudo são flores, ambos lidam com muita coisa em suas vidas, ele com segredos do passado e ela com a questão do futuro pós-faculdade, as expectativas da mãe para que ela não vire uma solteirona, sua insegurança sexual e até o amor platônico de um grande amigo. E sabem que os ajuda? Eles mesmos, que além de amantes, tornam-se amigos e confidentes.

A narrativa em primeira pessoa, pela voz de Bliss, nos aproxima da garota e posso dizer que me senti com uma amiga, ela é agradável, sincera e humana, nós garotas vamos nos identificar em muitas situações, lembra de algo que já vivemos, e também imaginar que poderíamos estar na mesma situação. Embora eu na idade de Bliss fosse mais madura, tive suas dúvidas e medos em algum momento.

A ambientação se dá no Texas, em um núcleo universitário, o que garante papo jovem, baladas divertidas, porres homéricos e muita diversão. Bliss é uma atriz aspirante, então imaginem sua tribo de futuros atores e diretores, o povo das artes é muito animado. Bliss e seus amigos, Cade e Kelsey, estão no último ano do curso de artes cênicas, vivem as expectativas das carreiras, de serem aprovados, de descobrir se estarão nos palcos ou atrás deles, muito do universo do teatro faz parte da trama.

O livro foge dos clichês de casal passional e atormentado, um obcecado pelo outro beirando a loucura. Não há dramas, não há tragédias, é um história de amor leve, num ambiente normal e que convence por ser possível, por soar tão natural. Não traz nada que você diga, “Uau! Vai mudar minha vida!”, mas é algo despretensioso e feito para divertir.


 
2leep.com

18 comentários:

  1. Eu adorei esse livro, e achei um dos mais engraçados que eu já li. A Bliss é muito doidinha e muito atrapalhada!kkk Eu morri de rir na hora que ela deixou o Garrick não mão e com a desculpa que ela usou.kkk Esse livro esta na minha lista releitura com certeza, porque eu amei, é um ótimo livro!

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida..
    Tenho um pouquinho de vontade de ler este livro, mas só um pouquinho.
    Gostei de saber que pelo menos foge dos clichês e que nem tudo são flores.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Cida, sua resenha veio em ótima hora!
    Eu não estava nem um pouco afim de ler esse livro. Estava esperando, justamente, uma história mais sexy e não ando com muito saco para esses livro ultimamente. Eu adoro uma temática mais hot, mas tenho me decepcionado com tantos... Portanto, estava decidida a não ler Perdendo-me para não me aborrecer. rs
    Que bom que ele é diferente do que eu imaginava. Agora sim estou mais disposta a dar uma chance.
    Beijocas
    Coisas de Meninas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Neyla! Eu estava com medo de ser só sobre sexo, ainda bem que teve um romance leve e divertido, acredito que vá surpreender você.

      Excluir
  4. Ai como ameiiii esse livro amiga, justamente pelos motivos que você apresentou. Detesto romances obsessivos-possessivos, e amei a química entre Bliss e Garick. E gente, como ela é maluca, via a mim mesma.. o que foi a tal cena de buscar o gato no veterinário? Passei mal rindo.. Muito fofo esse livro e narrativa é bem gostosa mesmo. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomara que os outros mantenham o mesmo estilo amiga, não vejo a hora de ler o segundo.

      Excluir
  5. Oi Cida,

    Eu li Perdendo-me em apenas 1 dia. Estou meio que obcecada por personagens professores, e foi por este fato que me interessei pelo livro. Eu realmente adorei a leitura, achei o livro muito divertido e com a pitada certa de romance. Um livro muito fácil de ler com uma narrativa envolvente.
    Bliss é muito doidinha... ela arrancou gargalhadas da minha pessoa, inclusive dentro do metrô sozinha, quem estava ao meu lado no minimo achava que eu era louca.

    Achei que o livro cumpriu muito bem o papel de entretenimento. Como você disse não é algo que mude nossa vida, mas com toda certeza é algo que nos faz ficar mais leve.

    Bjks

    Patty Santos
    http://www.coracaodetinta.com.br/


    ResponderExcluir
  6. tipo meu problema com essa leitura é que a menina é virgem e acha isso uma coisa mega bizarra e está chatiadinha quer perder a virgindade, oi? kkk sério, triste isso.
    por isso que ainda não li, não me interesso por personagens assim D: quem sabe um dia eu tenha coragem de ler o livro, apesar de ver ter até falado bem no momento eu to pulando ele amiga.
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida tudo bem??

    Este livro tem sido muito falado e só vejo elogios! Mas definitivamente não faz meu tipo de leitura hahahaha... Nunca descarto ler um livro num futuro nem expandir meus horizontes, mas não sinto vontade de ler esse tipo. Deve ser muito engraçado hahaha e a premissa envolvendo virgindade aborda um tema diferente dos demais New Adults né? Gostei desse aspecto!

    Eu recomendaria, acredito que muita gente vá gostar do livro, mas eu já não sei se gostaria! Quem sabe um dia! Hahahaha

    Como sempre adorei a resenha, ótima de ler! E até nos deixa afim de dar uma espiadinha no livro =P

    Beijo!!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Estou doida pra ler esse livro, amo uma história de romance entre aluna e professor e essa parece ser ótima!

    ResponderExcluir
  9. Oi gata!!
    Adorei a resenha, mesmo, mas entre as opções da editora para o mês eu optei por não ler este livro, até já está sendo sorteado.
    A NC tem muitos lançamentos maravilhosos!! E eu escolho os que vou ler e os outros vão para quem ama mais esse gênero do que eu. Acho justo!!
    Gostei!! Tenho certeza que quem ganhar vai curtir!!

    Bjksss

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi, Cida!
    Estou super curiosa pra ler esse livro, parece ser divertido e doce. Essa parte da sua resenha, então, me deixou com ainda mais vontade: "O livro foge dos clichês de casal passional e atormentado, um obcecado pelo outro beirando a loucura." Esses romances fogosos e problemáticos às vezes cansam.
    Espero ler Perdendo-me em breve!
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  11. Quando vi esse lançamento eu jurava que era mais um livro erótico, que bom que não é! Acho que um romance divertido é muito melhor do que um monte de cenas de sexo. Quero muito ler porque tenho certeza que vou rir muito com as trapalhadas da Bliss.

    ResponderExcluir
  12. Oi Cida!
    Achei o Garrick um fofo, todo carinhoso, sexy e cavalheiro =)
    Gostei do fato da autora ter desenvolvido o enredo com naturalidade, sem criar conflitos desnecessários só pra encher linguiça.
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  13. estou bem ansiosa pata ler esse livro, tem todos os elementos que gosto!
    espero me emocionar demais com os personagens!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Eu gostei muito desse livro, eu confesso que por um tempo torci para que desse outro casal, mas com o tempo vi que não tinha jeito e me acostumei. A história é bem fofa e os outros livros também são ótimos.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Flor,

    Adorei esse livro, muito empolgante....ótima leitura
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Li algumas resenhas que não falaram muito bem dele..
    To super confusa agora, kkkkkkkkkkkkkk
    O jeito é ler e ver o que eu acho!

    Beijinhos
    Sou eu... Pri!

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!