[Resenha] Just Listen

Just Listen
Título Original: Just Listen
Autor(a): Sarah Dessen
Editora: Farol Literário      Páginas: 307
Lançamento: 2010      ISBN:  9788536809007
Compare & Compre    Skoob   Facebook   
477



Depois de ter sido pega com o namorado da melhor amiga numa festa, Annabel Green começa o ano letivo sozinha e sendo ignorada pelo resto da escola. Mas o que realmente aconteceu naquela noite ainda é segredo, que ela não se arrisca a contar para ninguém. Os problemas de Annabel são explicitados pela recusa da família em admitir os próprios problemas: a fissura da mãe para que as filhas virem modelos famosas e Whitney, a irmão do meio, que sofre de anorexia. Uma amizade com Owen, o DJ da rádio comunitária, que tenta constantemente ampliar os gostos musicais de Annabel, fará a tímida jovem aprender a falar a verdade, doa em quem doer. Ele tem uma missão quase impossível: fazer com que Annabel “Não pense nem julgue. Simplesmente escute”. “Don’t think or judge. Just listen.”

Meu primeiro contato com Sarah Dessen foi na leitura do livro O Que Aconteceu Com o Adeus, seu jeito de escrever para jovens, mostrando drama sem soar dramático, já que não se utiliza de apelação, nem de personagens que se fazem de vítimas, faz suas tramas soarem verdadeiras e reais para o leitor, exatamente o que me fez apreciar plenamente sua obra e ao ler este livro tive o prazer de encontrar outra vez uma história excelente e tocante.

Just Listen é um drama adolescente, mas longe de muitos que temos por aí, deixa de lado a futilidade e superficialidade, para dar espaço à uma trama sem nenhum floreio, simples na verdade, mas incrivelmente profunda. Sarah Dessen ao abordar temas muito corriqueiros, mostrou à nós o quanto podemos estar sós no meio de muitas pessoas, e também que se pararmos para prestar atenção, na maior parte do tempo, não ouvimos de verdade, nem a as pessoas, nem a nós mesmos. Então fica o convite… Don’t think or judge. Just listen.

Annabel Green é uma garota bonita e de boa família, trabalha como modelo desde de bebê, assim como suas duas irmãs mais velhas, mas a garota não está entre as mais populares, nem tampouco a mais desinibida. Annabel é contida, tímida e prefere manter sua opinião e sentimentos dentro de si do que chamar atenção e deixar as pessoas descontentes. Em casa ela é aquela que tudo aceita, sempre com um sorriso agradável e submisso, não que isso lhe fosse exigido, mas ela acha mais fácil se omitir, fazer-se invisível e sem vontade própria. Annabel não sabe lidar com conflitos, ela não os encara, e sim desvia.

Embora tente ao máximo evitar atenção e confusão, no dia que conheceu a nova vizinha Sophie, sua vida mudou,  a nova garota gostava de confusão e de humilhar os outros, era a pior pessoa para se ter como amiga, mas Annabel não via isso, deixou-se envolver por essa amizade doentia e no final acabou sozinha. Algo que aconteceu em uma festa afastou as meninas totalmente e deixou Annabel ainda mais introspectiva do que nunca.

O livro é narrado em primeira pessoa por Annabel e confesso que logo no começo não gostei da garota, sua falta de ação e inércia me deixaram insatisfeita, não irritada, mas triste por ver alguém deixar-se de lado em prol dos outros. Mas conforme a história avança e ela vai se apresentado para nós, muita coisa acontece, e Annabel muda, transforma-se, não de maneira brusca, é uma evolução lenta, que em certo momento regride, voltando ao começo, senão antes, mas que no final nos enche o coração com muita satisfação. O fator essencial nesta evolução foi o colega de escola Owen, alguém que ela jamais imaginou que faria parte de sua vida, mas depois tornou-se impossível que ele não estivesse nela.

