[Resenha] A Magia da Raposa

A Magia da Raposa
Título Original: The Taken (Foxcraft #1)
Autor(a): Inbali Iserles    
Editora: Rocco Jovens Leitores            Páginas: 272
Lançamento: 2017                               ISBN:9788579802959
 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
Destemidas, solitárias, trapaceiras, pouco confiáveis... Seja em fábulas ou ditos populares, o imaginário coletivo não tem sido muito generoso com as raposas. A inglesa Inbali Iserles, uma autora premiada e apaixonada por animais, convida os leitores a conhecer melhor esses seres incríveis com a série Foxcraft, uma emocionante trilogia de fantasia protagonizada por uma raposa filhote. Isla vive nos limites das terras dos sem-pelo (os humanos) e está começando a desenvolver suas habilidades. Um dia, ao retornar para sua toca, ela está em chamas e cercada por raposas estranhas. E sua família não está em lugar nenhum. Forçada a fugir, Isla escapa para o frio e cinza mundo dos sem-pelo e é caçada por um inimigo cruel. Para sobreviver e encontrar sua família, Isla precisará dominar a antiga arte das raposas – poderes mágicos conhecidos apenas por elas – e desvendar os segredos da Foxcraft.

A Magia da Raposa é o primeiro volume da trilogia Foxcraft, de Inbali Iserles, publicada no Brasil pela Editora Rocco (selo Jovens Leitores). Nesta saga vamos conhecer um mundo de magia e muitos perigos de maneira peculiar, já que a protagonista não é um ser humano e sim uma pequena raposa de nome Isla. Desta forma o que temos não é uma visão de mundo como a nossa, na verdade vamos ver nosso mundo pelo olhos de um animal.

A cidade grande é o Grande Grunhido, os homens são os sem-pelo, os carros os esmagadores e as ruas e avenidas canais da morte. Isso é só uma amostra do vocabulário das raposas para se referir ao que as cerca, então estejam preparados para aprender novidades com Isla.

A pequena raposa filhote vivia com os pais, a avó e o irmão tranquilamente até o dia que sua toca foi atacada e quando ela chegou lá todos haviam desparecido. Um grupo de raposas bem assustador quase a pegou também, mas Isla conseguiu fugir e começou a vagar em busca de pistas que a fizessem encontrar os parentes.

Nesta jornada ela teve que aprender a caçar sozinha, sobreviver e despistar vários inimigos naturais e outros nem tanto. Conheceu então Siffrin uma criatura que assumia várias formas e queria encontrar o irmão da raposinha tanto quanto ela. A principio Isla não confiou neste estranho, mas se viu obrigada a segui-lo para manter-se viva e fugir daquelas raposas assustadoras que queriam capturá-la. Qual a razão desta caçada? Qual o interesse de Siffrin em seu irmão e mais tarde nela? Onde estava a família de Isla?

Para ter as respostas para boa parte destas perguntas vamos ter que seguir com Isla e, posso dizer, que emoções não vão faltar nesta jornada. A filhote vai passar por poucas e boas em sua busca e não pode confiar em ninguém, já que algo misterioso está no ar e ela tem certeza que estão mentindo sobre tudo que a cerca.

Siffrin é um enigma e não dá para saber se é sincero ou apenas luta por seus interesses, a única vantagem para Isla em estar com ele é a de descobrir sobre o legado ancestral das raposas e sobre a magia que as mesmas podem dominar, a Foxcraft.

Raposas com magia com certeza foi algo diferente que encontrei na trama, assim como todo o universo de intrigas no qual elas vivem. O mundo humano é apenas pano de fundo e foi a primeira vez que li uma história onde o reino animal se desvinculou totalmente. Sim! Eu já li outros livros com personagens animais que tinham intelecto e a própria sociedade até mais organizada que a humana, mas sempre havia um de nós ali para completar o cenário e desta vez isso não ocorreu, temos apenas os animais.

