[Resenha] O Recruta

O Recruta
Título Original: The Recruit (Cherub #1)
Autor(a): Robert Muchamore
Editora: Fundamento         Páginas: 296
Lançamento: 2011             ISBN: 9788576769408
capa_cherub_1 ||Compre||     ||Skoob||  ||Goodreads||
CHERUB é uma agência de espionagem. Seus agentes têm entre 10 e 17 anos e costumam passar despercebidos no mundo dos adultos, que não veem uma criança ou adolescente como ameaça. Oficialmente, esses agentes não existem. Mesmo para um adolescente, a rotina de James Choke era conturbada até demais - ele nunca procurava confusão, mas estava sempre metido em uma. E as coisas só pioraram quando a mãe do garoto morreu no mesmo dia em que ele foi expulso da escola depois de uma briga com uma colega de classe. James foi mandado para uma instituição para órfãos, onde encontra garotos com histórias ainda piores que as dele e que invariavelmente sairiam dali direto para uma curta e tensa vida de crimes. Quando pensou que nada poderia mudar seu destino, James foi surpreendido com um convite para tornar-se um agente da CHERUB.
Quem aí quer ser espião?

Eu acredito que não fui a única que quando criança quis ser espiã, depois quando mais velha caí de amores pelos filmes e livros de 007- James Bond e até hoje não deixo passar uma boa história do gênero, fazia tempo que queria ler O Recruta, primeiro livro da série de doze livros, Cherub de Robert Muchamore, publicada no Brasil pela Editora Fundamento, e posso dizer que me arrependi de não ter lido antes.

Em O Recruta conhecemos James Choke, um garoto que adora se meter em confusão, mas vamos levar em consideração que sua criação motivava isso, filho de uma ladra e vivendo nos luxos do “trabalho” da mãe, o garoto não cresceu em um ambiente de moral e bons costumes, seus conceitos de certo e errado são discutíveis e nada comuns. Quando a mãe de James morre, ele é levado para uma instituição de menores órfãos, se mete em mais confusão e acaba indo parar nas mãos do Cherub, uma organização surgida durante a Segunda Guerra Mundial, que recruta jovens de 10 a 18 anos como agentes. Ali, James tem escolha, a oportunidade de dar um rumo à sua vida ou viver arrumando encrenca e acabar na cadeia. Ele aceita, já que encrenca ele sempre vai arrumar, mas pelo menos agora com um bom propósito.

O que você vai encontrar em O Recruta?

Primeiro, uma narrativa em terceira pessoa ágil, com detalhes na medida certa e uma linguagem jovial, descontraída, fluida e cativante, que te faz perder a noção das páginas passando, quando percebe, acabou. Não é um texto corrido, nem tampouco lento, e traz muito conteúdo, acontece tanta coisa nesta história em menos de trezentas páginas, que você nem acredita que é só o primeiro livro.

Segundo, é imprevisível. O gostoso desta leitura é ir se surpreendendo a cada capítulo, não li a sinopse e por isso não sabia onde iria chegar, então fico feliz por não saber nada e ter tido muitas surpresas. Na metade do livro a vida do protagonista tinha dado um giro de 360º e ele já tinha passado por situações bem complicadas, ele pode ser jovem com apenas 12 anos, mas não é poupado de nada e você acaba esquecendo que ele é tão menino ainda, assim como os demais que fazem parte de Cherub. A trama não é nada infantil, é inteligente e muito divertida, leitores de todas as idades vão apreciar a leitura, é aquele tipo de livro que recomendo para todos que curtem histórias de ação.

Terceiro, os personagens. Além desta história bem estruturada, temos personagens encantadores e muito gente boa. Sabe aquela turma que te cativa pelo bom caráter, sinceridade, lealdade e simpatia? Pois é, James inicialmente pode até passar a ideia de um delinquente juvenil, mas ele é um menino que quer chamar atenção e não foi bem orientado, no entanto, seu coração é grande, as cenas que retratam sua relação com a irmã caçula Lauren são lindas demais. E claro que ele não vai ser o garoto sem rumo para sempre, James evolui como pessoa e personagem no decorrer da trama, se você gostar dele no começo, no final vai estar amando este garoto destemido. E não só James se destaca, toda a turma de Cherub agrada.

Foi uma leitura muito gostosa, como eu disse me arrependi de não ter começado a série antes, eu sei que são muitos livros, mas se os demais mantiverem este ritmo, vale a pena investir. O final é fechado, o que fica em aberto para seguir adiante é a carreira de James no Cherub, como ele vai se sair depois desta fase inicial e de colocar sua vida nos eixos. Eu espero ler em breve, pois este menino tornou-se um dos meus personagens queridos, cheio de coragem e impetuoso, mas ainda, uma criança que precisa ser cuidada e muito amada.








