{Resenha} Marina

Marina
Título Original: Marina
Autor(a): Carlos Ruiz Zafón
Editora:  Suma de Letras      Páginas: 192
Lançamento: 2011       ISBN: 9788581050164                        Compare Preços

Em Marina, o leitor é tragado para dentro de uma investigação cheia de mistérios, conhecendo, a cada capítulo, novas pistas e personagens de uma intrincada história sobre um imigrante de Praga que fez fama e fortuna em Barcelona e teve com sua bela esposa um fim trágico. Ou pelo menos é o que todos imaginam que tenha acontecido, a não ser por Óscar e Marina, que vão correr em busca da verdade - antes  de saber que é ela que vai ao encontro deles, como declara um dos complexos personagens do livro.
Meu primeiro livo de Zafón. Depois de tantos elogios à este escritor eu resolvi conhecer sua obra. Entre as que possuo, escolhi Marina, confesso que foi devido à frase da capa, que despertou  muito minha curiosidade.

"Todos temos um segredo trancado a sete chaves no sotão da alma. Este é o meu."

Óscar Drai é estudante de um internato em Barcelona, todos os dias ao final das aulas, antes do horário do jantar, ele dá um passeio pelas ruas da cidade. Sem destino certo, ele se diverte olhando as antigos casarões, alguns ainda habitados, outros totalmente abandonados, mas que carregam em si a história daquele lugar.

Em um de seus passeios, ele segue por um caminho nunca antes visitado, encontrando assim um antigo casarão que parece estar abandonado, mas o som de uma bela música mostra que ali vive alguém. Praticamente hipnotizado, ele segue o som e entra na casa. O interesse do menino é despertado por um antigo relógio de ouro que repousa em um móvel, ao pegar o objeto ele é surpreendido pela presença do dono da casa, o susto é tamanho que Óscar sai correndo, levando o relógio consigo.

Nosso rapaz não é um ladrão, assim alguns dias depois ele resolve devolver o relógio, não imaginando que naquele dia encontraria alguém que seria muito especial em sua vida. Óscar conhece Marina.

Que delícia é este encontro. Marina uma menina sagaz, de tenacidade ímpar, desafia Óscar com suas palavras. Ele encantado com a beleza e singeleza da menina, fica totalmente atrapalhado, nos proporcionado momentos muito divertidos.

Marina convida Óscar para um passeio, ambos vão para um cemitério, onde a aparição de uma mulher vestida de negro e coberta com um véu, desperta o interesse dos jovens. A senhora visita um túmulo sem nome, marcado com o símbolo de uma borboleta negra.

Intrigados, os jovens seguem a mulher e acabam por descobrir uma estufa com marionetes e pedaços de corpos, um lugar sombrio. Mais do que isso, após este estranho acontecimento, eles vão encontrar uma história triste e dramática, que conduz à várias mortes suspeitas e à um segredo   de quarenta anos atrás que ainda assombra aquela cidade.

Narrado em primeira pessoa por Óscar, este livro nos brinda com uma história fascinante. Misturando um romance sutil, um aterrorizante mistério e drama, Zafón nos leva em uma viagem inesquecível.

Graças a riqueza de detalhes da narrativa, pelos olhos de Óscar vi Barcelona, andei pelas "calles" e conheci esta antiga cidade. Além de detalhista, Zafón é poético em seus textos, eu me pergunto como demorei tanto para ler um de seus livros

Os personagens são complexos e densos, mesmo o livro sendo narrado em primeira pessoa, conseguimos ter uma visão ampla de cada um deles. O lado psicológico é bem marcante.

A amizade dos protagonistas nos transmite a leveza de uma infância travessa, logo enveredando pela doçura do primeiro amor. Seus diálogos mostram nitidamente como Marina diverte -se as custas de Óscar, mas não escondem o carinho que ela nutre por ele.

Ele, um menino criado longe da família, que encontra em Marina e no pai Gérman, uma família. Estes três desenvolvem laços muito fortes, onde o elo mais forte, é a doce menina.

O mistério que faz parte do enredo é bem inacreditável, beira momentos de terror, eu me perguntava se  tudo não era fruto da imaginação do menino. Junto com os jovens, vamos conhecer uma história triste, mórbida e que beira a loucura. Eu imaginei muitas explicações para o que poderia ser, mas nem passei perto.

E completando este enredo, temos o drama, a narrativa que te faz rir, também te faz chorar. Nas últimas partes fui tomada por tamanha emoção, que não consegui segurar as lágrimas. O desfecho escolhido pelo autor é difícil, nos leva a perceber o quanto somos frágeis e vulneráveis, e o mais importante, o quanto uma amizade verdadeira é valiosa.

