[Resenha] Princesa Adormecida

Princesa Adormecida
Autor(a): Paula Pimenta 
Editora: Galera Record         Páginas: 192
Lançamento: 2014               ISBN: 9788501034205
 ||Compare & Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
10170767_10203547268264312_3179261659221476838_n 
Era uma vez uma princesa... Você já deve ter ouvido essa introdução algumas vezes, nas histórias que amava quando criança. Mas essa princesa sou eu. Quer dizer, é assim que eu fiquei conhecida. Só que minha vida não é nada romântica como são os contos de fada. Muito pelo contrário. Reinos distantes? Linhagem real? Sequestro? Uma bruxa vingativa? Para mim isso tudo só existia nos livros. Meu cotidiano era normal. Tá, quase normal. Vivia com meus (superprotetores) tios, era boa aluna, tinha grandes amigas. Até que de uma hora pra outra, tudo mudou. Imagina acordar um dia e descobrir que o mundo que você achava que era real, nada mais é do que um sonho. E se todas as pessoas que você conheceu na vida simplesmente fossem uma invenção e, ao despertar, percebesse que não sabe onde mora, que nunca viu quem está do seu lado, e, especialmente, que não tem a menor ideia de onde foi parar o amor da sua vida. Se alguma vez passar por isso, saiba que você não é a única. Eu não conheço a sua história, mas a minha é mais ou menos assim...
Depois de fazer parte da antologia O Livro das Princesas, com o conto Princesa Pop (confira resenha aqui), Paula Pimenta volta em mais uma publicação da Editora Galera Record, Princesa Adormecida, sua adaptação para o conto de fadas da Bela Adormecida.

A princesa da vez é Anna Rosa, filha de um descendente da casa real de Liechtenstein com uma brasileira. O pai tinha uma fã fervorosa, que ao perceber que ele estava apaixonado por outra mulher (a mãe de Anna),  enlouqueceu de ciúmes; quando declarou seu amor e foi rejeitada, jurou vingança. 

Seu ódio foi direcionado para a filha do casal, Anna, que ainda bebê foi sequestrada pela vilã e graças ao garotinho amigo da família, foi encontrada. Os pais da menina, morrendo de medo de algo pior acontecer, forjaram a morte da filha e a enviaram para o Brasil onde cresceu acreditando ser órfã. Superprotegida por três tios solteirões muito gente boa, Anna acreditava que sua vida era simples e tranquila, até o dia que recebeu uma mensagem por engano em seu celular de um garoto muito charmoso e seu mundo virou de ponta cabeça.

Narrado em primeira pessoa por Anna, este livro traz um conto de fadas conhecido para os dias atuais, e tal como eu havia sentido ao ler Princesa Pop, a trama poderia acontecer com qualquer um de nós, Paula Pimenta conseguiu mais uma vez repaginar uma história de fantasia tornando-a possível. No original há mágica, maldições e um príncipe encantado, aqui há o dedo do destino trazendo as coincidências necessárias para resolver os problemas, há uma mulher vil e ardilosa que não precisa nem de maldição para atrapalhar a vida de nossa protagonista e há um garoto lindo, que arrebata  o coração da princesa com sua doçura, ao mesmo tempo que é uma grande dúvida para nós leitores, pois as intenções do moço não são claras. Não dá para saber se ele é vilão ou mocinho.

A interação do casal é por mensagens trocadas pelo celular, Anna não sabe quem está do outro lado e acaba se apaixonado pelas palavras doces e gentis, vemos os primeiros passos da garota em assuntos do coração de maneira singela e inocente, com todas as inseguranças típicas da idade. É algo bem doce e meigo, embora eu não aconselhe você responder mensagens de um desconhecido e entregar seu coração, especialmente com apenas dezesseis anos, eu, se recebesse mensagens como as que Anna recebeu, cortaria logo, sem essa, se não conheço não arrisco. 

O romance não é arrebatador, é leve, na verdade o foco não é o casal e sim a vida de Anna e sua descoberta do passado, ela nem imaginava de onde vinha e que seus pais estavam vivos, após se expor por conta do romance, se colocou em perigo e a verdade veio à tona. Vale lembrar que Anna, apesar de seus dezesseis anos, é bem imatura ainda, não no sentido de irresponsável, mas de vivência, é como se ela fosse bem mais nova.

Paula Pimenta insere em sua trama um toque de mistério e suspense, fiquei receosa que no final alguma ponta ficasse solta, mas ela conseguiu terminar o livro com tudo amarradinho, mas sem explicações longas, na verdade a abordagem de personagens e situações não é muito profunda, senti que deixou a desejar no desenvolvimento da vilã, ela é citada muitas vezes, mas quase não aparece em ação, fez falta um foco maior nesta personagem.

O desfecho é previsível, depois de alguns acontecimentos, os mistérios se esclarecem e você sabe o que vai acontecer com Anna. É uma leitura fácil,  no estilo de um conto.







2leep.com

19 comentários:

  1. Oi Cida,
    desfecho previsível já era esperado neste tipo de livro, então não me importo muito.
    O livro parece ser bem gostoso de ler. Curiosa!!

