{Resenha} Desejo à Meia -Noite

Desejo à Meia Noite
Título Original: Mine Till Midnight
Autor(a): Lisa Kleypas
Editora:  Arqueiro      Páginas: 272
Lançamento: 2013      ISBN:  9788580411492




Após sofrer uma decepção amorosa, Amelia Hathaway perdeu as esperanças de se casar. Desde a morte dos pais, ela se dedica exclusivamente a cuidar dos quatro irmãos – uma tarefa nada fácil, sobretudo porque Leo, o mais velho, anda desperdiçando dinheiro com mulheres, jogos e bebida. Certa noite, quando sai em busca de Leo pelos redutos boêmios de Londres, Amelia conhece Cam Rohan. Meio cigano, meio irlandês, Rohan é um homem difícil de se definir e, embora tenha ficado muito rico, nunca se acostumou com a vida na sociedade londrina. Apesar de não conseguirem esconder a imediata atração que sentem, Rohan e Amelia ficam aliviados com a perspectiva de nunca mais se encontrarem. Mas parece que o destino já traçou outros planos.
Desejo à Meia - Noite faz parte de mais uma das séries de Romances de Época da Editora Arqueiro, desta vez  vamos conhecer o primeiro livro da série Os Hathaways, de Lisa Kleypas. Cada livro será sobre um dos irmão desta família, Leo, Amelia, Poppy, Bea e Win. 

Inglaterra, 1848, a protagonista da vez é Amelia, que aos 26 anos, decidiu ser mesmo uma solteirona e cuidar apenas dos irmãos. Seus pais morreram, não deixaram dinheiro e para todos só resta viver da renda oriunda do título de nobreza que o irmão Leo herdou, junto com uma casa em Hampshire, prestes a desabar.

Mas quem disse que tudo o que planejamos dá certo. A jovem carrega nas costas um irmão depressivo e com vontade de morrer, Leo, que depois de perder a noiva, não quer nada com nada, vive jogando e bebendo até cair, e a pobre irmã vive resgatando ele dos piores antros. Numa destas empreitadas conhece o charmoso cigano Cam, que veio para mudar a vida de Amelia. No começo Cam acha que é só atração, mas logo percebe que sente algo mais pela dama, e agora precisa convencê-la a casar-se com ele.

Narrado em terceira pessoa, este livro no leva ao mundo dos Hathaways, conhecemos a família e suas peculiaridades. São pessoas divertidas, e que fogem dos padrões da sociedade, eles, embora tenham tido uma vida boa, não receberam a educação certa para frequentar a sociedade, são excêntricos e dados à vexames. O cenário antigo, é delicioso, os campos ingleses, as casas de família e as tradições de uma época tão distante.

A narrativa de Lisa é bem detalhista, ela dá extrema importância em ambientar o leitor, seja uma sala, ou um campo sob a luz das estrelas, ela nos fornece todos os elementos para ver o local e sentir-se parte dele. Em relação ao seus diálogos são bem humorados e dinâmicos, dando nos uma leitura fluida.

Os personagens, são bem construídos, suas personalidades são bem delineadas e formamos bem a ideia de como são. Amelia, mostra-se uma rocha, teimosa, durona, mas no fundo acredito que tudo não passa de medo, como sua decisão de ficar solteira, acredito que após ter sido abandonada pelo noivo, ela tenha medo de confiar em alguém novamente e a desculpa de cuidar da família lhe protege. Falando em família, mesmo eles não sendo o foco da vez, são bem apresentados e já dá para escolher nossos favoritos ou não. Eu particularmente gostei de Win e Poppy, irmãs de Amelia e detestei Leo, muito irresponsável, grosseiro e infantil, não há sofrimento que justifique falta de maturidade. Claro que Amelia contribuiu e muito para isso, sua proteção excessiva em relação à ele e a irmã Bea, me deixaram bem descontente.

O par de Amelia é Cam, um mestiço cigano-irlândes, achei diferente o galã ser um cigano, principalmente por ser um cigano rico e frequentador da sociedade, pois sempre que penso em pessoas deste povo, vejo nômades e leitura de mãos. Mas ele traz para a história parte de sua cultura, inclusive luta muito contra seus princípios antes de aceitar que ama Amelia. Ponto positivo para a abordagem da cultura cigana, sua magia e seus costumes, muito bem trabalhados e inseridos na trama

Ambos são teimosos, fogem tanto um do outro, tentando evitar o inevitável, que só dão um tempero especial ao que está por vir. O que apreciei em Cam foi a maneira como tentou abrir os olhos de Amelia  em relação ao tratamento protetor e dedicado que ela dispensava à família, sempre ficando em segundo plano.

Em meio ao romance, a autora ainda mostrou o preconceito que havia em relação aos ciganos e a união entre as raças, Amelia caso aceitasse casar-se com Cam, poderia manchar sua reputação. Parece tolice hoje, mas naquela época era muito sério. 

