[Resenha] Mago - Aprendiz

Mago - Aprendiz (#1)
Título Original: Magician: Apprentice (The Riftwar Saga #1)
Autor(a): Raymond E. Feist
Editora: Saída de Emergência     Páginas: 431
Lançamento: 2013       ISBN:9788567296005

2786_228000654032815_528810677_n
Na fronteira do Reino das Ilhas existe uma vila tranquila chamada Crydee. É lá que vive Pug, um órfão franzino que sonha ser um guerreiro destemido ao serviço do rei. Mas a vida dá voltas e Pug acaba se tornando aprendiz do misterioso mago Kulgan. Nesse dia, o destino de dois mundos altera-se para sempre. Com sua coragem, Pug conquista um lugar na corte e no coração de uma princesa, mas subitamente a paz do reino é desfeita por misteriosos inimigos que devastam cidade após cidade. Ele, então, é arrastado para o conflito e, sem saber, inicia uma odisseia pelo desconhecido: terá de dominar os poderes inimagináveis de uma nova e estranha forma de magia… ou morrer. Mago é uma aventura sem igual, uma viagem por reinos distantes e ilhas misteriosas, onde conhecemos culturas exóticas, aprendemos a amar e descobrimos o verdadeiro valor da amizade. E, no fim, tudo será decidido na derradeira batalha entre as forças da Ordem e do Caos.

A primeira vez que ouvi falar deste livro foi com a chegada da Editora Saída de Emergência em nosso mercado editorial, perguntei aqui e ali, e fiquei sabendo que a Saga do Mago é considerada um clássico da fantasia épica. Bem, eu gosto de fantasia épica, sou uma das pessoas que mergulhou nos livros de George R. R. Martin e curtiu muito, então resolvi conhecer o trabalho  de Raymond E. Feist e seu Mago.

Esta é a história do jovem Pug, um menino órfão, deixado na porta do castelo de um Duque e criado ali pela família do cozinheiro. Aquela foi a única família que conheceu, o casal que o criou, deu lhe o mesmo amor dedicado ao filho Tomas, e Pug, mesmo crescendo de forma humilde, era bem querido. Tomas, era além de melhor amigo de Pug, a figura de irmão mais velho, que sempre o defendia e ensinava muitas coisas.

Ao entrar na adolescência, os jovens daquelas terras eram escolhidos como aprendizes, marcando assim o começo de sua jornada para a vida adulta, mas no dia da escolha de Pug e Tomas, nosso órfão sobrou, não foi escolhido, e o Mago Kulgan, sentindo uma estranha ligação com o menino, resolveu ser seu mestre. Pug então passou a ser o aprendiz de mago.

O livro é narrado em terceira pessoa, e nos mostra a saga deste menino que virou aprendiz de mago de maneira inesperada. Mas não é este o foco principal do livro, Pug é sim o centro, mas sua história vai além de ensinamentos de magia, ele logo torna-se um herói ao salvar a filha do Duque, e ganha terras, fama, um título de nobreza e até mesmo o coração da princesa. O menino sem eira, nem beira, vira um nome naquelas terras longínquas, mas não encontra aí paz. Seu reino está sob forte ameaça de uma invasão, seus inimigos são criaturas de outro mundo, que demonstram estar estudando aquele local para invadir e dominar. Junto de Kulgan, de Tomas, do Duque e de outras figuras importantes, Pug parte em uma viagem em busca de alianças na  luta contra este inimigo desconhecido.

Eu gostei logo no começo, Pug já começa em uma maré de azar, de um jeito atrapalhado e cativante, não que ele seja desafortunado, mas é que apenas no primeiro capítulo ele conseguiu torcer o tornozelo, tomar um banho de chuva e ainda ser perseguido por um javali, tudo isso simultaneamente. É o primeiro sinal de que ele vive metido em confusões, que só tendem a ser mais sérias no decorrer do livro.

Ele é bem humilde, uma pessoa simples, que só quer ter um cantinho. Não almeja grandes fortunas, nem tem grandes projetos, quer apenas levar sua vida de maneira feliz, ser amado e ter um porto seguro para onde voltar. Pug busca segurança.