2leep.com

21 comentários:

  1. Olá, gostei da resenha. Eu quero ler esse livro há algum tempo, mas temo por causa das minhas expectativas, fico esperando um Pequenos Espiões. Bjs
    http://charlottebillman.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia e achei minha cara!!
    Adorei!! Leve e divertido. Do jeitinho que eu gosto!!
    Valeu muito a dica!

    Bjks

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Cida!
    Eu adorava brincar de espiã/ agente secreta quando criança! Esse livro parece ser uma ótima maneira de voltar a essa época.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida,
    Eu li um livro sobre espionagem á pouco tempo e apesar de ter gostado ainda prefiro esse tema em filmes. Não sei se leria “O Recruta”, mas o fato da trama ser fluida e os personagens serem cativantes, já é um ponto positivo.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. as melhores resenhas são aquelas que passam os sentimentos! muito interessante e assim como você eu ja quis ser espiã e acho que até hj sou meio xereta, esse livro ia ser bem bacana!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. cara isso me lembra mt pequenos espiões e a ideia não me agrada, mas pela resenha a história parece ser legal.

    ResponderExcluir
  7. Olha que lendo a sinopse eu pensava que era uma coisa e lendo a resenha vi que era outra! rs Não imaginava que fosse um livro de de leitura jovial e descontraída! Acho que não devemos julgar só plea sinopse tb! Achei mega interessante a questão da importante dos adolescentes que muitas vezes são tratados como crianças e nem sempre possuem a devida atenção que merecem! Gostei! E adorei a resenha!

    Bjs, Michele

    ResponderExcluir
  8. Oi Cida,
    Saudades de passar por aqui.
    Doze livros? :0. Só isso já me desanimou hahha
    Porém, a história deve ser bem interessante, envolvente e eu daria uma chance ao livro.
    bjs

    http://entrepaginasesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Heey!

    Também adoro livros de espiões. Esse mundo é tão incrível e emocionante! Gostei de você falar que acontece muita coisa, normalmente nesses livros que abrem série é tudo tão introdutório, que você fica pedindo por mais ação. Graças a Deus é diferente nesse. Quando for ler não vou olhar a sinopse então também, assim me surpreenderei tanto quanto você.

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda! Não é aquele livro que fica só na introdução, eu até me surpreendi por ver o protagonista atuando na Cherub tão rápido.

      Excluir
  10. Oi Cida..
    Ainda não tinha ouvido falar do livro. Parece ser bacana, não lembro de ter lido nada sobre espionagem.
    Mas quando pequena eu não queria ser espiã não..rs
    Que bom que gostou, o livro parece ser bom e os personagens cativantes.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. oie Cida
    essa capa me lembra muito uma outra capa de uma série da record. Enfim, amo tramas sobre espionagens, ainda mais quando os protagonistas são jovens. Já quero.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  12. Achei ele bom acho que vale 5 estrelas . Achei o personagem rebelde . Mesmo que ele nao procura confussao parece que ela vem ate ele como o vento ! Que ironia !!

    Blog Maluco ///// http://b-maluco.tk/

    ResponderExcluir
  13. Oie Cida =)

    Sempre leio resenhas positivas desse livro, e o fato de eu gostar bastante de livros de espionagem, me deixa bem curiosa. Mas sempre que penso que é uma série com doze livros fico desanimada em começar a leitura rs...

    Ótima resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  14. Oi
    Deve ser bem interessante essa história, me fez lembrar um pouco do seriado Verônica Mars, que ela é uma adolescente que trabalha junto com o pai na empresa dele de investigação.

    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  15. Oi Cida!
    O sonho da minha vida, quando era criança, era ser agente secreto. kkkkkkkkkk Acho que vem daí o meu gosto por livros policiais e cheios de investigações.
    Gostei do enredo da história. É diferente do que estou acostumada a ler e parece ser bem envolvente. Fiquei curiosa para conhecer história do James. Já tive alunos com um histórico nada legal, mas que no fundo agiam daquela forma só para chamar atenção.
    Só não gostei de saber da quantidade de livros. É livro demais, assim meu bolso abre falência. rs
    Beijos
    Coisas de Meninas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Neyla! O Kames age como muitos meninos que não recebem uma boa orientação, o bom é que na vida dele aparece a Cherub, que bom seria se acontecesse o mesmo por aí.

      Excluir
  16. Oi Cida!
    Não me lembro se eu já li algum livro sobre espiões, se li foi há muito tempo, mas gostava de brincar de espiã com meu amigos, tinha um rádio e até uns disfarces haha.
    Me interessei por "O Recruta", amo tramas imprevisíveis. Fiquei curiosa para conhecer James, ele deve ser um personagem muito adorável! Fico feliz que o final na história seja fechado mesmo fazendo parte de uma série!
    Beijos... Samantha Culceag.
    Só pra Menores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sa! Voce era uma espiã bem preparada, eu não chegava nem a ter equipamentos, só imaginação. Bjos!!!

      Excluir
  17. Gostei da resenha, leve e com pitada de comédia é meu estilo. Adoro séries assim, fundamento me ganhando novamente.

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!