[Resenha] Pausa

Pausa 
Título Original: Point of Retreat (Slammed #2)
Autor(a): Colleen Hoover
Editora: Galera Record      Páginas: 304
Lançamento: 2013      ISBN: 9788501401892
_Pausa

Destinados um ao outro, Layken e Will superaram os obstáculos que ameaçavam seu amor. Mas estão prestes a aprender, no entanto, que aquilo que os uniu pode se transformar, justamente, na razão de sua separação. O amor pode não ser o bastante. Depois de testado por tragédias, proibições e desencontros, o relacionamento de Layken e Will enfrenta novos desafios. Talvez a poesida desse casal acabe num verão solitário... Sem direito a rimas ou ritmo. A ex-namorada de Will retorna arrependida de ter deixado o rapaz. E está disposta a tudo para reconquistá-lo. Insegura, Layken começa a ler novas reações no comportamento do rapaz. E na insistência para adiar a "primeira vez" de ambos. Presos em uma ironia cruel do destino, eles precisam descobrir se o que sentem é verdadeiro ou fruto da extraordinária situação que os uniu. Será que é amor? Ou apenas compaixão? Layken passa a questionar a base de seu relacionamento com Will. E ele precisa provar seu amor para uma garota que parece não conseguir parar de "esculpir abóboras". Mas quando tudo parece resolvido, o casal se depara com um desafio ainda maior - e que talvez mude não só suas vidas, mas também as vidas de todos que dependem deles.

Pausa é uma declaração de amor.
 
Pausa é o segundo volume da série Slammed, da autora Colleen Hoover,publicada no Brasil pela Editora Galera Record. Neste livro temos a continuação da história de amor de Will e Lake, que teve início em Métrica (confira a resenha aqui) 
 
Eu amei Métrica, e confesso que o final foi plenamente satisfatório, me deixando assim com um sentimento ambíguo em relação a sua continuação. Imaginem. A história acaba daquela forma que te deixa emocionado e acreditando infinitamente em amor a primeira vista e na força deste amor. Você sofre, ri, chora e tem o coração partido em mil pedaços, até chegar ao desfecho tão esperado, claro que com muitas pedras no caminho, mas mesmo assim, chegamos onde queríamos. Aí a autora tem ainda mais dois volumes da série?  “Maravilha, vou rever meus queridos personagens” ou “Ai,ai! O quê será que ela vai tratar neste segundo livro? Falar mais o quê!!??”
 
Bem, mesmo assim eu  comecei a leitura com muitas esperanças, afinal vamos combinar, quem não quer saber como foi o relacionamento do casal depois de acertar os ponteiros?
 
Aproximadamente um ano após o desfecho de Métrica, reencontramos Will e Lake juntos, criando os irmãos mais novos. Vemos que o casal cresceu e amadureceu por força das circunstâncias, passando a ser um casal diferente. Eles são como marido e mulher, mas não no sentido de viver na mesma casa e dividir a cama, é no sentido de responsabilidades com o lar e criação de crianças. Pensando diariamente na melhor maneira de educar os caçulas Kel e Caulder.


É estranho e ao mesmo tempo divertido ver dois jovens, que estão entre dezoito e vinte um anos, agindo como pais de família. Dei boas risadas ao vê-los sem ação frente as travessuras dos irmãos. Ao mesmo tempo que queriam fazer parte da bagunça, precisavam ficar sérios e dar uma bronca.
 
No livro um, eu não considerei a rapidez do envolvimento dos dois algo ruim, foi estranho, mas depois entendi, mas sei que muitas pessoas não acharam isso legal. Enfim, hoje a relação deles está muito sólida, ou pelo menos era o que ambos pensavam, pois devido a situação, muitas etapas do namoro foram puladas, e quando elas resolvem invadir a cena, o chão estremece. Com a volta de uma ex-namorada de Will, a paz de Lake acaba, ela surta literalmente, não sem razão, e leva esta história que tem um começo pausado, ao caos.
 