Ele é bem mais jovem que imaginei, ao ver a saga achei que teríamos um protagonista mais maduro, na verdade, imaginei toda a trama bem adulta, mas fui surpreendida ao encontrar uma mescla de idades entre os personagens. Percebi então, que vamos acompanhar o amadurecimento de cada um junto com a trama. Isso já ocorre neste primeiro livro, pois assim que surge uma guerra e o tempo passa, cada um têm experiências bem marcantes e duras, que levam ao crescimento e maturidade.

Pug me cativou, mas posso dizer que não foi o único, Kulgan, Tomas, a princesa e muitos outros encantam, é um livro que protagonista e personagens secundários tem praticamente a mesma importância, destacam-se em igual medida e tem papel fundamental para o desenvolvimento do enredo. São todos muito amistosos, dando um clima gostoso de amizade e companheirismo a trama. Temos pouca inveja e intriga aqui, as pessoas se ajudam mutuamente.

E você me pergunta… “Se tudo é tão cheio de amizade, como surgiu a guerra?” Bem gente, os inimigos não são dali, são invasores vindos de outro mundo, e fora o que nossos heróis descobrem em sua jornada, vamos saber pouco deles. No decorrer do livro são uma sombra, uma ameaça, e dão o ar da graça somente nos momentos finais, deixando nós leitores apavorados com o que eles irão causar na seqüencia.

Este primeiro volume é mais para nos situar neste universo e apresentar os personagens que farão parte da saga. Eu gostei mais do começo e do final, pois no meio o ritmo ficou meio lento e do nada ocorreu uma passagem de tempo muito brusca, mais exatamente no capitulo 11 (A ilha do Feiticeiro), o autor conduziu bem a história, mas nesta parte acredito que faltou o cuidado de situar o leitor no avanço da aventura. Eu tive que voltar e reler pois tive a impressão que tinha pulado alguma parte.

Aquele clima doce, descontraído e cheio de amizade, dá lugar a seriedade da guerra, Pug fica cada dia mais longe de seu lar, e praticamente, nas páginas finais, deixa a história (mas não vou dizer o motivo). Todos os amigos e companheiros de viagem são separados, cada um indo parar em uma ponta do reino, e assim fica a dúvida se um dia eles vão se ver outra vez. Pelo menos, Feist é mais bonzinho que Martin, e não mata todo mundo. Podem apegar-se aos personagens. 

Eu curti, mesmo com ressalvas. Para quem gosta do gênero, digo que o livro cumpriu bem o papel, e acredito que na seqüência, Mago – Mestre, vamos ter mais magia, que não foi muito abordada aqui. Pug deve vir não mais um menino, e sim um homem, e pelas indicações que tivemos aqui, poderá até mesmo sofrer por amor. Fiquei com uma grande dúvida sobre Pug, ele não parece ser apenas um menino sem pais, vi em seu abandono e na sua escolha para aprendiz de mago a indicação que ele é alguém de grande importância. Recomendo!


Gostou? Quer ler?
Este livro é o prêmio do TOP COMENTARISTA deste mês. 
Participe!!




2leep.com

35 comentários:

  1. Oi Cida :)
    Ace está doido para ler esse livro (é super a cara dele), mas não "encheu meus olhos". Gostei da sua resenha, mas não é o tipo de livro que eu curto ler. Vou mostrar sua resenha a ele, tenho certeza que vai se empolgar.
    Beijos
    http://www.coisasdemeninas.blog.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Neyla! Acho que ele vai curtir sim, fala para esse passar aqui e conferir. Bjos!

      Excluir
  2. Oi Cida,
    estão falando mto bem desse livro e estou bem curiosa. Já até add no skoob para não esquecer.
    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  3. Gosto demais desse tipo de leitura, e assim que fiquei sabendo desse livro já tive vontade de ler na hora!
    Sua resenha ficou completíssima, sem spoilers nem nada que atrapalhe quem tá curioso pra ler. *O*
    Adorei, com certeza vou ler esse livro em breve!

