[Resenha] Quero Ser Seu

Quero Ser Seu 
Título Original: Let Me Be the One (The Sullivans #6)
Autor(a): Bella Andre
Editora: Novo Conceito      Páginas: 288
Lançamento: 2013      ISBN: 9788581632827
9788581632827_baixa.jpg.170x230_q85_crop
Ryan Sullivan sempre gostou muito de Vicki, a quem conheceu na adolescência, quando ela lhe salvou a vida: no estacionamento da escola, um carro desgovernado só não o atropelou porque Vicki o empurrou para longe. Desde então, eles se tornaram melhores amigos — pelo menos, melhores amigos até onde um homem e uma mulher lindos e sedutores conseguem ser... O tempo passou, Vicki casou-se e se separou, e Ryan seguiu sua vida de solteiro. Até o dia em que Vicki pediu-lhe um favor: será que Ryan poderia fazer as vezes de seu namorado para afastá-la de um homem mal-intencionado e pegajoso? Ryan não negaria esse favor a sua amiga, de forma alguma... Não só pelo carinho que nutre por ela, mas também por uma característica de sua personalidade: Ryan faz o tipo protetor (o tipo de homem com que toda mulher sonha em algum momento da vida). Agora, depois de brincarem de namorados, será que os dois conseguirão manter a amizade de sempre?
No sexto livro da série Os Sullivans a autora Bella Andre traz Ryan Sullivan, um jogador de beisebol famoso, lindo (tal como todos os homens desta família), rico e solteiro. O estado civil não é bem por escolha, o coração do moço tem dona desde os 15 anos, mas por conta da falta de coragem em revelar seus sentimentos à melhor amiga Vicky, o bonitão continua disponível para as mais atrevidas conquistadoras.

Desta vez a autora apostou em construir seu romance com base em um casal amigo desde a adolescência, Ryan e Vicky. Ambos sempre sentiram algo mais um pelo outro, mas nunca tiveram coragem de admitir, seja pelo medo de perder a amizade ou pelo medo da rejeição. É aquela velha história de adiar tanto o que você tem para falar e quando percebe o momento passou,  no dia que Ryan decidiu declarar seu amor para a mulher amada ela já estava nos braços de outro. Depois da formatura Vicky casou e foi morar com o marido na Europa e nosso mocinho ficou nos EUA.

Anos mais tarde ocorre um reencontro, ele um famoso jogador, ela uma artista em busca de recuperar a credibilidade. O motivo: Vicky está precisando de ajuda com os avanços de um homem indesejado e Ryan finge ser seu namorado para ajudar. Verdade absoluta: mentira tem perna curta. Será que isso vai dar certo?

É óbvio que neste reencontro o casal percebeu que os sentimentos que nutriam um pelo outro estavam ainda mais fortes, mas como anteriormente, decidiram segurar isso dentro de si. Como o livro é narrado em terceira pessoa temos uma visão bem clara do turbilhão de emoções confusas que os domina, a autora dá um ótimo espaço para o desenvolvimento de ambos e assim sabemos bem como anda a cabecinha de cada um. É uma aflição, mas eu vi aqui um amor sincero somente pelo lado de Ryan, ele sempre carinhoso, preocupado e disposto a tudo para dar o melhor para Vicky, ao passo que ela era totalmente fria e relutante. Eu não gostei das  cenas de sexo entre o casal, enquanto ele estava ali, de corpo e alma, ela só ficava pensando e pensando, desligava-se do ato e ele precisava toda hora pedir sua atenção. Não dá gente, eu queria uma entrega mútua, não unilateral. Sinceramente acho que ela era deslumbrada pela beleza e carisma de Ryan, e aproveitou bem seu jeito protetor, mas amor... passou longe.

O livro é cheio de clichês e não vejo problema nisso, estes romances seguem uma linha previsível, nós sabemos que o casal vai ficar junto no final, mas no caminho sempre enfrentará obstáculos. Um relacionamento que começa com mentira e depois acaba sendo verdade não é novidade e sempre gosto de acompanhar os jogos de conquista que existem nestes casos, mas aqui foi tudo tão morno e os obstáculos criados pela autora eram tão simples, o acerto dos dois foi fácil demais. Eu acreditei que muitas pessoas fossem atrapalhar a união de Ryan e Vicky, mas além deles mesmos, ninguém causou problemas.