"... a vida concede a cada um de nós apenas alguns raros momentos de pura felicidade. Às vezes são apenas dias ou semans. Às vezes anos. Tudo depende da sorte de cada um. A lembrança desses momentos nos acompanha para sempre e se transforma num país da memória ao qual tentamos regressar pelo resto de nossas vidas, sem conseguir. Para mim, tais instantes estão enterrados para sempre naquela primeira noite, passeando pela cidade..." 

Óscar e Marina são singelos, doces, inocentes. A pureza de suas vidas encanta, de forma que acabei o livro querendo mais. Não que a história seja corrida, ou acabe sem uma conclusão, em quase 200 páginas o autor conseguiu concluir muito bem a trama, mas a saudade que os personagens deixam, faz o leitor desejar passar mais tempos com eles.

Segundo Zafón, este é seu livro preferido e entendo bem o motivo. Espero que vocês tenham a oportunidade de conhecer Barcelona com Óscar e Marina.

Me ajudem na escolha das leituras. Votem na enquete que está na sidebar.


2leep.com

50 comentários:

  1. Oi, Cida, tudo bem?
    Bom, eu já deixei várias vezes de comprar esse livro em promo, mas depois da sua resenha decidi adicionar ele na listinha de desejos. Eu adoro coisas misteriosas, ainda mai s se envolta num romance delicioso. Só que, em 192 páginas, dá pra ter um desenvolvimento bom? Às vezes gosto de 300 páginas para ser suficientemente bom, sabe? Vou adicionar no skoob,
    Beijos Cida, e espero seu comentário.
    http://descobrindolivros.blogspot.com.br/2013/01/resenha-adormecida.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucas! Eu também gosto de livros maiores, mas Marina não deixa nada a desejar, desenvolve-se bem, o ruim de ser pequeno é que damos adeus muito rápido aos personagens.

      Excluir
  2. TEnho esse livro na minha biblioteca pessoal, e juro que já senti vontades enormes de ler, mas me falaram que não é um livro muito bom. Daí nem senti vontade. E sim você provou o contrário, parece ser um livro bom, ele é bem curtinho acho que vou ler!

    Beijos&Beijoswww.7hings.com.br! Conto com você.. 

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Igor! É um livro muito bem escrito, espero que você goste. Bjos!

      Excluir
  3. Oi Cida, tudo bem?
    Tenho muita vontade de ler os livros dele, em especial esse, e depois da sua resenha fiquei ainda com mais vontade. Parece ser um livro lindo.
    Abraços,
    Amanda Almeida

    ResponderExcluir
  4. Sempre encontro resenhas muito positivas desse livro
    mas até agora não tive oportunidade de ler
    Estou seguindo

    Beijos
    @pocketlibro
    pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Cida!
    Me tornei fã do Zafón desde "O Príncipe da Névoa" e Marina achei muito bom, tenho resenha dele lá no blog, eu encasquetei que Marina fora um amigo imaginário de Óscar rs talvez pelas palavras do autor que diz que esse livro é muito especial pra ele... Enfim excelente resenha.
    Bjs
    http://mundoliterando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcia! Acho que não, acredito que ela tenha sido seu grande amor, mesmo sendo jovens, vai ver foi até por isso, o encanto da juventude deles fez tudo parecer bem mais especial.

      Excluir
  6. Boa noite Cida,


    Esse livro esta na minha lista de espera e pela sua resenha irei gostar muito...parabéns....abçs.



    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/


    ResponderExcluir
  7. Ah... eu tenho muita vontade de ler este livro, já ouvi falar muitíssimo bem dele.
    E agora sua resenha só veio a confirmar isto. Amei a resenha, amiga.

    Beijão!

    Jaque
    Meus livros, meu mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jaque! Ei fui surpreendida mesmo, acho que você irá curtir bastante. Bjos!

      Excluir
  8. oi querida,
    adorei a resenha. Este livro é maravilhoso, não é a toa que o Zafon é um dos meus escritores preferidos. Te indico A Sombra do Vento dele, que pra mim é o melhor.
    boa semana
    :*

    dudsparrow.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Duda! Obrigada pela dica, vou ler sim. Bjos!

      Excluir
  9. Oie Cida,
    não conhecia esse livro, mas achei a capa bem intrigante assim como sua resenha.
    Irei add na minha listinha de desejados.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem bom Vanessa! depois que ler me fala o que achou. Bjos!