O livro é dividido em duas partes. A primeira mais focada em mostrar como a vida de Will e Lake tem sido e logo após como uma crise abalou o relacionamento. O começo é morno, e fiquei mesmo com medo de permanecer tudo tão tranquilo, mas quando eles brigam, tudo fica hilário. Mais uma vez os irmãos caçulas, agora acompanhados de uma vizinha traquinas, roubam a cena e nos divertem. Uma criançada esperta e cheias de truques, que ao lado dos amigos de Will e Lake, Gavin e Eddie, animam o clima.
 
A segunda parte esquenta, e aí reencontrei a emoção que vivi em Métrica. A autora partiu mais uma vez meu coração e jogou com as emoções dos personagens de forma tão impiedosa, que é um soco no leitor. Quando vi Will jogado no chão, ao gritos, sua dor foi a minha. Quando Lake teve seu coração partido, o meu foi junto.
 
Preparem –se para encontrar um ritmo diferente ao iniciar a leitura, demora um pouco para emocionar, mas vale a pena esperar. O melhor é que mesmo com este clima ameno, eu tinha a sensação que nada ia permanecer assim por muito tempo, tinha uma pulguinha atrás da minha orelha me cutucando. “Drama pela frente”.
 
Atualmente temos visto que muitos livros estão vindo com a mesma história, mas narrados um pelo mocinho e outro pela mocinha, tal como Belo Desastre e Desastre Iminente, e Easy e Breakable (este último ainda sem data de lançamento no Brasil). Em Métrica e Pausa, a narrativa muda, no primeiro temos a história contada por Lake e neste por Will, mas não repetindo os mesmos fatos. Aqui tudo segue em frente, mas temos sim momentos em que Will lembra do começo. Gostei por saber mais sobre seus sentimentos, mas prefiro a narração de Lake, por ser mais intrépida, mais ousada. Lake é impulsiva e amei cada uma de suas explosões, ao passo que Will me tirou do sério com seu jeito comedido e muitas vezes inseguro.
 
Will! Will! Lake não é criança e merece ser respeitada em suas decisões. Você precisa dar espaço algumas vezes.
 
Mas, em suma, Pausa é ótimo e valeu a pena a continuação. Mais uma vez foi muito bom (e triste também), estar com Lake e Will. Tem reflexão e crescimento, altos e baixos. Mostra que ninguém é perfeito, que somos humanos. Errando, tentando acertar. Uma história que reúne o amor em suas mais diversas formas, entre irmãos, amigos e um homem e uma mulher. Pausa resgata o valor de cada uma destas relações e mostra a importância de estar perto de quem se ama na melhores e piores horas... na primeira vez, nas gravidez precoce, na hora de enfrentar os valentões na escola... na hora de viver. Tem menos poesia desta vez, mas temos os conselhos da mãe de Lake , que dão um tom semelhante para a trama.
 
Terminei a leitura mais uma vez satisfeita e feliz, e com a mesma dúvida. O quê virá no próximo livro? Comparando, Métrica é muito mais arrebatador e Pausa é uma consolidação de uma bela história de amor.

1461200_10151850381607713_1286384918_n


2leep.com

19 comentários:

  1. Tive a mesma impressão que você, Métrica teve um final tão redondinho que fiquei me perguntando o que ela ia inventar pra fazer a continuação. Adorei a resenha:) Bjs...
    anna-gabby.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. pausa vem mostrar que Will e Laken anda terão muitas dificuldades para viver seu amor.
    a sequencia é exatamente para mostrar que a vida não é tão cor de rosa como senti que era no primeiro livro
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Não tive contato com essa serie ainda e pela sinopse não parece ser bem a minha praia, hehehe
    Com relação a capa, achei bem maios ou menos a arte. :/ Podiam ter feito um trabalho melhor.
    Livros de romance não costumam me prender e logo fico entediada, ainda mais quando se trata de romances com personagens adolescentes.
    Vou passar esse.

