{Resenha} A Elite

A Elite
Título Original: The Selection 2
Autor(a): Kiera Cass
Editora:  Seguinte      Páginas: 360
Lançamento: 2013      ISBN: 9999048897271


A Seleção começou com 35 garotas. Agora restam apenas seis, e a competição para ganhar o coração do príncipe Maxon está acirrada como nunca. Só uma se casará com o príncipe Maxon e será coroada princesa de Illéa. Quanto mais America se aproxima da coroa, mais se sente confusa. Os momentos que passa com Maxon parecem um conto de fadas. Quando ela está com Maxon, é arrebatada por esse novo romance de tirar o fôlego, e não consegue se imaginar com mais ninguém. Mas sempre que vê seu ex-namorado Aspen no palácio, trabalhando como guarda e se esforçando para protegê-la, ela sente que é nele que está o seu conforto, dominada pelas memórias da vida que eles planejavam ter juntos. America precisa de mais tempo. Mas, enquanto ela está às voltas com o seu futuro, perdida em sua indecisão, o resto da Elite sabe exatamente o que quer — e ela está prestes a perder sua chance de escolher.
E agora America?

A Elite dá continuidade as emoções e conflitos que conhecemos em A Seleção. Aqui, neste segundo livro, temos a oportunidade de continuar acompanhando essa distopia mesclada por romance criada por Kiera Cass

Eu amei A Seleção (resenha aqui), fiquei absolutamente apaixonada pelo enredo desta série. Eu gosto de distopias, é muito bom ver o mundo por uma nova perspectiva, ver onde nossos atos podem nos levar. Neste tipo de livro nos confrontamos com situações extremas, que nos fazem refletir, mas não foi só com minhas ideias que a série mexeu, foi também com meu coração, pois neste mundo caótico, Kiera Cass nos trouxe America, Maxon e Aspen, personagens que protagonizam um triângulo amoroso cheio de intrigas políticas e revolucionárias.

Imaginem minha ansiedade ao iniciar a leitura, eu queria saber sobre a decisão de America, encontrar mais intrigas entre as participantes, conhecer melhor o príncipe. Tantas expectativas e o medo do livro cair na famosa maldição do segundo livro. Bem, vamos ver o que aconteceu.

O primeiro livro termina com America permanecendo na disputa, e é deste ponto que A Elite inicia. Agora são seis garotas na luta pelo coração de Maxon, mas ele deixa bem claro quem é sua preferida, o problema é que ela ainda está em dúvidas entre ele e Aspen. Enquanto trava uma batalha interna para saber se ama o príncipe ou seu ex, America passa a ter uma maior interação com a vida do palácio e também com a situação política do país. Nesta fase as garotas não estão mais focadas apenas em saber se vestir bem, ficar bonitas para Maxon e aprender boas maneiras, agora ela estão muito próximas de ocupar o trono, e para liderar Illéa, precisam aprender como ser uma rainha.  Precisam ser negociadoras, mediadoras e inteligentes.

Os rebeldes a cada dia tornam-se uma ameça maior, e as invasões ao palácio são constantes. Entre um baile e um passeio com Maxon, sempre tem uma invasão, e a cada dia a vida de todos corre mais perigo. Os rebeldes querem o fim da Seleção,e para isso até matam membros da família das garotas. Chegando a hora da escolha final, Maxon tem que equilibrar seus sentimentos, com a tensão da guerra iminente. Está difícil para ele se manter firme, e America vai contribuir bastante no agravo da situação.

Narrado em primeira pessoa por America, a história vai girar em torno destes acontecimentos, o cenário distópico agora é mais bem explorado, através de um diário do fundador de Illéa, que Maxon confia à América, nós ficamos conhecendo os fatos que levaram o país à sua situação atual, não só o leitor, como a própria protagonista, descobrem fatos que contradizem a história que foi contada ao povo. A separação em castas, não foi exatamente uma maneira de organizar as coisas,  de salvar o país, na verdade foi um ato de vingança e maldade de um homem muito cruel, egoísta e  sedento de poder. Vemos o quanto os rebeldes estão no direito de lutar por mudanças. Gostei muito de ter esta abordagem neste segundo livro, senti falta no primeiro de conhecer mais sobre as bases desta monarquia e esta abertura política enriqueceu mais a história.A narrativa continua rica em detalhes, sem tornar-se cansativa, a autora consegue noz fazer  ver bem todo o cenário de sua história, mas de forma leve, sem perder a dinâmica e fluidez. 