      Excluir
  10. Li esse livro porque ganhei e devorei de uma forma maravilhosa. A forma como Zafon escreve é divina.
    Já me falaram que "A Sombra do Vento" que também é dele é ótimo. Pretendo ler.
    Adorei a resenha.
    Beijos

    http://www.vintecincoecontando.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou recebendo várias dicas de livros deles, espero poder ler em breve. Bjos!

      Excluir
  11. Li esse livro porque ganhei e devorei de uma forma maravilhosa. A forma como Zafon escreve é divina.
    Já me falaram que "A Sombra do Vento" que também é dele é ótimo. Pretendo ler.
    Adorei a resenha.
    Beijos

    http://www.vintecincoecontando.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia o livro, mas a resenha me chamou muita atenção! Vou procurá-lo.
    http://paraleloindie.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. parece ser um livro super completo.
    vc ri, vc chora. e tudo mais
    gostei da resenha ^^

    ResponderExcluir
  14. Oi!!!
    Ainda não li nada de Zafón, mas vontade não me falta, e este livro está sendo tão elogiado que me deixa curiosíssima para ler a história. Já tinha lido algumas resenhas do livro, e todos falam o quanto é esplêndido e bom. Agora com a sua resenha, fiquei com vontade de ler, até por que também gosto de um pouco de terror kkkk
    Bjks
    Paty
    http://abajurdepapel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paty! O livro é rapidinho de ler, li em uma tarde, então como você gosta de livros rápidos, este será ótimo.

      Excluir
  15. Oie Cida.
    Eu conhecia os livros de autor,mas ainda não tive oportunidade de ler nenhum.
    Essa a primeira resenha que leio desse livro e fiquei muito feliz sobre conhecer mais a estória.
    Parabéns pela resenha!
    Vou adicionar esse livro na minha listinha de desejados.
    Beijos

    Jéssica Rodrigues
    Leitora Sempre
    http://leitorasempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi Cida!

    Eu adoro esse livro, li ele só porque tem meu nome (hahaha veja só como são minhas escolhas de livros) e me surpreendi bastante, procurei mais livros do autor e todos eles são ótimos! Adoro o modo como o livro acaba, e a amizade deles também é linda (sem palavras aqui).

    Quando tiver oportunidade, leia A sombra do vento e o jogo do anjo (se você não leu) são livros maravilhosos ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, super legal não é. O único que vi com meu nome não gostei. Voltando a este aqui, a amizade é linda mesmo, no final vemos o quanto é sincera;. Obrigada pelas dicas.

      Excluir
  17. Eu preciso ler esse livro!
    Amei a resenha!
    Aumentou a vontade
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias
    http://livroterapias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Ahn, mas eu conheço essa Barcelona, como conheço... Cida, eu simplesmente amo esse autor, já o chamo de mestre Zafón. O primeiro que li, A Sombra do Vento, que descobri por acaso na biblioteca onde trabalho, é MARAVILHOSO. Já ouviu falar do Cemitério dos Livros Esquecidos? Se não, leia esse livro. Depois a continuação é O Prisioneiro do Céu, e depois O Jogo do Anjo. Li Marina também, ri e chorei de subir aquele nó na garganta, principalmente com o desfecho.
    Recomendo 1000x
    ;)

    Bye da Pah
    www.livrosestrelas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pah, você trabalha em uma biblioteca? Que maravilha. Este livro que você citou dos livros esquecidos eu nunca ouvi falar, gostei do nome e vou procurar. Os outros dele eu já tenho, só preciso ler. Bjos1

      Excluir
  19. Marina é um dos melhores livros que li ano passado e um dos melhores que li até hoje.
    Marina e Óscar são encantadores, o pai dela é o máximo e ela engana o Óscar de uma maneira que não deixou uma pista sequer nem para nós, leitores.
    Adorei sua resenha Cida, ficou demais.

    Bjão!

    http://livronasmaos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. German realmente engana bem, até eu acreditei que fosse ele, se é que você entende. Bjos!

      Excluir
  20. Oi Cida!
    Esse é um dos livros que eu ainda quero MUITO ler! Zafón é um dos autores que todo mundo exalta e é exatamente por isso que eu quero tanto ler. :)
    É bom quando um autor consegue fazer tanto em tão poucas páginas, né? Curti.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  21. Não há nada melhor do que um livro que te faz querer mais, é por isso que amo séries. Marina é um livro que se tiver a oportunidade de ler não vou deixar passar.
    Rafa
    Blog Melody
    http://rafaacarvalho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oi, Cida!

    Esta foi a resenha mais linda que eu já li de "Marina". =) Agora é certeza, preciso comprá-lo! haha *-*
    Acho que vou adorar!

