[Resenha] Eu Amo New York

Eu Amo New York
Título Original: I Heart New York (I Heart #1)
Autor(a):Lindsey Kelk
Editora: Fundamento    Páginas: 292
Lançamento: 2013     ISBN: 9788539505418
Compare & Compre    Skoob   Facebook   
eu_amo_new_york_capinha_1


Será que fugir do ex-noivo rumo ao destino mais vibrante e inesquecível do planeta pode ser o suficiente para curar um coração partido? Para Angela Clark, a inglesa mais indecisa do mundo... sim! Com um pouco mais do que um par de sapatos Louboutin e seu passaporte, é New York - a cidade onde a vida pulsa de verdade - que Angela escolhe como seu destino de aventuras. E lá encontrará a ajuda da pessoa mais antenada da cidade, Jenny, sua nova melhor amiga. Indecisa entre dois homens ma-ra-vi-lho-sos, tentada pelas vitrines das lojas mais famosas do mundo e com medo de ter que voltar para Londres, Angela terá que tomar muitas decisões. E o mais importante: ela relata essas experiências para os leitores do blog de uma revista famosa! Hummm... será que isso vai dar certo?! E será que Angela vai querer chamar NY de “casa” para sempre? E você? Depois de uma temporada em NY, não iria querer chamar essa cidade fabulosa de “casa” também?


Eu Amo New York é o primeiro livro da série Eu amo (I heart) da escritora Lindsey Kelk, publicada no Brasil pela Editora Fundamento. Eu conhecia o livro de resenhas que havia lido em alguns blogs gringos e a vontade de ler era enorme, quando vi que estava saindo aqui, fiquei muito feliz.
“As pessoas vão até Los Angeles para se encontrar; elas vêm para New York se reinventar.”

Esta série chick-lit conta as aventuras de Angela Clark e suas viagens ao redor do mundo e neste primeiro livro ela decide ir para New York para se reinventar. Mas não foi algo planejado, tudo começou assim…
Angie estava toda “feliz”, posando de dama de honra no casamento da “melhor amiga”, curtindo a festa e acreditando ter a vida perfeita ao lado do noivo Mark, até o momento que pegou ele no flagra com outra dentro do carro e para piorar soube que não era apenas algo de momento, a traição vinha de longa data e pasmem… todo mundo sabia. 

Chateada e muito decepcionada, Angela larga tudo, armada apenas com seu par de sapatos Louboutin e uma mala com meia dúzia de roupas. Ela parte de Londres rumo a New York, disposta a fugir do problema. Lá, entre muitas lágrimas e palavras confusas, faz amizade com Jenny, a recepcionista do hotel, metida à psicóloga. Jenny lhe ajuda, apresentando a nova cidade e suas oportunidades, logo Angie tem um corte de cabelo novo, roupas muito estilosas, muita maquiagem e até mesmo um novo emprego como escritora/blogueira de uma revista digital muito prestigiada. E claro, que na tentativa de superar a traição, ela resolve experimentar novos relacionamentos, ficando então indecisa entre um jovem astro de rock do Brooklin e um rico banqueiro de Wall Street.

Este livro é muito gostoso de ler e acompanhar as aventuras de Angie uma experiência única. Narrado em primeira pessoa pela própria protagonista, nos dá uma ideia exata do que é uma mulher de coração partido, mas que diferente de muitas que deitam e choram em casa, ela resolveu arriscar e chorar, sim! Mas do outro lado do oceano.

Cada momento com ela é insano, nunca vi alguém que gostasse tanto de fazer compras, vocês precisam ver como foi sua compra de uma bolsa, algo apaixonante! Eu que me considerava uma pessoa viciada em bolsas, depois disso vi que sou muito normal. Na verdade a vida de Angie em New York é tão surreal na maior parte das vezes, que qualquer pessoa é normal perto dela.

Estas sessões de compras são um sinal claro de quanto ela precisava levantar sua auto-estima. Seu relacionamento de dez anos com o noivo traidor deixou-lhe acomodada e vivendo como uma pessoa com jeito de casamento de cinquenta anos, não uma jovem de 26 que tinha muito para conhecer ainda. E fora que ele tinha sido seu único namorado.

Angie aparenta certa futilidade no começo, agindo assim pela cidade, mas logo percebemos que tudo é para esconder sua dor, ela precisava reconsiderar seus sentimentos e ver que não era feliz de verdade e que aquela vida não era uma vida de realizações para ela. Logo eu ficava torcendo para que Angie acordasse e descobrisse seu verdadeiro eu.

