{Resenha} Louca Para Casar

Louca Para Casar
Título Original: The Wedding Girl
Autor: Madeleine Wickham
Editora: Record      Páginas: 490
Lançamento: 2013      ISBN:   9788501094032



Milly está a quatro dias de um casamento digno de contos de fada com Simon, um jovem rico por quem é perdidamente apaixonada. É a cerimônia mais aguardada do ano pela alta sociedade, mas um detalhe pode pôr tudo a perder. Dez anos antes, Milly se casou com um amigo americano gay para que ele vivesse na Inglaterra com o parceiro, mas logo ambos perderam o contato e nunca se divorciaram. Tudo permaneceria em segredo se não fosse a chegada de Alexander, o fotógrafo, que por acaso também presenciou a primeira união. Agora ela terá que correr contra o tempo para encontrar o “marido” e obter o divórcio antes que todos descubram que a noiva, na verdade, já é casada.

Madeleine Wickham é o verdadeiro nome da autora conhecida como Sophie Kinsella,  e este é o primeiro livro dela que leio, Louca Para Casar, publicado aqui no Brasil pela Editora Record.

Milly na juventude conheceu dois belos rapazes, de primeira ficou interessada em algo mais com algum deles, mas quando percebeu que eles eram um casal, acabou tornando-se amiga de ambos. Inseparáveis, viveram ótimos momentos em Oxford, e para ajudar um deles que precisava de autorização para permanecer no país, Milly aceitou um casamento de fachada. Anos mais tarde, prestes a casar-se de verdade, Milly dá de cara com uma pessoa que testemunhou seu casamento anterior, como se não fosse suficiente, ela percebe que não só escondeu este detalhe do passado de seu noivo e da família, como também, nunca providenciou o divórcio. Agora, com apenas alguns dias para o casamento com o homem que ama, ela precisa decidir o que vai fazer.

Contar a verdade? Bigamia? E você? Faria o quê no lugar de Milly?

A narrativa em terceira pessoa de Madeleine envolve o leitor de maneira instigante, nos apresentando personagens vivos e críveis, que nos fazem ter aquela vontade de espiar pelo buraco da fechadura para saber o que acontecerá em suas vidas, é algo muito bom em um livro, o despertar da curiosidade do leitor não por um mistério apenas, mas pelo puro interesse de conhecer profundamente os personagens como pessoas reais.

Pensei que fosse ser a história das trapalhadas de uma garota correndo contra o tempo para corrigir um erro da juventude, para assim ter um final "e viveram felizes para sempre", mas foi muito mais do que isso. A história não fica presa na confusão em que a protagonista está metida, mesmo este sendo o foco central, enquanto vamos acompanhando Milly em sua jornada, também vamos conhecendo as vidas dos demais personagens, vemos que todos têm muitos problemas e questões mal resolvidas, algumas cenas, principalmente as reuniões em família, são uma chuva de alfinetadas e desabafos.

O casal Milly e Simon não parecia estar apaixonado, as razões que os unem não parecem certas para conduzi- los à um casamento, e o que fica claro para o leitor, é que ambos precisam, antes de uma união, conhecerem a si mesmos e o que querem de verdade.

Milly é uma garota simpática, mas não é de muita ação, conformada com tudo ao seu redor, aceita facilmente as imposições dos outros para não ser desagradável. Sua mãe é a pessoa mais irritante deste planeta, e faz a filha de gato e sapato, pensamos até quem é a noiva da vez, dada a intromissão desta mãe-megera no casamento. A mãe é tão exagerada em tudo, e fala tanto, que nem percebe que o próprio casamento acabou. Além do mais, está toda deslumbrada pelo sogro da filha, um homem muito rico. Sabem aquelas pessoas que falam tanto, e só ouvem a si? Esta aí é a mamãe da história. 

O noivo, Simon é um cara revoltado com a separação dos pais, mesmo após a morte da mãe e sua convivência com o pai, ele não perdoa o homem, é algo imaturo, até porque Simon não sabe o que levou o casamento ao fim, nem procura saber, ele condena o pai e pronto. E eu gostei do velhinho, sempre firme e forte, e muito sensato em tudo, lidando sempre com muita paciência com as explosões o filho.

Temos ainda os amigos gays de Milly, a irmã misteriosa e o pai caladão e uma madrinha cheia de segundas intenções, todos compondo esta trama cheia de humor britânico, relações familiares conturbadas e cheias de rachaduras, que o menor tremor, partem-se em mil pedaços. E realmente chega um ponto na história que temos uma reação em cadeia de acontecimentos trágicos, não nada para chorar, o leitor ri, mas os personagens arrancaram os cabelos. Quando tudo começou dar errado para um, o azar alastrou-se e pegou todo mundo desprevenido.

