{Resenha} O Caminho Para Casa

Título Original: Night Road
Autor(a): Kristin Hannah
Editora: Arqueiro       Páginas: 352
Lançamento: 2012            ISBN: 9788580410815

Durante 18 anos, Jude pôs as necessidades dos filhos em primeiro lugar, e o resultado disso é que seus gêmeos, Mia e Zach, são adolescentes felizes. Quando Lexi começa a estudar no mesmo colégio que eles, ninguém em Pine Island é mais receptivo que Jude. Lexi, uma menina com um passado de sofrimento, criada em lares adotivos temporários, rapidamente se torna a melhor amiga de Mia. E, quandoZach se apaixona por ela, os três se tornam companheiros inseparáveis.
Jude sempre fez o possível para que os filhos não se metessem em encrenca, mas o último ano do ensino médio, com suas festas e descobertas, é uma verdadeira provação. Toda vez que Mia e Zach saem de casa, ela não consegue deixar de se preocupar.
Em uma noite de verão, seus piores pesadelos se concretizam.



O caminho não é uma estrada que levar à sua casa, é na verdade um caminho que leva você a reencontrar -se.
Sua casa é você mesmo.

Resolvendo sair um pouco do sobrenatural, comecei a ler este livro, desde que havia lido a sinopse achei que seria uma leitura de fortes emoções,  mas não imaginava passar as cem últimas páginas quase soluçando. Eu sou chorona mesmo, minhas emoções fluem facilmente, e quando tenho um bom drama na minha frente, que venham os lenços de papel.

O Caminho Para Casa é um livro que não tem um personagem principal, você pode ler e achar que é Jude, a Lexi ou outros, eu no entanto acho que são todos, cada um é parte importante desta trama,    certas horas o foco será uma pessoa, a seguir passamos a conviver com outra, e assim uma bela história vai sendo delineada. Este livro fala da vida, poderia ser a minha ou a sua, de situações cotidianas e para nos representar, temos personagens muito bem construídos e fascinantes.

Lexi é uma jovem que cresceu entre lares adotivos e abrigos para menores, filha de uma mãe problemática, aprendeu desde cedo o amargo sabor da solidão e a não se apegar as pessoas, ao descobrir a existência de uma tia distante, Lexi é enviada para viver com a mesma, e finalmente ela tem ideia do que é um lar.
Na escola que Lexi vai estudar, ela conhece Mia, uma jovem rica, porém extremamente retraída, irmã do garoto mais popular da escola, ela é totalmente o oposto dele, com  sérios problemas de relacionamento, vive sozinha pelos cantos, porém ao encontrar Lexi, algo surge entre as garotas, mesmo sendo de classes sociais tão diferentes, elas desenvolvem grande afinidade,  talvez por serem tão solitárias em suas vidas, encontram neste fator algo em comum.
A família de Mia é aquele tipo de família de comercial de margarina, toda certinha, os filhos gêmeos idênticos, o pai médico e a mãe dedicada e super, hiper, protetora, Jude. Sim um lar dominado pelo excesso de zelo de uma mãe, que se pudesse, colocaria os filhos em uma redoma de vidro, para que nada lhes acontecesse, mas seu amor pela família é inegável.
Jude tem um coração enorme, e recebe Lexi muito bem em sua casa, a amizade das meninas amadurece, Zach o irmão de Mia, junta -se as meninas, e um trio inseparável surge.

A partir daí a escritora nos conduz através da vidas destas pessoas, até a chegada do momento dos jovens irem para faculdade, um momento de fortes decisões e conflitos, pais e filhos vivem com os nervos a flor da pele, e entre tantas emoções, atitudes impensadas podem mudar totalmente a vida das pessoas, podendo deixar feridas difíceis de cicatrizar e nossos personagens irão viver esta situação.

Mesmo tentando ser a melhor pessoa do mundo, nós cometemos erros, e muitas vezes, sem querer, machucamos quem mais amamos. O perdão pode vir fácil ou em alguns casos não vem, ou demora, e o pior ainda é quando não conseguimos nos perdoar, acabamos nos punindo, magoando mais pessoas e  a nós mesmos; pelo caminho, uma trilha de lágrimas vai tomando forma e onde um dia houve sorrisos, hoje temos pessoas perdidas em dor e amargura. Cabe a cada um envolvido na história, buscar uma saída, não será do dia para noite, e talvez não seja encontrada, mas não podemos deixar de tentar, sorrir é preciso, continuar amando também e acima de tudo saber perdoar.