E temos os nossos personagens, desta vez não só os protagonistas ganham espaço, os secundários tiveram uma abordagem maior, as outras garotas têm uma maior participação nos acontecimentos, a rainha também e até o rei, que passa a ser uma peça chave para o terceiro livro, o que achei como a melhor ideia que a autora teve, proporcionando uma grande reviravolta em tudo. A família real é cheia de segredinhos sujos.

O nosso trio cresceu, Aspen deixou de ser tão infantil e mostrou-se muito mais sensato do que eu esperava, não, eu não gosto dele, ainda torço por Maxon, mas pelo menos suas atitudes foram dignas. Eu cheguei a ter pena dele em certos momentos, afinal ele se arrependeu do passado. 


Maxon continua sendo meu querido, ele está mais cheio de atitudes, mais atiradinho, mostrou que não é tão perfeito assim, e por isso mais humano, e finalmente agiu com firmeza em relação America. Literalmente sacudiu a garota.

E America foi o que acabou deixando a desejar, eu que admirei tanto  uma protagonista forte, sem frescuras, com humor ácido e que não se deixava levar pelas opiniões alheias, fiquei a ver navios desta vez. America mudou muito, ela é tomada por tamanha baixa estima e indecisão, que nem parece a mesma garota. Ela não sabe de quem gosta, corre para Maxon, e a seguir para Aspen, a cada hora está com um deles, e não decide com quem quer ficar. Ela não os liberta, sempre dá esperança aos dois. Eu fiquei muito descontente com ela, America perdeu seu carisma, tornou-se uma pessoa muito ciumenta e fraca. Por mais insegura que estivesse, no fundo ela sabia o que queria, e mesmo assim não teve coragem de assumir seus sentimentos. Puxa America, cadê a garota que gritou com o príncipe e quis usar calças no palácio? Faltou atitude.

"Às vezes acho que Maxon e eu somos a sua seleção particular. Somos apenas ele e eu: um de nós vai ficar com você no final. Não sei quem está na pior situação. Maxon não sabe que participa da competição, então talvez não se esforce o suficiente. Já eu preciso lhe oferecer as mesmas coisas que ele. Não é um combate justo para nenhum dos dois."
Mas mesmo irritada com esta situação, eu não consegui largar o livro, America foi uma perda, mas há tanta coisa acontecendo que a leitura torna-se viciante. Queremos saber o que os rebeldes querem de verdade, queremos ver qual garota será eliminada, e também ver o que o destino reserva para outros personagens. Eu acabei gostando de outras participantes e me vi torcendo para America dançar, na verdade ela será surpreendida, e uma bela surpresa. Este acontecimento é o gancho para o próximo volume da série, e então os papéis são invertidos. Muito bom, agora Maxon está no comando, e acho até que nosso triângulo será remodelado, e a decisão final está em outras mãos.

O livro foi muito satisfatório, mesmo ficando descontente com America, Maxon conseguiu segurar bem o enredo, ele sem dúvidas é a estrela desta série, fico até me perguntando se não podem entrar novas candidatas na Seleção, eu ia preencher o formulário bem feliz. Kiera Cass manteve o ritmo de sua obra, conseguiu trazer mais ação e intrigas, dando um tempero mais forte à história. Pelo que percebi, America terá que recuperar seu vigor, pois uma luta enorme está esperando por ela. Acho que no próximo volume cabeças irão rolar, a disputa será mais acirrada e não somente com as outras garotas. 

Maxon querido, amei. Você virou o jogo.




Para esta resenha a editora enviou uma prova antecipada do livro, o lançamento é dia 23 mas já está em pré-venda.


O livro vai sair em e-book no dia 23 também, mas a pré-venda do digital ainda não começou.


Confira outras opiniões.


2leep.com

41 comentários:

  1. Oie :)

    Nossa eu estou doido para ler essa série não vejo a hora , dizem que é muito boa e sua maravilhosa resenha refletiu isso , beijos !!


    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
  2. Só li o final da resenha para não pegar nenhum spolier antes de ler A seleção... Pena a America ter deixado a desejar, ouvi coisas positivas sobre ela no primeiro.
    Letras & Versos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi algo que me surpreendeu também e espero que no próximo livro ela retome sua antiga postura.

      Excluir
  3. Amei o primeiro livro, e saber que o segundo só melhorou me deixou bem animada! Pena que a America está desse jeito :( Ela era cheia de atitude e determinada, agora, pelo que você disse, anda muito "fraca" :/
    Que bom que Maxon virou o jogo, assim o livro dá uma outra volta, e a America se apressa em sua decisão, porque parece que ela queria brincar com os dois.
    Adorei sua resenha! Me deixou com ainda mais vontade de ler o livro!

    Beijos,
    salaodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju!Foi isso mesmo que aconteceu, e também temos algumas revelações sobre outros personagens que foram muito boas.

