[Resenha] A outra vida

A Outra Vida
Título Original: The Other Life (The Other Life #1)
Autor(a): Susanne Winnacker
Editora: Novo Conceito       Páginas: 272
Lançamento: 2013              ISBN: 9788581631516
 ||Compare & Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Quem éramos antes da epidemia — e como nunca seremos novamente… O mundo de Sherry — de uma hora para outra — mudou completamente. Por causa de um vírus muito contagioso, as pessoas que ela costumava conhecer, e quase todas as pessoas de sua cidade, Los Angeles, na Califórnia, se transformaram em mutantes assustadores. Esses mutantes têm uma força excessiva, são ágeis, o corpo é coberto de pelos, eles lacrimejam um líquido imundo e… comem gente! Portanto, não há muito o que fazer — talvez tentar fugir — quando se encontra algum deles. A não ser que você tenha ao seu lado a força e a determinação de um jovem como Joshua. Ele perdeu uma irmã para os mutantes e sua raiva é tão grande que ele seria capaz de vingar todos aqueles que perderam alguém para as criaturas. No entanto, para que esta revanche aconteça, é preciso prudência. Afinal, até que ponto a disseminação deste vírus foi uma coisa realmente natural? Que poderosos interesses estão por trás desta devastação? E será que Joshua e Sherry conseguirão ter a cautela necessária para lutar contra as criaturas justo agora que seus corações estão agitados pelo começo de uma paixão?

Imaginem viver durante três anos em um abrigo subterrâneo com medo de uma epidemia de raiva? Mas não a raiva que vemos em cães e gatos, neste caso é algo bem pior, um vírus que sofreu mutações e que ao contaminar os seres humanos os transformou em criaturas horrendas e assustadoras, capazes de devorar os da mesma espécie como se fossem alimento? 

A história começa com Sherry nos mostrando a estranha realidade que vive ao lado de sua família, ela conta os dias, os minutos e segundos que está presa em um abrigo por medo de uma epidemia, no entanto, o alimento que deveria durar quatro anos acabou e não há mais como eles permanecerem ali, pois irão morrer de fome. Ao lado do pai, deixa a proteção do subterrâneo e sai para enfrentar o mundo que havia deixado para trás, eles esperavam um choque, mas não tão grande como o que tiveram. A cidade de Los Angeles está totalmente destruída, bombardeada e deserta, ou quase, já que as estranhas criaturas conhecidas como chorões (humanos infectados), fizeram dali sua zona de caça e logo o pai de Sherry é capturado por eles. Desesperada e em perigo, conhece Joshua, um destemido caçador de chorões, que fará de tudo para ajuda - lá na busca por seu pai.

O livro é narrado em primeira pessoa por Sherry, desde a primeira página fiquei presa na leitura. O clima tenso domina a trama e o crescente desespero da protagonista frente a sua dura realidade, me contagiou. Eu ficava torcendo para que até o final o ritmo fosse mantido, afinal a história estava se mostrando bem promissora. Conforme fui avançando na leitura, fui apreciando mais e mais este cenário que a autora criou. Não há como não sentir aquele medinho de ver a humanidade extinta, eu fiquei assustada, mas nem por isso menos curiosa, pois a ação é tanta, que você acaba vivendo a mesma adrenalina dos personagens, esquecendo até que a morte está bem próxima.

Eu geralmente gosto de histórias que tenham aquela introdução detalhada, que expliquem por exemplo como o mundo ficou assim, mas neste caso eu não me senti incomodada de ser atirada no meio do caos, pois a graça de tudo é ir descobrindo pouco a pouco o que ocorreu, como tudo chegou naquele ponto. Os primeiros capítulos lembram o começo da série de TV The Walking Dead, quando o protagonista sai do hospital e vai explorar a cidade, encontrando tudo diferente do que deixou, várias criaturas horripilantes espalhadas e muita gente morta.

Cada capítulo começa com passagens da vida da protagonista antes da epidemia, ou como eles chamam, partes da outra vida, e assim temos um vislumbre de como tudo era tão simples e fácil, um contraste com os dias atuais, antes tudo era tão certo, tão sem dúvidas e hoje, estar vivo no próximo segundo é um grande ponto de interrogação.

Sherry é uma protagonista que agrada e sabe contar sua história, sabe dividir o que sente e pensa de maneira natural e envolvente, tanto, que quando ela sai do abrigo e sente o sol no rosto, podemos nos aquecer com ela. Ela é uma menina madura, mais até que os pais, e acaba carregando toda a família nas costas. Mas ela também é uma menina doce, que consegue em meio a tudo isso, viver um terno romance. E aleluia! Sherry não é cheia de fricotes, ela vai á luta e manda ver na caçada aos chorões.