O segredo de Annabel é bem evidente desde o começo, mas não é revelação que empolga e sim a superação da personagem, sua volta por cima e seu crescimento. É interessante ver como estar na companhia certa influencia a vida, quando ela andava com Sophie, parecendo sua sombra, tornou-se alguém sem conteúdo e totalmente egoísta, já, ao ficar amiga de Owen, um garoto com uma personalidade totalmente oposta à sua, mas extremamente honesto e  bom caráter, foi contagiada, ele desafiou Annabel, de maneira positiva, é claro.

Não digo que Owen é perfeito, longe disso, na verdade essa é uma característica marcante nos personagens da autora, a imperfeição, que os torna humanos e verdadeiros. O jovem em questão passou por vários problemas, inclusive fazia terapia para controlar a raiva, mas ele possuía uma qualidade única, ser sincero, doa a quem doer, então imaginem o choque para Annabel ao encontrar alguém  - que diferente dela -  mostrava sentimentos, que falava o que pensava.

Just Listen porém não fica focado somente no segredo que envergonha Annabel, aborda ainda a anorexia, o abuso sexual, a questão da auto-estima e relações familiares, é tudo apresentado pouco a pouco, mas de maneira objetiva e impactante. A autora é sutil ao inserir temas polêmicos em sua trama, mas consegue mesmo assim deixar o leitor pensando, eu particularmente fiquei tocada pelo relacionamento de Annabel e suas irmãs, a maneira como elas estando tão perto, eram tão distantes, mas nem por isso amavam-se menos, precisavam mesmo era conhecer-se de verdade.

Eu chorei com o desfecho, testemunhar a vitória não só de Annabel, mas de cada pessoa com dificuldades nesta história foi muito emocionante. Just Listen é um livro inspirador, que desperta sentimentos bons e de esperança em nosso coração, o mais gostoso de tudo é o envolvimento que acontece enquanto lemos, eu mergulhei inteiramente na história e quando percebi as lágrimas já estavam escorrendo, foi tão natural, como se eu estivesse lá, ao lado daquelas pessoas.

Certamente a autora conseguiu me satisfez mais uma vez, Sarah Dessen nos deixa mais sensíveis e humanos com suas histórias e de olhos bem abertos para o que nos cerca, fazendo com que vejamos o quanto devemos nos valorizar e tentar ser feliz. Just Listen é uma história de amizade e respeito, e acima de tudo, de aceitação e vitória.




2leep.com

33 comentários:

  1. Se vc chorou , pode ter certeza que eu iria fazer um lago em minha casa kkkkk .. sou muito chorosa com esses assuntos e livros comoventes .. Eu conhecia o livro kkk .. pretendo ler em breve .

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida, tenho esse livro há um tempão na minha estante e não sei porque até agora não peguei pra ler. Sabe quando você tem muitas expectativas com relação a um livro e tem medo de ler e se decepcionar? Acho é mais ou menos isso. Mas sua resenha me tranquilizou um pouco, acredito ser impossível se decepcionar com uma história assim.

    Beijos
    Caline - Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  3. Gostei do Owen, mesmo sem conhecê-lo, acho bom quando a pessoa é verdadeira como ele aparenta ser. Gosto dessas histórias de superação e essa frase é bem legal >> Don’t think or judge. Just listen.
    Letras & Versos

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida, tudo bom?
    Ainda não li nada da autora, mas tenho esse livro e pretendo ler em breve.Acho que a história trata de temas muito relevantes e isso me instiga mais ainda. Adorei a resenha!!!
    Beijos
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Adorei saber sobre a evolução da protagonista, adoro acompanhar essas mudanças e torcer por eles. Já ouvi falar bastante sobre a autora, mas ainda não peguei nenhum de seus livros para ler. Esse entrou pra minha lista de desejados.