Foi a melhor parte do livro, um choque em todos, eu tive a sensação que cada um acordou de um sono profundo e se viu no palco da vida, deixando a plateia e passando a ser o protagonista de sua própria história. Vemos então o crescimento de cada personagem, o amadurecimento de Milly e Simon é excelente, eles passam à agir de maneira tão diferente, que achamos que são outras pessoas, eu gostei disso, dessa reviravolta, na verdade foi um ato de tirar sua máscara e assumir o que quer e quem é. Não só os protagonistas sofreram esta mudança, todo mundo passou pela metamorfose e ganhou espaço em meu coração. Acreditem, até a mãe-megera, tornou-se alguém agradável.

Sempre achamos que não somos capazes de fazer algo, mas na hora da necessidade achamos coragem e força para isso. E a vida é assim, uma eterna mudança, uma escola, onde aprendemos com nossos erros, para sermos melhores. Ver tudo isso nesta trama, com uma pitada trágica, mas pincelada de humor foi uma experiência gostosa demais.

Não é um chick-lit, mas tem pitadas de humor, eu classifico como um romance, pois é algo mais denso e reflexivo, não é pesado, tem uma leveza única que nos faz virar as páginas sem perceber e sentir facilmente muitas emoções.


2leep.com

36 comentários:

  1. Oie :)

    Meu deus esse livro é para mim, a medida que fui lendo a sua resenha enxerguei isso, amo livros que exploram relações diversas não só românticas ( de amor ), beijos !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
  2. Fico feliz em saber que você gostou do livro. Ainda não tinha lido uma resenha positiva sobre ele e você me deixou curiosa para lê-lo. Infelizmente não consigo gostar dos livros da Madeleine como amo os livros da Sophie. É incrível como ela consegue mudar a maneira de escrever quando incorpora cada uma das autoras que tem dentro dela.. hehe Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  3. Parece ser um livro MUITO bom. Estou louca para ler. Apesar de ser um drama, muitas pessoas deram críticas positivas ao livro.
    Xxxx

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida! Nossa, ontem messmo li uma resenha desse livro, fiquei mega curiosa. Falam sempre muito bem desta autora, tenho curiosidade em ler algo dela.

    beijos

    ResponderExcluir
  5. Amei a sua resenha! Eu li esse livro e foi exatamente isso e não tem uma correria para resolver as situações, foi o primeiro livro que li da autora e me apaixonei pela trama, e pelos personagens, o livro é muito instigante.

    Beijos, Raquel.

    ResponderExcluir
  6. Deu vontade de ler! Gostei!
    Beijos!
    blog-bonecadeluxo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida =D

    Cada resenha que leio desse livro de deixa com mais vontade de ler ele ainda. Não li nada da Sophie ainda, até por que chick-lit não é lá me estilo de livro favorito, mas com tantas resenhas positivas estou dispostas a arriscar =)

    Adorei a resenha!

    Beijos e um ótima semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  8. Oi Cida! que bom que vc gostou do livro! eu sempre leio resenhas negativas deles, acho que as pessoas estão esperando a Sophie e não estão preparados pra Madeleine! Mas o livro é mesmo muito bom e eu adorei a sua resenha :)
    beijos!

    ResponderExcluir
  9. Olá...adorei a resenha, quero muito ler esse livro

    ResponderExcluir
  10. Oi, Cida! Este é um livro que estou e não estou com vontade de ler, porque li há algum tempo uns comentários meio negativos a respeito da obra. Mas se tiver a oportunidade, lerei, com certeza!
    Beijo!
    Doce Sabor dos Livros - Visite!

    ResponderExcluir
  11. Oi Cida!
    Esse livro é ótimo MESMO! Gostei muito dele, de verdade. Adorei principalmente essa parte de a autora não ter só focado na Milly e ter olhado para os outros personagens também. Muito bom mesmo!

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  12. amei a resenha, fico feliz q tenha gostado cida.

    ResponderExcluir
  13. Aiiii, eu preciso ler esse livro... Parece ser tão bom!!

    Bjooos
    COLECIONANDO LIVROS

    ResponderExcluir
  14. Oie,
    menina que bom que gostou. Tenho ouvido diversas opiniões sobre o livro e fiquei na dúvida sobre a leitura.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  15. Nunca li nada da Kinsella mas sempre tive vontade de ler, ainda mais porque todo mundo que lê algo dela super recomenda a leitura. Gostei da sua resenha, parece ser um livro bem divertido e acho que é disso que eu estou precisando! HAHA

    Beijos,
    Caroline.
    http://criticandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Estou bem cansadinha de chick-lit esses dias, apesar de já ter minha fase de amar Sophie Kinsella. É um livro de premissa bastante interessante...

    ResponderExcluir
  17. oi Cida, tudo bem?
    Li várias resenhas desse livro e a cada uma meu desejo de lê-lo aumenta, mas a sua tem um diferencial: eu senti mais ênfase nas questões apresentadas na história, como as questões dos relacionamentos e das mudanças interiores dos personagens e vou confessar adoro o humor britânico

    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Que delícia de leitura! Parece ser bem mais intenso do que eu pensava... Adorei saber disso. *-*
    Com certeza está na minha lista de desejados.