Joshua é seu par, um jovem destemido, que preocupa-se muito em salvar a vida de todos, sempre esquecendo da sua. Ele busca vingança e saber suas motivações é um outro mistério que temos pela frente. Casal muito gente boa, de coração enorme e que encaram o que for preciso. Gostei muito da dupla e do relacionamento que se formou, com base, forjado na luta pela sobrevivência e cheio de esperança.

Enfim, é um livro curto, que te deixa com vontade de quero mais, achei que poderia ter bem mais páginas, pois a história é muito boa, mas mesmo assim, não deixou nada a desejar. Traz uma realidade macabra e totalmente possível, aonde vemos o quanto a ganância e sede de poder do homem podem conduzir a humanidade. O final mostra que ainda há um grande desafio pela frente, que pode tanto ser a salvação, como o fim de tudo. Há continuação e estou ansiosa para ler. A Outra Vida tem um potencial ótimo e promissor, acredito muito no que está por vir, comecei a ler sem nenhuma expectativa, sem nem esperar muito, já que nunca havia visto nada sobre o livro e foi excelente, pois tudo foi surpreendente e até por não esperar nada, acabei encontrando muito. Adorei.

"Os chorões não eram nem seres humanos nem animais. Eram alguma outra coisa. Alguma coisa errada."
   





2leep.com

23 comentários:

  1. Heey!

    Eu tenho um certo preconceito com livros que abordem a temática dos zumbis. Não porque eu não os curta, pelo contrário. Eu adoooooro essas criaturas, mas os livros atualmente tem deturpado tanto os coitados que eles se tornaram ridículos. Mas curti a referência a The Walking Dead, é série é bem nos parâmetros que gosto, e se tem um pouquinho que seja de semelhança, já deve ser boa; mesmo que nesse livro as pessoas não sejam zumbis propriamente ditos, e sim doentes. Amei saber que Sherry não é de dar piti e age quando precisa, são essas as protagonistas que caem nas minhas graças.

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Já tinha visto a capa desse livro por ai, mas não sabia que era uma ficção. A história parece ser muito interessante mesmo, daquelas que te prendem e te deixam morrendo de ansiedade pra saber o que vai acontecer. Não sabia também que vai ter continuação. Fiquei bem curiosa pra ler.

    Bjok

    ResponderExcluir
  3. achei esse enredo bem forte, daria um ótimo filme!
    confesso que não sei se leria, sou uma criatura que se impressiona fácil demais!
    no vulgo sou medrosa
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida!
    Sua empolgação na resenha tá "contagiante", a Sá também adorou esse livro. O 2º volume foi lançado em agosto de 2013 no exterior, espero que a NC traga logo essa sequência para o Brasil =)
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  5. cara é bem o estilo de livro que eu gosto, não sei pq ainda não li ele.

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  6. Oii..
    Confesso que a sinopse deste livro não me chama atenção, mas sua descrição já dá um animo para lê-lo. A história parece mesmo ser boa, apesar de poucas páginas.
    Acho que diante dos elogios, daria uma chance ao livro.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Eu tenho a maior vontade de ler este livro, mas ainda não consegui comprar. Espero poder ler em breve.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. tava pensando super em ler esse livro, mas essas capas da novo conceito andam tão feias que eu perco a vontade de telos D:
    XOXO
    onthislastday.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Já ouvi muitas pessoas falar bem e muitas falarem mal deste livro. É realmente um divisor de águas. Porém eu não curto muito essa temática de zumbis não... na verdade nunca experimentei.

    Curti muito o blog e já estou seguindo! (Se puder retribuir).
    Estarei sempre por aqui, Abraços!
    www.booksever.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Oi, Cida, tudo bem?

    Confesso que esse livro é um daqueles que eu não dava nada, mas sua resenha me deixou curiosa com a história. Confesso que ainda acho que ele não faz muito o meu estilo, mas o que vc disse a respeito da Sherry me chamou a atenção. MEU DEUS, uma protagonista madura e sem mimimi? Preciso conferir isso =P

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi, Cida!
    Gostei demais da sua abordagem do livro. Foi a única resenha que me convenceu a ler este livro, sabia? Mostrou coisas que eu não sabia. Achava que era uma distopia - e não tenho vontade de ler distopias.Mas acredito que seja, não? (perdoe minha ignorância, rsrs)
    Sabe que lembrei o caos de Ensaio sobre a cegueira, quando os humanos se veem acuados e amedrontados e para isso são capazes de atrocidades que jamais imaginariam.
    Gostei especialmente do contraste do antes e depois que a narrativa traz, ampliando a percepção do problemão vivido.
    A culpa é sua: adicionei mais um à lista, rsrs. Beijooo!