São estes os dilemas que encontraremos na história, em alguns momentos eu amei um personagem, em outros eu odiei. Vamos conhecer o melhor de cada um, mas também seu lado mais mesquinho e rancoroso. São personagens muitos reais, e como na vida, não sabemos o que nos espera adiante, a escritora conseguiu em 352 páginas, mostrar o começo, meio e fim da vidas destas pessoas, sem se tornar cansativa, apresentou conflitos familiares, amores, amizades, a questão da maternidade, das drogas, bebidas e muitos dilemas. 
É um livro para toda a família, eu não conhecia Kristin Hannah, e que bela apresentação eu tive em O Caminho Para Casa, um livro inteligente desde seu título até sua última página, uma leitura para ficar toda a vida. Lindo,verdadeiro e sensível.
Recomendo com certeza. 

Kristin Hannah é autora de 18 livros que já venderam mais de 8 milhões de exemplares no mundo. Ela largou a advocacia para se dedicar à sua grande paixão: escrever. Tem um filho e mora com o marido no noroeste dos Estados Unidos e no Havaí.



2leep.com

45 comentários:

  1. Cida,
    Quando leio alguma resenha em que a blogueira me diz que chorou, é fato que eu compro e leio!!!
    A história, pelo que percebi nos traz temas reais, vividos por qualquer um de nós e isso é um fator que faz do livro um sucesso!!!

    Boa dica!!! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo amiga, a história é muito real, e por isso nos aproxima tanto dos personagens.
      Bjos!

      Excluir
  2. Oi Cida, tudo bem?
    Nossa, que Resenha. Fiquei muito curiosa quanto ao livro, as vezes gosto de ler livros mais reais. Esse em especial parece ter um história muito cativante e que poderia acontecer com qualquer pessoa.
    Abraços,
    Amanda Almeida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amanda, se gosta de livros bem reais, vai adorar este aqui.Bjos!

      Excluir
  3. Oi Cida!
    Guria,fiquei arrepiada com a tua resenha,teve um forte impacto sobre mim.Quando o título e a sinopse tb achei que seria uma história repleta de emoções e como tu,preciso estar com os lenços ao alcance das mãos.
    Adorei mesmo Cida,parabéns pela belíssima resenha.

    Bjos Fabi
    http://roubando-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fabi! Se te conheço bem sei que você vai chorar horrores. Bjos!

      Excluir
  4. eu adorei muito a resenha :)
    eu estou muito afim de ler esse livro, quem sabe eu nao ocnsiga daqui pro final do ano *u*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que sim Alice, você vai adorar.
      Bjos!

      Excluir
  5. Oi cida, gostei de saber que o livro não é cansativo.. eu estava em duvida quanto a ler este livro, entrou na minha lista ^^

    bjs
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Ai meu Deus... Fiquei apaixonada com essa resenha emocionante... Não é meu estilo preferido, mas aaaaaiiii.... Fiquei com vontade de chorar

    Parabens pela resenha, Cida!

    Bjokas
    Flavia - Livros e Chocolate

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flavinha, imagina como fiquei, não sei se consegui demonstrar tudo o que senti, mas tive que parar várias vezes, respirar fundo e continuar.

      Bjos!

      Excluir
  7. Hey Cida!
    Estou curiosa sobre esse livro.
    E a capa passa essa impressão que é uma história bonita.
    Mas não imaginava que poderia ser tão comovente assim.

    Parabéns pela resenha

    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu imaginava um grande romance, não um drama familiar tão bem construído.

      Excluir
  8. Oi! Te indiquei para um selinho & meme no meu blog, depois dá uma passadinha lá!
    Beijão!
    http://spaceindaze.blogspot.com.br/2012/10/meme-e-selinho-seu-blog-e-abencoado.html

    ResponderExcluir
  9. Oi Cida!
    Esse livro parece ser super tocante!

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi Cida!
    Olha, você contou a história tão bem que se eu pudesse compraria o livro agora e o passaria na frente de várias outras leituras. Gosto muito de livros que abordem relacionamentos familiares, culpa e perdão. Sou uma chorona e com certeza vou molhar as últimas páginas com muitas lágrimas.rs
    Sério, realmente quero esse livro. A vontade de saber o que acontece é enorme.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Débora, então acho que consegui transmitir a mensagem na resenha. Fico feliz que tenha deixado você ansiosa pelo livro. Boa leitura!Bjos!

      Excluir
  11. Recomendação aceita Cida, eu já estava de olho neste livro e vamos combinar que a frase citada no início é para convencer qualquer um em cima do muro.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rose! Eu tinha que deixar esta citação, é de minha autoria, rsss, pois eu queria que vocês entendessem o significado do nome deste livro.
      Bjos!