Isla é uma raposinha criança que sente imensa falta da família e precisa amadurecer antes da hora quando se vê sozinha. É uma filhote meiga, delicada e criada para ganhar o coração do leitor. Dá uma vontade de apertar esta coisa fofa !  No entanto, não pensem que Isla é fraca, nem de longe. É corajosa e destemida e não teme nada em busca dos que ama. Pelos olhos desta raposinha tive uma visão diferente de nosso mundo e de nossa sociedade, ela em sua busca não deixa de questionar a vida humana e como muitas vezes somos mais selvagens que os animais. Acho que depois deste livro nunca mais verei um zoológico com os mesmos olhos.

Neste volume inicial a autora nos apresenta um universo animal inovador com magia, intrigas e enigmas que precisam ser desvendados. Tivemos alguma respostas, mas ainda há muito pela frente para ser descoberto e Isla apenas começou suas aventuras. O mundo da raposas está sob for ameaça e ela, pelo visto, será uma peça importante para salvá-lo de um grande inimigo.

Uma série que com certeza vai agradar leitores de todas as idades, mas é mais indicada para o jovem leitor que deseja uma fantasia juvenil, mas que já está desenvolvendo uma visão mais crítica de mundo.  




2leep.com

14 comentários:

  1. Oi, Cida!
    Gente, que tudo! Eu nunca imaginei que a história seria assim.
    Realmente na maioria das histórias, tem sempre um humano ali no meio pra cumprir a cota. Adorei que aqui tudo é focado nos animais.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  2. Oioi bonita!

    Adorei a resenha! Não é muito meu estilo esses tipos de livros, que envolve animais e etc hahaha, mas ele parece ser ótimo!

    Beijão
    www.cretinaliteraria.com

    ResponderExcluir
  3. Eu já tinha ouvido falar da série, parece ser realmente uma graça! Ideal para despertar o gosto da leitura nos pequenos!

    Um beijo! Não Me Mande Flores

    ResponderExcluir
  4. Olá, Cida.
    Eu achei a capa do livro linda e isso de ser protagonizado por um animal, é inédito para mim. Mas não sei se leria exatamente por essa ausência total de humanos. Mas pode ser que mais para frente eu mude de ideia.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Oi Cida, sua linda, tudo bem?
    Comentei mais cedo, mas meu comentário não ficou registrado. Eu lembro que assim que vi o lançamento desse livro, eu adorei a capa e coloquei na minha lista. Eu também nunca li nenhum livro em um livro em que só temos como personagens os animais. Achei bem diferente o autora explorar a visão que eles têm do mundo e inclusive esse vocabulário para se referir a nós e a tudo o que está ao redor deles. Estou curiosa para descobrir porque essa raposa tem interesse no irmão dele. Não vejo a hora de ler. Sua resenha ficou ótima!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Adoreeei! Vemos muitos desenhos com o ponto de vista dos animais, mas pouquíssimos livros narrados dessa forma, então fiquei super curiosa pra conhecer mais da história da nossa raposa protagonista!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá Cida, adorei esse livro, achei bem interessante, adoro historias com animais.
    Com certeza vou querer ler depois.
    Beijos :**

    Literatura Por Amoro

    ResponderExcluir
  8. Oi Cida!
    Esse livro chamou minha atenção exatamente por esse diferencial. Nunca li nada parecido e seria legal ouvir a história e ver o mundo pelos olhos de uma raposa.
    Acho que vou gostar e com certeza é um livro para qualquer idade.
    Beijokas
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  9. Tenho 26 mas amoooo um juvenil.
    Essa capa é a coisa mais lindaaaaaaaa!!
    E eu tô louca pra ler, mas não sabia que era trilogia! Rs
    Com certeza eu vou ler!!

    Literatura Estrangeira

    ResponderExcluir
  10. Oi Cida,
    Achei bacana o fato de termos uma visão totalmente diferente, por ser um animal e não um humano.
    Isso me fez ficar interessada pela história.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Cida,
    Ainda não li nenhum livro que fosse protagonizado por um animal, por isso achei a trama interessante. Quero conferir no futuro.

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oie Cida =)

    Eu estou apaixonada por essa capa desde que ela foi divulgada, mas estava com dúvidas entre ler ou não o livro. Depois dessa sua resenha esse é mais um que vai para minha lista de desejados *-*

    A história parece ser tão fofa!

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  13. que bacana, eu ainda não conhecia esse enredo, mas fiquei super interessada... é uma trama diferenciada!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!