    Beijocas, flor.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Não tinha lido nenhuma resenha sobre o livro, gostei muito da sua, a história parece ser realmente muito boa, fiquei muito curiosa e com muita vontade de ler! Nada como um bom mistério...

    Obrigada pelo carinho, beijos! :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  24. Oi Cida, que resenha linda e tocante! Esse livro sempre me pareceu muito triste, mas agora fiquei curiosa, embora tenha a impressão de que iria chorar rios de lágrimas com ele.
    Beijos... Elis Culceag.
    * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  25. Olá Cida!
    Ainda não li nada desse autor. Esses dias quase comprava Marina, mas acabei com outro no lugar. Agora eu me arrependo.
    Preciso ler Zafon, urgentemente! Gostei bastante da resenha!

    Lucas / Era uma vez...

    ResponderExcluir
  26. Cida :D

    Eu morro de vontade de ler esse livro! Já estive para comprar tantas vezes, mas acabei sempre optando por outro...
    Não quero mais! Será minha compra certa!
    Acho a capa fantástica! Linda e misteriosa!

    Com certeza esse será uma das minhs leituras de 2013!

    Beijos
    Pri
    Baú de Histórias

    ResponderExcluir
  27. OI Cida, como vai?
    Eu ainda não conhecia este livro, mas fiquei bem curiosa pela sua resenha. Não sou muito de ler histórias com tanto suspense assim, mas gostaria de ler esse livro sim!!

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Cidaa, que ótima resenha!!!
    Eu me apaixonei por esse livro, para mim foi um dos melhores de 2012, achei um suspense maravilhoso, eu também terminei o livro querendo mais e gostei muito dos personagens!!

    Um beijão
    Lara - Magia Literária

    ResponderExcluir
  29. Oi flor,
    Comprei esse livro já tem alguns dias e confesso que minha curiosidade só aumenta a cada resenha que leio.
    Adoro um suspense e amo quando lermos algum livro e fico com um dor no coração querendo um pouco da história, com uma certa saudades dos personagens ^^
    beijos
    http://marifriend.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Oie Cida
    eu meio que me apaixonei pelo Záfon lendo O prisioneiro do Céu, e decidi devorar todas as suas obras, e uma das que está na minha estante é justamente Marina. Ler sua resenha só aumentou a minha curiosidade, pois adoro um mistério beirando o terror, estou precisando de uma leitura assim!! E os personagens de Záfon sempre me conquistam.
    bjos

    ResponderExcluir
  31. Oi Cida, tudo bem?
    Nunca li nada do autor e preciso dizer que fiquei apaixonada por Marina. A frase da capa também me instigou, e sua resenha contou a história de uma forma que me deixou com gostinho de quero mais. Provavelmente comprarei em breve hahaha :D
    Beijos, Carol - Le-Rêveur ♥

    ResponderExcluir
  32. Nunca li um livro do Zafón, mas agora essa resenha me despertou um interesse. Parece que ele mistura várias coisas em uma só, e eu sinceramente, acho isso maravilhoso.

    Beijos, Lari
    http://www.bagacodelaranja.com

    ResponderExcluir
  33. Bacana sua resenha, despertou meu interesse pelo livro.

    ResponderExcluir
  34. Pela resenha o livro parece interessante, já está na lista de compras.

    ResponderExcluir
  35. A história parece muito interessante. Essa frase realmente chama atenção. Parece até aquelas coisas que se dizem no início de um capítulo só pra prender a gente...
    ~Blog~ | fanpagerwitter

    ResponderExcluir
  36. Sou suspeita em falar de Zafón, tenho Marina e A Sombra do Vento edição nacional e a original em espanhol. Nem comento muito.
    O Universo que Zafón cria em seus personagem é maravilhoso..
    LEIA... A Sombra do Vento e apaixone-se ♥

    ResponderExcluir
  37. O único livro que li de Zafón foi Marina, e confesso que não achei tão bom assim, talvez por ter muito suspense... esse é o meu fraco.
    Preciso ler outra obra do autor pra ter uma opinião mais concreta sobre sua escrita.


    Beijos
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  38. Foi o primeiro livro que li do Zafon e foi amor a primeira linha, como me encantei pela escrita e por sua capacidade de detalhar sem ser massante , foi a melhor descoberta para mim nos últimos anos , não sou muito de leituras infanto juvenis e autores que não usam a escrita de forma polida, sou das antigas, de Machado e Eça e autores que sabiam valsar na escrita de forma esplendida e Zafon é o autor do ano para mim , já devorei todos os livros dele e aguardo ansiosa suas novidades !

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!