Foi um chick-lit diferente no quesito humor, este aqui eu achei o mais sério de todos os que li, afinal a mocinha não é dada a viver de trapalhadas, também trata os relacionamentos de forma mais realista e madura, mostrando erros que cometemos na maior parte das vezes e revelando que no amor, não há regras. E além disso, no quesito romance não é um mar de rosas, a relação de Angie e seus dois pretendentes é muito verdadeira, racional e crua, e a maneira que foi conduzida sem floreios de contos de fadas.

E em questão de ambientação, nunca imaginei New York desta forma, tão calorosa e acolhedora, parecia mais Paris. Este livro é um verdadeiro guia de compras, de restaurantes, baladas e passeios culturais, até mesmo há no final um suplemento com dicas de lojas e outros lugares da cidade. Ver a cidade pelos olhos de Angie é mágico e podem ter certeza que as descobertas dela, acabam sendo nossas, dá vontade de fazer as malas e ir pra lá.

Eu Amo New York é um livro para viajar em cada linha, gostei demais desta trama, cheia de pessoas cativantes e muito legais. Tem clima de renovação, descoberta, amizades sinceras e um sopro de frescor no rosto. Acredito que a única parte que me deixou incomodada foi a de Angie experimentar dois homens antes de fazer sua escolha, eu sou um pouco chata em questão de relacionamentos e certas modernidades não são comigo. Enfim, é um livro para todos os amantes do gênero e recomendo, sem dúvidas.



Série “Eu amo… (I Heart)
Eu amo New York (I Heart, #1)
I Heart Hollywood (I Heart #2)
I Heart Paris (I Heart #3)
I Heart Vegas (I Heart #4)
I Heart London (I Heart #5)
I Heart Christmas (I Heart #6)
2leep.com

28 comentários:

  1. Oi Cida tudo bem, esse livro tbm chama muito atenção, tbm adoro livros ambientados, em cidades como Londres, New York, Paris e outros por que nesses livros acabam falando um pouco dos costumes, mas esse livro me chamou atenção pela capa e por que na ondo do chick-lit, e gostei tbm por ser uma leitura agradavél. Ainda mais por que quem nunca teve vontade de sair assim e se aventurar e largar tudo para viver uma vida diferente.
    Bjkas
    Danu Casquet-Livros, a Janela da Imaginação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, em alguns dias dá vontade de ter a coragem de Angie, pena não ter um cartão de crédito tão poderoso quanto o que ela tinha.

      Excluir
  2. Oi Cida,
    já tinha visto uma resenha do livro e a sua diz exatamente o que eu já imaginava, vou adorar ler rsrsrs

    dica anotada.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Cida,
    adorei conhecer um pouco mais sobre o livro. Ele já estava entre os meus desejados e mas ainda estava indecisa se o comprava ou não. A tua resenha me tirou todas as dúvidas e pude perceber que Eu Amo New York vai ser um livro que não vou me arrepender de ler.

    Beijos
    Books and Movies
    www.booksandmovies.com.br
    @BooksAndMovies_

    ResponderExcluir
  4. Livro tchutchuco. Adorei!!
    Eu jurava que ele fosse mais fininho, não sei porque, mas imaginava mais para menininha, acho que por causa da capa talvez.
    Adorei, estou precisando de um chick-lit.
    Vou nesse!!

    Bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, ele não é tão fininho não, mas é rápido de ler e não é nada para menininha também, a Angie apronta algumas bem ousadas, coisa de mulher. Bjos!1

      Excluir
  5. Amo chick-lit! E pela resenha, me parece que vou amar mais esse! Ainda não conhecia a série, vi pela primeira vez aqui.. e vou acompanhar com certeza!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  6. Eu me considero viciada em bolsas, será que vou me sentir normal depois de ler também? Hahaha eu adorei a capa, estava curiosa pra saber mais sobre a história e gostei do que li. Entrou pra minha listinha!

    Um beijo
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Pela capa e pela sinopse, acho que não leria este livro, mas a sua resenha me deixou bem curiosa e o jeito que você descreveu a protagonista me deixou ainda mais curiosa porque geralmente elas são bem diferentes dessa em outros chick-lit que já li. Enfim, ótima resenha.

    Beijos
    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oie Cida, eu sou apaixonada por chick-lits e estou namorando esse livro desde o lançamento.
    Acho a capa muito bonita e espero fazer a leitura dele em breve.
    Sua resenha só me deu mais vontade de lê-lo.
    ;)
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Cida,
    Tá um livro que me ganhou pela capa, achei ela linda e teria ele só por causa dela rs.
    Essa é a primeira resenha que leio e minha curiosidade pra ler aumentou, vou anota a dica aqui com toda certeza.

    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  10. Oie Cida =)

    Chick-lit não é bem o meu gênero de livro favorito, mas quando a história é boa eu sempre acabo dando uma chance.