    ResponderExcluir
  4. Fiquei bastante curiosa, acho que vou curti a leitura do livro *-*

    Beijos, Paradoxo Perfeito

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Já tinha visto propaganda do livro nas redes sociais, mas essa é a primeira resenha que leio. Confesso que fantasia épica não é minha preferida, mas gosto de ler um ou outro livro às vezes. Gostei muito da premissa e mesmo com ressalvas como você disse, gostei muito da história.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fran! Eu gosto de ler de tudo um pouco, é bom passear nas leituras. Essa é uma série legal e se a pessoa quer algo do gênero, mas não está afim de um livro enorme, é uma boa opção.

      Excluir
  6. Eu nunca li nada o Sr. Martin justamente porque ele ama matar personagens e eu já estou farta disto, odeio quando o autor faz essa coisa aff! Para quê matar um personagem que foi feito com tanto esforço? Enfim, essas trapalhadas que você falou do Pug me fez ri, sua resenha me cativou e me fez ter uma vontade grande de ler o livro mesmo não fazendo muito meu gênero porque eu amo aquele romance teen água com açúcar ou aqueles romances hots a única coisa que li fora do padrão foi Harry Potter, que tem romance, mas não se foca nisto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando eu terminei o primeiro livro dele, e aquela pessoa morreu, eu fiquei de boca aberta. Li de novo para ter certeza e lá estaca, cabeças rolando. Este autor aqui é mais piedoso.

      Excluir
  7. Oie Cida =)

    Eu estou simplesmente doida para ler esse livro *---* Como literatura fantástica é o meu gênero favorito, desde que vi que esse livro ia ser lançando no Brasil estou ansiosa para ler ele, e olha que dessa vez nem estou ligando pelo fato de ele ser um primeiro de uma série rs...

    Parabéns pela resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary



    ResponderExcluir
  8. Olá! Como está?
    Amo magos e acho que adorarei a saga. Tenho os livros do Martin, já folheei, entretanto não li. Estou me preparando mentalmente, pois dizem que muitos personagens morrem, o tempo todo. Prevejo lágrimas... Enfim, voltando aos magos, amei sua resenha! Não conhecia o livro e pareceu-me muito interessante. Talvez eu possa tentar ganhar de aniversário hahahaha Acho difícil, já que estou proibida de comprar livros até a Bienal de SP no ano que vem, mas vou tentar.
    Gosto bastante quando uma saga começa com o protagonista ainda "pequeno" e, com o tempo, vai amadurecendo. Parece ser o caso de Pug. E o romance que há, gente, que amor <3
    Beijos,
    Karol.
    http://heykarol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ka! Eu acho que o pessoal mais jovem vai curtir mais o Pug que os livros do Martin, afinal tem cenas nos livros de Martin inadequadas para menores de dezoito. Este livro aqui é ideal para todas as idades e recomendo com certeza para você.

      Excluir
  9. Oi Cida!
    Não vejo a hora de chegar meu exemplar! *-* Estou curiosa pra ler Mago - Aprendiz... é bem o estilo que gosto de ler e, pela sua resenha, creio que ele vá me encantar!
    Bjus,
    Paty Algayer - http://www.magicaliteraria.com/

    ResponderExcluir
  10. o enredo parece ser muito bom e olha ja posso estar fantasiando, mas quem sabe essa ligação entre o mago e seu aprendiz seja mais profunda?
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Primeira resenha que vejo desse livro.
    Estou louca pra ler!!!

    Beijos!
    Livros e Tsurus

    ResponderExcluir
  12. Eu acho que estou apaixonada por esse livro e por Pug, a história me parece ser bastante interessante. Eu nunca li um livro desse gênero mas acho que esse seria ótimo para começar. Gostei da sua resenha.
    Beijos
    the-universe-of-books.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi Cida, fico feliz que tenha gostado.. só tinha lido uma crítica meio negativa a respeito dizendo ser uma péssima imitação do Senhor dos Anéis, daí tinha ficado com o é atrás sabe.. mas quero ler e tirar minhas próprias conclusões. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mi, não li Senhor dos Anéis, apenas vi todos os filmes, e acho sim uma ótima história, mas não gosto de comparar neste sentido, afinal acredito que cada história tenha seu próprio encanto, mesmo que as vezes, infelizmente, ainda seja possível encontrar cópias descaradas.