Quando Ryan decide confessar o que sente, ele é bem claro e ela fica lá olhando. Impossível ficar inerte, o cara te diz que desde os quinze anos te deseja, te quer, lembra detalhes vividos que só um homem apaixonado ia reparar e você fica pensando ainda se é verdade? Quis morrer quando Vicky fala que a noite dos dois tinha sido esquisita e sem problemas, a amizade continuava. nem em sonho, o cara todo doce, fazendo café da manhã para mim… eu pulava no pescoço dele. :)

Bella Andre nesta trama ainda resgata as histórias dos outros irmãos, mostrando como anda a vida dos casais, o Chase do primeiro livro acabou de ter uma filha. E claro que a família Sullivan faz sua presença marcante, dando aquele empurrãozinho na união de Ryan e Vicky. Falando neles já temos nosso próximo protagonista, Smith, ele já aparece mais e indica sua aventura romântica.

Enfim, é uma leitura rápida e fluida, mas eu não achei que foi um romance quente e cheio de emoções como eu esperava, mesmo sabendo que no final tudo ia dar certo eu queria mais voltas antes dos dois ficarem juntos. Ryan é tudo de bom, um verdadeiro príncipe no cavalo branco, eu acho os Sullivans homens completos, que além de lindos, são honestos e respeitadores, o genro que toda mãe quer e o homem que toda mulher sonha achar. Nota dez para a autora na caracterização desta família, que tem valores lindos. E como sempre Bella Andre dá destaque ao sexo seguro, mais um ponto positivo.

Isso aí gente, esta foi minha opinião, mas recomendo que leiam e formem a sua, eu gosto de romance, mas sempre prefiro os mais conflituosos, então quem prefere as tramas mais tranquilas, mergulhem. Ah! Estou lendo fora de ordem, mas não está comprometendo em nada o entendimento.
Os Sullivans
Um Olhar de Amor
Por Um Momento Apenas
Não Posso Me Apaixonar
Só Tenho Olhos Para Você
Se Você Fosse Minha
Quero Ser Seu

Somente os livros publicados no Brasil pela Editora Novo Conceito



2leep.com

10 comentários:

  1. Oi Cida, sinceramente, até hoje não tive vontade de ler esses livros :( Sabe, nada neles me cativou muito.. mas legal saber que por serem leituras mais independentes podem ser lidos fora de ordem. Quem sabe um dia eu tento? Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  2. eu só li o primeiro, mas ganhei os demais de presente!
    mal posso esperar para ler!!!!!
    adoro a Bella e ainda mais seus livros com mocinhos que parecem verdadeiros príncipes encantados!
    super apaixonados!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ainda não tinha lido nenhum livro desta série, nem desta autora, mas achei as capas bem bonitas e o enredo até que chama um pouco a atenção. Mesmo com você ter destacado alguns pontos negativos, acho que é uma boa dica para quem ama romances! :)
    beijos ♥
    quemprecisadetvparaverbeyonce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Cida!
    Os livros da Bella Andre ainda não me conquistaraam totalmente, mas sempre fica aquela curiosidade de saber como seria a leitura.
    A tua resenha tá ótima como sempre, e espero um dia ler um dos livros.

    Beijos da Lua!
    www.tyciahadiresenhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Eu ainda não comecei a ler essa série, mas pretendo ler muito em breve.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi, Cida :)

    Ainda não li essa série. As sinopses não chamaram muito a minha atenção, infelizmente, apesar de eu gostar bastante de romances desse tipo.
    Talvez um dia eu dê uma oportunidade aos livros da Bella Andre. Who knows? rs

    Beijocas, querida.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida,
    estou curiosa para ler este livro. Estou gostando bastante da leitura desta série, mas todos estão dizendo que este esta fugindo um pouco do padrão rs

    Pretendo lê-lo em breve :)

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  8. Sinopse interessante, resenha maravilhosa, mas ainda não oi o suficiente para me convencer a ler. Preciso destruir alguns preconceitos, né? Mas vai levar todo um processo porque como se não bastasse o erotismo, ainda tem o clichê.

    ResponderExcluir
  9. Gostei da historia, ate pq passei bem isso com meu namorado. Ele era um dos meus melhores amigos e começou a surgir um certo clima... Pra um dos dois criar coragem para dar o primeiro passo foi dificil demais! kkkk XD
    Não gostei muito da capa só... achei meio gay, sei lá. Parece q miraram em um publico alvo e acertaram em outro! kkkkkk

    ResponderExcluir
  10. Oi Cida, eu gostei muito deste livro, achei que o romance deles aconteceu aos poucos, o que combinou com o enredo. Aliás, acho que a autora está crescendo na série.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!