      Excluir
  4. Oie Cida!

    Eu ganhei A Seleção semana passada, e estou esperando a minha fila diminuir um pouco para ler ele. Por tudo que li sobre a série acredito que eu vou gastar bastante dela.

    Já acrescentei A Elite na minha wishlist rs...

    Beijos e uma ótima semana para você!
    ;**

    anereis.
    mydearlibrary | bookreviews • music • culture
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  5. Oi Cida! Também adorei o livro! Achei até melhor que o primeiro, que já amei! <3
    Mal posso esperar The Selection #3!
    Beijo,
    Vinícius - Livros & Rabiscos

    ResponderExcluir
  6. OMG OMG OMG, estou louca para ler A elite, amei a seleção e ainda não tive coragem de ler The Prince.
    Simplesmente me apaixonei pelo livro, e passamos o ano passado ( eu e minhas amigas) discutindo sobre quem deveria ficar com a America, o Maxon ou Aspen. Eu optei pelo Maxon-fofo. rsrsrsr
    Amei a resenha.

    mt bjos,
    Gota d'explosão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também torço pelo Maxon, sem dúvidas.

      Excluir
  7. Que resenha bem elaborada, parabéns! Amei o primeiro livro da série, e o meu favorito também é o Maxon, achei o Aspem tão "longe" dela. Estou ansiosa para ler a continuação da história, gostei muito da nova capa, mas ainda prefiro a azul.

    Amei o seu blog, já estou seguindo com certeza *-*

    Beijos.

    www.doceabril.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amo as duas capas, fica difícil escolher a mais linda.

      Excluir
  8. Olá!
    Ainda não li A seleção, mais estou louca pra ler. As capas são lindas de mais né? Adorei sua resenha.

    Beijos,
    sonhando-com-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Quero muito ler esse livro...
    Na verdade, preciso ler A seleção, o problema eh que não gosto de livros distópicos, então estou com medo de comprar e acabar me decepcionando =/

    Beijos,
    Carol e seus livros.

    ResponderExcluir
  10. Pense,
    E multiplique por um milhão e nem
    de longe vai ser o tamanho da minha vontade de ler
    essa série, aqui na minha cidade não chegou nem o primeiro ainda
    Tenho em pdf, mas prefiro ler com o livro em mãos.
    Parabéns pela resenha e por já ter lido o livro

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Essa semana, esta série fez sucesso entre os blogs. Li bastante resenhas sobre eles e agora me pergunto se ainda devo esperar o lançamento do terceiro livro ou voar para páginas de A Seleção logo e em seguida devorar A Elite.Dúvida cruel!

    Adorei sua resenha, excelente como sempre!

    Lucas
    livrosecontos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Cida,
    Confesso que não li sua resenha porque ainda não tive a oportunidade de ler A seleção e quero ler muito. As capas são lindas, né?
    bjs

    http://entrepaginasesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Estive ontem no evento de A seleção aqui em Recife. Quero muito ler a série, mas ainda não consegui.
    Beijos,
    Carissa
    www.carissavieira.com

    ResponderExcluir
  14. Eu sou Maxon sempre. Eu achei mesmo que no segundo livro a America ia ficar nessa de correr atras de um e do outro. Que bom que nesse conhecemos mais a história do pais e da situação. Me decepcionei agora, eu também admirei muito a America no primeiro livro, que pena que a personagem deixou a desejar.

    http://blogprefacio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Quero muito ler esse livro, mas quero ler a seleção antes.
    Vou aguardar mais um pouco, mas sua resenha me deixou com mais vontade de le-los.

    Seguindo retribui ta?
    http://luadesangue1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. gente *--* estou apaixonada pela trilogia desse livro e olha que eu nem li suasahuhu

    ResponderExcluir
  17. p.s: a capa desse segundo livro é muito linda também.

    ResponderExcluir
  18. Parabéns pela resenha Cida! Já li A Seleção e curti bastante, apesar de não ter gostado dos protagonistas masculinos da trama. Em compensação, amei A Elite! Beijo!

    ResponderExcluir
  19. Cada vez que leio mais resenhas do livro, fico mais apaixonada pela ansiedade de ler a série, mas eu não sei se iria gostar meeesmo, acho que o príncipe iria me dá dor no calo.hahaha
    Beijos minha flor!
    clicandolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  20. Oie Cida
    eu achei esse livro maravilhoso, e abordou tudo o que faltou no anterior. Só que aquele final...ai ai ai. Louca pelo próximo.
    E a propósito, sou team Maxon forever
    bjo

    ResponderExcluir
  21. Oi Cida...
    como disse na resenha do primeiro livro, ainda não tive chance de ler essa série.
    Mas vejo você falando tão bem que to doida pra ler!
    Espero ler em breve.