    A premissa desse até que me deixou curiosa, mas ando preferindo livros únicos rs...

    Ótima resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  11. Oii Cida!
    Parabéns pela resenha.
    Minha amiga fala muito deste livro mas nunca tinha visto uma resenha sobre ele. Parece ser aqueles chick-lits em que sempre tem uma mensagem forte por trás.
    Entrou na minha lista de leitura.
    Sucesso sempre.
    Beijos,
    Marcela.
    ocantinholiterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Eu amo esse livro, tenho ele em inglês.
    Eu adoro quando ela descobre que todo mundo sabe que ela é chifruda menos ela. Como você disse também achei ela fútil no começo. Mas acho que é para dar entonação no livro.
    Me apeguei bastante com a Angie.
    Adorei sua resenha, deu um ar de comédia.
    Bom final de semana!
    Mariana - WTF.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela praticamente renasce, então a futilidade e aceitável como uma fase. Bjos!

      Excluir
  13. Vi várias resenhas sobre esse livro, e parece ser muito bom...
    Mas pensa se em todos da série for meio que uma viagem nova a cada decepção?! Será que não vai tornar cansativo?! Espero que não...
    Quem dera eu pudesse fazer uma mudança radical dessas quando algo assim acontecesse, seria ótimo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, cada livro pelo que vi será uma nova aventura desta garota.

      Excluir
  14. Meu deus, não sabia que tinha tantos livros da série assim!
    Mas estou louca para lê-lo, parece ser ótimo!
    E adoro Chick-lit, como esse parece ser :)
    Ótima resenha!
    Beijos,
    Ana M.
    http://addictiononbooks.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. é a primeira resenha que leio sobre o livro Cida e confesso que fiquei bem animada, acho que posso passar umas boas horas conhecendo um pouco mais da história da angela!
    P.s coitada, saber que é chifrada em público!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Eu não conhecia o livro, mas só por ser chick-lit eu já fiquei interessada, espero ter uma oportunidade de lê-lo em breve.

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. oi Cida, sua resenha me ganhou.. até lembrei de Sex and the city ^^
    agora desejo o livro..
    beijo mila

    ResponderExcluir
  18. Eu amo chick-lit, mas leio tão poucos :/
    Essa não é a primeira resenha que leio de Eu amo New York, e mais uma vez fico encantada com o livro e com mais vontade ainda de conferir. Além de divertidíssimo, eu gostei do fato da protagonista não ser aquela super fútil e atrapalhada, da pra perceber que ela tá mais naquele clima de renovação mesmo e deve ser muito gostoso poder acompanhar as aventuras dela por New York.
    Ele já está na minha lista de desejados e pretendo ler em breve! :)

    Beijos.
    http://viciosemtres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Odeio homens que traem u.u
    Espero que Angie encontre um homem lido e maravilhoso para cuidar dela e a tratar muito bem
    Eu adoro chick-lit é um dos meus gêneros favoritos, porém no momento ainda estou muito na fase de livros extremamente hots, então esse vai ser um livro para quando meu gosto mudar

    http://worldbehindmywall.fanzoom.net/

    ResponderExcluir
  20. Eu já tinha me interessado nesse livro, mas a principio para ler em inglês.
    Fiquei mega feliz de saber que ele foi publicado no Brasil *-------------*
    Eu adoro chick lit, ele ainda dando dicas de lugares para compras em NY! Acho que vai ser um livro cheio de marcações hahahaha afinal, quem não quer ter a oportunidade de fazer compras naquela cidade.

    Beeijos, Dreeh.
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  21. Oi!
    Adoro chick lit! E os que passam em NY me conquistam fácil, ô lugar maravilhoso! Estava mesmo precisando de dicas de novos chick lits!

    Beijos,
    Bia Sampaio
    www.epilogosefinais.com

    ResponderExcluir
  22. Nunca tinha ouvido falar desse livro, a resenha está muito perfeita, mas não surtiu muito efeito comigo, não me interessei pelo livro.

    ResponderExcluir
  23. Oie amiga
    Eu amo chick-lit, muito. Confesso que não conhecia essa série, mas pela sua resenha percebi que Eu Amo New York é muito bom. Fiquei com pena dela pelo coração partido, mas que bom que ela foi para outro país é pode encontrar seu final feliz.
    Parabéns pela resenha.

    Jéssica
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  24. Ai Cida, amei, amei, amei a sua resenha.. pelo visto este livro reúne diversas coisas que eu amo, como o fato da história ser ambientada em NY, de ter uma pitada de humor e maluquice e de ser um chick-lit. Confio no seu gosto, se você curtiu, eu acho que também vou. Já add na minha listinha. Valeu. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!