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. quanto mais eu leio sobre o livro meu interesse vai aumentando, mas confesso que sua resenha deu o xeque mate, muito bem desenvolvida
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Ainda não li nada dessa autora, mas o enredo deste livro me deixou muito interessada e curiosa, parece ser muito emocionante! Gostei das características dos personagens, é sempre bom lermos algum livro onde eles são mais humanos mesmo, deixa a estória mais real. Que bom que a personagem principal foi mudando e evoluindo ao longo do livro, fiquei com vontade de ler também! :)

    ResponderExcluir
  8. Oi, Cida!
    Amei a sua resenha! Já tinha lido comentários positivos sobre essa autora, mas esse me pareceu um livro muito bonito.
    Acho que vou adicioná-lo às futuras leituras, pois ando numa ressaca literária complicada e estou fugindo de séries e trilogias. =P
    Beijos,
    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  9. Não tinha ouvido falar desse livro, gostei muito dos temas que o livro aborda e principalmente porque eles foram superados no livro,não o li ainda, mas quero ler muito em breve pra tirar minhas próprias conclusões...

    ResponderExcluir
  10. Pqp! Cida que resenha é essa? Não conhecia o livro e meu já foi pra lista de desejados
    Gostos dos temas abordados, com certeza tbm irei gostar.
    Brubs
    contodeumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. O livro parece adorável! Ainda não tive contato com os livros da Sarah Dessen mas vontade não falta!
    O tema é bacana e a junção de outras discussões é algo muito bacana.

    (desconstruindoaspalavras.blogspot.com.br)

    ResponderExcluir
  12. Ainda não conhecia esse livro, Cida, mas gostei muito da premissa. Bem intensa e tocante. Parece ser um livro bem bonito, comovente e marcante. Acho que irei gostar! Vou anotar sua dica. :)
    Amei a resenha! Super me empolgou, rs!

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Eu já tinha visto esse livro antes, e ele já estava na minha lista tem um tempo, eu não vejo a hora de poder ler, mas é bom ver que tem mais gente gostando do livro que você quer ler, ainda não tive contato com nenhuma obra da autora, mas pretendo corrigir isso.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  14. Não conhecia o livro, pela sinopse eu já fiquei bem curiosa, sua resenha me deixou com muita vontade de ler, preciso ler um bom drama, vou adicionar em minha lista de desejados! Ótima resenha!

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  15. Oie,
    nossa não conhecia o livro, mas pelo visto você adorou neh? (tirando o começo rs)
    não sei se seria meu tipo de leitura, mas vou anotar a dica.


    bjos

    http://blog.vanessasueroz,com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito Van, confesso que o jeito da garota no começo me deixou temerosa, mas depois tudo foi se encaixando e gostei demais.

      Excluir
  16. Jura que você chorou?? Então eu vou desidratar colega, você é bem mais resistente que eu né, rsrs. Já provei isso em outros livros que eu chorei e você nem curtiu o livro, hahahaha.
    Enfim, peguei esse livro esses dias numa troquinha no skoob. Tô doida pra ler!!!
    Já vi que vou amar ♥ Um drama da Sarah!!!
    Eu li A Caminho do Verão, e é muito fofo!!!

    Bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Lelê, lembro bem quais são estes livros, A caminho do verão eu estou tentando achar por um bom preço.

      Excluir
  17. Oláaa!
    Sempre ouvir falar muito bem dessa autora. Sempre tive vontade de ler algo dela, as capas e os títulos sempre me chamaram atenção. Mas confesso que sempre achei que seriam histórias mais lights, não com tantos temas polêmicos quanto os que você apresentou na resenha. Esse parece ser um livro mais profundo, que com certeza vou atrás de ler.

    Beijos
    Jéssica
    http://www.bestherapy.net/

    ResponderExcluir
  18. Oie!
    Não conhecia o livro mas eu tenho certeza que vou adorar! kkkkk
    Parabéns pela resenha, está divina!
    A Autora é super bem falada por aqui então não deve ser atoa!