    ResponderExcluir
  4. Como ainda não li Métrica, não li a resenha por conta dos spoilers, mas então... Deixa eu falar sobre as minhas expectativas pra essa série.
    A minha paixão por esse livro vai desde a capa, ao título à sinopse! Adoro dramas e principalmente aqueles que fogem do clichê. A premissa parece bem comum, mas acho que o que muda sua visão sobre o livro é a maneira que é escrito. E não há maneira melhor que a poética.

    ResponderExcluir
  5. Eu ainda não li Metrica, comprei no black friday, mas ainda não chegou! Já ouvi o pessoal falando super beem dos livros. Estou com a expectativa lá no alto.

    ResponderExcluir
  6. Eu só dei uma olhada na sua resenha, porque ainda não li Métrica, mas pretendo. Desanimei um pouco, ao ver algumas resenhas de Pausa dizendo que tinha caído na maldição do Segundo livro e que não precisava de continuação, mesmo assim, ainda estou com vontade de ler. Principalmente ao ver que não é todo mundo que achou ruim.
    Beijos,
    Yasmin
    deitadosnagrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro começa meio morno, mas a autora nos surpreende com um evento que abala todos os personagens da história, é algo bem dramático, que nos remete ao sentimento do primeiro livro. Então isso é algo muito bom, eu gostei demais.

      Excluir
  7. Eu não li o primeiro livro, mas essa série não faz muito meu estilo :)

    Beijos, Paradoxo Perfeito

    ResponderExcluir
  8. Oi Cida, tive a mesma sensação que você.. a história de Pausa demorou para engrenar, foi morna e chata de início, mas depois ganha um ritmo alucinante. E o que foi aquele final? Socorro! Já li o terceiro livro em inglês, você perde por esperar.. hehe Beijos e ótima resenha. Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  9. Oii!!
    Quero tanto ler Métrica, está na minha lista de desejados! Pausa, também *-*
    Beijos

    ELidiane
    Leitura entre amigas

    ResponderExcluir
  10. Ah, não acaba comigo não! Haha eu acabei de terminar Métrica e já tõ com saudades do Will, mal vejo a hora de ler Pausa!

    Um beijo
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oie Cida =)

    Após ler Métrica, que embora seja um livro bom não mexeu tanto assim comigo fique pensando no por que a autora criar uma continuação, pois achei o final perfeito.

    Pretendo ler Pause, mas sem as mesmas expectativas que tinha em relação a Métrica. Espero gostar tanto quanto vc =D

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  12. Oi Cida!
    Nossa, a história não tem nada a ver com o que eu imaginei pela capa! Mas parece ser um bom livro, fiquei com vontade de ler a trilogia.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  13. Quero os dois livros da série, não tive oportunidade de ler ainda o 1º mas andei lendo algumas resenhas e ele me pareceu ser um bom livro, espero que Pausa também.

    ResponderExcluir
  14. Eu tenho o Métrica mas ainda não li, estou p comprar o Pausa e assim ler os dois juntos. Tomo mundo fala bem e minha curiosidade está nas alturas.

    ResponderExcluir
  15. Ainda não li métrica, pretendo ler em breve, tenho medo de spoirles, me parece que ainda tem o terceiro, então irei comprá-los todo juntos para quando terminar de ler um logo irei ler o outro.

    ResponderExcluir
  16. Eu me interesso demais pela série, mas ainda nem li o primeiro livro, o que indica que vai demorar um pouquinho pra ler esse...
    Apesar de serem bem novos, pelas resenhas que acompanhei os dois são bem maduros pra idade que tem, neh?! Espero gostar...

    ResponderExcluir
  17. Eu ainda não li Métrica, e me arrependo eternamente de não ter comprado ele na bienal deste ano, e agora nem sei quando terei a oportunidade de compra-lo. E lançam Pausa e eu fico louca querendo ler. Estou quase puxando meus cabelos aqui.

    ResponderExcluir
  18. Oie Cida
    Realmente estou interessada nessa série, onde só leio comentários positivos e fico mais ansiosa para ler. Gostei da premissa do livro e pretendo ler. Parabéns pela resenha.

    Jéssica
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!