Eu dei boas risadas com toda a família, a situação deles é crítica, mas o bom humor inserido na trama tira todo o ar de tragédia, e nos traz um clima cômico. Ainda temos aliado a tudo isso um mistério, já que o ex de Amelia, anda rondando a casa da família cheio de segundas intenções. Opa! Temos também um toque sobrenatural que foi uma surpresa em todo o contexto, eu sinceramente não esperava por isso.

Perdi o fôlego com os encontros de Amelia e Cam, tórridos e quentes, a senhorita não era nada recatada para sua época, no entanto eu senti falta de mais sentimentos, ao meu ver, existia mais atração, do que amor entre eles. Acho que foi este fator que não me deixou ficar conectada ao casal, fiquei muito mais apegada a família em si, e torcendo por Win e... Este á assunto do próximo livro.

No entanto o fascínio que esta época causa em mim é suficiente para não largar o livro e terminar a leitura com um sorriso bobo, mesmo não tendo me apegado ao casal, a trama conseguiu me agradar muito e estou ansiosa por mais Hathaways em minha vida. 








2leep.com

25 comentários:

  1. Oi Cida,
    adorei!! estou mto curiosa para ler esse livro, adoro romances de época e se tem uma pitada de humor então eu vou adorar!!!

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Cida!
    Esse é o único livro dos romances de época da Arqueiro já lançados que ainda não li. Estou bem curiosa porque acho muito legal quando há ciganos na história, parece que eles trazem um charme a mais para o enredo. Adoro! ;)
    Parabéns pela resenha!

    Beijos!

    Rafa {Fascinada por Histórias}

    ResponderExcluir
  3. Oie Cida =)
    é a primeira vez que leio uma resenha desse livro, apesar de já ter visto várias pessoas comentarem sobre ele, gostei da tua resenha, mesmo dizendo que sentiu falta de ler mais amor entre ele, me parece um livro interessante, mas fiquei desanimada em ler pelo fato que se trata de um série e segundo por não ser muito fã de romances épicos,desde que seja bem escrito, e como saberei se é sem ler? rsrsrs
    um dia lerei!

    ResponderExcluir
  4. "ao meu ver, existia mais atração, do que amor entre eles"
    Chegou nessa parte da resenha, eu broxei ;-; HAIEAHIEHUIA Porque é uma pena quando o leitor percebe que o casal é só atração, acho que em livros de romance mesmo, deve ser construído muito bem o casal principal.
    Mas fiquei toda empolgada com a sua resenha, do mocinho ser cigano - já tive experiência de ler um romance com o ciganos no meio, mas não dessa forma. Mesmo com prós e contras, eu estou muito a fim de ler esse livro! *-*

    Beijos,
    Nathália

    Confira nova resenha em Livroterapias

    ResponderExcluir
  5. EStou com esse livro aqui só esperando a vez dele na fila
    Amo romances historicos e esse parece ser fantastico
    Além dessa capa linda

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Cida!
    Estou louca para ler um dos romances históricos da Arqueiro e esse parece ser muito bom!
    Nossa, nem imaginava que esse livro tinha pitadas de humor, e ao saber disso fiquei mais tentada ainda em ler o livro!

    Beeijos,
    iSteh

    ResponderExcluir
  7. Adoro romances épicos e adorei esses lançamentos da arqueiro! Gostei da sua resenha. Legal os personagens serem bem elaborados, como você citou que a autora não deixou a desejar nesse quesito, e também achei interessante a abordagem dos ciganos!! Mesmo não sendo um 5 estrelas, acho que vale a pena conferir esse livro!!

    ResponderExcluir
  8. Livros históricos tem sempre um charme a mais! Acho esse tipo de leitura tão gostoso de ler! Dos livros da Arqueiro desse tema, fiquei encantada por Desejo a Meia noite e O Duque e Eu, pois pelo que estou vendo, será uma leitura prazerosa :)

    Beijos

    Da Imaginação a Escrita

    ResponderExcluir
  9. Oii Cida =DD
    Nossa o que é o Cam meu deus??
    Onde eu acho um cigano que nem ele?? xDD
    AHUAHAUHAUA
    Eu adorei esse livro tbm e as descrições de ambiente e situação da autora são msm mto bem detalhadas e tornou a leitura mto boa!
    Mas eu tbm senti falta do romance em si..pq parecia mais que Amelia e Cam sofriam de atração fatal um pelo outro!
    E aiai a Win vai dar o que falar *-*
    Torcendo por ela =D
    HUAHUA
    Linda sua resenha viiw !
    Bjoos
    http://chacombolacha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Cida, estou LOUCA para ler esse livro!!!!
    Fiquei bem empolgada quando vi os lançamentos da Arqueiro e, por pouco, não solicitei esse 1º (peguei O Duque e eu, que era o que tava mais ansiosa). Não vejo a hora de começar a ler, já que ele tem tudo pra me empolgar. Adoro romances históricos, são sempre os melhores!
    Resenha perfeita!
    Beijos
    http://coisasdemeninasarteiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Todas as resenhas que leio falam muito bem da família da protagonista, e adoro essa coisa de romances que seguem os familiares. Faz algum tempinho que não leio um romance histórico, mas estou com sérios problemas para escolher um desses lançamentos da Arqueiro. hehehe
    Entendo essa coisa de ter mais paixão do que amor entre eles, li um livro assim por esses dias, também acho que fica faltando alguma coisa.