    Beijocas, querida.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oi Cida... Sua resenha retrata bem o que a sinopse do livro havia me passado. Bom, leve, divertido… que com certeza daria uma ótima comédia, talvez, não tão romântica! hehehehehe Fiquei com vontade de ler… com certeza uma leitura para abstrair! Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Oi Cida!
    Já sei que preciso ler esse livro! Parece ser ótimo.
    Também ainda não li nem ao menos um livro dessa autora tão conhecida e elogiada, mas já tenho "Fiquei com o Seu Número" e pretendo lê-lo logo logo.
    Acho que a parte da reviravolta, além de ser muito importante, deve ser realmente algo bastante interessante de acompanhar nas personagens.
    Espero gostar muito assim como você. (:
    Parabéns pela resenha!
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  21. Não achei esse livro grande coisa.....E na verdade, ao longo da leitura, fui ficando cada vez mais indignada.....Os protagonistas são personagens fracos, idiotas, passivos. Além disso, achei Milly bem burrinha e já não aguentava a falta de maturidade de Simon.....A mãe de Milly era de uma futilidade ímpar.....E as coisas só pioram quando Allan, sua família e amigos entram na história, com seu preconceito exacerbado e fanático... Acho que o personagem de Allan teve o pior fim possível, com quase nenhum amadurecimento....

    ResponderExcluir
  22. Oie amiga
    Parabéns pela resenha.
    Eu já li o livro é gostei muito.
    Achei a protagonista, Milly, muito hilária e engraçada. Agora, não gostei muito do Simon não. Achei ele muito superficial.
    Beijos

    Jéssica R.
    Leitora Sempre
    http://leitorasempre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. Esse romance parece ser muito bonito... Quero muito ler...

    ResponderExcluir
  24. Nossa, esse livro deve ser muito bom.
    Gostei da resenha.
    abraços
    palavrapequenas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Oi, Cida! Preciso ler algo da Sophie Kinsella urgentemente. Só vejo elogios sobre os livros da autora, e tenho certeza que são livros que gostarei, pois adoro um bom romance. Sua resenha é a primeira que leio sobre o novo livro da autora e confesso que fiquei bem curiosa quanto a trama. Parece ser ótimo!

    Beijos, Leitura da Vez!

    ResponderExcluir
  26. Oi Cida,
    Nossa que resenha hein, já tinha lido uma resenha e fiquei bem curiosa por esse livro, eu imaginava uma história um pouco diferente, esse já é um do meus livros desejados para o próximo mês.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  27. Oi Cida,

    Li uma resenha desse livro há pouco tempo e, assim como a sua, me deixaram morrendo de vontade de ler! Nunca li nenhum livro dela, nem mesmo como Sophie Kinsella, mas tenho muitos na minha wishlist.

    Beijos, Bianca
    http://behindenemyline8.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Olá :3

    Esse livro me fez lembrar do filme A Proposta, mas só que o livro é bem mais desenvolvido - pelo que percebi na resenha. E é um tema totalmente diferente de tudo que li, então ele está na minha wishlist!

    Ótima resenha Cida!

    Beijos,
    Nathália
    Livroterapias

    ResponderExcluir
  29. Eu particularmente não vi muita divulgação deste livro, então quando vi a capa e o titulo, imaginei algo totalmente diferente do que vc descreveu na resenha. Posso dizer que fiquei curiosa por esta história, e principalmente p saber como a protagonista resolveu esse 'probleminha de ultima hora'...hahaha. Já foi p minha listinha.

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Oi Cida,
    Não sabia que Sophia Kinsella era um nome fictício. Gosto de livros que nos surpreendem e este parece que é deste tipo. É ótimo vermos o amadurecimento das personagens. Fiquei super curiosa para ler o livro.
    bjs

    http://entrepaginasesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Fiquei com vontade de ler. Parece uma história interessante. gosto de ver personagens amadurecendo.
    Tenho muita vontade de ler algo da autora, seja com o nome real ou com o pseudônimo.

    Beijos,
    Carissa
    www.carissavieira

    ResponderExcluir
  32. Bom dia Cida,

    Pela sua resenha vemos que esse livro é muito bom e vale a leitura...dica anotada...abraços.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  33. O livro me lembrou um boa comedia romântica da sessão da tarde, que e sempre cheia de reviravoltas e estórias paralelas.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  34. Ownnn
    Que fofo!
    Docinho! Kinsella é tudo e sei que vou adorar esse romance.
    Bjus

    ResponderExcluir
  35. Muito boa a resenha, adorei. To louca por esse livro, deve ser maravilhoso.

    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  36. Oi Cida, muito boa sua resenha, você falou dos personagens, características, dos problemas em si, que giram em torno da trama, não só do casal central, Não costumo dizer "amei sua resenha" pois a meu ver isso não é argumento, mas dessa vez, me perdoe mas AMEI SUA RESENHA! Se todas fossem assim, ainda mais com essa reflexão no penúltimo paragrafo.. só aumentou minha vontade de ler o livro.

    Bjo
    Bye da Pah
    Livros Estrelas

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!