    Beijos,
    Marcela.
    ocantinholiterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Oie Cida =)

    Já vi esse livro em alguns blogs, mas essa é a primeira resenha que leio. A premissa me chamou bastante a atenção, por ser i tipo de história com um enredo profundo e personagens bem construídos. Espero ter a oportunidade de ler ele em breve e me emocionar também.

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  20. Nunca li nenhum livro da autora, mas gostei da sua resenha sobre esse e a capa me lembrou Jane Austen não sei porque.

    ResponderExcluir
  21. Quase todo mundo elogia a autora, e são poucos livros delas que eu vejo com críticas negativas. Esse foi o primeiro livro que eu tive contato, embora não tenha tido a oportunidade de lê-lo ainda. Quero muito ler algo da autora, porque como você, e vários outros já disseram, ela trata de coisas séries sem ser dramática. Pena que os livros dela tenham preços tão salgadinhos :/
    Adorei a Resenha.
    Beijos,
    Yasmin
    deitadosnagrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem fala, os livros dela são mesmo muito caros, eu estou em busca de A caminho do verão mas só compro se achar uma boa promoção, uma pena, já que muita gente deixa de ler por isso.

      Excluir
  22. Olá, tudo bem?
    É minha primeira vez aqui em seu blog e tenho que dizer que está de parabens pelo seu conteudo, pois me chamou bastante atenção. Espero passar mais vezes aqui para poder ver suas postagens e também saber mais sobre os livros.
    Parabéns por tudo viu?
    Espero que possamos ser boas amigas =]
    Venha conhecer o meu cantinho e ME SEGUE, pois já estou te seguindo tá?
    bjokas e fica com Deus

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Eu até então nunca tinha ouvido falar deste livro. A sinopse dele parece ser muito interessante. Espero poder lê-lo em breve.

    ResponderExcluir
  24. Nossa Cida, eu com certeza não daria nada por esse livro e o consideraria mais um clichê adolescente. Mas como sempre digo e repito, respeito demais a sua opinião, e se você deu 5 estrelas é que alguma coisa esse livro tem de bom. Já vou botar na listinha. Valeu a dica. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  25. Oi Cida!
    Eu adoro essa autora! Mas acabei me decepcionando com o último livro dela que li (Aquele verão). Esse parece ser bom!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sora, este aí todo mundo fala que não é o melhor momento dela, quero ler em breve, pois os demais que li foram ótimos e preciso saber onde ela errou a mão.

      Excluir
  26. Oie Amiga
    Desculpe o sumiço por aqui, mas estarei novamente por aqui :D
    Esta é a primeira resenha que leio desse livro e posso dizer que já adicionei no skoob como desejado. Eu tinha visto ele pela blogosfera, mas não procurei saber a respeito. Fiquei encantada com sua resenha e pelo que conheço de Sarah ela é incrível. Não pensava que a autora iria abordar esses temas tão profundos, mas de uma certa forma é importante que eles sejam ditos, porque alerta as pessoas disso, porque infelizmente esses assuntos ainda acontecem na vida real. Parabéns pela resenha, ela me marcou muito e até chorei com ela. Pretendo ler esse em breve.

    Beijos,
    Jéssica
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  27. Oi, tudo bem?

    Eu simplesmente AMO este livro! Eu não o tenho, mas quero resolver isso em breve.

    Eu gostei muito da sua resenha, pois é muito verdadeira quanto ao livro e se eu não tivesse lido eu correria para ler na hora.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Olá!
    Adorei a sua resenha *-*
    Me deixou com muita vontade de ler! Fico feliz que você tenha gostado tanto assim do livro!
    Beijos,
    Ana M.
    http://addictiononbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Eu sei exatamente o que é está sozinha mesmo estando rodeada de pessoas, isto é exatamente o que tenho passado ultimamente. É triste, mas a vida é assim.
    O enredo parece ser muito interessante, nunca li nada desta autora, mas pretendo incluir este livro na minha lista.

    http://worldbehindmywall.fanzoom.net/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!