      Excluir
  14. Só hoje, esta já é a terceira resenha positiva que leio deste livro, impossível não ficar com vontade de ler né, mesmo não sendo meu estilo literário...

    Beijão, Van - Blog do Balaio
    balaiodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi,
    Nossa fiquei super curiosa. Adoro livros que tenha magia na hist.
    Bjs!
    Viciados Pela Leitura

    ResponderExcluir
  16. Estou louca para ler esse livro!
    É do meu gênero preferido... ele será o primeiro livro que vou comprar .
    Acima de tudo é meu gênero preferido, fico feliz com sua resenha positiva...
    tinha lido umas que realmente diziam coisas muito negativas :(

    Beijos, Paula

    http://www.interacaoliteraria.com

    ResponderExcluir
  17. Oi Cida.
    Estou muito interessada na leitura desse livro porque já ouvi falar muito da série. Eu gosto de fantasia então acho que vou curtir o livro, pena que o autor se perdeu um pouco no meio do livro.
    bjs

    http://entrepaginasesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi mesmo uma pena, ali o ritmo caiu, mas espero que no próximo isso não ocorra.

      Excluir
  18. Oi querida!

    Acredito que assim como você, eu vá gostar, apesar das ressalvas. O gênero costuma me agradar, e estou de olho nesse em especial desde que o lançamento foi anunciado!

    Um beijo
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi, eu ainda não tinha lido nada sobre este livro e na minha opinião ele parece ser um bom livro. Gostei da sua resenha :)

    Bjus.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Mais um livro para minha lista, parece ser muito bom, eu estou bem curiosa para lê-lo. Bjus

    ResponderExcluir
  21. Eu simplesmente adoro livros que envolvam magia!!! Já me apaixonei por esse livro logo que vi o nome e a capa, depois que vi a sinopse então...agora venho e vejo sua resenha *-* PRECISO ler hahaha
    Mesmo sabendo que a magia não é assim tão abordada nesse primeiro volume (segundo o que você disse), estou super ansiosa para a leitura :D
    Valeu pela dica

    Beijo

    ResponderExcluir
  22. Primeiramente gostaria de parabenizá-la pela resenha,estou de olho neste livro desde seu lançamento e estou morrendo de curiosidade para ler, amo fantasia e um livro deste gênero ainda não li um livro sobre magos!!
    Espero poder ler em breve!!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  23. Adorei a resenha! Estou louca para ler *--*, Amo Fantasia e essa parece ser fantastica.
    Bjss,Lais

    ResponderExcluir
  24. Oi!
    Com tanta propaganda eu tive medo que o livro não fosse bom, mas fico contente que tenha gostado e assim me estimula a comprar e ler o livro também. XD Será que demorará para sair o segundo detestarei ficar ansiosa pela continuação. XD
    bjs

    ResponderExcluir
  25. Oie amiga
    Eu amo fantasia, sobrenatural e magia envolvida num livro, então tenho certeza que vou gostar muito desse livro. O livro parece ser bom, mesmo que você tenha ressalvas, mas acho que eu irei gostar, já que gosto muito desse gênero.
    Muito boa sua resenha.
    Beijos

    Jéssica
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  26. Adorei a resenha, es estou querendo muito ler esse livro, pois gosto de magia e tal, mas estou incerta porque parece muito juvenil sei lá.

    Beijos ;)

    ResponderExcluir
  27. EU QUERO, EU QUERO, EU QUERO. Necessito urgentemente desse livro, muitas pessoas tem falado dela para mim, e eu não aguento mais esperar para lê-lo.

    ResponderExcluir
  28. Também gosto muito das crônicas de gelo e fogo, com certeza esse livro me agradaria, pretendo comprar em breve.

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!