    Beijokass

    Meus livros, meu mundo.

    ResponderExcluir
  22. Oi Cida! Te confesso que pela minha enorme vontade de ler esse série, não li sua resenha, mas percebo o tanto de fãs que conquistou. Acho a proposta muito interessante.

    Beijão!

    ResponderExcluir
  23. Eu terminei A seleção louca para ler logo A Elite! A autora deixou o final com muitas pontas soltas, o que me fez ficar mais e mais ansiada por A Elite! Também quero ler o conto O príncipe, você leu?
    De outras resenhas que li, muita gente falou que não gostou do Maxon nesse segundo livro, mas você achou o contrário. Gosto de ler opiniões diferentes pois fazem com que eu leia o livro pensando no que eu acho sobre tais coisas ditas nessas resenhas divergentes. Em A seleção eu era totalmente team Maxon, vamos ver agora em A Elite! hehe

    Beeijos,
    iSteh

    ResponderExcluir
  24. Oi Oi Cida!
    Gentee que série é essa??? *---------------*
    Simplesmente me apaixonei pelas resenhas, sempre vi as capas, achei lindas, mas nunca havia parado para ler uma resenha ou a sinopse mesmo e de cara já me encantei.
    Adorei tua resenha, é meio irritante quando a personagem que a gente admira acaba ficnado chatinha '-'

    Beijos da Lua =*
    www.tyciahadiresenhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Oi Cida, estou na maior expectativa em relação a este livro e assim como você torço pelo príncipe.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  26. Oie Cida,
    estou doida parra começar a ler essa serie, peguei o primeiro livro em ebook e pelo visto vou gostar de ambos rs

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  27. Oi Cida!
    Ainda não li a série, mas parece ser muito boa! Gostei de saber que ela não perdeu a qualidade em relação ao primeiro volume.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  28. Assim como a Anna Gaby, só li a sinopse e por alto para não ler possíveis spoilers. Estou louca para ler a série. Assim como você comentou, também gosto muito de ver o mundo por uma nova perspectiva.
    Este livro, assim como o primeiro, deve ser realmente muito bom!

    Beijos, Lu
    http://luizando.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  29. Oi Cida, sua resenha me deu vontade de acompanhar a série, agora vou colocar nos desejados..
    Tenho visto algumas criticas quanto a América, mais mesmo assim eu quero ler..

    beijos Mila
    http://www.dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Olá
    Adorei sua resenha.
    Estou simplesmente louca para ler o livro.
    Beijos

    cocacolaecupcake.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  31. Opa, essa séria me agradou!! Parabéns pela resenha, não conhecia nenhum dos livros, agora lá vou eu ler a resenha de A Seleção!

    ResponderExcluir
  32. Ei, tudo bem?
    Já tem um tempinho que to querendo comprar essa série, apesar de não curtir mt esse tema, não sei porque mas esse livro super me chamou a atenção. Vejo sempre resenhas positivas e tal... sem contar que as capas são lindas, né? *-*

    beijos
    Kel
    http://www.porumaboaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  33. Eu já li A Seleção e agora desejo ler esse livro para ver a continuação da história, pois iremos esperar pelo terceiro volume que contará o final da história. Será?

    ResponderExcluir
  34. Oi Cida!
    Ainda não comecei a ler essa série, está entre meus desejados. Meu único pé atrás é quanto ao triângulo amoroso, não curto isso. Mas pelo que entendi muita coisa acontece além dos três e talvez valha a pena investir na leitura. Tô decidindo, está mais para o sim ;)
    Beijos... Elis Culceag.
    * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  35. adooro um romance, e esse ñ vai exceção.
    Já foi pra lista !!!
    o/

    ResponderExcluir
  36. Kiera é uma autora realmente muito malvada – não mais do que John Green –, ela quase me fez arrancar todos os meus cabelos durante este livro e cometer assassinatos. Sim, eu quase mate Maxon, America, Celeste; o que não é de espanto, pois todo mundo sabe a cobra que ela é, e o Rei Clarkson; o que me deixou realmente surpresa, pois eu nunca imaginei que ele tivesse tal personalidade, sempre pensei que fosse um homem bom, afinal de contas fora essa a imagem que a Kiera passou dele no primeiro livro, porém em “A Elite” Clarkson coloca suas garrinhas de fora e mostra que “A Seleção” não é mais que um jogo de poderes e aliados para ele, isso realmente me chocou e a forma que ele trata Maxon então... Senti tanta pena do coitadinho, agora sim eu comecei a entende-lo melhor.

    ResponderExcluir
  37. Ainda não li a Seleção mas pretendo começar a série em breve!

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!