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto bastante da escrita da Paula, apesar de só ter lido os dois primeiros livros de Fazendo Meu Filme, dela. Eu concordo com quem diz que ela é a Meg Cabot brasileira, que tem um jeitinho leve d fazer romances teens. Apesar de muitos serem clichês, eu sempre acho muito bem feito. A capa de Princesa Adormecida é linda, mas eu estava esperando uma história completamente diferente. Adoro ler releituras porque fico comparando com o conto original e me prendo aos detalhes que trazem ele para o mundo moderno, não falha em me divertir :P
    Ainda quero esse livro!

    Se puder, dá uma passadinha lá no blog :)

    bjos,
    Bianca.

    www.blogsomaisum.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oie Cida =)

    Gosto bastante da narrativa da Paula, e embora esse livro venha me deixando com uma pontinha de curiosidade, após ler algumas resenhas não sei de verdade se eu ia gostar da história. Acho que o fato da vilã não ser melhor explorada e a mocinha ir "se abrindo" toda para um cara que nunca viu ia me deixar muito irritada rs...
    Mas sei lá, que sabe um dia só por curiosidade eu acabe lendo =D

    Beijos e um ótimo final de semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  4. a capa do livro é linda, só pela capa já quero ele ahusahua
    agora sobre a história eu ja vi diversas resenhas negativas q me fizeram pensar se lerei ou nao o livro, ainda estou um pouco na duvida, mas acho q será uma leitura valida.

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  5. Apesar de ser um releitura (algo que eu gosto bastante), acho que não leria essa obra. O estilo da escrita da autora não faz o tipo que eu gosto.
    O ponto interessante do livro é que ele é narrado em primeira pessoa. Gosto desse tipo de narração.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho

    ResponderExcluir
  6. Oi :)

    Eu concordo plenamente com tudo o que você disse. Achei Princesa Adormecida um livro bom, mas nada mais que isso. É gostoso de se ler, porém, previsível ao extremo. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Acabei de ler uma resenha e pensei, quero ler a Paula Pimenta, mas não vou começar por esse livro, acho até que escrevi isso, li sua resenha e já estou mudando de ideiaaaaaaaaaa... Poxa, isso é o cumulo da geminianice kkkk [Essa palavra existe?]. Poxa!!! E o livro tá tão barato!!! É, acho que corro o risco de me desdizer e ler a Paula Pimenta a partir desse livro. Será?

    Pandora, a geminiana indecisa kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pandora! Sou Canceriana e também muito indecisa, eu mesma ia começar por Fazendo meu filme, comprei e depois passei O livro das princesas na frente, é coisa de mulher mesmo.

      Excluir
  8. adoro as releituras e Paula tem um jeito próprio de contar histórias que me encanta, quero ler mais para frente!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila! Eu concordo, gosto bastante da escrita dela.

      Excluir
  9. Oi Cida..
    Tenho muuuita vontade de ler este livro. Eu nunca li nada de Paula Pimenta e queria começar com este.
    Gosto dessa coisa de releituras de contos. Que bom que você gostou.
    Tinha ouvido falar na leveza da leitura e também do final previsível.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Apesar de ter muitíssima vontade de ler algo da Paula Pimenta, tenho certo receio com esse livro, e com uma história previsível demais. Tenho o primeiro volume da série Fazendo Meu Filme aqui, mas tenho esse mesmo receio. Mas ainda assim, um diaaa pego algo dela para ler, com certeza.

    Beijo

    ResponderExcluir
  11. Oi, Cida!

    Adoro a escrita da Paula Pimenta, é leve, envolvente, com um toque peculiar e super gostosa de ler.
    Já imaginava que o desfecho e outros pontos seriam previsíveis, mas fico contente em saber que ela fez uma releitura bem legal da Bela Adormecida - que não é meu conto de fadas favorito, mas fiquei curiosa para ler. Aliás, gostei de eles se comunicarem por mensagens de textos, bem moderno mesmo.

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rafa! Ela encaixa bem as histórias em nossa realidade, você vai encontrar muitas referências de músicas estão tocando por aí.

      Excluir
  12. Aí recebi o meu livro ontem, comprei na Submarino, agora vou começar a ler, adoro a escrita da Paula

    ResponderExcluir
  13. Oi Cida!
    Nunca li nenhum livro da Paula Pimenta, esses está na lista dos meus desejados. Fiquei feliz em saber que o final desse livro não deixou pontas soltas e que é narrado em primeira pessoa (adoro a narração assim). Ótima resenha!
    Beijos... Samantha Culceag.
    Só pra Menores

    ResponderExcluir
  14. Oi!
    Sou super fã da Paula Pimenta e estou louca pra ler esse! Parece ser muito bom como todos os outros dela. Adorei sua resenha!
    Beijos
    Sonhando com Livros

    ResponderExcluir
  15. Oi Cida, infelizmente este não foi um livro que me arrebatou.. esperava muito mais. Achei rápido demais, com problemas facilmente resolvidos, e uma trama muito superficial. A dó é que a premissa era bacana e ele tinha de tudo para ter cinco estrelas :/ Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  16. Oi Cila!!
    Acredita que ainda não li nenhum livro da Paula Pimenta,comprei o primeiro livro de releituras das princesas que a Record lançou,da qual ela faz parte,mas não li,nem conhecia esse Princesa Pop,estou mega desatualizada... vou ler as resenhas anteriores e colocar todos eles na minha lista de desejados.

    bjsss

    Apaixonadas por Livros

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!