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Cida!
    Suas resenhas como sempre são encantadoras!
    Ah esses romances de época da Arqueiro estão me deixando deprimida de tanta vontade de lê-los.
    Haja dinheiro, né! Pois quero todos! rs
    Eu to encantada com este livro, primeiro pela capa que é linda demais (sim, amo capas), depois pela historia e a sua resenha que me instigou a ler.
    Mais um para minha longa lista de desejados! :)

    Beijokas
    Jaque - Meus livros, meu mundo.

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia o livro, mas fiquei com muita vontade de lê-lo,já estava querendo ler algum romance de época e a sua resenha me deixou bem curiosa.
    Beijos

    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Cida, esses lançamentos históricos da Arqueiro parecem ótimos ;D Pena que faltou sentimento, como você falou, acho que, para mim, isso é essencial em uma história.

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Adorei adorei e Adorei
    Bom eu adoro a Editora Arqueiro, são todos livros gostosos de manusear e ler.
    Eu fiquei curiosa pra ler esse livro, gosto de romances de época, e gostei muito de todo enredo.

    Anotadíssimo para a próxima compra!!

    Bjs

    ResponderExcluir
  16. Estou encantada com a resenha, super curiosa pra saber realmente o desejo que esse livro causa em mim. Esses romances de época da editora estão um charme, estou super curiosa por eles!

    http://clicandolivros.blogspot.com.br/
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  17. Eu amo romances de época, e me interessei muito por esse. E narrado em terceira pessoa só me fez querer mais ainda ler. Mais um para a lista, rs.
    Ótima resenha n.n

    http://nerdicesdeumagarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Cida assim como vc acabei de ler e resenhar esse livro, tbem adorei e concordo com os pontos que vc apresentou. Tbem estou anciosa pelo próximo livro!!!! E as capas dessa série, são fantásticas!!!!!
    Parabéns pela ótima resenha.

    Te espero no Leituras, vida e paixões!!!!!

    ResponderExcluir
  19. Tenho lido comentários bem positivos sobre esse livro, o que me deixa ainda mais curiosa, para conhecer a estória. Além disso, como bônus a capa e linda e o casal protagonista parecem ser bem teimosos, o que deve apimentar ainda mais o enredo.

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oi, Cida!
    Adorei a resenha! Acho a capa desse livro linda, e fiquei bem interessada em ler este livro, pois nunca li nenhum que Romance de Época. O que me desanimou um pouco foi saber que faz parte de uma série, e como sabe, fujo de séries.
    Beijo!
    docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Fiquei boba com a tua resenha hahaha
    Este livro não me chamava atenção até agora. Eu também penso o mesmo de ciganos, hoje mesmo vi uma matéria em um jornal que falava de ciganos atualmente achei tão estranho ainda mais porque falava de ciganos aqui em Brasília e eu nunca vi hahaah enfim!
    O livro parece ser ótimo, e já é de se esperar um romance atordoado como me pareceu esse deles. Também fiquei curiosa quanto a família, já que te chamou tanta atenção.

    Abraços,
    Raquel.

    ResponderExcluir
  22. Oiee

    Que linda sua resenha adorei !!!! Entrou para minha lista de desejados adoro romances....

    Beijos

    Andressa
    http://livrosechocolatequente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oii. Gosto de Romances de época mas ainda não li nenhum desses lançamentos da Editora Arqueiro.tp://
    Adorei sua resenha, me deixou com mas vontade de ler esse livro.

    Beijoss
    http://doceestante.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Oi, Cida!
    Bom, pela sua resenha eu sei que posso esperar um romance de época um tanto reverenciado e diferente. Espero poder ler logo, pois estou vendo muitos elogios diferentes a esse livro. E quem sabe, ler a série toda né rsrsrs
    Beijos
    Descobrindolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. Oi Cida!
    Também curti bastante a narrativa da Lisa Kleypas e a forma como ela ambientaliza a trama. Achei o Cam super romântico e a Amélia bastante cabeça dura! E aquele trechinho do próximo livro no final me deixou realmente salivando ;)
    Beijos... Elis Culceag.
    * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!