    Fiz uma nova resenha - A Invenção das Asas - e adoraria saber a sua opinião:
    As Meninas que Leem Livros

    ResponderExcluir
  12. Uau, não esperava isso tudo desse livro! Sério, tenho ele mas ainda não li. Quando recebi tinha acabado de ler "O fim de todos nós" da Intrínseca, e como o gênero era muito próximo quis dar um tempo e ler esse livro depois.

    Pode deixar que vou colocar esse livro na minha lista de próximas leituras. Assim que eu ler te conto o que achei ^^ Espero adorar tanto quanto você :)

    (desconstruindoaspalavras.blogspot.com.br)

    ResponderExcluir
  13. Desde que lançou vi muitos elogios em relação a esse livro, mas não tinha muita noção do que se falava. Agora, fiquei bem interessada, porque além de curto, faz bem o estilo de livro que eu gosto de ler.
    Adorei a resenha.
    Beijos
    Yasmin
    deitadosnagrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Que livro legal! Saindo meio fora do comum, né? Apesar de estar na moda a temática zumbi, faz tempo que não vejo livros sobre. Esse parece ser bem interessante. Com certeza vou ler! Adorei, hahaha.

    https://sabetipoassim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi Cida acho válido a temática desses livros, para variar a leitura nada contra mesmo.
    E posso te dizer o por que, meu filho de 15 anos adoro The Walking Dead e quando começou assistir comecei a prestar atenção e curti kkk
    Adorei a dica!
    bjkas

    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  16. Oi, Cids!
    Tenho um certo interesse por esse livro, a premissa dele me parece muito bacana, só preciso encaixar a leitura no meio de tantas :O

    Beijão

    ResponderExcluir
  17. Oi Cida, também li este livro este ano, e gostei bastante. Também gosto de explicações geralmente, mas como vemos tudo pelo ponto de vista da protagonista, não acho tão ruim que não tenha, ainda mais que, de um jeito ou de outro, logo sabemos como tudo aconteceu. Ainda não consegui escrever a resenha deste livro, acho que tive um bloqueio.

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Olá!

    Eu já li esse livro, e gostei muito mesmo! Achei que a autora criou uma forma nova de vermos os zumbis, (que pra mim, fisicamente, parecia mais lobisomen hahaha).

    Fui procurar algo sobre editoras, e acabei aqui no seu blog hahaha e adorei ele, muito mesmo! Por isso, já estou te seguindo!

    Beijos, Kamila
    http://www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  19. Olá :)

    Olha, pra dizer a verdade, não me interessei nenhum pouco pela temática do livro, mas como acho que leituras nunca são demais e após ter lido resenhas positivas ( a maioria) sobre Outra vida, decidi encarar a leitura. Assim que conseguir um tempinho para esse livro, venho dizer o que achei!


    :)

    ResponderExcluir
  20. Amo distopias
    Mas esse livro eu nem cheguei a receber da editora
    Gostei bastante da resenha
    Já estou seguindo *~

    Beijos
    |•| http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Oi Cida =)

    É tão bom quando começamos a ler um livro sem expectativas e ele nos surpreende =)
    Este é um livro que estou ensaiando para ler, mas agora você me deixou loucaaaa.... Com certeza eu vou seguir sua dica. Aliás, eu adoro livros do gênero, e tenho certeza que vou adorar.

    Beijos,
    Livy
    No Mundo dos Livros

    ResponderExcluir
  22. Nossa Cida, 5 estrelas? Faz tanto tempo que tenho vontade de lê-lo, e nem sei dizer por que eu ainda não o fiz.. ou melhor, acho que é pela total falta de tempo, que desgraça isso viu.. Às vezes a vontade que tinha era de sumir do mundo literário até dar conta de todos os livros que tenho para ler.. mas depois eu ia surtar com tanta novidade.. kkkk Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  23. Li este livro faz um tempo e gostei dele, com algumas ressalvas, mas também estou bem ansiosa pela continuação.

    Beijos
    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!