      Excluir
  12. Oie,
    Nossa eu não conhecia o livro, mas parece ser bom, mas acho que não compraria o livro agora não, mas não digo que não pegaria em uma troca rs

    abraços

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi Cida, tudo bem??
    Estou com esse livro aqui para ler, ansiedade nível 1.000.
    Assim que vi disponível pedi a arqueiro, espero que seja tão bom quanto percebi pela sinopse e pela sua resenha ;D

    Beijos,
    http://secretsentreamigas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Ah, que legal!! Não conhecia direito o livro e fiquei super interessada. Eu adoro livros que fazem chorar, apesar de não ler tantos... Provavelmente vou dar uma chance pra esse!
    Beijinhos, Larissa
    Another Words
    http://anothersimplewords.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa! Você não vai se arrepender.

      Excluir
  15. Uau, este livro parece ser muito bom, bem emocionante... não é meu estilo favorito de leitura mas, se é tão recomendado assim, vou dar um jeitinho de ler um dia! ;)
    Bjus!!
    Paty Algayer - Mágica Literária

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paty! Gosto de experimentar estilos, e este foi uma ótima experiência.

      Excluir
  16. Oi Cida, tudo bem?
    Sabe que estou bem curiosa para ler esse livro? Desde que vi essa capa divina, mas no momento não estou muito para leituras emocionantes, mas com certeza essa será uma das minhas leituras depois que eu passar dessa faze será uma delas!

    beijos, Lu
    Lendo ao Luar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luana! Eu também tenho minhas fases, então deixe anotado. Bjos!

      Excluir
  17. Oi Cida,
    ótima resenha.
    eu tbm recebi esse livro da arqueiro e já vou começar a ler. estou super ansiosa, realmente parece otimo.

    http://www.lostgirlygirl.com

    bjos

    ResponderExcluir
  18. Boa noite Cida,

    Fiquei com muita vontade de ler esse livro, achei bem interessante...vai pra lista com certeza...parabéns pela resenha...abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Um lançamento atual e bem interessante, e parece bem baseado em fatos reais. será?! :B
    curti as dicas do blog


    hey segue de volta e deixa um comment?
    www.diademegalomania.blogspot.com
    valeeeeu

    ResponderExcluir
  20. Curti o blog e as dicas.
    essa história parece bem baseada em fatos reias né.
    uma história atual e interessante :3

    hey segue de volta e deixa um comment?
    www.diademegalomania.blogspot.com
    valeeeeu

    ResponderExcluir
  21. Achei a história interessante, e além de atual parece baseada em fatos reais né.
    curti o blog e as dicas ^^

    hey segue de volta e deixa um comment?
    www.diademegalomania.blogspot.com
    valeeeeu

    ResponderExcluir
  22. Oi Cida!
    Você conseguiu demonstrar muita sensibilidade em sua resenha, essa deve ser uma ótima leitura. Saber que a narrativa é fluída e que os personagens tem uma carga real me anima bastante.
    Beijos... Elis Culceag.
    www.arquivopassional.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você iria gostar Elis, espero que você tenha a oportunidade de ler.
      Bjos!

      Excluir
  23. Oi Cida!
    Ainda não tinha lido nada sobre este livro. Difícil imaginar que um livro não tenha um personagem principal, mas ai acho que o trio que acaba sendo os personagens principais. Eles têm personalidades bem distintas, acho que isso vem a contribuir com a narrativa. Pelo que disse, conta a história de vida de cada um, assim como suas escolhas, então acho que não deve ter ação ou um grande mistério. Acho que eu o leria, mas não co tata urgência, já basta a lista enorme que tenho rsrs..

    Beijos :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não amiga, não é um livro de ação ou mistério, é a sobre a vida destas pessoas. Bjos!

      Excluir
  24. Oi Cida, adorei sua resenha, principalmente porque você disse que chorou lendo e eu simplesmente amo livros que nos trazem a tona várias emoções. Além disso por tratar de um livros com vivências familiares, minha atenção foi conquistada. Não conhecia a autora e nenhum trabalho dela, mas como disse, o livro me pareceu ser interessante, caso tenha a oportunidade, irei ler.

    Lívia Neves - Livinha's Place

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não conhecia esta escritora, gostei muito e estou procurando mais livros dela.

      Excluir
  25. É maravilhoso! Eu adorei cada página e chorei horrores também.

    Beijos!

    Carissa - Arte Around the World

    ResponderExcluir
  26. Nossa eu amei. Que belíssima resenha, Cida.
    A forma como descreveu a historia, parece ser magnífica.
    Quero muito ler este livro. Amo historias assim.

    Beijokas!!!

    Jaque - Meus livros, meu mundo.

    ResponderExcluir
  27. Kristin Hannah sempre tão romântica que mexe com nossas emoções. Bela resenha!

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.

Sua participação é muito importante.

Um grande beijo!